Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

maria gostosa

Autor: elrond
Categoria: Heterossexual
Data: 08/03/2014 04:34:09
Última revisão: 06/04/2014 14:32:27
Nota 9.71
Ler comentários (6) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Fui contratado para uma empresa de protótipos na área de planejamento, maçante e rotineiro, Quando eu entrei para o meu 1º dia de trabalho Eu a vi pela 1º vez, uma mulher baixinha 1,58 +-, 32 anos cabelos pretos até os ombros, seios médios cintura fina, um quadril médio e uma bunda deliciosa, redondinha e carnuda. Depois de uns dias eu percebi que ela era escriturária e o meu setor ficava no mesmo corredor que o dela, eu não tirava os olhos dela, virou minha obsessão desde então, ela muito simpática e educada, mas sempre discreta, seu uniforme: Uma blusa branca e calça de licra preta, que por vezes parecia mais apertada na bunda as vezes, revelando a marca da calcinha, eu adorava aquilo, pensei comigo, tenho que papa-la de algum jeito.

Coloquei meu plano em ação, eu notava que todos os diasnde manha ela ia a cozinha da empresa tomar café da manhã, o marido entrava mais cedo e deixava lhe ali antes do horário de trabalho, então ela comia ali no trabalho, comecei a ir mais cedo e conversar no café da manhã, sempre simpático, disse uma vez que era linda ela sorriu e agradeceu, um dia dei lhe um bombom para minha surpresa ela beijou me no rosto e agradeceu, a partir dai ao conversa com ela eu sempre fazia questão de torcar-lhe no braço, ela não se importou, depois comecei a passar por ela bem perto e sempre colocava a mão em sua cintura, depois baixei as mãos e tocava lhe no quadril, e vi que ela não se importava, um dia estava mais inspirado e ao passar por ela toquei lhe no quadril e ao tirar a mão passei na bunda, ela olhou me e deu uma risada, então vi que tinha chance, ela é casada mas não se importava de eu fazer isso, quando ela estava em pé eu fazia questão de falar com ela bem pertinho, um dia fiz uma piadinha e ao sair dei meu 1º tapa de leve na sua bunda, ela simplesmente não reagiu, fiquei surpreso continuei a fazer isso mais vezes, até que uma vez numa sexta feira, não era obrigatório uniforme, dia light, ela estava com uma blusa azul que desenhava a cintura, uma saia cinza com uns desenhos vermelhos, eu entrei na cozinha e vi aquela bunda maravilhosa, fiquei louco, dei-lhe bom dia e ao brincar bati mais forte, axei que ela ia ficar brava, para minha surpresa de novo ela disse: você sempre me bate na bunda ainda vai me deixar marca se continuar assim, aproveita aproveita, um dia isso acaba, e deu risada. na segunda feira de manhã ela estava na cozinha da empresa perto da maquina de café sozinha, cheguei de leve por trás e disse -bu bem baixinho perto do seu ouvido, ela sorriu colocou a mão em meus rosto, beijou me no rosto e disse bom dia, estava com o cabelo preso e muito cheirosa, abracei-a por trás e beijei o seu pescoço, ela deu um sorriso e, mas ouvi pessoas se aproximar no corredor ela deu um tapinha na minha mão, dei-lhe dois tapinhas na bunda e sai, ela olhou pra trás e deu risada, depois passou por mim no corredor com a amiga e disse que ia a sala de arquivos organizar uns papeis, eu ouvi, xeguei a minha sala, disse ao pessoal que ia ao banheiro e fui atrás dela, ela estava mesmo a organizar, xeguei e fiz o mesmo que antes, abracei-a por trás e beijei lhe o pescoço, ela disse me que já a tinha comprimentado de manhã, continuiei a beija-la virei- de frente e beijei-a na boca, ela correspondeu, desci as minhas mãos e agarrava-lhe a bunda, macia e gostosa,ela agarrava me os cabelos, sentei- em uma das mesa de pernas e abertas, foi quando ela disse que eu era louco e que ali não podíamos fazer isso. Eu não aguento mais disse lhe, ela segurou me nas mão e disse me para espera la no fim do dia, mas durante o dia as brincadeiras continuaram.

No fim do dia ela ficou a minha espera, entrou no meu carro e fomos para minha casa, minha esposa só chegava bem mais tarde, entrei agarrando e beijando, e ela igual, disse-me que queria um banho, fomos para o chuveiro, eu beijava aquele corpo inteiro, e todo molhado comecei passar a língua em sua bucetinha depilada, ela colocou as pernas em cima dos meus ombros e com uma das mão puxava me os cabelos, e afundava mais ainda na sua bucetinha cheirosa e gostosa, senti o corpo dela tremer e sua buceta a contrair, estava tendo um orgasmo, ela gemia alto e arranhava me a nuca, quando ela acabou, desligou o chuveiro, sequei-lhe o o corpo, agarrei lhe com as pernas aberta em volta da minha cintura, meu pau latejava e forçava a entrada do cuzinho dela. Levei-a pra cama ao deitar mos penetreia-a, estava toda molhada e quente a sua buceta, ela arranhava me as costas e eu mordia lhe os ombros, ela só pediu para não marcar lhe o pescoço, senão teria problemas com o marido, eu penetrava e ouvia ela gemer em meu ouvido, arranhar minhas costas e puxar me os cabelos, ela disse: me coma mais forte, mete mete, senti a sua bucetinha apertar um pau, estava tendo outro orgasmo, abraçou masis forte a minha cintura com as pernas e jogava seu quadril pra cima eu puxei lhe os cabelos e com a outra mão apertei lhe com força a bunda, ela urrava e dava tapas em minha bunda, num súbito ela virou se e veio por cima, eu fui para o meio da cama ela começou a cavalgar, ela rebolava e esfregava os seus cabelos, e seios, eu deitado segurava lhe pelos quadris e apertava mais contra mim, ela gemia e rebolava, ela deitou- se em mim e começou a subir e descer os quadris, o barulho dos nossos corpos batendo um no outro parecia musica para mim, agarrava lhe a bunda e passava o dedo em seu cuzinho que piscava, foi quando seu celular tocou, ela parou de repente, e ficou me olhando em cima de mim com as mãos em eu tórax, eu disse lhe pra esquecer isso, el a saiu e puxou me pelas mãos até a sala, enquanto ela abaixou para ver o celular, eu penetreia por trás, ela atendeu o marido: sim amor, não, tou na casa da bia, fazendo as unhas, eu tinha te dito. eu comecei a passar os dedos em seu clitóris e puxei lhe os cabelos ela gemeu: não foi nada, foi a bia que arrancou me um bife. Ela começou a contrair a bucetinha de novo, tava tendo outro orgasmo: aanh ok amor, assim… que sair.. eu ligo. Te amo.. desligou e me puxou pelo pescoço, sentei no sofá ela veio por cima e sentou na minha vara, subia e descia devagar, fizeste me gozar, agora é minha vez, cavalgou gostoso, dava me tapas no rosto,puxava me os cabelos eu mamava lhe os peitos, mordia os biquinhos ela enterrou as unhas em minhas costas, foi quando eu não aguentei, meu ponto fraco é as costas rsrs, e gozei, eu erguia-lhe no sofá e ela rebolava. Ela ficou sentada em cima de mim um tempo a olhar-me, estávamos exaustos, ela deitou se ao meu lado.

-Fiz a mair loucura, se meu marido descobre ele me mata. Depois de uns minutos ela vestiu se e pediu para deixa-la na casa da bia. Eu a levei logo pois a lu logo chegava. No dia seguinte de manhã disse-me que isso não podia repetir, eu “respeitei”, mas as brincadeiras beijos no pescoços e tapinhas na bunda continuam até hoje.

Comentários

24/02/2015 09:28:52
Muito bom meus parabéns
dmm
24/06/2014 08:00:41
Muito bom.
08/03/2014 19:35:14
Texto muito bom prá parar por aqui. Volte com a continuação dessa estória e contente aos seus leitores entre os quais já me incluo. - [email protected]
08/03/2014 16:35:57
bom
08/03/2014 14:22:09
tem que comer o cuzinho dela grande.
08/03/2014 06:57:39
Muito bom ! Fazia tempo que eu nao lia um conto tão bom ! Parabéns ! Conte mais

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


Vaqueiro fazendo sexo com a plaquinhaTurbo negro contos gays.anda vamos comer a tua mae paneleiro contos pornosou amante d minha cunhda contocontos eroticos de mulheres falando de pau pequeno e finocontos de homens casados e suas escapulidasconto erotico emprestei dinheiro a nora e ela pagou com a bucetamulheres bostas scatmelhores meninas de porno prima com avô de 50 citimetroentre uma foda e outra minha esposa beijando acariciando seu machovanessa traindo com irmao do corno douglas spliloca faz ananl pa ter akele rabodei a buceta pro borracheiro contos eroticoscontos de cornos com tio velho pauzudo e comedor super canalha rcontos eroticos papai me comeu e eu gosteifilmes sexo brasileiro falando besterinhas e gozando gostozo na buceta ate escorre a porranovinha aser estuprada com padrasto aser disvirginado encuanto dormecontos eroticos fizeram minha noiva e minha mae de putaemcoxando a novinha de sches e saiatira A roupa vou te estrupar no pornotitia safada gozando esquirt contoscasada coroa video fotocorno secretoContos eroticos poderoso negaovídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhoconto erotico o cuzinho da noviçacontos eróticos chantagiei minha comadre e gozei na boca delacaiu na net contos reais de genro flagra a sogra nua engravida elavirei puta do meu irmãoXvideo vou contar como acabei transando com uma irma da minha igreja elaera casadafilme de pornô mulher se masturbando e metendo a mão quero ver o filme agora filme quero ver agora filme de pornô metendo a mão aguardando né tá na mão transando ela se masturbandoconto erodico fodir com o namorado da minha amiga e ela chega na oracasada só engole a porra do amante e nunca do marido traindo porno vídeocontos de sexo depilando a sograas gordinha r***** dando o vaqueiro na Fazendavídeos de veias tirando a caucinha dando o cu pra velhogostosas da bundonadormindo mae efilha eo pai pornodoidodoce nanda parte cinco contos eroticosminha cunhada me procurou para treparconto erotico estupro cu maridocontos eroticos insestos família unida papai mamãe e meu irmaona cama o lençol manchado revela o fato consumado fizemos um amor gostoso transando sexo faladocontos eróticos chantagiei minha comadre e gozei na boca delacomo encostar o penis no clitorisxv novinha querendfo centin um piru na bucetab de cachrroContos meu pai me comeu com o consentimento da minha maechegou em casa filha foi pro pagode e genro ve mae coroa dormindo e vai elamesmo mete a peca filme pornosogra gostosa de cabelos crespos fudendo com amigo do genroMeu sogro me comeu a forcavideo novinha diz tio deixa eu chupar teu pirulito cabeçudohttp://linkshrink.net/7coxzDcontos eroticos vividos por mulheresxvidios vidios homem goza no cu da puta e ela comtinua chupando ate ele goza dinoboconto de comi o cuzinho da minha neta com a pica grandeirmão pauzudo fudendo a irmazinha mignon Dormindo e pai comendoxx.combuceta depilada na cera floripabaixando GTA tomando banho no banheiro tocando siririca eu não aguentei e ajudei ela comendo elamulher passa margarina ela pelada e no cu bem gostosoxvidio porno comendo a cunhada de fio dental rocho no banhopostei vídeo da minha namorada pelada montado numa jumenta O bicho é gostosa e boaCANTOS EROTICOS DE ZELADOR PIROCUDO COM MORADORA DO CONDOMINIOlevando a cunhada para tomar injeção no bumbumcontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombaramenteada madura mamou rola do padrasto contosveterinaria zoofilia conto eroticocontos porno clareira da cadelaporno duas amiga core do pau cabesudoimagens de pica de cavalo atolado em buceta de mulheresConto erótico interacial largando o esposo para viver com amante negromotoqueiro gay passivo contocomocomia a minha tiasem ela saber- Casa dosContosemtiada.rabuda loulinha dolecente espiada pega foca sexozdorovsreda.ruminha irma me pegou batendo punheta e contou pra minha mae acabou que teve que transar comigoContos erotico cdzinha cinemainsesto de filho beijando aboca da mae e fode elacontos eróticos vovó transando com cavaloconto porno minha mulher foi ao cabeleireiro depilar a buceta e o cu