Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Na escola

Sou professora em uma escola, digamos que sou uma quarentona, meu pudor feminino impede dizer minha idade...não sou uma modêlo, porém creio não estou mal como mulher, me cuido e mantenho minha forma.

Minha maneira de vestir não é muito chamativa, não porque não goste, mas que trabalho com jovens.

Não me incomoda confessar que, apesar de casada, vez ou outra tenha saido com um ou outro, não somos de pedra...Hummmmm...se insistem e são uns gatos acabamos na cama.

Porém não gosto de me decepcionar, meninos jovens de corpos sarados, são inexperientes...se quero foder legal gosto de homens de verdade, como Jaime, professor de educação fisica, esse sim sabe foder...

Um dia o surpreendi com duas alunas, tinha sua calça arriada até o tornozelo e as meninas, Larissa e Vanessa ambas minhas alunas da 5ª.série ajoelhadas diante dele, se revezavam chupando seu avantajado pau...elas ao me ver se assustaram, porém Jaime as alertou se queriam aprovar em sua matéria deveriam prosseguir.

Jaime me olhava, sorria, seguro de si mesmo, meus olhos fixados em sua enorme pica sendo sugada por aquelas duas jovens safadinhas, estava excitada...em poucos minutos sua face anunciou sua iminente ejaculação, olhei extasiada como esporrava no rosto das duas meninas.

Aquele homem era um garanhão, eu gostava disso, elas terminaram seu serviço e sairam correndo limpando o rosto, Jaime continuou em pé ainda com seu pau imenso pingando porra, me aproximei a ele e nos beijamos com paixão, foi uma das melhores fodas a que me recordo.

Agora quando necessito de um macho, vou ao ginásio á sua busca. Nunca me decepciona...

Porém as coisas mudaram e não é de Jaime que quero falar e sim de meu aluno, bruno.

Desde que o vi no primeiro dia me despertou muita ternura, ele é muito timido, se coloca vermelho como um tomate sempre que lhe pergunto ou tem que ler algo em voz alta, na sala sempre tem murmurios e risadas, sua lingua trava tão nervoso que fica.

Nunca olha em meus olhos, sempre com a cabeça baixa, porém as vezes, quando me viro, ele me olha, em seguida disfarça.

Um certo dia em sala de aula, Antonio um dos alunos mais adiantadas da sala fez comentários maldosos á Bruninho, todos riram, o coitado estava a ponto de chorar"""pronto...já basta""" gritei e todos se calaram...

Fiz com que outro aluno continuasse com a leitura, Bruno não tirava os olhos do chão e esfregava suas mãos, suava, me deu muita pena.

Quando terminou as aulas, os alunos sairam na correria, me aproximei dele e lhe disse que em 10 minutos fosse até minha sala no bloco superior da escola, consentiu com a cabeça sem me olhar.

Passado os 10 minutos, bateu á minha porta, lhe disse que entrasse, o fiz sentar-se frente minha mesa.

_Tudo bem com você, bruno!!!

_Sim!!!respondeu com voz embargada.

Se aquele menino não mudasse seu jeito de ser, o mundo e vida iria devora-lo.

_Sinto muito pelo que aconteceu na sala de aula...mas você tem que ser menos timido!!!

Ficou envergonhado, corado...me levantei e sentei-me na mesa á sua frente, comecei a falar com suavidade, tratando de acalma-lo, dizendo que com perseverança sua timidez poderia ser vencida.

Então percebi que olhava furtivamente minhas pernas...nesse dia vestia uma saia altura dos joelhos e ao sentar-me subiu um pouco até o meio de minhas coxas.

Ali estava ele, novamente todo vergonhoso sem se atrever a olhar para meu rosto, porém atrevidamente mirando minhas coxas, percebi em sua calça algo reagir, sua pica estava dura, explodindo de tanta ereção, recordei então das inumeras vezes que o vi me olhando em sala de aula.

Estava claro que ele sentia algo por mim e isso me deu uma idêia, iria lhe dar um tratamento de choque para acabar com sua timidez.

_Você gosta de minhas pernas, Bruno???

Ficou calado...

_Eu sei que você gosta...na sala de aula já percebi que você me cobiça...diz para mim, você gosta de minhas pernas???

Começou a tremer...

_Se acalme Bruno...tranquilo...olhe para meus olhos...você gosta de mim pelo menos um pouquinho???

Lentamente levantou a cabeça, era a primeira vez que olhava para meus olhos...e eram muito bonitos...me disse um """sim""" que mal ouvi...

_Não ouvi, Bruno...responda mais alto por favor!!!

_Simmmmm...eu gosto da senhora!!!

Abri mais as pernas, queria que ele la no fundo visse minha calcinha...qualquer homem fixaria sua visão, mas ele não, ficou petrificado...abri ainda mais, levantando minha bunda mais acima da mesa, agora sim via claramente minha calcinha branca, seus olhos fixaram minha buceta apenas protegida pelo fino tecido...comecei a me excitar vendo como ele mordia o labio.

_Bruno...se quiser pode torcar-me!!!

Em seus olhos vi mêdo...e muito desejo...

_Vem Bruno...acaricia minhas coxas...eu sei que você quer!!!

Achei que ele não faria, continuou estático, sem reação, porém logo me alegrei quando sua mão pousou sobre minha perna e começou a acaricia-la enquanto seus olhos continuavam fixos em minha buceta que estava cada vez mais úmida....

_Hummmm...Bruno...que mão suave você tem...continua...não pare!!!

Levou sua outra mão até minha perna e lentamente foi acaricando minha pele me fazendo arrepiar, foi descendo pela parte interna de minha coxa ficando bem próximo de minha buceta, me olhou como que pedindo...suplicando...permissão...conssenti com um sorriso...

Seus dedos alisavam minha raxinha sobre minha calcinha, comecei a gemer de prazer, então fez algo que me surpreendeu, de repente se ajoelhou, aproximou sua boca e começou a beijar minha calcinha...

_Bruninho...aiiiiiiiiii...você é um safadinho sabia!!!

Se assustou pensando estar sendo abusado e que eu estava lhe repreendendo e se afastou, segurei firme sua cabeça com as mãos a retornei entre minhas pernas.

_Continua...tá gostoso seu bobinho!!!

Continuou dando beijos em minha calcinha sobre minha buceta, senti sua lingua de cima abaixo molhando o tecido...então ele tomou a iniciativa, puxou para o lado minha calcinha, olhou minha buceta depilada e molhada e começou a devora-la.

DEUS...como ele fazia bem...usava a lingua e seu nariz...lambia os lábios vaginais e pressionava meu inchado cliutoris com a boca.

_Shhhhhhhh!!! Bruno...que gostoso...continua...não para...não para!!!

Não aguentei, aquilo estava uma loucura, nem um minuto mais tanto prazer, gozei em sua cara, em sua boca, ele se deliciou com o fluido que saia de minhas entranhas, e não parava de chupar...lamber...lamber...chupar...mordendo minha virinha...seguiu e continuou...até me fazer gozar outra vez...afastei sua boca de minha buceta pois começava a faltar minha respiração.

_Nossa Bruno...quantas meninas você já chupou???

_Eu? nunca!!! é a primeira vez!!!

_Não acredito??é a primeira vez?

_Sim!!!

_Wow...você acabou de dar uma das melhores chupadas de minha vida!!!

Me deu um sorriso ...a primeira vez que o vi sorrir...fiquei feliz...orgulhosa...

Desci da mesa...beijei sua boca...aliás com certeza era a primeira vez que ele beijava também uma mulher...

Eu continuava excitada, precisava foder...iria fazer daquele menino um homem...levei uma de minhas mãos até seu pau rachando de duro dentro de sua calça e comecei a acaricia-lo, de repente senti ele tenso e trêmulo, começou a ejacular dentro de sua calça...

_Desculpa...desculpa...eu não sei o que aconteceu!!!

_Calma bruno...calma...você nunca gozou antes?

_Não!!!

_Você ainda não se masturba?

_Não...nunca!!!

_Tá...não precisa se preocupar...isso acontece!!!

_Olha pra mim...você me deseja...deseja foder comigo??? lhe disse com suavidade sem deixar de alisar sua rôla.

_Sim...te desejo...te quero Natalia!!!

Me encantou ver como me chamou pelo meu nome, fiz com que se colocasse em pé e agora eu me ajoelhou a seus pés, desci sua calça e fiz surgir seu pau duro...Hummmm...era uma bonita pica que tinha Bruno...de um tamanho até respeitável pela sua pouca idade...toda melada de porra pela recente ejaculação e comecei a limpa-la...o pobre menino não aguentou mais que 2 minutos e começou a derramar porra dentro de minha boca, gemendo de prazer enquanto engolia seu leite...seu pau não amolecia...Haaaa...juventude....divino tesouro....

Me levantei...peguei seu pau e o levei até o sofá...

_Agora você vai foder sua professora...está preparado???

_Vai meter seu pau em minha buceta e não vai parar até que lhe dê ordem...entendeu???

Ficou adimirando como eu me despia, primeiro a saia, calcinha, blusa e por último o sutien, ficando toda nua para meu aluninho, me encostei no sofá e abri minhas pernas ficando igual a um frango...digo...uma galinha assada...

_Venha...que tá esperando...venha me foder...me fode agora!!!

Aiiiii...e como me fodeu...com força...com intensidade...no começo descompassado, porém com meu auxilio aprendeu a se mover e meter...me enxia com sua rôla dura...têsa...graças a suas duas recentes ejaculações aguentou por um bom tempo arreganhando minha buceta...quem não aguentou foi eu...passava dos 8 minutos e ele metendo sem para...sem piedade... já havia gozado duas vezes e ele nem sinal de se cansar...estava ficando toda dolorida...me deixou esgotada...não suportava mais e ele não parava de me foder sem descanso...

-Ummm, Bruno...chega...chega...para por favor...não posso mais!!!

Ele saiu de mim e sentou-se a meu lado acariciando com doçura meus seios, eu lhe sorri quase sem forças de tanto que gozei,,,fechei os olhos para descansar um pouco...quando abri ele estava em pé, seu caralho perto de meu rosto, estava duro...melado...

_Posso gozar em sua cara???

Como poderia recusar um pedido desses...

Parece que minha terapia havia dado resultado...sua timidez aos poucos o havia abandonado...

_Deixa ver se entendi, você quer lavar minha cara com seu leite???

_Sim...posso???

_Mas é claro que sim...mas deixa que eu faço para você!!!

Durante os minutos que duraram meu boquete fiquei olhando para seus olhos, brilhando de prazer e quando senti seu pau palpitar em minha lingua a saquei da boca o apertei forte e começou a punheta-lo com força, a ponta cabeçuda de seu pau cobria e se descobria até começar a se inchar, bruno começou a se agitar, só então cerrei meus olhos ouvindo apenas seus gemidos enquanto banhava meu rosto com fartas esporradas, parecia um semental, sentia os jatos explodindo em meus olhos, nariz e por último meus cabelos, mantive os olhos fechados, só abrindo quando mesmo com meus lábios melados com sua porra o senti beijado pelos seus.

Sigo com ele fodendo quase todos os dias, ele é incansável e aprende rápido...chupei seu pau no banheiro dos meninos, em meu carro, na cama em minha casa quando meu marido está viajando e até na mesa da sala de aula quando estamos a sós.

Sua timidez se foi...agora quem se póe nervosa sou eu, ansiosa pelo termino das aulas para poder me deliciar com ele...e também até quando isso irá ter um fim.

Comentários

11/01/2018 07:53:53
Adorei nota 1000 vc vai engravidar dele logo logo por favor olha as minhas histórias com a marcelle espero que vc goste são 5 ou 6 histórias minhas com a marcelle vota tbm Bjs espero seus comentários
13/10/2017 16:34:48
Que delícia de conto, eu também já fui maluco por uma professora, mas não rolou nada! Parabéns pelo conto é com certeza eu queria uma professora assim.bjs
03/05/2015 18:45:40
Que delícia de conto! Adoraria conversar mais com vocÊ!
22/09/2014 18:49:34
procuro 6 homens mega super dotados pra realizar a minha fantazia, quero ser estrupada violentamente e fotografada que todos os homens goze e mijen na minha cara, sexo selgagem cheio de tesao,,, eu morena 28 anos 65 kl 1.69 alt peitao, bumbum farto e muito fogosa... whats ou skype e e-mail,, [email protected] ;;;; rose travesti
16/09/2014 21:43:00
Uaauu que conto gostoso princesa. Agora só fiquei um pouco triste e decepcionado pelo fato de vc achar que todos os homens novos são inexperientes. Sou ainda novo, tenho 22 anos e adoro me relacionar com mulheres mas velhas que eu, maduras e sempre procuro dar o maximo de prazer que eu posso, até pq sei que a maioria ñ tem isso em casa. Mas seu conto estar ótimo adorei. Bjos e se quiser conversar comigo vai ser um prazer. Whatsapp e email [email protected]
16/09/2014 15:49:59
tesão de conto professorinha safada, li e fiquei de pau duro sou obrigado a tocar uma punheta para aliviar a pressão
16/09/2014 15:32:22
Muito bem escrito e excitante.
16/09/2014 15:29:48
Nossa q tesao seu conto, me deixou excitado só de pensar, lê os meus tbm. Bjs. [email protected]
16/09/2014 15:20:30
que delicia professora...tb quero ser seu aluno nota 10
dmm
16/09/2014 13:57:28
10 somente 10, conte mais se possível.
16/09/2014 12:33:35
Muito bom, que professora safadinha... Me envie e-mail [email protected]
16/09/2014 09:16:27
quero ser seu aluno cinquentao chupador bjus
16/09/2014 09:01:10
adorei o conto gatinha nota
16/09/2014 08:26:57
Hum que aula deliciosa..
16/09/2014 07:43:00
Belíssimo conto, muito excitante. Senti muita vontade de ficar no lugar do Bruno. Me deixou de pai duro aqui.
16/09/2014 02:02:26
Que tesão de conto...adorei...é um dos fetiches que sempre tive em minha vida...ser a primeira mulher de um homem...ser fodida inúmeras vezes...que delicia...nota10

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


XVídeos real amador verdadeiro marido chega em casa mais cedo ovo gemido da esposa e grava escondidogranfina brasileira sequestrada e fode e gozapapai da pica grossa tirou meu cabacinho e eu gozei gostosocontos de sexo raspei minha bucetapunheteiras vadias sujas socandoconto erodico fodir com o namorado da minha amiga e ela chega na oravídeos porno metendo na minha tia depois do carnavalcontos eroticos climax daputinha dando pros amigosporno.milene ceribelecontos eroticos sou viciado num cuzinho de machocomendo o primo a foçaxvideosxvideo menina de meno gosano e tremeno as penamulher se afogando com o pao na garganta ponodoidotirei a virgindade da minha empregadawww.contos eroticos cunhado caçula pauzudo come cu da cunhada gostosapicas monstruosas gozando nas tripasvideos de coroas loiras da bunda grande vendo genro de pau duroconto lesbico a procura do amor cap25botando na buceta pela beradinha do shortetaradao fode esposa na frente da amiga que quer tanbem.combucetuda xoxota acucaradacontos quentes de padrasto tarsdocontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombaramarrumei um macho bem r***** pra f**** o c****** do meu marido contos gaywww delexvidio compadrasto enganou novinha rachando no meio das pernas dele por empurrou a p***** todinha e gozou dentrocontos eróticos esposa foi e*******' no comício do político e delesbicas contando cono ébom chupar e ser chpadaXvideo mobile Filha tem buceta piluminha filhinha na punheta contos paguei pra esposa do caseiro pra eu deflorar a filha do caseiro conto eroticofotos de mulher com pinto e buceta crudandosxvideos loira cabelereira tesuda de mini saia cortando meu cabelo pau duroesposinha depravada seduz velhocontos eróticos sou gostosa e acabei seduzindo meu irmao gostoso e acabamos no sexomulher encapetada sexoouvir barulho do pinto entrando na buceta pornômae e filho trazando ele goza detro delasela "abriu a porta" pelado meu pau banheiro "minha tia"foto de cafuçu com pau enorme de grosso e cabeçudoloiras gostosas com abuçeta bigodinhodopou a mãe c. eroticoso contoseroticos completos no sofa do padrinho maria alice deu ate o cuzinhomundobicha ver dois garotos transando em galpao abandonadoflagrei a novinha metendo no matinho e chantagiei contosporno com muito estrupo com muito pau no cu a força com muito sexo bruto.bundas que mexem em cima do caralhoxxvideos loirinha da para o cachorro de raça alemã dei minha bubuta contosfunk pancada novinha loirinha fudendo muito e meninas também cheirando muitomae e filho trazando ele goza detro delasvideosxxx minha esposa comportada servindo es amigoshomem nu da cu seminaristaquero ver um vídeo de mulheres transando com cachorro t***** de quatro com a bunda empinada engatada e urbano gayContos de marido fazendo esposa cadela confessar traiçãoesposa descaderada pelo negãocontos eroticos no dia que dei minha buceta pra dois senhores no onibus,dupla penetracaocontos mamae baby doll vermelho filha sem calcinhaporno cunhadainesquecivelContos eroticos dormindo,conto erotico pingando um gel no rabo da maecontos eroticos de caminhoneiros fudendo homens em posto de combustiveisXVídeos coletânea de mulher sendo agarrada no serviçoContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhocontos eroticos chantagiei minha tia e comi elaeu confesso marido examina minhas calcinhasconto erotico amamentando velho negroO dia em que fodi a detenta carente e tesudatarados fazendo gang gang coletivo com esposa puta italiana do cornoviduda.mulhe.loirinha tentou correr do negao pra ele num te comer mais num deuCorno humilhado na lua de melpai pegou eu e meu irmao gay no sexo e entrol no sexocontos eroticos. bi femininopornos filmes dos xpartacuspornodoido padrasto pensando tórridocontos de sexo depilando a sograporno antigo novinha putinha de calçase esfregando escondida no pau do namorado da maeporno meti na minha irma com forca e fiz ela pular e gemeramo meu corninhover video porno mae gts malhando em casa sem calcinha seu pai vertavinhomg casa dos contosquero ve os telefoni das mulhe de curitiba casada que gosta di da a buceta para oto omhe deixa teu telefonexxvideo porno brasileiro novinha chora ao ter q fd cm varios depois q perd apostana zoofilia as cadelas aceita ser fudidamagrinhas soquem pauzao. de 30 cm