Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Comida pelo padrasto gostoso!

Autor: Karol
Categoria: Heterossexual
Data: 05/10/2013 23:39:59
Nota 9.83
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (9) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá, meu nome é Karol, tenho 20 anos e vou contar a minha história como peguei meu padrasto.

Tudo aconteceu quando tinha 17 anos, era uma adolescente mulherão, malhava desde os 14, morena, tinha seios pequenos e empinadinhos, cinturinha fina e coxas e bumbum bem avantajados. Já morava com meu padrasto a 3 anos e mesmo com pouco tempo de convivência era muito apegada a ele pois sempre sentir falta de um pai. Eramos muito amigos e tínhamos um carinho muito forte um pelo outro, sempre sentei no colo dele e trocávamos selinhos, mas nada com maldade coisas de pai e filha. O Leo o meu padrasto era professor e ficava mais em casa do que a minha mãe, ela saia as 7:00 e só voltava 20:00 ou mais tarde, a maior parte do tempo passava com ele. Sempre sair do banho de toalha e fiquei com roupas curtas em casa, um pouco insinuosas admito, mas nunca o levou o Leo a fazer nada comigo. Tudo começou quando estávamos na praia eu, ele e a minha mãe e eu sentei no colo dele para tirar um foto com ele e ai foi que eu senti algo começar a endurecer, olhei pra ele mas nada ele fez, agiu normal. Aquilo me deixou intrigada e foi ai que eu comecei a reparar mais nele e foi nesses reparos de atenção que comecei a ver que ele andava observando muito o meu corpo e ai decidi fazer o teste com ele. Eu tinha chegado do colégio, era verão um calor forte, entrei em casa o Leo estava corrigindo algumas provas, dei-lhe um selinho como sempre fiz de costume e comecei a tirar o uniforme ali mesmo na sala, quando ele me viu fazer isso percebi que a atenção dele se tinha voltado para mim, fingi não percebi e fui para o banho. Tomei um longo banho, deixei a minha bucetinha bem cheirosa e me enrolei e sair do banho. Quando sair do banheiro ele não estava mais na sala, procurei ele pela casa toda e ai encontrei ele no quarto da minha mãe, e foi ai que eu fingi que estava procurando algo da minha mãe e me agachei quando levantei soltei a minha toalha, ele olhou rápido para mim e logo percebi os seus olhos se encantarem com a minha bucetinha lisinha. Fingi um constrangimento, peguei minha toalha voltei a me enrolar e pedi desculpas a ele pegando um hidratante qualquer da minha mãe e saindo do quarto. Percebi que ele ficou louco. Fui para meu quarto, vestir um short bem curto, uma calcinha bem enfiadinha, e uma blusinha curta e fui chama-lo para almoçar. Na mesa ele fez um breve comentário. ''Filhinha seu corpo está lindo e extremamente sexy, imagino o trabalho que você dá para seus namoradinhos''. Eu o olhei com um cara de santinha mais com um sorriso bem safado e simplesmente disse: ''Que nada papi, sou uma boa moça'', ele sorriu com a minha resposta e afirmou que eu era realmente uma ''boa'' moça. Acabamos de almoçar e eu fui pegar os meus materiais pra estudar, pois era ano de vestibular e ele como professor me ajudava a estudar quando não estava dando aula. Ficamos na sala estudando um bom tempo até que ele me perguntou se eu ainda era virgem e eu meio envergonhada disse-lhe que não. Ao ouvir minha resposta a sua feição mudou. Ele começou a falar, sabe Karol desde que vim morar com sua mãe você já mudou muito, e a cada mudança sua tá ficando mais difícil conviver com você como filha. A cada vez que você senta no meu colo e me dá um selinho eu fico louco pra te agarrar e te pegar com força. Fiquei olhando para ele e ouvindo as coisas que ele me dizia. Ele se aproximou de mim e começou a acariciar a minha coxa a deslizar os dedos de leve por ela e logo eu já estava abrindo mais as pernas para provoca-lo. Ele entendeu o que eu queria e começou a acariciar a minha bucetinha que já estava louquinha de tesão pelo papai dela. Estávamos sentado no tapete da sala e os toque se intensificaram cada vez mais. Peguei naquele pau e pude perceber que era muito grande e grosso e aquilo me enlouqueceu mais pois amo ser fodida por um ''pauzão''. Começamos a nos beijar, sentei no colo dele e comecei a rebolar forte naquele pau que estava louca pra sentir me invadindo. Ele tirou a minha blusinha e começou a chupar meus seios e conforme o tesão aumentava mais eu rebolava em cima dele. Ele me tirou de cima dele, me deitou e me arrancou meu short junto com a minha calcinha, ele estava estava transformado, parecia um bicho faminto pela sua fêmea, ele falava: ''nossa Karol, por quanto esperei por esse momento'' e alisando a minha bucetinha encharcadinha de tanto tesão. Comecei a fazer uma vozinha fina bem de putinha e comecei a provocar ele com palavras. Via o tamanho do tesão e logo pedi para que ele me chupasse forte, e foi assim que ele fez. Me chupava com força e metia os dedos na minha bucetinha, eu gemia baixinho e fininho pra deixar ele com mais tesão, ele me chupava tão forte que eu pensava que iria gozar milhares de vezes na boquinha do meu papai. Depois dele ter me chupado toda ele se levantou e tirou aquele pau enorme da bermuda, me puxou pelo meu cabelo falando, ''vem filhinha, chupa o pau do seu papai chupa, sua cachorrinha''. E foi assim que eu fiz, chupei aquela pica como se nunca tivesse chupado uma, era muito gostosa e suculenta, eu chupava forte, engolia toda, chupava as bolas, olhava para ele e via que ele estava adorando ver a filhinha dele de boca na pica dele. Ele soltou um urro forte e me levantou me jogando de quatro no sofá, abriu a minha bunda e começou a chupar o meu cuzinho. Logo que ele acabou de chupar o meu cuzinho ele começou a meter na minha bucetinha e o dedo no meu cu, sentir aquele pau enorme me invadir foi sensacional, comecei a gemer e ele aumentando a intensidade da penetração, logo eu já estava gemendo, gritando e falando, '' vai papi, fode a bucetinha da sua filhinha fode, fode com força, esfola ela todinha'' e era assim que ele fazia, sentia seu pau tocar bem fundo em mim, e com alguns segundo sentir meu corpo esquentar e tremer e se desmanchar num gozo forte e intenso. Ele tirou o pau da minha bucetinha, me puxou pelo cabelo, e sussurrou no meu ouvido, ''vou comer seu cuzinho agora sua safadinha'' seguindo de um forte tapa na cara. Começou a penetrar devagar no meu cuzinho, eu gemia de dor e de prazer ao mesmo tempo, estava tudo cada vez mais gostoso, eu nem estava mais lembrando que ele era o meu ''papai'' só queria dar prazer aquele homem como nenhuma outra mulher o dará. Comecei a pedi pra ele meter sem parar no meu cuzinho, encher ele de porra, ele foi metendo forte, cada vez mais, quando ele disse que ia gozar e gozou dentro do meu cu deixando ele cheiinho de porra. Me virei e senti o gozo dele escorrer pelas minhas pernas, o gozo do tesão e do prazer dado fortemente entre um pai e um filha safadinha. Ficamos alguns minutos jogados no sofá nos recuperando da brincadeirinha.

Depois dessa vez, chegamos a transar mais vezes. Ele me dava o prazer certo, na medida certa. Amava ser comida pelo meu papai.

Essa foi a minha história, foi verídica e só os nomes foram alterados. Se divirtam com ela.

Comentários

07/10/2013 20:00:09
hum! como queria ser seu paizinho e te comer gostoso me add delicia [email protected]
06/10/2013 21:28:09
Adorando os comentários, que bom que estão se divertindo.
06/10/2013 13:59:22
muito boom! demais! :) nota 10 sem duvida!
06/10/2013 13:42:52
Para marrom fantasia: O conto foi real, não foi cola de nenhum outro conto porque se copia da autoria dos outros é crime, plágio. Pode parecer cópia por eu ter trabalhado bem na desenvoltura da história, não é porque é verídico que não se pode contar com um pouco de magia e sedução, conto é conto. Mas mesmo depois de ter dito que era um cópia agradeço a sua nota e que bom que gostou, vim contar mais pro desejos de vocês, sei que tem pessoas que gostam desses tipos de histórias. Tenho alguns contos ficcionais que estou pensando em postar, estou resolvendo ainda, se quiserem ler os meus contos comentam aqui e eu postarei alguns.
06/10/2013 11:28:30
Será que foi veridico mesmo? Ou foi alguma cola que pegou de algum conto do site....Mesmo assim foi bom!!!!
06/10/2013 10:18:33
eu não acho legal filha transar com pai mas como é um conto eu te dou nota dez porque achei bom conto.
06/10/2013 09:28:09
OLHA SO GATA SEU CONTO FOI MUITO BOM,Q TAL ME ADDEM SEU SKYPE OU FACE,AQ SEGUE OS MESMOS CERTO SKYPE=EDGARPANTERA [email protected] E [email protected] Ñ VAI SE ARREPENDER SE ME ADD GATA PODE DER A CERTEZA Q Ñ.
06/10/2013 06:06:36
delicia
06/10/2013 00:02:05
ADOREI, ME ADD NO SKYPE [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos eroticos me entreguei p meu genro k me fez d putaporno caseiro rasgando o cuzinho da safadinha e ela chorando de dor é uma dor insuportávelpadrasto sodomitaPadre não é homem conto eróticosfiume porno.amulher chama vizinho pra conserata pia e entra n varacontos de boquete bom de primos e primas novinhoscontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anosconto garotinho de sorte tranza com vizinhaConto erotico.no cuzinho da caderantenao era pra enfiar no meu cuzinho virgemTitio gozando nas minhas tetinhas contos eróticosmeu sogro e um cavalo pornoconto gay apaixonado por um traficantehistorias eroticas heretossexuaisevangélica Sáfadinha mostrando a bucetajaponesinha chupando um pau pelo buraco da parede ver porno 10 minutos gratisfamilia favela pinto de borrachaMe chamo Carlos e sou casado com Márcia uma loirinha linda pequenina apenas 1,52m magrinha apenas 49kg contos eroticoschupando o grelo de uma loira mulher chupando beijo tchaudoce nanda parte cinco contos eroticoscasada fode chamando corno falando obscenidadesconto erotico lesbica favelada fode patricinha a forcaminha mae so' andava de roupao contos eroticosporno.milene ceribeleConto encoxaram minha mulhercontos de sinhazinha lesbica abusando de escravavideo de porno gay fui estrupado pero mel primocontos erotico chantagiei e depilei minha sograporno amador mulheres lanbendo o pao do homem devagarinho até gozarcontos eroticos de incesto no coloconto gay meu colega aceitou da o cuContos com fotos velhos fudedores chupadoresx vidio porno pegui a mulhe casada de saia na festa puchei a calsinha comiconto erotico meu padrasto sustentando minha buceta com leitinho desde novinhavovô taradaporsexosdeitei de conchinha com minha mae peitudasogra gg chama cheiro para sexo anal pedro da filhacontos de sexo raspei minha bucetabucitnhaPorno contos incesto maes ensinam suas meninas como chuopar bucetas paus dos pais dar os cuzinhioscontoerotico.com.br/contos/amamentando-o-gostosao/iCumeno madura no quintau conto erotico amamentando velho negroconto sexo anal piracaiaencoxando sem querer na minha enteada nas ferias vídeos pornô flagrasou adepta a zoofilia virei cadelacontos mulheres cinquentona nao aguenta pau com super cabecamulher chupa priquito de amiga sa empreme vou gosairmãzinha viu papai comendo titia e quis tambémcontos gay uma viagem inesquecível para o novinhomagrinha e a amiga desputando o mesmo homem dotado analvideo de corno chupado o pau do negam juto com a esposacontos de surubas inesperadas com esposaporno paudentri da bucetasexybemmaisgostósinhas pornovideos porno mulher tentando escapa. do pau do outro na frente do marido mas nao comsegue e corno dechagraças a um cano estourado comi minha irmãVIDIOPOMO PETECApaola olivera de xote curto pornocontos de sexo as novinhas e os padrinhos picudos com jumentosxvideos meu tio dei ou manuseargordas lpucas de tesaover contos eroticos em que maes sao flagradas pelas avos fudeno com os filhos pauzudosFantasia sexual: lamber um cu cacagopadastro come a enteada loirinha e faz ela gosar varias vesesxvídeos 10 mamae fas cudoce mae efilhoirma gemeas ciumes por isso se chupam em videos pornovidio de puta lavano abuceta e tirano bora pra fora momento de carinho dando mordidinhas na nuca e desce lambendo as costas até chegar no cuzinhosexo taboo com toda a família contos ineditos mães e filhos online contos de incesto botei meu dedo na buceta da mulher do amigofui brincar com meu cao e fui enrrabada contoClaudia souta nua mostrando a bucetacontos irmazinha nossa punheteiraquero ver zoofilia cachorro comendo a coroa cabeluda bem gostoso organiza que tesãopai e filho pelado conto erotico exercitoconto erotico de irmao do meu colegar saradao mim comeu brutalmente gaypraticantes de scat videocontos eroticos A Dama e o Bruto porno com históriassao pauloantonio negro comedor abriu a porta dotado conto corno mansoconto erotico luciene crenteassistindo filme com a tia e perder pra dica abraçadinho xvideospirnobuceta freirasmenage masculino contosxvideo da tia com medo a som brinha gozado na boca delapornor doido batendo poleta na varanda homem:carolzinha santos baixinha ruiva gostoza fodenomulher e homem tirando a roupa da mulher Valendo Nada superar chupando priquito