Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

O garotinho, meu pequeno príncipe IV - Finalmente decidimos transar

Autor: Solange
Categoria: Heterossexual
Data: 04/09/2014 22:52:36
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual

Nos contos anteriores, eu contei como eu conheci o Edu, o meu pequeno principe e começamos a namorar escondido e como meu corpão mexia com ele e despertava olhares a ponto dele invadir minha casa para me espionar na piscina. Diante do fato terminei com ele, mas me arrependi a resolvi esperar por ele completamente nua.

O Edu chegou e me viu completamente e aí que caiu para trás, ficou muito surpreso e animadão, não dava para negar aquilo, ele olhava sem palavras para o meu CORPÃO, na época não considerava um corpão afinal eu era viúva jovem e ao mesmo tempo madura como mulher que havia sido fiel ao meu marido durante toda a vida e Edu era só um menino e foi a partir das olhadas do Edu que comecei a perceber o quanto outros homens também olhavam e por falar nos olhares de Edu, depois dele tanto olhar e olhar ele falou.

Eduardo: Que visão maravilhosa, amei meu amor.

Solange: É especialmente para você Edu. Me perdoa principe, eu sei que você me ama. Quero me entregar a você, quero te fazer conhecer o sexo e eu também quero conhecer de novo.

Edu não disse nada e me beijou. Sua mão foi pegando no BUNDÃO. Eu senti ia rolar ali, apesar da total inexperiência de Edu e eu estava disposta a ensiná-lo tudo.

Eduardo: Que BUNDÃO gostoso, finalmente em minhas mãos. Você não imagina o quanto esperei por isso. Sempre olhei demais esse BUNDÃO, ele dá muito TESÃO.

Solange: Obrigada. Não sabia que despertava tanto tesão assim.

Eduardo: Desperta sim meu amor. Com todo respeito, amo seu corpão.

Solange: Que bom. Pegue nos meus seios também.

Eduardo: Ele pegou e começou a beijar e chupar.

Eu gritei como na outra vez

Solange: Chupa Edu, chupa com gosto os meus melões.

Ele fazia tudo aquilo com muita vontade.

Aos poucos eu fui despindo ele também. Fui tirando tudo e peguei naquele penis dele totalmente duro. Ele sem graça falou: Está assim por causa de você Solange, gosto muito de você amor.

Fazia muito tempo que não tocava num penis estava ficando totalmente excitada e depois de tocá-lo levei a mão de Edu na minha vagina e falei:

Solange: Ela está a espera do seu amigo aí.

Fui me afastando e comecei a desfilar na frente de Edu e ele olhava totalmente doido para o meu bundão e depois eu disse para vir atrás e ele agarrou com as duas mãos meu BUNDÃO. Estava gostando muito de tudo aquilo, aquele garoto estava sendo guiado por seu tesão por mim e eu me sentia tão bem por isso. Me sentia feliz com meu corpo e feliz por estar condunzindo meu principe ao sexo.

Não demorou muito e fomos para a cama. Ficamos conversando, trocando carinho, nos beijamos e quando vimos já estávamos transando. Ele repetia que era um sonho estar comigo e eu estava amando estar com meu principe novinho. E ficamos muito tempo ali transando que nem visto a hora passar.

Solange: Como está tarde, foi bom demais Edu, há tempo que não transava, desde que fiquei viúva.

Eduardo: Para mim foi a primeira vez e foi tão incrível, você tem um corpão e é muito BUNDUDA e esse melões que eu adoro chupar.

Solange: Mas agora você precisa ir.

Eduardo: Quero transar sempre agora.

Solange: Ai menino, deixa disso. Deixa o futuro acontecer.

Eduardo: Claro, vou continuar te respeitando e sempre a espera da próxima vez. Não vamos transformar nossa relação só em sexo, mas quero fazer que ele seja cada vez mais frequente.

Solange: Que bom ouvir isso. Quem sabe nossa transa se repita mais vezes. Agora é melhor você ir.

Depois que ele foi embora e comecei a pensar no futuro da nossa relação e chamei Edu para uma conversa. Decidimos que melhor deixar um ao outro livre, mas sempre continuar se encontrando, admiti que também sentia tesão por ele além de muito amor. Resolvemos também que ele e minha filha iriam ser bons amigos e que ele iria respeitar o namoro dela, eu mesma ajudei os dois a se aproximarem.

Mesmo depois de tudo isso, nosso namoro continuou em segredo e nos encontramos várias vezes, mas aos poucos fomos nos interessando por outras pessoas e passamos a usar do nosso combinado de liberdade.

Assim termina essa série de contos sobre o Edu, ele foi importante em outros momentos da minha vida e novos contos com ele serão relatados.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


porno com novinha goszando na buceta na boca da outraSaia Desse Barney comendo Vilma na camafudendo uma putaconto eroticominha cunhada punheteira contos reaisprima gosta da minha pica ele pega e burta na bucerta dela pornô amador conto erótico de mãe divorciadaPorno contos de traicoes dentro da propria casaporno comendo cu de homêm de bùnda grandeContos de gang bang com dotados novinhaa chamada cadela incestoBAIXA VIDEO PORNO APROFESSORA ELIZABETI DA ESCOLA NANDEJAx vídeos enquantoo novinho se masturbavaaté gozar o negão metia lhe a picavideo porno elas adora fude beijado beijoss de ligua quim deliciagenro e sogra conto"virei mulherzinha" cadeiacarolzinha santos e suas amigas trepano no churrascoputas brasileiras bucetas rasgadas zoofiliapornoler contos reais acontecido esse ano de 2017 de maridos que de tanto insistir viraram cornos mansinhoCoroa pelada trazia com marido estupra ela não reclama de nada ela ficaficamos nuas e sastifeitasgarotas gozando e sursurrandovídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhoxxxxxxxvideos com professoras de educacao fisicautimu vídeos d mulher famosa fudeno e gosandopornô doido comadre entre pica grande negãoxvıdeo novınha gozando muıtoBaix porno emprensando na paredebicho preguiça fudendo zoofiliabuçetacasadafoto de cafuçu com pau enorme de grosso e cabeçudocasada fodechamando o nome do comedor porno portuguêsgordas lpucas de tesaocache:cB0rtZ1uQCMJ:https://zdorovsreda.ru/texto/2015051133doce nanda parte cinco contos eroticosBuceta criando pentelho fudendo brasileira adultatva bucetacontos eroticos sou mulher e transei com minha sograsou casada e fui bolinada gosteicontos eróticos xingando quando era enrabadacontos eroticos cheia de pentelhos horriveisputaria brasileira posicao papai e mamae pra salvar no celularconto eurotico academia com o menino bundudocontos eróticos técnica de enfermagem pegando carona com colegavideo de velho tarado depois de tomar unas azulzinhasContos erroticos de empragada chinezaempregadinha contogay sexo no meio do mato novinho transando com 5 homens no Mato levando pica no c* no mato na favela e Leo apartamento pela primeira vez na beira do marconto erotico dos mauricinho ricos com gayporno familia jurássicapornodoido dia de sol chostinhos curtosProdroto meti pau dura na buceta da entiada dorminocontos primeiro menage rolou ate dpesposa fudida por sobrinhos e sogros contos eróticospriminhos na ferias do colejo fazem muita putariaporbo doido escrava cega afoga na bundanovinha loirinha de onzeanos bucetinha enxadinha transando com papaiVirgindade anal incesto Desde pequena Contosexocuneteporno vai fechar a janela fica prezarflagrei mamae com irmaopeguei meu irmao gay e minha irma virgem fudendo nao aguemtei cumi os doisgueixa mijonadei o cu video para o time inteiro de futebolxxvideos loirinha da para o cachorro de raça alemã Ver garotos com 16 cm de picaContos sogra safada e fogoza seduz e se apaixona por seu genro e trasa elepornô grátis só contos eróticos sogra cozinhamulequinhos olhando a surubabucitnharelatos de casadas que treparam e engravidaram dos seus amantescontos eróticos incestos fudendo a meia irmã filha do meu paifilme porno minha sogra me enxeu o saco ate eu come elacornos de belem porno contos 2017viven cabaço foi brica de tranza com cachorro e levou uma rola bem grnde que ficou engatado na bucetabucetinhas e cuzinhos lisosquero ver um monte de mergulhador de 19 a 20 anos de sunga de pau bem duro pelado14aninhos xotas lizinhaeguas taradinha no cio pigandocontos gay limpar a casaincesto encostando a rola no priquito da irmazinha de per no quardocolecao lambendo a cabecinha gozada na boca pornodoidoNoca vi pau grosso filio vei mifuder na sala estoriaConto erótico interacial largando o esposo para viver com amante negroPapai goza na minha boquinha