Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Meu cunhado pauzudo me fodeu gostoso!

Um conto erótico de Nuber
Categoria: Grupal
Data: 21/01/2014 08:32:43
Última revisão: 05/06/2014 00:24:48
Nota 9.93

Meu nome é Solange e quando me casei com apenas 18 anos não tinha nenhuma experiência sexual e principalmente não conhecia quase nada da vida. Sempre fui uma garota tranqüila de uma cidade do interior que só estudava e ajudava minha mãe nos afazeres domésticos.

Sonia era o nome da uma irmã 5 anos mais nova que ao contrario de mim era uma adolescente espevitada e muito agitada que vivia dando trabalho pra minha mãe e também pra mim. A pilantrinha não gostava de ficar em casa de jeito nenhum e como a região era muito quente ela sumia junto com as amigas da escola indo nadar em uma lagoa. De vez em quando minha mãe me fazia ir atrás dela com receio de acontecer alguma coisa grave com a maluquinha.

Sonia apesar de só 13 anos já demonstrava que seria bem safadinha porque já vivia falando de garotos e gostava de usar roupinhas bem curtinhas e blusinhas que deixavam sua barriga toda de fora e esse era um dos motivos de minha mãe pegar no pé dela.

Minha irmã apesar de pilantrinha e safadinha era uma garota inteligente e muito estudiosa sempre conseguindo excelentes notas na escola e isso aliviava as “broncas” da minha mãe em cima dela.

Quando me casei fui morar em um bairro um pouco distante da casa dos meus pais, mas minha querida irmã Sonia sempre ia me visitar.

Ronaldo era o nome do meu marido e ele trabalhava de motorista de ônibus na prefeitura da cidade transportando alunos pra outra cidade mais populosa onde havia várias faculdades.

Meu marido era um homem trabalhador e sempre me tratou com respeito e carinho.

Apesar de toda minha inexperiência sexual rapidamente com o tempo conversando e trocando idéias com algumas amigas fiquei muito mais espertinha e logo percebi que minha vida sexual era extremamente sem graça depois de escutar as historias malucas cheias de sacanagens de outras mulheres bem mais ativas sexualmente.

Meu marido era aquele homem metódico e sem nenhuma criatividade. Duas vezes por semana depois das novelas começava a alisar meus seios, passava as mãos nas minhas coxas, tirava minha calcinha, em seguida levantava minhas pernas e metia a rola na minha xoxota peludinha e gozava rapidinho. Nem dava tempo de ficar muito empolgada sendo comida naquela posição de frango assado.

De vez em quando acordava de manhã e encontrava minha calcinha toda ensopada dos meus sonhos eróticos que rondavam minha mente inquieta que sentia falta de algo mais quente.

Tudo transcorreu na mais absoluta calma durante 6 anos e quando completei 24 anos aconteceu uma coisa que mudaria radicalmente minha vidinha pacata.

Minha irmã maluquinha já com 19 anos de uma hora pra outra disse que tinha arrumado um noivo e que iria se casar.

Achei até estranho ela querer se casar tão cedo, ainda mais sendo do jeito que ela era, uma garota muito namoradeira, tinha uma fila de machos atrás dela e cheguei a pensar que a safadinha tinha engravidado de algum de seus ficantes, mas ela sorrindo comentou que se dependesse dela a nossa família iria demorar a crescer porque só pretendia ter filhos depois de formada e com um bom emprego.

Ela então me contou que tinha achado um macho safado perfeito pra satisfazê-la do jeito que ela gostava.

Ao contrario de minha irmã eu queria já ter tido filhos, mas ainda não tinha conseguido e até chamei meu marido para irmos ao medico pra saber se havia algum problema, mas ele dizia que era bobagem e como um homem muito religioso dizia que quando Deus quisesse mandaria um filho pra gente. Eu sabia que de minha parte não havia nenhum problema porque havia feito todos os exames no ginecologista e ele confirmou estar tudo perfeito comigo.

Apesar da diferença de 5 anos eu e minha irmã éramos bem parecidas tanto de rosto quanto de corpo.

Loiras, 1.70 m, olhos esverdeados, seios médios, mas o que realmente chamava a atenção dos homens era as nossas bundas grandes e empinadas, até comentavam que éramos loiras com bunda de mulatas. Lógico que eu tentava disfarçar usando vestidos mais largos e recatados só que minha irmãzinha do jeito que gostava de se mostrar e chamar a atenção de machos vivia com shortinhos colados ao corpo ou com vestidinhos justíssimos que mostravam detalhadamente seu corpo perfeito e também sua sensualidade.

Quando conheci o futuro marido de minha irmã realmente notei que a safadinha tinha conseguido um belíssimo exemplar de macho.

Roberto era o nome dele, tinha 27 anos, moreno de 1.85 m. com um corpo todo perfeito e cheio de músculos.

De cara já percebi que além de bom de conversa tinha um olhar extremamente safado e era muito galanteador.

-Soninha meu amor...agora que to conhecendo sua irmã, me deu mais vontade de casar contigo. Ela já ta casada há 6 anos e continua linda e com um corpo perfeito...sua mãe também é magra...sinal que nessa família as mulheres não ficam gordas e feias. Todas sempre lindas!

Minha irmã toda safada abraçou o futuro marido e disse:

-seu safado...na verdade...vc quer se casar comigo por outro motivo querido...é que sua futura esposa é uma putinha muito tarada que sabe como satisfazer um taradão gostoso que nem vc...é por isso! RSS.

Soninha era uma garota que não se importava de falar o que vinha na cabeça em qualquer lugar, era uma desbocada sem juízo.

O futuro marido da minha irmã era policial militar e havia sido transferido há pouco tempo para trabalhar em nossa cidade.

O casamento aconteceu rapidamente e eles foram morar na mesma rua minha distante duas quadras e lógico que quando meu marido saia pra viajar eu ia pra casa da minha irmã. Soninha era muito divertida e adorava assistir filmes e na parte da tarde sempre fazíamos isso.

Minha irmã era uma mulher completamente sem pudor porque vivia andando pela casa apenas de calcinha fio dental enterrada no meio de seu rabo enorme e com uma sandália de salto alto nos pés. Ela toda safada dizia que o marido gostava que ela ficasse vestida só daquele jeito porque adorava chegar da rua e encontrá-la toda sexy e pronta pra fazer “amor”.

Meus vestidos eram rodados e na altura do joelho como devia ser de uma mulher casada recatada.

E não demorou pra que presenciasse cenas de sacanagens quase explicita diante dos meus olhos curiosos.

O marido da minha irmã de vez em quando passava com a viatura e aproveitava pra tomar uma água ou um suco na casa deles e Soninha toda safadinha se atirava no pescoço do marido e dois se agarravam e se beijavam com uma volúpia incrível. Uma coisa que notei de cara é que o casal não se importava com minha presença ali na sala e alem do agarramento natural o safado dava umas apalpadas no bumbum empinado da minha irmã e logo sua mão enorme se enfiava entre as pernas dela bolinando-a rapidinho e ela toda safada sussurrava:

-humm...que marido mais gostoso e tarado que eu tenho...adoro quando vc passa por aqui pra fazer carinhos na sua esposa putinha...que delicia...acho que antes de sair...quero que meu maridinho me leve pro quarto e me faça mais carinhos...hj to mais tarada que ontem!

O casal não tava nem ai comigo e de vez em quando terminavam indo pro quarto e começavam a transar. Dava pra ouvir perfeitamente os gemidos cheios de tesão dos dois. Eu ficava ali na sala da casa escutando tudo e aquele tesão louco acabou me contagiando e quando me dei conta meus dedos estavam enfiados pelos lados da minha calcinha bolinando minha xoxota e gozei copiosamente junto com eles.

O pior de toda essa safadeza é que passei a adorar o que estava acontecendo e apesar de fingir que não estava nem ai eu vivia torcendo para que o marido da minha irmã safada aparecesse pra fazer a visita de quase toda tarde.

Durante as 3 vezes que essa safadeza se desenrolou na minha presença na sala da casa deles não vi nada demais a não ser as passadas de mão do meu cunhado nos seios e na bunda grande da minha irmã e também que Soninha dava umas pegadas na rola dele.

So que então eu iria descobrir o motivo que deixava minha querida irmã completamente alucinada quando o marido a pegava de jeito.

Eu havia feito um bolo de chocolate e deixei-o na geladeira e como sabia que minha irmã gostava muito logo depois que meu marido saiu de casa de manhã fui levar um pedaço pra ela e assim que entrei em sua casa Soninha estava completamente nua só de chinelos e quando viu a bandeja com o bolo já deu um gritinho de satisfação e disse:

-hummm...que delicia minha irmã...vc parece que adivinhou...eu estava louca de vontade de comer bolo de chocolate...vc é a melhor irmã do mundo...é uma santa! RSS.

Ela beijou meu rosto agradecendo e então sorri dizendo:

-to vendo que agora minha irmãzinha tarada nem põe calcinha...antes eram so os peitos...agora vai ficar com a xoxota de fora é?

Ela já foi dando uma bocada em um pedaço de bolo e disse:

-mana...acho que nasci com o espírito de EVA...adoro ficar nuazinha...só coloco calcinha porque o maridão gosta de tirá-la com os dentes ou quando ta mais taradão arranca com força rasgando...mas...prefiro assim...é só chegar que to prontinha! RSS.

-sua tarada maluca...nem acredito que tenho uma irmã tão puta desse jeito...alias, tenho uma curiosidade sobre vc que nunca perguntei mas vou perguntar agora...com quantos anos vc perdeu a virgindade?

-curiosa hein! Mas já que quer saber...perdi o cabaço com 15 aninhos...se soubesse que era tão bom acho que teria dado antes!

-é...pelo jeito vc deu pra muitos antes de casar...diferente de mim...que casei virgem e só conheci a rola do meu marido!

-sua tolinha...só deu pra um porque é tonta...do jeito que vc é linda...podia ter dado pra muitos...e tenho certeza que vc dever ser uma puta bem gostosa na cama...garanto que na cidade deve ter um bando de machos que gostariam de ter fodido sua buceta de todo jeito! RSS.

Quando eu ia responder meu cunhado apareceu na cozinha...só com uma cueca de lycra branca bem justinha...eu achei que ele já tinha ido trabalhar...e quando olhei a frente da cueca tive uma surpresa incrível. A rola do meu cunhado estava perfeitamente delineada no tecido fino daquela cueca e não era como a do meu marido...era enorme e grossa e nem estava dura.

Fiquei boquiaberta com aquele volume entre as coxas dele e então minha irmã sorrindo disse:

-olha querido o que minha irmã trouxe pra gente...bolo de chocolate...eu adoro e vc também...o café da manhã vai ser bem mais gostoso!

Meu cunhado sorrindo se sentou na cadeira, minha irmã já se sentou no colo dele e sorriu dizendo:

-acho que ganhei na loteria casando com vc Soninha...além de ter uma esposa perfeita do jeito que todo homem deseja...ainda ganhei uma belíssima cunhada que faz bolos de chocolates maravilhosos pra gente...isso é bom demais!

Minha irmã toda dengosa dava pedaços de bolo na boca do marido e toda putinha esfregava a xoxota no ventre do maridão.

Minha calcinha estava toda molhada depois de ver aquele volume enorme dentro da cueca. Certamente era quase o dobro do meu marido. Só pra me deixar ainda mais molhada o telefone tocou e ele teve que se levantar e então aquela rola estava já armada...minha irmã safada se esfregando tinha deixado ele com tesão. A cabeça estava quase saindo pelo cós da cueca e meu cunhado pegou o telefone sem fio e se recostou na pia bem de frente pra mim mostrando aquele volume enorme para meus olhos sedentos.

Minha irmã era completamente safada e só de sacanagem ao ir até a geladeira deu umas apertadas na rolona do meu cunhado enquanto ele falava ao telefone com um amigo combinando um churrasco no fim de semana.

Eu continuava sentada na cadeira da cozinha sem se mexer...minha vontade era enfiar os dedos na minha xoxota e me bolinar até gozar, mas ainda me continha. Quando minha irmã voltou da geladeira meu cunhado segurou-a pela cintura e fez com que ficasse de costas pra ele e sem se importar com minha presença levou a mão entre as coxas dela e começou a bolinar seu grelo. Soninha era muito puta porque em segundos começou a rebolar seu bundão no ventre dele e abriu as pernas pra deixar os dedos dele se enfiaram em sua xoxota.

Ele terminou de atender ao telefone e todo tarado agarrou minha irmã com as duas mãos e disse sorrindo:

-sua tarada...vc não tem vergonha de fazer essa safadeza na frente da sua irmã...nem me chamou pra ir pro quarto...sua putinha?

Minha irmã toda safada deu uma piscadinha pra mim e completamente safada disse:

-querido...minha irmã é mais velha que eu...ja meteu bastante...não tem porque ter vergonha...acho que ela ta até gostando de assistir...vamos continuar querido...quero dar pra vc agora em cima da mesa da cozinha...me come...seu safado...fode minha buceta!

Meu cunhado colocou minha irmã de bruços em cima da mesa com aquele bundão todo arreganhado e então pude ver aquele pauzão enorme e grosso em toda sua plenitude. Aquele era um pau que toda puta tarada deseja dentro de si e ele encaixou na entrada da xoxota da putinha e cravou fundo de um vez. Soninha deu um gritinho de prazer e sussurrou:

-ahhh...isso...seu cachorro tarado...me come do jeito que vc gosta...fode minha buceta com força...mete na tua puta...seu cachorro...mostra pra minha irmã...como vc me faz gozar gostoso...eu sei que ela quer ver tudo...sou tua puta...seu tarado!

Roberto enfiava e tirava com violência aquela pica majestosa de dentro da xoxota tesuda da minha irmã fazendo com que ela gemesse alto e logo ele passou a dar tapas na bunda branca dela sussurrando:

-rebola cadela...rebola na pica do teu macho...sua vagabunda tarada...goza na minha pica...vadia...toma...toma...vou deixar essa bunda vermelha de tanto apanhar...ahhh...rebola vadia tarada...teu macho ta te fodendo...ahhh...isso...cadela..goza....vadiaaaaaa!

Minha irmã jogava o corpo pra trás pra penetração ser mais profunda e gritava gozando espetada naquele macho.

Roberto fodia minha irmã puta com violência e espancava a bunda dela sem dó e então ele me olhou dentro dos olhos e sem falar alto deu pra ler em seus lábios o que ele queria. Entendi perfeitamente e em segundos fiquei nuazinha com minha xoxota cabeluda pingando...eu tinha gozado só assistindo e então ele tirou o pau de dentro da buceta da minha irmã e disse:

-tua vez vadia...fica no lugar da tua irmã cadelinha...quero provar tua buceta tesuda...vou te foder por inteira...vc vai ser minha puta também!

Fiquei sem reação por instantes mas meu cunhado todo macho pegou meu braço e me jogou em cima da mesa e então toda dengosa e safada disse:

-aiii...seu tarado...nunca fui tratada assim...meu marido é tão carinhoso...por favor...tua rola é muito grande...nunca dei pra outro macho...a rola do meu marido é pequena...por favor...seja bonzinho com sua cunhada.

Nem eu sei como consegui falar tudo aquilo sem gaguejar muito e então meu cunhado todo tarado encaixou a cabeçona daquela pica enorme na portinha da minha xoxota e sussurrou:

-humm...que delicia comer uma puta casada que só deu pro marido...bem que tua irmã falou que eu ia adorar te foder...teu macho vai deixar essa bucetona arrombada...ahhh...vou te comer sua cadela vadia...ahhh...que buceta apertada...ahhh...delicia!

Gritei muito quando aquela rola enorme cabeçuda abriu caminho na minha bucetinha que só tinha conhecido a rolinha do meu marido. O calor que aquela pica causou em minha xoxota me levou a loucura e toda tesuda sussurrei:

-ahhh...que pau enorme...ahhh...ta me rasgando...ahhh...que deliciaaa...fode...meu macho pauzudo...ahhh...ahh...delicia...me fodeeeeeeeee!

Meu cunhado cravava fundo na minha xoxota que perdia o cabaço de verdade naquele dia e gritando como uma louca meus orgasmos eram incontidos e copiosos. Minha bunda branca era espancada sem dó e eu adorava gritar de prazer com aquele macho delicioso.

Minha irmã toda safada batia uma siririca assistindo seu marido pauzudo me foder daquele jeito e dizia:

-fode minha irmã...faz a puta gozar de verdade...ela vai virar tua puta também...rebola no pau do meu macho vadiaaaaaaaaa!

Roberto ejaculou como um cavalo reprodutor dentro da minha buceta arrombada e ficou engatado atrás de mim até sua pica começar a amolecer e escapar de dentro de mim me fazendo sentir um vazio incrível e então tive a maior surpresa da minha vida. Senti uma língua lamber a porra quente que escorria da minha xoxota e era minha irmã que fazia isso com uma volúpia incrível. Meu cunhado veio pra frente da mesa e colocou aquele pauzão todo melecado diante do meu rosto e disse:

-limpa o pau do teu macho cadela...não deixa uma gota de porra...quero bem limpinho...vamos cadela!

O safado enfiou aquele pauzão mole entre meus lábios e lambi tudinho como ele tinha mandado.

A língua da minha irmã passeava entre os lábios da minha xoxota e meu grelo era sugado com maestria e em segundos não me controlei e gozei copiosamente na boca da safada.

O pau do meu cunhado cresceu novamente dentro da minha boca e ele metia fundo na minha garganta.

Gozei novamente sem controle...meu corpo estava entregue ao prazer e logo meu cunhado voltou a foder minha buceta.

O safado era insaciável e comeu eu e minha irmã durante mais de 2 horas com aquele pauzão delicioso.

Meu cunhado passou a ser meu macho de verdade.

Isso já acontece faz 2 anos e meu maridinho não desconfia de nada e a semana passada descobri que estou grávida.

Meu maridinho esta radiante de alegria, mas tenho certeza que o pai é o meu cunhado delicioso.

Mas isso não importa...esta tudo em família!

http://sharoland-nn.ru/texto/Meu tio comeu minha mãe e tirou meu cabacinho!

http://sharoland-nn.ru/texto/O motorista tirou meu cabacinho.

http://sharoland-nn.ru/texto/ A primeira vez de Fabinho

http://sharoland-nn.ru/texto/ Coloquei a calcinha vermelha da mamãe e me arrombaram

http://sharoland-nn.ru/texto/O padrinho tirou meu cabaço no carnaval

http://sharoland-nn.ru/texto/O namorado da minha mãe me deu um banho de espuma e

http://sharoland-nn.ru/texto/ Meu cunhado pauzudo me fodeu gostoso

http://sharoland-nn.ru/texto/macho negro pra um casal safado

http://sharoland-nn.ru/texto/ eu e minha irmã gêmea entramos na rola do meu tio tarado

http://sharoland-nn.ru/texto/comi o patrão e a patroa

http://sharoland-nn.ru/texto/ o macho da minha mãe me comeu

http://sharoland-nn.ru/texto/edu...um anjo sádico e tarado

e-mail: [email protected] oooooooo((

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
13/10/2014 18:54:30
Excelente!
03/03/2014 18:34:52
super 10 gostei :)
16/02/2014 18:27:43
10 @ show tesão de conto
09/02/2014 22:13:17
bem escrito
05/02/2014 16:09:06
Apresentação Carlos um homem bem adiante do meu tempo. Três amigos Carlos, Marta, Fabiano que curtem sexo, não desejamos expor nossa imagem em casas de swing, clubes ect, porque não expor nossa imagem, como tantos fazem um dos motivos digamos que pertencemos a um seguimento religioso e desta forma com dogmas a ser seguidos. Penso que como nos algumas pessoas tem seus motivos e não podem se expor, adoram sexo desejam sexo todos os dias, mas não desejam expor sua imagem na rede ou em circuito fechado pois podem vazar para rede. Então resolvemos nos organizar dentro de uma irmandade, não inventamos nada apenas aprimoramos o que já existe, vejamos mesmo no século 21 temos sociedades fechadas. Por outro lado temos pessoas com relacionamento estável, Mulheres, noivas com namorados, casadas, Homens casados com aproximadamente entre 1 a 50 anos de relacionamento estável, uma família estruturada, mas que o parceiro (a) já não rende tanto como antes creio que você entendeu, estas pessoas desejam apenas sexo, e seu parceiro não aceita outra pessoa cito sexo a três, estes casais não desejam terminar seu relacionamento nem pensão em terminar, como resolver este dilema dentro de uma Irmandade. Solteiras e Solteiros são bem vindos, nosso filosofia de vida sexo com respeito, segurança, (sem o valor financeiro como moeda de troca) sexo sem pagamento, sexo por prazer e afinidade, sexo por amizade. Etnia são todas bem vindas, sua cor, seu porte físico, seus quilinhos a mais ou a menos, sua beleza física, não somos amigos de pessoas usando este critério, então não se preocupe para nos o mais importante e seu caráter, seja você travesti, mulheres bissexual, Passivos. Século 21 temos mulheres e homens que desejam sexo com segurança e ficam em duvida aonde buscar este prazer com total privacidade de sua imagem, dentro de uma Irmandade vocês vão ter. OBS, todos sem exceção são bem vindos a Irmandade seja bem vinda, seja bem vindo a Família. Primeiro contato por e-mail não coloque seu e-mail em nosso perfil, pois desta forma você se expõe, seu endereço virtual e todos ficam sabendo e passam a ter acesso a você. Tem duvidas pergunte Um abraço Carlos. Em prevê nosso site Perguntas ou
03/02/2014 18:59:39
Fantasticamente bem escrito. Parabéns!!!!!!
21/01/2014 14:12:48
excitante,mt bom seu conto
21/01/2014 12:13:45
Muito bom o seu conto repleto de detalhes. É a prova que se o marido não da pra esposa ela vai buscar fora, além de tudo ele é machista, tem que tomar nos cornos mesmo.
21/01/2014 11:01:55
Excitante!!!!!
21/01/2014 10:31:31
Ótimo conto
21/01/2014 10:25:27
tenho uma cunhadinha muito tesuda, mas não dá para mim. quem sabe um dia... nuber, seu conto é muito bom, tem início, meio e fim em doses certas.




Online porn video at mobile phone


literalmente engatada com dogcontos de sexo depilando a sogramotoqueiro gay passivo contomeu conto erótico da Fiat Fiat toro vai comer elaeu já perguntei onde tu tava ontem Live sexo vídeo pornô deixa que eu adoro vai bater igual a Shakiracontos eroticos brutais, estiquei o clitoris ate sangrarconto titiocomeu meu cu no natalmulata safada gosto da vara do roludo e traiucontos eroticos virei vadia novinhabucetamelecacontos eroticos fudendo com a síndica do prédiosobrinho fica triste com a tia so lembrando do namorado que morreu xvideosmorena com os pentelhos enroladinhos trepando gostosomulher falando juramento de gemido vídeos pornôeu quero um vídeo acaba transando com a mulher postergando ela na cama dormindo a força e ela gritando ele comendo elamim pediu emprego e dei a buceta contos eroticoscontos eroticos feminino ajudei o porteiro negro a fuder eu e minha irma juntocontos casal pau inchandosexo pregando no fagarlambendo dedo com coco scatvirgens+perdendo+o+cabacao+da+buceta+e+do+cu++virgensconto erotico aprendendo amar em parte Ime fode seu desgraçadovamos ver se vc aguenta minha pica toinha ate no talo na sua buceta virgem sexobucetinha ns os primero pelinho nvporno de coroucom novinhasso as piriguetonas gostosa xhamsterpervertido passando a mao na bucetinhacontos erotico abusando da irma pequenachorou na dupla penetracao com amantes mega cacetudostaboo estou apaixonada pelo meu filho sexo incesto contoschupaminhabucetacoroaporne com malheiirma durmindo e irmao enfia pinto na boca delaurologista conto gaycontos eróticos comi o cu do filho da mendigajudea. abuceta em estrupofamilia sacana tufosbranqinha se esbarra na pica xvcontos eroticos minha irma novinha peidou quando tirei o cabaco delame fode seu desgraçadomulheres na cama peladas uma ensima da outra peladas apertando a bumda da outracontos eroticos tia bucetuda no onibus e menino casetudonando ta duendo nando ai minha buceta nando ceta poinhndo tudohistória real irmão bem dotado seduza irmãzinhacliente dando a buceta para os manobristasbdsm humilhaçao extrema contosou casada mais quem mim fode gostoso e patinhosou viciada em boquete nao posso vet um pau qur ru chupoxvıdeo novınha gozando muıtoconto minha hisoria dupla penetacao com janete e betoconto minha esposa no onibuseu minha prima e.seu poni dirou meu cabaço contosdois homens a baterem punheta fantaziando ate gozarfotos+de++buceta+com++calcinhavideo de idosa abrindo video de gemido no meio do mercado "apaga isso"conto mulher sede a chantagem de garoto tranzarzofilia mulher dependurada pel cu no cãovamos ver se vc aguenta minha pica toinha ate no talo na sua buceta virgem sexofilha a reda causilha e pai empura rolacontos eroticas provoquei meu cunhadoxvidio porno zelado comi fazedeiracontos velho cacetudo corno fotosbotando na buceta pela beradinha do shortenovinha du grelao biteloxxvidio em quadrinho mulher de primo caderante muito safadafui na urologista e acabei comendo seu cu xvideoporno com novinha goszando na buceta na boca da outraamoxoxota gtaContos de loiras taradas por mendigos negrosx vidio vovinha safada caiuporno secretaria aser estupprada no escritorio e gozada dentro da vagina sem ela querermulheres gelo gande metendo piquito da outralevantei o vestido da minha nora contoscontos eróticos publicadoscontos eróticos com minha mãe carente 2017 1.8contos minha esposa pediu carona e ganhou pica grossaadorei picao do papai na minha bucetinhapornô anal com mulheres dando rabão gostoso tesouro com perna tá tendo mais daqueles bem quente mesmo