Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Prisão feminina, fui forçada a agir como lésbica, sem ser... (Parte final)

Autor: Estefânio
Categoria: Homossexual
Data: 04/04/2014 16:04:03
Última revisão: 04/04/2014 16:43:18
Nota 10.00

Depois que ele gozou na minha boca, fui novamente trancada no compartimento de trás da viatura e o policial tocou para de volta para a cadeia. Lá, fui entregue para uma moça, também policial, que me levou de volta para a minha cela isolada...

Fiquei sozinha por uns dois dias, sem ser incomodada por ninguém. O ferimento, já quase todo cicatrizado, ainda doia um pouco... Eu achava que o policial realmente tinha cumprido o que prometeu, já que por duas noites eu pude dormir em paz...

Mas numa noite, lá pelas 11 horas, eu dormia quando ouvi o barulho da porta da minha cela se abrindo... Pensei que era a valha tarada que tinha vindo me estuprar de novo e fiquei apavorada, mas não era... Era aquela policial que me trouxe para a cela, uma moça muito loira e bonita, estatura média e com um belo corpo. Ela entrou e fechou a porta... Perguntou como eu estava, se aproximou de mim e começou a alisar os meus cabelos... Perguntou quem eu achava mais bonita, ela ou a velha que me estuprou. Eu não entendi e perguntei: “como assim?” E ela disse: “Olha aqui, eu gosto de mulher e te acho uma gatinha...Tenho tesão por ti... Então pensei comigo: levo a velha tarada pra passar mais uma noite com ela ou deixo ela passar a noite comigo?” Eu não acreditei no que tinha acabado de ouvir, a policial estava me assediando!

“Por favor, moça, não faça isto, eu não fiz nada, eu nem devia estar aqui...”, disse eu chorando, “eu sou inocente, me deixe em paz...” Ela nem me ouviu: “Ok, então vou buscar a velha, ela vai adorar, mas pense bem, eu, pelo menos, já tomei banho...” E abriu a porta da cela, quando eu disse: “espera!” Ela parou e virou-se: “Então você vai ser boazinha para mim?” E eu, aos prantos disse: “...Vou, mas, por favor, não deixe aquela mulher chegar perto de mim de novo!” E desabei a chorar...

Ela fechou a porta da cela e veio na minha direção dizendo: “Não vai ser tão ruim assim, querida, você vai gostar de mim... E eu não sou de se jogar fora, quer ver?” E começou a se despir na minha frente, mostrando que tinha um belo corpo... Mas eu não poderia me sentir atraída, pois não era lésbica e sempre iria preferir um homem. Mas na situação em que eu estava, não tinha muito o que escolher, era uma mulher cheirosa e bonita ou aquela velha porca... Eu ia ter que encarar...

Ela caminhou nua na minha direção, me abraçou com carinho e procurou a minha boca... Virei o rosto, evitando o inevitável, mas ela continuou e segurou a minha cabeça com as duas mãos, aproximou a boca da minha e eu estremeci quando senti que ela enfiou a língua quente na minha boca... Eu estava tão sem ação, me sentindo tão dominada, que acabei correspondendo aquele beijo, como se estivesse beijando um homem... E ela começou a me despir devagar, expondo os meus seios durinhos e pontudos... Ficou muito excitada, eu acho, pois tratou logo de chupar os biquinhos duros, demoradamente, me fazendo ficar toda arrepiada... Eu nunca pensei que poderia ficar tão excitada assim com os carinhos de uma outra mulher... E ela continuou me despindo, desceu mais e baixou a minha calça, passando a mão sobre os meus pentelhinhos... Devo confessar que isto me deu muita tesão... A minha bocetinha ficou molhadinha, e ela sentiu isto com os dedos, voltando a me beijar demoradamente... Eu estava ofegante...

Ela deitou-se na cama e pediu: “Me chupa, querida...”, abrindo as pernas e me deixando ver a boceta úmida de tesão apontada para mim... O que eu deveria fazer agora? Cair de boca e chupá-la ou pegar a arma dela (ela devia ter uma...) e acabar com tudo ali mesmo? E por onde andava o policial que prometeu me proteger?

"Vai com calma e faz bem gostoso, lindinha, se eu não gostar, não volto amanhã e se eu não aparecer, você sabe quem pode querer vir no meu lugar, não é (se referindo à velha tarada)" Ela disse isto em tom de ameaça, mas com um certo carinho na voz... Me aproximei devagar, ajoelhei e fui aproximando a cabeça lentamente daquela vagina entreaberta... Depois de ter chupado a boceta nojenta daquela velha, a boceta dessa moça não era nada e eu deveria chupá-la com gosto até, pensei comigo. Cheguei bem perto da xana dela e pude sentir o cheiro, que ainda tinha um pouco de perfume de sabonete, misturado com suor... Ela se reclinou para trás, me deixando à vontade... Passei a língua suavemente por cima dos pentelhos dela e comecei a fazer pressão sobre o clitóris dela... Isto, não sei como, foi me excitando e quando percebi já estava enfiando a língua e chupando com gosto aquela boceta cheirosa... Ela rebolava de tesão e eu me mantinha grudada na boceta dela, agarrando as coxas dela com os braços e acompanhando os movimentos dos quadris, cada vez que ela rebolava... Ela gozou na minha boca e eu bebi o líquido da boceta dela com gosto... Eu estava gostando daquilo, acho que gozaria só chupando aquela boceta cheirosa... Depois ela me pediu para ficar de quatro encima da cama e começou a chupar o meu cu e a minha xaninha virgem... Gozei na boca dela também... Depois disto, deitamos lado a lado na cama e ficamos nos beijando por mais uma hora... Então, ela colocou a roupa e foi embora dizendo: "amanhã eu volto, querida..." E eu respondi sorrindo: "Vou estar aqui te esperando..."

E assim foram todas as noites, a cada noite eu me soltava mais com ela e a deixava louca de tanto tesão, gozávamos como duas loucas, uma na boca da outra... Ela me tratava bem, me trazia comida boa, me deixava tomar banho todo dia e não deixava ninguém mexer comigo. Acho que ela tinha até ciúmes de mim... Eu expliquei para ela o engano que havia sido a minha prisão e ela pareceu entender... Disse que ia me ajudar. Comecei a gostar dela como pessoa, além de sentir tesão por ela... Até que, finalmente me libertaram depois que ficou provada a minha inocência quando o tal vídeo apareceu. Soube depois que quem conseguiu o vídeo foi ela, em investigação própria. Fiquei muito agradecida a ela... Mas a nossa história não acabou ali... Voltei pro meu namorado e dei a boceta para ele, para perder o cabaço de vez, mas pelo menos uma vez por mês ainda me encontro com a minha policial para uma sessão lésbica de amor e gratidão...

Foi a minha loira quem primeiro comeu o meu cuzinho com um enorme caralho de borracha... Depois eu comecei a dar o cú pro meu namorado também... Hoje eu vivo assim, tenho as minhas fodas lésbicas secretas com a minha loira e transo com o meu namorado quase todo dia, sempre deixando ele gozar no meu cuzinho ou na minha boca, pois não quero estragar o meu corpinho tomando pílulas anticoncepcionais... A minha loira adora o meu corpo... Finalmente sou feliz!

Comentários

05/04/2014 17:23:11
MT bom parabéns
04/04/2014 20:31:51
Que foda gostosa, hein...
04/04/2014 18:35:50
Mto bom .

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


novinho cabaco de 15 menino sendo pego pelo tiozaovidio mulher casada com roupa fodendo enfrente o marido ate escorrer porrscontos eroticos estuprada pelo garimundo bicha homens de corpo gostoso e pintu dutospeituda ri ao ver pinto mole do cara mais aproveita quando ta duraoRelatos Zoofilia qual melos cadela para sexovídeo pornô uma atividade Bonde da três sobrinhos até f****loirinha tentou correr do negao pra ele num te comer mais num deuPorno contos de traicoes dentro da propria casaas lesbicas maus fogozar do mesmo mundo fazendo sexy com cachorro ate ficar encantadocontos eroticos ganhei um boquete no pokervideos de cunhada se esfregando no marido da irmafilme porno home reprodutocontos eroticos peguei meu marido dando pro caseiro. negao adotei elemeu bundao esta seduzindo meu filho filmefoi mal apertarou aqui sem querfilme porno gay papis negao abusa de jovem mundo bichacontos eróticos sou gostosa e acabei seduzindo meu irmao gostoso e acabamos no sexocache:wNACedYikXQJ:gtavicity.ru/texto/20170544 quero ver as mulher tarada caseira com muco cervicalxvidio:fodanaconstrucaobucetinha ns os primero pelinho nvporno aaii taduedo seu pau e groso ei fia tudo gosa ladentro eu quero caga sua porrabucetaazedinhaver somete vidio duas pica grade na buceta virger saiu sangecoroas de 50 a 60 anos bem moreninha fazendo sexo anal com dois Marquinhos de fio dentalSodomizando mae e filha contosConto porno ui ui ui metevideo de mulher 34anos nuA lavano a bucetamenina mãeporno da parra doi caraContos eróticos confissôes de umà crente safadaContos de insesto. Irma gostosa e sua melhor amiga dando a buceta pro seu irmao roludo do pau grande e grosso e cabeçudo comer com vontade.video porno irmã bricano com seu imão e apiroca escurrega etracirleia bucetudacdzinha quer ser empregadinhacontos eróticos minha mãe parte 4contos erotico vovô taradocontos velho bruto poe no cu sem avisarqual a melhor posição peão fazer sexo anual sem dorfei a buceta pro meu primo mais novo contos eroticosvidios oque casadas safadas fasem de gostoso de supresa pro maridoentrou gosada chanacontos eroticos arretando novinha na hora da janta na meaaabaixar tema vendo o primo transando com boneca inflávelcomi a pmfizemos sexo bi com um estranho contovideos dedadas de negao troncudo ativo em cu de ninfeto gostosoas novas novia cenus estrupada pediu virgindadesexo porno meu professor foi me visita pra me da reforço,e acabou me chupandoContos.minha.sobrinha.não.tem.cabelo.na.buceta.mas.ja.quer.fuder.video sexo mulherzinha nova traino seu marido com cunhado mulecaogozou na bunda da irma lavano loucacontos erotico da irma batendo punheta no irmao machucadoviu a irma de fiu dentau e fucuo de pau duroeu uma coroa gostosa dei po borracheiro contos eroticosconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretomulher fazendo vídeo pornô na gritalhadaconto erotico tirei o cabaco da patricinha na marrapai pono 15 etopo filiacomedor de mulher alheia nu apanhacontos de novinhas iniciada na webminha mae me iniciou na zoofiliacontos de sexo depilando a sograContos eróticos de tulaConto erotico comi a dentista no consultorioGTA comendo na rua mostrando a bundinha calcinha vestidos aindavídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhocontos de sexo depilando a sogramadrasta traza com estrando até de se casaporno dento da pestinha Contos levei um tora preta gozou dentro meu marido adoroucoroa pede paRa marido que quer rola de negao dotadodando uma Coçadinha na língua do negão safado cachorrãoconto gay "todas as formas de amor"vídeo pornô eu estava dormindo a bunda e 20:13 me comeu na marrax vidio porno pegui a mulhe casada de saia na festa puchei a calsinha comifavelenta xvideopeguei a minha sogra com u shortinho enterrado na bunda i comi u seu cu video pornocoroa pede paRa marido que quer rola de negao dotadocontos eroticos de gemeas rabudas estupradas por mecanico do pau gigantevídeo pornô de mulheres que não aguentaram levante 4 cenasincestocrentevovo gostosa seduzindo o neto contos eróticosPorno.doidsexofiume porno garoto senti tezao pela crentinhavídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhoMiguel e Vinicius:Entre o céu e o infernocontos de mulher que da a buceta para mendingo chupar comer mamarassistente de palco do programa vai para o teste do sofa pornoputaria brasileira posicao frango assado pra salvar no celularquero assistir vídeo pornô estupro anal com vibradores e zoofilia misturadocontos eroticos, isso chupa meu peito esfrega meu grelinho faz sua putinha gozarflagrei mamae com irmaocontos de sexo raspei minha bucetacontos saunas velhos chubbys gaysComtoseroticos cegredo