Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

maria gostosa

Autor: elrond
Categoria: Heterossexual
Data: 08/03/2014 04:34:09
Última revisão: 06/04/2014 14:32:27
Nota 9.71
Ler comentários (6) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Fui contratado para uma empresa de protótipos na área de planejamento, maçante e rotineiro, Quando eu entrei para o meu 1º dia de trabalho Eu a vi pela 1º vez, uma mulher baixinha 1,58 +-, 32 anos cabelos pretos até os ombros, seios médios cintura fina, um quadril médio e uma bunda deliciosa, redondinha e carnuda. Depois de uns dias eu percebi que ela era escriturária e o meu setor ficava no mesmo corredor que o dela, eu não tirava os olhos dela, virou minha obsessão desde então, ela muito simpática e educada, mas sempre discreta, seu uniforme: Uma blusa branca e calça de licra preta, que por vezes parecia mais apertada na bunda as vezes, revelando a marca da calcinha, eu adorava aquilo, pensei comigo, tenho que papa-la de algum jeito.

Coloquei meu plano em ação, eu notava que todos os diasnde manha ela ia a cozinha da empresa tomar café da manhã, o marido entrava mais cedo e deixava lhe ali antes do horário de trabalho, então ela comia ali no trabalho, comecei a ir mais cedo e conversar no café da manhã, sempre simpático, disse uma vez que era linda ela sorriu e agradeceu, um dia dei lhe um bombom para minha surpresa ela beijou me no rosto e agradeceu, a partir dai ao conversa com ela eu sempre fazia questão de torcar-lhe no braço, ela não se importou, depois comecei a passar por ela bem perto e sempre colocava a mão em sua cintura, depois baixei as mãos e tocava lhe no quadril, e vi que ela não se importava, um dia estava mais inspirado e ao passar por ela toquei lhe no quadril e ao tirar a mão passei na bunda, ela olhou me e deu uma risada, então vi que tinha chance, ela é casada mas não se importava de eu fazer isso, quando ela estava em pé eu fazia questão de falar com ela bem pertinho, um dia fiz uma piadinha e ao sair dei meu 1º tapa de leve na sua bunda, ela simplesmente não reagiu, fiquei surpreso continuei a fazer isso mais vezes, até que uma vez numa sexta feira, não era obrigatório uniforme, dia light, ela estava com uma blusa azul que desenhava a cintura, uma saia cinza com uns desenhos vermelhos, eu entrei na cozinha e vi aquela bunda maravilhosa, fiquei louco, dei-lhe bom dia e ao brincar bati mais forte, axei que ela ia ficar brava, para minha surpresa de novo ela disse: você sempre me bate na bunda ainda vai me deixar marca se continuar assim, aproveita aproveita, um dia isso acaba, e deu risada. na segunda feira de manhã ela estava na cozinha da empresa perto da maquina de café sozinha, cheguei de leve por trás e disse -bu bem baixinho perto do seu ouvido, ela sorriu colocou a mão em meus rosto, beijou me no rosto e disse bom dia, estava com o cabelo preso e muito cheirosa, abracei-a por trás e beijei o seu pescoço, ela deu um sorriso e, mas ouvi pessoas se aproximar no corredor ela deu um tapinha na minha mão, dei-lhe dois tapinhas na bunda e sai, ela olhou pra trás e deu risada, depois passou por mim no corredor com a amiga e disse que ia a sala de arquivos organizar uns papeis, eu ouvi, xeguei a minha sala, disse ao pessoal que ia ao banheiro e fui atrás dela, ela estava mesmo a organizar, xeguei e fiz o mesmo que antes, abracei-a por trás e beijei lhe o pescoço, ela disse me que já a tinha comprimentado de manhã, continuiei a beija-la virei- de frente e beijei-a na boca, ela correspondeu, desci as minhas mãos e agarrava-lhe a bunda, macia e gostosa,ela agarrava me os cabelos, sentei- em uma das mesa de pernas e abertas, foi quando ela disse que eu era louco e que ali não podíamos fazer isso. Eu não aguento mais disse lhe, ela segurou me nas mão e disse me para espera la no fim do dia, mas durante o dia as brincadeiras continuaram.

No fim do dia ela ficou a minha espera, entrou no meu carro e fomos para minha casa, minha esposa só chegava bem mais tarde, entrei agarrando e beijando, e ela igual, disse-me que queria um banho, fomos para o chuveiro, eu beijava aquele corpo inteiro, e todo molhado comecei passar a língua em sua bucetinha depilada, ela colocou as pernas em cima dos meus ombros e com uma das mão puxava me os cabelos, e afundava mais ainda na sua bucetinha cheirosa e gostosa, senti o corpo dela tremer e sua buceta a contrair, estava tendo um orgasmo, ela gemia alto e arranhava me a nuca, quando ela acabou, desligou o chuveiro, sequei-lhe o o corpo, agarrei lhe com as pernas aberta em volta da minha cintura, meu pau latejava e forçava a entrada do cuzinho dela. Levei-a pra cama ao deitar mos penetreia-a, estava toda molhada e quente a sua buceta, ela arranhava me as costas e eu mordia lhe os ombros, ela só pediu para não marcar lhe o pescoço, senão teria problemas com o marido, eu penetrava e ouvia ela gemer em meu ouvido, arranhar minhas costas e puxar me os cabelos, ela disse: me coma mais forte, mete mete, senti a sua bucetinha apertar um pau, estava tendo outro orgasmo, abraçou masis forte a minha cintura com as pernas e jogava seu quadril pra cima eu puxei lhe os cabelos e com a outra mão apertei lhe com força a bunda, ela urrava e dava tapas em minha bunda, num súbito ela virou se e veio por cima, eu fui para o meio da cama ela começou a cavalgar, ela rebolava e esfregava os seus cabelos, e seios, eu deitado segurava lhe pelos quadris e apertava mais contra mim, ela gemia e rebolava, ela deitou- se em mim e começou a subir e descer os quadris, o barulho dos nossos corpos batendo um no outro parecia musica para mim, agarrava lhe a bunda e passava o dedo em seu cuzinho que piscava, foi quando seu celular tocou, ela parou de repente, e ficou me olhando em cima de mim com as mãos em eu tórax, eu disse lhe pra esquecer isso, el a saiu e puxou me pelas mãos até a sala, enquanto ela abaixou para ver o celular, eu penetreia por trás, ela atendeu o marido: sim amor, não, tou na casa da bia, fazendo as unhas, eu tinha te dito. eu comecei a passar os dedos em seu clitóris e puxei lhe os cabelos ela gemeu: não foi nada, foi a bia que arrancou me um bife. Ela começou a contrair a bucetinha de novo, tava tendo outro orgasmo: aanh ok amor, assim… que sair.. eu ligo. Te amo.. desligou e me puxou pelo pescoço, sentei no sofá ela veio por cima e sentou na minha vara, subia e descia devagar, fizeste me gozar, agora é minha vez, cavalgou gostoso, dava me tapas no rosto,puxava me os cabelos eu mamava lhe os peitos, mordia os biquinhos ela enterrou as unhas em minhas costas, foi quando eu não aguentei, meu ponto fraco é as costas rsrs, e gozei, eu erguia-lhe no sofá e ela rebolava. Ela ficou sentada em cima de mim um tempo a olhar-me, estávamos exaustos, ela deitou se ao meu lado.

-Fiz a mair loucura, se meu marido descobre ele me mata. Depois de uns minutos ela vestiu se e pediu para deixa-la na casa da bia. Eu a levei logo pois a lu logo chegava. No dia seguinte de manhã disse-me que isso não podia repetir, eu “respeitei”, mas as brincadeiras beijos no pescoços e tapinhas na bunda continuam até hoje.

Comentários

24/02/2015 09:28:52
Muito bom meus parabéns
dmm
24/06/2014 08:00:41
Muito bom.
08/03/2014 19:35:14
Texto muito bom prá parar por aqui. Volte com a continuação dessa estória e contente aos seus leitores entre os quais já me incluo. - [email protected]
08/03/2014 16:35:57
bom
08/03/2014 14:22:09
tem que comer o cuzinho dela grande.
08/03/2014 06:57:39
Muito bom ! Fazia tempo que eu nao lia um conto tão bom ! Parabéns ! Conte mais

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


conto erotico de corno paraenseirmas safadas relatossexres grates com filhas e mae trepando o paetranquei o quarto comi minha irmã 1minuto xvideostirei a virgindade dela contos eroticos de lesbicasincesto recente mae consentindo o pai com filha contosquero ver o vídeo da mulher da enxadinha perdendo a virgindade dela mulher beijandocontos de mulheres defecando em seus parceiroscontos meu tio pauzaofui encoxada pelo meu genro e n resisti meu marido liberacontos eroticos com viuvas ricas e mulheres sedutoras ricascontos de sexo depilando a sogradei o cuzinho meladinho contosestrupicio .pornocontos corno e meus amigos pegamos minha esposa rabuda de fio contospaniqueti lavando gosarda pirnipai e filho pelado conto erotico exercitomulher casada se exibindo para o encanador enguiçado e ele sem calcinha só de saiavirei puta do meu irmãobaixar clip 16 .com porno mulher mini saia no metro mete a mao na calcinha delaflagga de mulheres deficiente fisica se mastubandoa mulher e amante apertalas bolas pornocontos eroticoscu virgemcontos eróticos com marido bêbado e desconcentração bem dotadoeuconfessosogrameu padrasto me pegou no colo contos eroticosestourando com o cu da amadora e ela cagando no pauquero ver um filme pornô a mãe transando com filho e a mãe forçando para transar com ele pedindo para o fiscal na b***** dela que ela tá lindapadrasto pirocudo droga a enteada e transaContos Eróticos De. Fui Ajudar A Dona Verahttp://img2.virgula.uol.com.br/x495.jpgCOROA japonesa FOI PARADA NA RUA E ACEITOU FUDERflagrei minha irmasinha cagando na pica do visContos de marido fazendo esposa cadela confessar traiçãomãe vê filho pelado dotado fica louca e fode com ele pornô iradofazendeira metendo com piao pretoso eu minha enteada metendocdzinha gostosa para programa sp capitalcunhada ajuelha na frente do cunhado e engole rolanora safadas descobri que sogro tem a pica enormevideos de sexo pratoa pegado a enpegada batedo uma xiriricaxvidio:fodanaconstrucaoajudei minha filha perde vigidade com meu cunhado contoconto relatando como nao resisti ao pausud e fez sexohistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulherpornodoido travesti do brasil dano leite fartopatrao do pao gigante fode estagiario mundobichaporno amador mulheres lanbendo o pao do homem devagarinho até gozar paguei pra esposa do caseiro pra eu deflorar a filha do caseiro conto eroticocontos eróticos gays cracudoapaxonado pelo primo brutamontes 3 contos gayContos Gays Sobre Valentoes : Casa Dos Contoscasa do contos eróticos negão tirando as pregas do c* das viúvasvendeos Ian pega sogra nua no quartoxvideo menina de meno gosano e tremeno as penaposo enchuga o meu priquitoTudo grandão youtubepornochupando a rola do primo devagarindovideo olhei peludo no banho deu vontade de chuparwwwxxvideo filhinha meche o bumbumwattpad enteado gay adora chupar a rola do padrasto musculosofilha minha femea contopornocaseirogosandodentrocontos eróticos de i****** avô e avó casal junto ensinando netinha f****assistir vídeo pornô anal de sogra com genro gravado em Ribeirão preto d*********contos eroticos dei para um vizinho de iptinganovinha com pouco pentelho contosvideo de sexo negao da rola de cinquenta citimetro com uma jeguacontos bi vi meu pri meter na prinha prima fiz ele comer meu cu e eu fudi elánão coube tanta porra dentro da buceta da gostosapilha de vestido deu bobera com papai e a pica gozou na pomba porno inosentepeguei na cinturinha e soquei tudo sem ela perceber no cuzinho ai amor nao quero mais vc me maxhucou xvideoscontos eroticos mamae subjugadameu cu é todinho teumae gozou loucamente no pau de 25cm dp filho dotadpContos gays /fui estrupado por2 na escola e a diretora flagouabusada cruelmente por um negro roludo pornoconto cumendo irmao de pau cabecudo irma. virgemBundinha lisinha da filhinha