Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

A Primeira Vez Com Meu Padrasto

Autor: Kmilinha
Categoria: Heterossexual
Data: 16/09/2013 18:46:24
Nota 9.80

Minha mãe se separou de meu pai quando eu tinha 13 anos e desde então nestes últimos cinco anos éramos somente nós duas aqui em casa.

Faz uns dois anos que minha mãe namora o André e ele até dormiu aqui algumas vezes, mas faz poucos meses que minha mãe juntou com ele, então veio morar aqui em nossa casa.

Eu adoro andar pelada pela casa e a sensação de ser flagrada nua me excita muito. Mas Alguns flagras que tomei é porque ainda não me acostumei com a presença de um homem morando conosco.

Apesar de ele ter-me visto nuinha algumas vezes, ainda não rolou um clima sério entre nós, eu tinha uma relação normal quase tipo pai e filha com o André que agora é meu padrasto, isso até uns dias atrás.

O meu notebook deu pau, estava sozinha em casa e fui usar o PC dele pra baixar umas fotos. Abri o navegador e vi que havia um site de contos eróticos ali nos visitados recentemente. Ainda não curtia contos eróticos, entrei naquele site e os contos e comentários me fizeram ficar toda tesuda, pois a maioria eram contos sobre incestos, cada um mais apimentado que o outro. Eu já estava nua, então foi fácil me tocar os seios e a xoxota e fantasiar que transava com meu padrasto, foi tão bom que gozei bem gostoso.

Eu já fantasiei outras vezes e senti muito tesão pelo meu padrasto, principalmente quando uma vez espiei pelo buraco da fechadura e o vi se masturbando no quarto logo após ele ter trombado comigo saindo do banho com uma toalhinha que mal cobria minhas partes íntimas fazendo o volume do seu pau aumentar em segundos por debaixo de seu short. Aquela visão deixou-me super excitada, mas nunca passou disso.

Depois de ler vários contos que ele salvou no PC e todos sobre incesto ou coroas com novinhas, descobri que o safado é tarado por menininhas.

Esperei chegar o sábado para seduzi-lo, pois no sábado minha mãe iria pra loja trabalhar e só chegaria à noite. Meu padrasto trabalha até meio-dia e depois joga uma pelada com os amigos do trabalho, mas chega em casa antes das 18hs.

Já estava próximo da hora que ele costuma chegar, e geralmente pega uma bebida e vai assistir TV, eu tinha novos planos pra ele hoje.

Tomei um banho e passei meu creme no corpo todinho, me masturbei introduzindo os dedos em minha boceta lisinha imaginando ser o cacete do meu padrasto. Estava bem cheirosa e com muito tesão fantasiando o que faríamos.

Dispensei a calcinha e sutiã e vesti só o shortinho bem apertadinho junto com uma camisetinha larga que deixava meus seios quase a mostra.

Quando percebi que meu padrasto chegou, eu inclinei-me de propósito fingindo mexer no aparelho de som. Minha bunda arrebitada parcialmente coberta pelo micro shortinho ficou virada em sua direção. Após ele dizer um oi e olhar-me mais que o normal, pegou uma bebida e sentou no sofá, eu fui em sua direção e abaixei pra pegar o controle do som, com a folga da camiseta os meus seios ficaram todos à mostra (de propósito claro) ele me comeu com os olhos ao ver-me assim toda gostosinha.

Falei toda dengosa: – Posso sentar aqui com você André?

Ele achou estranha minha atitude... — Está tudo bem com você?

— Está sim, só estava cheia de ficar sozinha em casa! Quer ouvir música comigo?

Ele: — Quero sim linda!

Dei o play nas músicas românticas que tinha deixado no ponto.

Sentei pertinho dele e deitei a cabeça em seu colo.

— Que está acontecendo com você Mila?

— Hoje acordei tão carente André, sinto falta de uma companhia!

E alisei sua perna, notei que seu pau estava crescendo.

— Nossa André, tem algo vivo aqui! Bem safadinha eu já fui com a mão e acariciei seu pau por cima do moletom.

Ele só falou: — Milaaa! Mas ficou de boa, então enfiei minha mão dentro do moletom dele e tirei seu pau já durão pra fora, acariciei com as duas mãos e falei: — Vixi André que grandão, acho que eu não aguento tudo isso!

Não esperei resposta e enchi a boca com aquele cacete o punhetando com as duas mãos chupando e engolindo e o tesão me consumia.

André entre gemidos falou: — Você quer mesmo fazer isso Mila?

— Quero muito André, me preparei todinha pra você hoje!

— Então vamos pro quarto minha linda, é melhor!

Chegando ao quarto ele tirou sua camiseta e enquanto eu tirava a minha ele desceu meu shortinho e levantando com carinho meus pés terminou de tirá-lo deixando-me peladinha e ficou admirando meu corpo enquanto tirava sua calça e cueca rapidão...

— Mila... Você é um monumento!

Eu sorri e ele veio nu em minha direção me abraçou e nos beijamos loucamente liberando aquele desejo contido em ambos. Fomos pra cama ainda abraçados e no beija e se esfrega, logo estávamos em um delicioso 69.

Maravilha chupar aquele cacete e ser sugada em minha xoxota, eu via luzes brilhando de tanto tesão e prazer.

Não demorou muito e meu padrasto gozou enchendo minha boca com sua porra e quase me afogou. Não consegui engolir tudinho e gotas daquele mel escorreu pelos cantos de minha boca e foi deixando marcas do nosso amor sobre o lençol. “Hoje estou romântica”.

... André deitou sobre mim e começou a roçar aquele pau enorme na minha grutinha com jeitinho e carinho, lentamente aquela vara linda invadia minha boceta molhadinha. Eu gemia baixinho entre arrepios e tremores sentindo aquele membro me alargando toda.

Eu tenho o hímen complacente e pra mim toda transa é quase como se fosse minha primeira vez.

Ele foi aumentando as estocadas e aumentando meu fogo e toda cheia de tesão supliquei por bombadas mais fortes... Agora sentia aquele cacete me tocando bem no fundo elevando-me às nuvens, eu cheguei ao limite do prazer e gemi como louca e gozei muito quando ele encheu-me com sua porra quente e gostosa:

— Ahaaaaa André... Pode Judiar de mim eu deixo... Faz tudo que quiser!

Fez-me sentir mulher de verdade, o pau dele continuava pulsando dentro de mim enquanto eu soluçava de prazer.

Eu estava possuída e cheia de desejos, queria muito sentir aquele cacete todo dentro do meu cuzinho, mas mamãe poderia chegar logo, então combinamos de continuar em outro momento.

Poucas palavras foram ditas naqueles momentos de puro prazer, mas senti que a nossa atração era recíproca, estava faltando somente alguém tomar a iniciativa.

Agora nós transamos sempre e o prazer dos orgasmos é indescritível, pois corremos muitos riscos e a adrenalina do perigo deixa tudo mais gostoso.

Eu sei que se ficar batendo na porta do diabo muito tempo, uma hora alguém vai te atender, mas o prazer que sinto nestas situações vale à pena o risco.

Beijos amigos, até a próxima!

Comentários

25/08/2015 00:54:00
Oi mina eu tbm ja pratiquei incesto varias vezes e com pessoas diferentes.. eu ñ sei se isso pode ser chamado de sorte ou azar mas parece q o incesto ja nasceu cmg.. td começou quando eu era pequeno ficava esfregando nas primas dai cresci nisso e um dia minha tia me flagrou comendo a xaninha da minha prima nessa epoca eu ja fazia anal com minha irmã tbm.. vai vendo.. quando fiz 14 anos fui passar uns dias na casa dessa tia (comer as primas) e pra minha surpresa minha tia q era separada do marido me deu mega molhe e ñ deu outra.. eu passava a noite comendo a filha e de manha sarrava o bundão da minha tia e ela me chupava divinamente.. bom pra encurtar a historia dps disso tranzei com outra tia sério.. era a caçula das irmãs da minha mãe. e ja tranzei na frente da minha mãe com essa tia. eu escrevi um conto sobre esse dia.. resumindo: minha mãe ja me chupou eu me fazendo de bebado (meu primeiro porre aos 15 anos). mas pra todos os efeitos isso nunca aconteceu prq assim tem q ser tendeu? minha irmã sempre foi minha amante des de novinha eu aprendia com as tias e ensinava a ela kkkk muita loukura minha familia.. mas mesmo assim semp manteve o respeito entre todos.. e como ja disse muitos desses casos q relatei nunca aconteceram prq assim tem q ser pra driblar o tabu da sociedade!!!! NOTA 10 pro conto.. abs
31/12/2013 10:58:54
Adoro teus contos e me imagino na maior putaria com vc
21/09/2013 21:27:50
Adorei, gostei muito, bjs.
17/09/2013 07:07:27
delicia
16/09/2013 19:14:37
me add sua gostosinha [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


familia favela pinto de borrachaconto erotico viado novinho vira escravo do coroa dominadorconto erotico "padre não é homem"contos de putaria sou puta de dois primo negrovidio gay dando cu gostoso dormir estrupo hugosikis iremmesexo na madrugada prudentinaconto gay "macho entendeu"contos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombaramporno. tor. muita careitipenis grosso e 30 ctm fazendo a menina novinha chora e caga.sangue apois colocar em seu anuaa cordei com meu irmão inchendo minha buceta de porraxvideo empurrando e gozando topado ate o taloir:ma virge fudendo com irmao do piru gigamteafricano comeu meu cuEu e minha mãe no ônibus de excursão-contos-incesto-filho e mãe-incesto no onibusporno pego 2 mulher e comeu a buceta uma nao ageto e goza muitojoelma da buceta enchada da o cu pro amigo do seu filho porno doidsogras com genrosbucetasConto encoxaram minha mulhereu gozei no reginho da sua bunda xvideomolequeputoporno tirei o pau veio bosta bizarroporno mulheres q bota sainhas curtinha para pega onibus lotado sopara ser fufidaurologista conto gaypassivo inocente e baixinho levando rola enormemano nao me tente incesto contosContos porno bucetinha da bisnetinhabucetao na boca contomulher convulsiona de tesao no pinto monstrosexo ela nao quis da so acariciarContos eroticos negao fudendo gostoso com a viuvaenfioo seu pirocao no cu do viado no chuveiroxota molhada escutando o barulho do tesaofesta de cdzinhas no cine porno 2017xvıdeo novınha gozando muıtoloirinhas da minha região, estou doidinho para acabar com seu sufrimento sexualesposa descaderada pelo negãowww.xvideos emprevisto pra fodersogra conta em conto erótico como bateu uma punheta no genro de pau grande e grossoporno vai casa com porra de.outrocontos de sexo raspei minha bucetaconto gay virei namorado do tio viuvoContos incesto dei pro meu pai eu era novinha convenciduas irmas abdo buceta oara o irmaomédico explicado chupar bucetas doença transmitinovinhos na academia recebendo massagem fudendo chupando levando gozada na boca e no cu pra porra ficar escorrendobucetao entupido de cebolaFazendeiras e seus contos eroticos picantes"mostra o seu que eu mostro o meu" vídeo pornofilhinha da a buceta para irmao e padrastochicao corno submisso ao negao 4 conto cornoconto porno gay. bullyingmeu padrasto me comeu e minha mãe participoucontos mulheres que gostam de cu de homemMulheres espetaculares de pernas abertas lindas atrizes pornos gostosas nao acredito que estou pesquisando issoincesto tia e sobrinho ela tenta resisti mad acaba sedendo a buxetinha porno videosgritano de dor com pau.no.cu do nego3 pernaincesto com meu vô contosfilho secava tanto a mae que ela resolveu. provocar ele pornoo vizinho safado do 205Contos eroticos gay chule do meu cunhadoincesto pai bota filha pequena no colo e ficar bolinando elacontos eróticos primeiras experiências com siriricacontos eeroticos gay meu amigo se declarou pra minminha mãe tomando banho e eu não resisti e entrei dentro do banheiro e forcei ela fazer sexo.gang gang varios machos da familia italiana fodendo minha filha putavideo baixou a blusa e mamou nos seiospapai tirou sangre do cu da filinha peituda ponucontos crossdressxvidios travestis na punhetas novingasEnrabado por uma tgirl contosContos Eróticos De. Comi Minha Vizinha Do Ladoputa lambe pe do macho contoporno loiras xiri gigante anal picas trinta centímetrosbocete nu travetiaconto fudi minha sobrinha de onze nos gostosavídeos de sexo de contos na sacristiaincestocrentevídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhocontos eroticos diaristaContos eroticos dona de casa, coroa, casada evangélica pega novinho cacetudo