Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Dentro da Boate

Dando continuidade aos meus relatos, mais um contato absolutamente verdadeiro nosso... [email protected] com incentivo do maridão corninho, que adora me exibir e oferecer para ficar assistindo a tudo.

Mais uma de nossas aventuras, que como aconteceu algumas vezes, foi fortuita, sem programarmos com quem ou onde.

Era uma noite de sexta feira e fomos a uma boate de uma cidade próxima à nossa. Geralmente nesses dias estamos com tesão à flor da pele por anteceder final de semana, mas também estamos um “Caco” por termos trabalhado toda semana; mas os casais liberais sabem o quanto nos desprendemos em dias assim pois também ficamos afim do “inusitado” seja em aventura casual, seja em casas do gênero ou encontros marcados.

Chegamos a esse nosso local por volta de meia noite, fomos conduzidos a uma mesa oferecida e por nós aceita, de onde poderíamos visualizar “gente bonita”, a casa num todo e a pista de dança. Já estávamos a algum tempo quando reparei num casal que estava a poucos metros e o acompanhante da linda morena me olhava disfarçadamente. Ele aparentando uns 30 para 40 anos, bonitão e gostosão, sem ser super em nada, mas muito sexy. Por mais que se dissimule, mulher nota facilmente quando é paquerada. Comentei com o maridão e ele depois de breve tempo disfarçou e deu uma olhada; como ele e a outra acompanhante estavam de costas um para o outro e eu de frente ao “nosso amigo”, tomamos todos os cuidados para não darmos mancada.

Eu adoro provocar, exibicionista que sou. Então passei a olhá-lo descaradamente, à medida que ele disfarçava, mas não me abandonava em seu flerte. Em dado momento, encorajada pelo meu Corninho, levantei e dirigi-me ao WC, olhando-o fixadamente, esperei por breve momento e claro, logo o vi chegar atrás. Trocamos breve olhar, ele entrou no WC masculino, esperei um pouco, fingindo ajeitar os cabelos no grande espelho no hall de fora, quando ele saiu e deu-me seu cartão de visita com número de fone celular, na intenção clara de um encontro posterior. Eu imediatamente disse-lhe...

- Se quiser algo, é hoje e aqui mesmo. Vi que ele ficou desnorteado, mas emendei. – Dá um jeito com ela, daqui há algum tempinho, virei de novo ao WC, e você vem atrás, mas me siga ao estacionamento que agente se encontra lá. Ele logo perguntou; - E ele? Ao que respondiMeu marido vai ficar lá mesmo, mas ele adora me oferecer... e saí de volta à mesa.

Chegando lá comentei ao maridão e ele logo me aconselhou a ir para nosso carro mesmo, no estacionamento, e não demorar muito para não provocar desconfiança na “esposinha corna“ de nosso amigo. E depois de dançar um pouco, provocar bastante com meus rebolados sacanas, exibindo bastante minhas coxas grossas e meu bumbum saliente, já sentia minha bucetinha molhar e meu grelo se erijecer, louca que já estava, por algo prestes à vir. Voltamos a nossa mesa e depois de breve momento, olhei o safado que estava a espera de algo, peguei minha bolsa e saí em direção ao banheiro, mas claro, dirigi-me à porta de saída e conversei com o porteiro dizendo que precisava ir até meu carro pegar algo e voltaria. Saí e logo vi ele saindo também. Fiquei à vista e logo ele encostou...e estava tremendo mais que bambu no vento, abri a porta do carro e já levantei minha mini saia e desnudei meus seios no banco do carona; Ele meio que alucinado se abaixou depois de olhar para os lados e caiu de boca no meio das minhas coxas, chupava e chupava, que em momentos até machucou meu grelo entumecido, lambia tudo e sorvia meu licor, olhava pra mim e dizia... – Como você é gostosa minha gata... e eu que estava já enlouquecendo falei... – Não sou gata caralho... Sou uma puta, me chama de puta!!! Ele rapidamente correspondeu e então comecei meus orgasmos. Puxei-o para cima colocando-o em pé e tirei a rola dele, dura feito pedra pra fora e iniciei a mamada, ajoelhei no chão mesmo e mamei, beijei, lambi aquela rola, louca pra jorrar. Sentei no banco novamente e peguei um preservativo na bolsa e passei a vestir aquele meninão todo babado, deitei e escancarei minhas pernas, arreganhando a buceta louca para ser invadida; ele veio e enfiou de uma só vez... socou forte e com meus seios a vista tentava me mamar... Como a posição não era assim tão propícia, nem confortável, empurrei-o tirando-o de cima e pus-me de quatro, ele veio e novamente meteu tudo de uma só vez... e com minhas ordens, para que me chamasse de “puta”, segurava minhas tetas e bombava forte, eu gozava sem parar... logo ele anunciou o gozo... e urrou desfalecendo sobre mim... gozando na sua amiguinha aventureira... sua Puta momentânea... levantou, tirou o preservativo inundado; eu como boa putinha, peguei lenços umedecidos e limpei aquele cacete, que foi repousando, pelo esforço feito e pelo toque úmido e frio dos lenços. Dei um beijo na cabeça já amolecida e mandei ele voltar. Pus a calcinha e também voltei.

O maridão contou nove minutos de duração aquela aventura. Bebi um pouco mais, dancei muito é depois de algum tempo fomos embora, antes deles. Deixei o cartão lá mesmo, e até hoje nem sequer sei o nome dele, nem qual desculpa deu à sua chifrudinha para ausentar-se também. No caminho entre mamadas no meu corninho que dirigia eu contava a breve aventura, e via a rola crescer e ficar muito dura na minha boquinha, tão experiente em mamar... rola durona de corno que adora oferecer sua putinha. Chegando em casa... levei muita rola no cuzinho, e muitas palmadas no bumbum, como nós dois adoramos fazer... e claro, sendo chamada de puta vadia, e falando o tempo todo... – Quem manda casar com gostosa safada! -Tem que levar chifre mesmo, seu trouxa!!!

Comentários

21/05/2015 22:31:05
Adorei o conto, discordo que seja chifre é uma aventura que da um "IT", um "PLUS" na relação de vocês.
15/08/2013 11:06:40
Maravilhoso seu conto, seus momentos. Sou exibicionista e adoro mulheres despojadas e provocantes (uma Puta, como vc gosta de ser chamada), ainda mais liberada por um Felizardo Maridão. Se quiser um dia marcar algo só para momentos, sem envolvimentos entre em contato pelo meu mail/skype. [email protected] (Moreno claro, 43 anos, excelente nível e aparência, dotadíssimo 26x8 cm). Beijos mil!
14/08/2013 22:01:18
Ótimo conto, parabéns.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos de homens casados e suas escapulidasbobeou o comedor meteu na negraeu gosto eu gostaria de ver uma coroa perdendo a virgindadecasada fiel tentando não trair,mais não resistiu quando viu a pica dura enormeesposa crente novinha gostosa e o segurança do predio roludo contos eroticosmenina novinha nao aqenta a pica e sangra a bucetinhaEnrabado por uma tgirl contosContos de incesto mãe e filhocache:cB0rtZ1uQCMJ:https://zdorovsreda.ru/texto/2015051133minha nora de baby dool me exitacontos buc branca cacete 40cm foto corno Minha namorada ficou gostosa e.virou puta.Fazendeiras e seus contos eroticos picantesMulher lendo jornal e dando cu pornogosada dentro da buceta de surpresa.sexo em famíliacontos pornôs mulheres lindas super gostosas que seus maridos liberaram para dar para seus amigos que tem paus bem grandes maior do que os deles elas adoramnovınha transando com ırmaoelementarians eroticodando pro supervisor contoanythingconto gay cagando reformafotos decasadinhas boqueteiras do corninhocontos erotico minha sobrinha veio em casaconto erótico menino bonequinhaJaponesinha dandu u cusinhu pru negam bem dotadu 4machostesudoComi o rabo sujo de bosta do Lukinha contos eróticos gayssexo anal sem compaixãoRelatos erotico curtinhos com detalhes sobre virgem penetrada a força violentamentevideo porno denovinha enfrento pau grandegta v a minha secretaria ta dando mole fizemos sexo no escritorioxvideo garoto trazado com agptarado estorando boi no mato xvidio.comcasado tem tesão em mamar cine porno sppornodoido comendo aminha madrasta emcanto eladormircontos eróticos gay da cidade de tupã ?Sexo real moca falando olha isso seu pau muinto grosso aiai porno secretaria aser estupprada no escritorio e gozada dentro da vagina sem ela quereresposa do meu amigo me deu bola e eu comi ate seu cuzinhoincesto sendo encoxada e rebolando gostoso contos pornopau grosso devasando bucetanu onibos lotado os homens se revezaram para me fuder e passar a maovideos de negao com tres negras bundudas rebolando de xotinhos curtinhos bem gotosascú do neltinho arrombadoindo embora achei um viado e fui comer seu cuzinhocunhadinha novinha chupa meu pau escondido da irma xvideos assisti agoraSou tarado por beijar pezinhos com rasteirinhasesposa prostituta bunda flaçida e mole cuzao contosFlagrei minha filha de dez anos se masturbando fiquei espantada mas espliquei a ela o que estava acontecendo e encinei a se masturbar so qiue ela quere que eu faça direto agora sua puta ou seu viado o celular e meu e se quero asisti video porno tenho que asiste por que.paguei pra ter minha escolha desgraçaporno negra sitorinha rabu enpinadofada do sexomulher deu o cu que choroxvidio atolo a sobrinhagorda girando o cu na rola jigante videos caseirosconto gay "todas as formas de amor"executiva casada puta de negao contoscomo q estourar as bolinhas sexchop sexuais na relacao sexoporno video tia fodeno seu sugrinho virgem ele broxa nelamae dis que filho rasgo a vuseta delajantar em familia mulher senta no colo do marido e começa a transar sem a familia desconfiar pornocasada santinho e seu corninhojantar em familia mulher senta no colo do marido e começa a transar sem a familia desconfiar pornovideo porno estupraram minha namorada e ela gostoubonitinha de 18anos quadril grande e largo bunda durinha comeu.xxxtia pasa de camisola perto do sobrinho e ele fica com tesaoxvidios os dias era asimcontos eróticos a aposta da esposaver mulher gritando de tesão saindo gosminha do grilo da sua buceta grandeMinha tia fez boquete pra mim relatocontos eróticos mulher endividadamulher entupida forçando para cagar sexomelhoor jeito para chupar um cuzinho pornoentregei uma pizza e mepagou com boquetecontos gay Meupadrasto cavalo me fudeu part4contos gay baby doll rosaconto erotico sou travesti e vendi meu cuvideos porno de crente lombuda com vestido trasnparenteimagens de mulheres chupando o peito uma da outra com muito prazerlesbicasconto erotico crossdress na academiagostosa se masturbando com pinto de borracha solta p**** falsavizinho safado do 205Xvideos.comcontoscornoas mulheres mais tratante do pornô de fio dentaller relatos d velhos d pau gigantes q arrombaram asmulheresmulher que encolheu todinho com ponta do rabo XVídeos brasileiro