Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

A Massagista Lactante

O que relato a seguir aconteceu há alguns anos mas em função da forte carga emocional que teve para mim, as imagens ali vivenciadas jamais serão esquecidas e para sempre as carregarei em minhas memórias.

Eu trabalhava em uma empresa localizada no bairro da Pompeia, em São Paulo e por passar a maior parte do tempo na rua, tinha uma grande flexibilidade de horários e como era um cara que sempre apreciou mulheres peitudas, resolvi comprar um jornal e ir atrás dos classificados para ver se encontrava alguma coisa na região, para uma escapadela de cerca de uma hora.

Em função de ser um aficionado por peitos (de preferência, grandes, pesados e caídos e com aréolas largas e bicos enormes), passei também a interessar-me por grávidas e lactantes, haja vista os peitos destas ficarem desta maneira em muitos casos em função da lactação. Gostar dos barrigões foi uma consequência natural e hoje, quanto mais barriguda estiver a grávida, mais a acho linda. Pois bem.

Naquele dia, encontrei um anúncio dando conta de uma clínica de massagem na região e como era muito perto, decidi passar por lá após o almoço para uma avaliação descompromissada do plantel, mas qual não foi a minha surpresa quando, entre as que se apresentaram, apareceu uma morena de cabelos curtos, trajando uma sensual lingerie branca e saltos altíssimos, onde o destaque era um belo par de mamas.

Sem pestanejar, decidi esticar a minha permanência na casa e fechei um programa de uma hora. Ela solicitou-me que subisse ao quarto e cinco minutos depois surgiu carregando uma necéssaire e trajando um hobby branco também, de seda. Convidou-me para um banho, ao que fiz sozinho, com ela vindo a seguir. De banhos tomados, deitei-me na maca e comecei a receber seus toques, mas tão logo ela montou sobre minhas costas, senti uma gota cair sobre mim. Pensei tratar-se de água dos cabelos, mas como ela não havia lavado a cabeça, virei-me e vi que de um dos seios vertia leite - e só então reparei: este que minava leite materno era bem maior que o outro, que estava seco.

Ela desculpou-se pelo "imprevisto" mas aquilo para mim era um sonho que se materializava, pois há tempos que vinha nutrindo o desejo de mamar num peito materno. Expliquei-lhe isso e perguntei se ela não se importava em dar-me de mamar, ao que ela, simpaticamente, atendeu, entregando-me a mama lactante para meu profundo deleite (com o perdão do trocadilho).

E como tinha leite aquele seio... A cada sugada, a mama murchava e voltava a encher logo a seguir, proporcionando-me uma deliciosa experiência sexual. Ela sentada sobre a maca, dava-me a mama e começava a se excitar realmente com aquela troca de carícias; a respiração começava a ficar mais curta, compassada e ofegante, enquanto que sua mão alisava meu pau que a essa altura soltava um fio de baba que se estendia até o chão, tamanha a minha excitação.

O leite daquela garota enchia minha boca; seu sabor não era doce, mas levemente adocicado, mas mais para neutro, como leite desnatado. Sorvia cada gosta daquele néctar materno com sofreguidão cada vez maior. Enquanto ela me tocava uma deliciosa punheta, alisava sua bucetona, que a esta altura já denunciava seu estado de excitação.

E com ela nesta posição, coloquei a camisinha e de uma vez, enterrei minha vara repleta de veias slatadas para dentro daquela gruta de carne, enquanto que daquele peito materno, o leite vertia sozinho, revelando que ainda havia muito a ser bebido daquela fonte de vida.

Depois de muito estocar naquele bucetão, coloquei-a de costas para mim e lancei sua perna direita para cima da maca, enquanto que a outra ficou apoiada no chão, iniciando uma deliciosa e profundo penetração, enquanto a segurava com uma mão na anca e a outra, ficava apertando o peito para continuar a ordenhar aquela vaca leiteira.

Creio que ela gozou com a brincadeira, pois em dado momento, seu corpo se contraiu e em seguida, suas pernas amoleceram, ao que me pediu para sentar-se novamente. como eu não aguentava mais, afinal, já haviam se passado mais de 25 minutos de foda, estava explodindo de vontade de ejacular. Foi então que pedi-lhe para que descesse da maca para que eu ficasse em seu lugar, pois queria que ela me punhetasse com uma das mãos e com a outra ficasse esguichando leite na minha rola, para ejacular assim.

E foi desta maneira que em menos de um minuto, os sucessivos jatos de esperma leitoso vieram. As golfadas com meu creme abundante passaram a melar completamente aquele colo materno e no final, contei oito jatos grossos e mais três menores, além de muito do que ficou pingando quando finalizei minha ejaculação, ao que ainda havia leite naquele peito de mãe.

Infelizmente, um mês depois voltei lá mas ela já não mais estava na casa. Este foi meu début neste tão delicioso universo, do qual jamais saí. Hoje, continuo minhas buscas, mas infelizmente, este é um fetiche muito difícil de ser concretizado, entretanto, tive mais algumas oportunidades, as quais voltarei a relatar em futuros contos.

Se você compartilha destes fetiches, entre em contato comigo pelo email [email protected] Será um prazer trocarmos ideias e informações e se você está grávida ou amamentando e deseja compartilhar este momento comigo, estarei esperando ansiosamente a tua mensagem.

Até a próxima.

O Fetichista

Comentários

03/01/2015 14:42:13
Conto irado demais, brother! Me deixou de pau duro. Onde é que eu acho essa massagista? Tbem mamei numa grávida que já tinha leitinho. Mano, nunca pensei que fosse tão bom. Vai um deizão pra vc. Valeu!
05/08/2014 16:53:46
Adoro fazer carinho e transar com grávidas com barrigas bem grande ( 7meses) e louco pra ser amamentado num seio. Por sinal, adoro mamar, não precisa nem ter leite. Interessadas, [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos eroticas provoquei meu cunhadotia novinha dacu dominorevesando no cu da gravida pornoContos eroticos com sogra bucetuda que foi arrombada pelo genro piricudoPapai goza na minha boquinhacontos eróticos chorei gritei esperneei mas aguentei tudo no c*sexo pregando no fagarconto gay o nerd e o bad boy 7contos eroricos minha filhae enlouquecebunda branca mole cavalgando na minha rrola no 1.xxxporno novinha foi cariciada na escola contosaquilo foi rasgando meu cuzinho contos eroticoswilma dos flintstones trepandorola gradi nocu danoviadeitei de conchinha com minha mae peitudafilha dengosa e gostosa sendo acariciada pelo pai sexo pornovídeo pornô ginecologista idoso não resiste a bucetinha apertadinha da paciente e a estrupa forçaContos eroticos anal de ipatinga mggritano de dor com pau.no.cu do nego3 pernaloirinha tentou correr do negao pra ele num te comer mais num deucontos erotico meu pai tem o pau iguau d um cavalo e mi fudeungatadas anais zofilia contosvídeos de sexo de contos na sacristiasou casada mais quem mim fode gostoso e patinhogrelinho branquinho dessa buceta virgem deliciachateou a amiga até ela dar o cu vídeo amador mobile entregafor fundeno a cliente na casa dela sem o marido saber contos eróticosxvideo chapeuzinho Vermelha no bosquecontos sinhozinho mamou meu grelinhojuliana de bonanca fudendo pornotaradao fode esposa na frente da amiga que quer tanbem.comcontos eroticos insestos família unida papai mamãe e meu irmaoVideo porno safada sendo fudida homem rolaque so jeguebaixar v caseiro so de morenas da b grandes queimadinhas com marca de biquines de quatro gozando e escorendo p bt com pica toda no cucontos eroticos menage bipilates sacana com minha esposa contoporno gay caralhos enterrados na bouca mundobichaincesto servindo cafe da manha com camisolinha transparenteMulheres espetaculares de pernas abertas lindas atrizes pornos gostosas nao acredito que estou pesquisando issoquero ver filme pornô com preguiça do Flamengo d********* de bruçosou puta do meu tioirma durmindo e irmao enfia pinto na boca delasou amante d minha cunhda contoxvideos rolas chapuletadas gozandoContos de gang bang com dotados novinhaa chamada cadela incestorelatos eroticos dei minha bundinha e contei tudo a meu maridoas coxas da minha mâe contos eroticosvideo porno de morena com blusa laranhadanovinha fechar o olhos e faz biquinho pra levar gozada na carachupo e emguliu apora toda xvideosarebentandocu velinhasbucetamelecanegao pega moha mulher e fode ela toda sexconto caralhudoasxxxxxcomA garota acaba de colocar o vibrador e chega a irmã caçula na hora errada e faz ela ter seu momento de prazer contido e calado xvideosnao saio de casa e um plugno cuzinhopor favor senhor eu nunca fiz sexo anal pornozdorovsreda.rumetendo de lado e goasano na portinha da bucetacasos de zoofiliaatacada em estrada deserta pornodoidoimagens de pica de cavalo atolado em buceta de mulheresmeu tio me  como passar a pomada azulzinha na buçetacontos eróticos com marido bêbado e desconcentração bem dotadoputaria brasileira posicao papai e mamae pra salvar no celularmulher não transa com pauzãooooeguas taradinha no cio pigandoMaceio alagoas meninos mostrando o pênis duromarido segura as mao da esposa para o amante enfiar o braço na nuceta dela enquanto ela grita de dorvídeo pornô mulher que faz a outra gozar e da Paz e líquido saindoMaduras chupando novinhos contoseroticosapaixonado por um hetero cap 16Contos eróticos gay quatro guri arrombaram meu cupadrasto enganou novinha rachando no meio das pernas dele por empurrou a p***** todinha e gozou dentrofilme porno americano onde objeto exotico liberava o tesao dos personagens