Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

O garotinho, meu pequeno príncipe IV - Finalmente decidimos transar

Autor: Solange
Categoria: Heterossexual
Data: 04/09/2014 22:52:36
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (0) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Nos contos anteriores, eu contei como eu conheci o Edu, o meu pequeno principe e começamos a namorar escondido e como meu corpão mexia com ele e despertava olhares a ponto dele invadir minha casa para me espionar na piscina. Diante do fato terminei com ele, mas me arrependi a resolvi esperar por ele completamente nua.

O Edu chegou e me viu completamente e aí que caiu para trás, ficou muito surpreso e animadão, não dava para negar aquilo, ele olhava sem palavras para o meu CORPÃO, na época não considerava um corpão afinal eu era viúva jovem e ao mesmo tempo madura como mulher que havia sido fiel ao meu marido durante toda a vida e Edu era só um menino e foi a partir das olhadas do Edu que comecei a perceber o quanto outros homens também olhavam e por falar nos olhares de Edu, depois dele tanto olhar e olhar ele falou.

Eduardo: Que visão maravilhosa, amei meu amor.

Solange: É especialmente para você Edu. Me perdoa principe, eu sei que você me ama. Quero me entregar a você, quero te fazer conhecer o sexo e eu também quero conhecer de novo.

Edu não disse nada e me beijou. Sua mão foi pegando no BUNDÃO. Eu senti ia rolar ali, apesar da total inexperiência de Edu e eu estava disposta a ensiná-lo tudo.

Eduardo: Que BUNDÃO gostoso, finalmente em minhas mãos. Você não imagina o quanto esperei por isso. Sempre olhei demais esse BUNDÃO, ele dá muito TESÃO.

Solange: Obrigada. Não sabia que despertava tanto tesão assim.

Eduardo: Desperta sim meu amor. Com todo respeito, amo seu corpão.

Solange: Que bom. Pegue nos meus seios também.

Eduardo: Ele pegou e começou a beijar e chupar.

Eu gritei como na outra vez

Solange: Chupa Edu, chupa com gosto os meus melões.

Ele fazia tudo aquilo com muita vontade.

Aos poucos eu fui despindo ele também. Fui tirando tudo e peguei naquele penis dele totalmente duro. Ele sem graça falou: Está assim por causa de você Solange, gosto muito de você amor.

Fazia muito tempo que não tocava num penis estava ficando totalmente excitada e depois de tocá-lo levei a mão de Edu na minha vagina e falei:

Solange: Ela está a espera do seu amigo aí.

Fui me afastando e comecei a desfilar na frente de Edu e ele olhava totalmente doido para o meu bundão e depois eu disse para vir atrás e ele agarrou com as duas mãos meu BUNDÃO. Estava gostando muito de tudo aquilo, aquele garoto estava sendo guiado por seu tesão por mim e eu me sentia tão bem por isso. Me sentia feliz com meu corpo e feliz por estar condunzindo meu principe ao sexo.

Não demorou muito e fomos para a cama. Ficamos conversando, trocando carinho, nos beijamos e quando vimos já estávamos transando. Ele repetia que era um sonho estar comigo e eu estava amando estar com meu principe novinho. E ficamos muito tempo ali transando que nem visto a hora passar.

Solange: Como está tarde, foi bom demais Edu, há tempo que não transava, desde que fiquei viúva.

Eduardo: Para mim foi a primeira vez e foi tão incrível, você tem um corpão e é muito BUNDUDA e esse melões que eu adoro chupar.

Solange: Mas agora você precisa ir.

Eduardo: Quero transar sempre agora.

Solange: Ai menino, deixa disso. Deixa o futuro acontecer.

Eduardo: Claro, vou continuar te respeitando e sempre a espera da próxima vez. Não vamos transformar nossa relação só em sexo, mas quero fazer que ele seja cada vez mais frequente.

Solange: Que bom ouvir isso. Quem sabe nossa transa se repita mais vezes. Agora é melhor você ir.

Depois que ele foi embora e comecei a pensar no futuro da nossa relação e chamei Edu para uma conversa. Decidimos que melhor deixar um ao outro livre, mas sempre continuar se encontrando, admiti que também sentia tesão por ele além de muito amor. Resolvemos também que ele e minha filha iriam ser bons amigos e que ele iria respeitar o namoro dela, eu mesma ajudei os dois a se aproximarem.

Mesmo depois de tudo isso, nosso namoro continuou em segredo e nos encontramos várias vezes, mas aos poucos fomos nos interessando por outras pessoas e passamos a usar do nosso combinado de liberdade.

Assim termina essa série de contos sobre o Edu, ele foi importante em outros momentos da minha vida e novos contos com ele serão relatados.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


novınha transando com ırmaocontos chantagiei a filha pra comer a netacú do neltinho arrombadocontos casada da o cu pro cão e o marido participa comendo tambemfotos de profesor japonesa tamno abucetamobile zoofilia com cachora femiaporno pai entrega a filhinha virgem para o agiotavideo de um homen chupano a buceta da mulher a te dar istralosconto com putinha novascoletanias de batidas de pulhetas por mulhreres pra homensvideo de sexo levei gaia e chamei minha amiga e dois amigo pra fazer sexo gostozogozei na boca dela sem pedirpassando a mao no decote e chupando os peitosconto erotico molestada usando leggingsó mulher pelada a chegada com a b******* bem grandona daquelas BH b******* grande pinguelo grande cheio de galacontos das bordas da conaMulher gostosa dw vestinho coladinhos fudendoconto de comi o cuzinho da minha neta com a pica grandeConto erotico fazendeira gostosa da pro caseiropornofamilha sacana . filha querendo mamaso sexo incesto mãe e filho contos ineditosmulheres nojona de tanto tesaovideo porno casada nao estava mas sim.segurado pra chupa o mau do amigobaixar pornô sogro ditas com novinhas greludasbucetao de sotinho q capui de fucamulher chupa gostoso com o dente encavalado pornocontos ela falo chicao nunca dei o cu pra pau grossowww.relato erotico mulher cazada gemeu na pica glande.com.brsexybemmaisMe arrumei para meter com.outro e o corno sabendofui enrabada/contoscontos e vidios homem casado na casa de massagem ė enrrabadocontos eróticos/afeminado no ônibusxvideo Comendo a Mulher do Meu Tio Cielyevangelicas na zoofilia com cachorrohomens metalirgico cacetudpsxvideos gostosas esbugalhou os olhos quando o pau grande entrou tudo de uma vezContos.Ingravidei.minha.irmancontos as calcinhas da minha sobrinha branquinhamano nao me tente incesto contoscontos sexo anal concunhado concunhadafudendo a auiliar da dentista no banheiro pornodoidojapones enchendo cu da japinha dr liquido xvideofotos de bucetas lusinhas brancas rosadasler conto erotico meu delegadobotando na buceta pela beradinha do shorteconto porno gay. bullyingconto cumendo irmao de pau cabecudo irma. virgemgozei na boca no caminhaoxvideos comedo uma mele buchudaconto erotico peguei no flagra meu pai comendo meu maridoContos padrasto fode filha novinha enchentesua tia nao aguenta esse pirocao contoseu fico axanando que sou uma pessoa invejoso mais nao sou meus atos nao se dizem isso mais na minha cabeça eu pensso assim yahoocontos eróticos bolinando e fudendo com minha cunhadinha novinha novinha e virgem encinando ela fuder gostosonovinha virgem tora a roupasmostrando s calcinhanovinha dando a xota papuda pro primo dormindopornô grátis cu de viado dando falta de pão de mel recheado no potecontos eróticos de casadas rabudas traindo com pauzudosXvideo.meninas.nemor.violada.dormido.figidoboquete da minha prima no meio da lavourra de cafe pornocasada qui aforao pauzudotio chupando buceta contoporno vui da naxana vui cu ala ficou bravagostosa.foi.faser.xixi e.tarado.atacolautorizei minha mulher fuder com outronovinha dando.uma segirada na piroca do primo no quartoquero zap d travest d itaquecetubapornocaseirogosandodentrovideo. caseiro. de. sexo. mulher. covida. omarido. pra ir. na. casa. duma. amiga. muito. gostosa. ela. provoca. omarido. da. amiga. e. rola. sexo. com. os tres. gratisporno.incesto.filha se asusta.com o.tamanha do pau do.negraocoletane de cobtos eroticos de travesti bem dotado ativopai fas.fihinha goza primeira ves putariabrasileiracontoseroticoss xvideos5