Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

mamae me dava banho

Autor: CR
Categoria: Heterossexual
Data: 01/02/2015 10:57:14
Nota 9.60
Ler comentários (16) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá a todos! Me chamo Cristiano Tokuia (nome fictício), Tenho 25 anos e atualmente moro com minha noiva. A história que vou contar-lhes hoje, se passara durante minha entrada na adolescência.

Eu cresci com minha mãe Barbara (nome fictício), ela me teve muito jovem, aos seus 19 anos, fui fruto de uma paixonite adolescente (coisa que muitos sabem que a alguns anos atrás, e até mesmo hoje em dia, é coisa muito comum).

Meu pai não quis abrir mão dos estudos e da carreira para se firmar com minha mãe, sendo assim nos deixou muito cedo, mas mesmo de longe continuava a ajudar minha mãe e cuidar de mim, mesmo eu tendo-o visto poucas vezes. Minha mãe sempre cuidou de mim com muito carinho, minha avó cuidou de mim durante uma parte da minha infância, enquanto minha mãe cursava a faculdade. Quando ela finalmente se formou em desenho industrial e design de produto, se tornou autônoma e passou a trabalhar em casa, prestando serviços a grandes empresas como free lancer, assim pode sempre estar perto de mim, e pude deixar a casa de minha avó aos meus 3 anos de idade.

Minha mãe sempre foi muito carinhosa comigo, me tratava com muito amor e sempre foi aberta a todo tipo de assunto e conversa. Durante minha infância ela sempre cuidou para que eu crescesse da melhor forma possível, não deixava ninguém mais cuidar de mim, a não ser ela própria, e cuidava de mim com muita liberdade, ela não via problema em andar semi-nua pela casa, afinal eu era apenas uma criança e não via maldade nisso.

Minha mãe nos seus 32 anos de idade era uma mulher linda, um traço levemente oriental, cabelos longos um pouco ruivos mas um avermelhado escuro (puxados de sua mãe que tem sangue irlandês) um corpo magro, mas não malhado, sua beleza era natural, e suas curvas eram perfeitas, um corpo que qualquer modelo bulímica mataria pra ter, sua pele, branca com um leve toque do sol, que a deixava um dourado claro e admirável, seus olhos eram verdes (outro presente de sua mãe), seu rosto tinha um traçado oriental, por parte de seu pai que era de família japonesa, um sorriso lindo e contagiante, 1,67 de altura era um chaveirinho lindo, tem os seios médios mas bem no lugar, não são duros e soltos como o silicone, são firmes e empinados pois são naturais, uma bundinha redondinha e empinada, uma bundinha média mas bem levantadinha, sua nádega enche bem uma mão e sobra.

Já eu, tenho os olhos verde escuro de minha mãe, um cabelo louro escuro de meu pai, a pele branca (presente do mesmo) e 1,87 de altura, meu pai de família alemã me herdou um bom físico (apesar de eu não cuidar dele hoje).

Desde bebê minha mãe me dava banho todos os dias, as vezes no verão mais de um banho por dia, e ela se banhava junto comigo, ficávamos brincando jogando água um no outro, sempre me tratando com carinho. A partir dos meus 11 anos ela passou a deixar que eu me lavasse sozinho, mas continuava a me acompanhar nos banhos, pois cresci assim e achava muito normal, e ela também havia se acostumado com essa rotina. Foi quando estava com meus 13 anos de idade, próximo de completar 14, que o ocorrido que é o tema deste conto veio a acontecer.

Estava no banho com minha mãe, estávamos nos lavando normalmente como todos os dias, e então minha mãe virou-se de costas para lavar os cabelos, enquanto ela estava de costas para mim e de olhos fechados, eu aproveitei para me ensaboar, afinal ele estava ocupando o chuveiro, e então passei a lavar meu corpo, e quando comecei a lavar minhas partes intimas, ela enxágua o rosto e se vira de frente pra mim, eu estava lavando meu pênis com muita calma pois eu pouco sabia sobre aquilo, somente que servia para fazer xixi, então ela deu uma risada e disse:

_Amor! Não é assim que se lava.

_O que fiz de errado mamãe?

_Você precisa puxar a pelinha pra trás e lavar bem a cabecinha.

Disse ela rindo.

_Pelinha?!

Pergunto assustado.

Sim bebê, deixe a mamãe mostrar como se lava.

Então ela pegou em meu “pauzinho”, mole e um pouco comprimido pela água e o frio de estar fora do chuveiro, e com muito cuidado puxa a pele do prepúcio para trás, joga um pouco do sabonete liquido dela nas mãos e começa a lavar-me. Com muito carinho ela lavava meu pau, e tomava bastante cuidado para que todas as partes ficassem limpas. Eu começo a me sentir estranho, desconfortável, eu sentia uma sensação nova, estranha mas muito gostosa e então sem que eu soubesse o que acontecia com meu corpo, meu pau começa a crescer em suas mãos, eu assustado tento me afastar dela, mas ela segura em minha perna com uma das mãos, a outra se manteve em meu membro, então ela disse:

_Amor! Tudo bem, isso é normal, deixe a mamãe terminar de lava-lo.

Então ela continuou a lavar meu pau com todo o carinho do mundo, passava os dedos sobre a cabeça, puxava bem a pele pra trás e ensaboava ele todo, eu já começava a ficar inquieto, a sensação era incomoda, mas me sentia muito bem, até que passou a se tornar um orgasmo, ela, ajoelhada no chão do box, olha pra cima e me vê, de olhos fechados, inclinando meu corpo para trás, quando percebo que ela me olhava, abri os olhos e olhei em seus olhos e ela me disse:

_Está gostando amor?

Disse ela olhando em meus olhos e mordendo o lábio.

_Sim mamãe está muito gostoso.

Disse eu, um pouco sem jeito.

Então ela aumentou a intensidade dos movimentos, passando a mover sua mão em volta da cabeça pra frente e pra trás num movimento continuo e bem devagar, de repente ela acelera os movimentos e responde:

_Então goza pra mamãe meu bebê!

Eu já não aguentando mais, olho para ela e a vejo tocar seu seio esquerdo com uma das mãos, ela o apertava e brincava com o mamilo, eu fiquei olhando e tendo meu orgasmo. Então ela percebe que eu a olhava e disse:

_Pode tocar neles amor.

Disse ela com um olhar de desejo.

Eu me inclinei pra frente e toquei timidamente seus seios, ela pegou em minha mão com sua mão livre, a outra continuava a me masturbar, ela guiava meus toques por seus seios, até que ela se levantou chegando seu corpo mais próximo ao meu, e levou minha mão descendo por sua barriga até sua bucetinha lisinha e com os lábios escondidos pelas dobrinhas de sua vulva. Ela começou a massagear sua bucetinha com minhas mãos, e fazendo com que um de meus dedos entrasse dentro dela, ela soutava gemidinhos de leve, e continuava a me masturbar, então eu olhando sua feição de prazer mordendo os lábios e gemendo, ela me olha, se aproxima e me beija com muita ardência, uma de minhas mãos vai por instinto direto em sua nádega esquerda, sua bundinha durinha e empinada encheu minha mão, eu tocava seu cuzinho levemente com o dedo e apertava sua nádega com força, e com a outra mão eu a masturbava com os dedos, ela ainda me beijando levou sua mão esquerda até minha nuca e massageava meus cabelos, eu nunca sentira nada parecido com aquilo, até que em um momento ela tira a língua de dentro da minha boca e morde meus lábios soutando um gritinho e depois gemendo, neste momento eu explodi, gozei e meu gozo espirrou por todo o seu corpo, ela me soltou olhou para mim, ela mais baixa que eu, estava com o tronco todo sujo de esperma. Ela então me olha com um sorriso satisfeito e me da mais um beijo, ainda com a mão em meu pau já amolecendo, eu com as pernas moles quase desfalecido, abraço ela, e me sujo com meu próprio sêmen.

Ela me empurra pra de’baixo do chuveiro e entra junto, ela me da um selinho e diz:

_Você já é meu homenzinho.

Disse ela com uma voz exausta.

_Já é hora de cuidar da mamãe.

Disse ela com um sorriso malicioso.

Eu com pouco ar em meus pulmões sorrio meio sem jeito, e sem entender o que acabara de acontecer, respondo que sim. Nós voltamos a nos banhar naturalmente.

Continua…

Comentários

29/08/2016 16:15:15
muito excitante !
j.a
14/03/2015 06:33:48
boom
28/02/2015 09:26:06
Agora já era. Todo dia tem treinamento
19/02/2015 15:46:34
eu quero uma mãe assim
236
16/02/2015 19:39:08
Imaginei cada palavra do seu conto. Que excutante
04/02/2015 15:57:02
Seu conto foi excelente e excitante,e concordo com os demais deve dar a continuidade ao seu conto magnífico, espero que leia também os meus abraços
04/02/2015 15:56:27
Seu conto foi excelente e excitante,e concordo com os demais deve dar a continuidade ao seu conto magnífico, espero que leia também os meus abraços
04/02/2015 15:56:20
Seu conto foi excelente e excitante,e concordo com os demais deve dar a continuidade ao seu conto magnífico, espero que leia também os meus abraços
04/02/2015 01:50:24
Aí, garoto muito bom, seu relato! Muito tesudo. Narrativa simples e gostosa. Continue.
03/02/2015 19:38:11
Continuaaa....
03/02/2015 16:39:54
excelente continua cara
02/02/2015 10:24:43
Ótimo cara
01/02/2015 23:55:32
axo q somos mt safados. eu tb dou pro papai e e´mt gostoso. [email protected]
01/02/2015 20:25:47
muito bom, sem apelação e com forte carga erótica. dez!
01/02/2015 18:24:49
Show de conto aguardo a continuação.
01/02/2015 12:39:23
caralho!! muito bom!nota 10quero continuação em hehe

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


elacareca contos eroticos de mullheres carecascontos erótico evangélica novinhagostosas. culpado roludasvideo de sexo narido xifrado com a comlhadaGTA comendo na rua mostrando a bundinha calcinha vestidos aindameu padastro ne colocava para xupar a sua rola ele fala engole sua putinha todo este leitinho q eu gardei para vc sua putinha em portuguesnovinha com beloto do grelo grandecontos eroticos de sogras 2017minha irma me pegou batendo punheta e contou pra minha mae acabou que teve que transar comigoempregadas dona de casa de calcinha cuidando de tudo mas provocando o patrao com o seu rabu gigante xnxvidiocontos erotico dei o meu cu a forca pro pedreiro caralhudopadrasto promete que vai colocar devagar quando a enteada abre as pernas ele enterra a picachupando buseta labefo pasda mso bocsela pelada nua mostrando a b***** b***** mulher pelada nua senão tabaca vocês vão sair de ser por nós no parágrafoadoro foder com meu filho fodeme meu filho nesta cona putagta v a minha secretaria ta dando mole fizemos sexo no escritoriocontos eroticos padrastro levantou minha saiaofereceu a filha pro caralhudo gigante xvideostia perucas carinha de anjo nua peladaMais carentes enrabadas por filhoContos eroticos mamaeeee uii aiiPaguei para deflorar a filha do caseiro conto eroticocontos erótico transei com minha sogravídeo pornô a novinha tomando banho com gosma e sanguecontos feminização forçadagranfina brasileira sequestrada e fode e gozaconto titiocomeu meu cu no natalcontos erotico cm irmamenina+bem+novinha+nua+dadi+seu+cu+vigi+para+padtastoNa china rapta crinhaça para foder com elas porntathy ellen contosvídeos pornô brasileiros com mais novinha proibido sussurrando no escurinho comoaribjr/escritorsimpatia para virar corno mansoo loiro da cicatriz q eu amo parte 11fizemos sexo bi com um estranho contoconfigurar permissões e Jadson aquele beijo que você me deubunda branca mole cavalgando na minha rrola no 1.xxxwww.as gordinhas na zoofelia com animais ajumentadosconto de padrasto socando a punhetagta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetacontos eróticos de um****** velho metendo a rola na menina nova com padrinho pai e filhofui pago pra dar o cu pela primeira vez hetero , sexo gay amadormulher convulsiona de tesao no pinto monstrocontos eroticos de feminizaçao parte 2irmas safadas relatoscontos peguei a negrinha que gritava chingava e mandava emprurrar ate o talocontos eroticos bucetinha apertadagey fazendo fime porno com homem infindo garrafas no geydoce nanda contos eroticospornodoidomadrasta me oçhandocontos eroticos alvinho e o padreContos trai meu marido com encanador roludocontos de esposa puta chupando varias rola na frente d cornominha.irma.uza.shortinho.por.baicho.da.saiaafilhada transando com comadre com cintaPrefeito Sandy crentinha s***** metendoporn bumbum peito enpinadinhos de mae filhamao boba na noiva pegando nos peito dela pornoesposa rabuda na dp com amigos contosincesto padrasto bolinando enteada de sete anos no banheiroporno meti na minha irma com forca e fiz ela pular e gemersexo gay chatagiando o primonovįnha do sexo anal tuenfiar mangueirá liguada no cu da guarotasexo com tapas na cara.puxau de cabelosxivideo homem cumendo veatirei a virgindade da minha empregada