Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Fé e Desejo... A história de um amor impossível - PARTE II

Um conto erótico de Nando Mota
Categoria: Homossexual
Data: 22/03/2015 01:12:25
Última revisão: 22/03/2015 20:40:31
Nota 9.80

Levei menos de quatro segundos para retribuir o cumprimento...

_ Olá me chamo Luiz Avelar. Confesso que fiquei assustado com o barulho na água próximo a mim... E quando não vi nada, nem ninguém foi mais assustador.

_ Tô com uma turma de amigos, disse o jovem. Um deles é igualzinho a você de costas... Posso te chamar de você, certo? E o jovem Lucas Brandão antes de retomar o que dizia esperou meu consentimento.

_ Já estou tão velho assim? Já esta tão visível os meus 35 anos de idade? Falei retribuindo o sorriso por pura educação.

_ Até que não, cara. Então... Esse amigo parece demais com você de costas. Ele é assim brancão com o cabelo preto curto e tem também o porte físico como o teu.

O garoto falava pelos cotovelos e aquilo de certa forma me fez relaxar em sua companhia...

_ Então foi isso... Vim pra cá com essa turma de amigos e ficarei até o final da próxima semana. E você Luiz ficará quanto tempo por aqui?

_ Acredito que o mesmo período que você e seus amigos.

Saímos da água e sentamos na areia a beira mar e falamos sobre vários assuntos...

_ Você é casado, Luiz? Olha que um cara bonitão como você se não for é porque tem mulher cega apor aí...

_ Não, casado não sou e tenho certeza que jamais serei...

Ele sorriu e disse em seguida:

_ Temos mais alguma coisa em comum... Jamais casarei também.

Lucas era um belo garoto. Estava com 23 anos de idade, cursava Historia na Federal de Minas, era o terceiro filho assim como eu também era. Tinha um sorriso contagiante e um porte físico de quem praticava muita musculação. A cor morena da pele estava mais acentuada por conta do bronzeado adquirido nos últimos dez dias de praia.

_ Tá me ouvindo não Luiz? Perguntei em que você é formado?!!!

_ Ah, desculpe é que estava com o pensamento longe... " Não poderia me deixar ser pego novamente ao admirar o corpo de um outro homem "... Sou Teólogo e professor no Seminário em Diamantina...

_ Espera aí... Você mora em Diamantina e trabalha no Seminário de lá? Caralho meu, que mundo pequeno esse. Você acreditaria se disse que sou de lá e meu pai é Deputado Federal que representa toda aquela Região de Minas? Ao terminar de falar me olhou cheio de espanto...

_ Onde tu anda que nunca te vi?

_ Devo dizer também que nunca o vi por lá...

_ Confesso Luiz que da última vez que fui de férias pra casa, eu ainda estava no Científico... E quando voltar, farei meu último semestre na faculdade...

_ Então tá explicado...

_ Olha Lucas a conversa tá boa mas devo ir... Tô com uma fome louca. Cheguei no início da tarde e assim que deixei a mala na pousada dos Coqueiros vim direto pra cá...

_ Então o destino nos quer junto, meu chapa... Tô nessa pousada também. Vamos?

Quando chegamos na pousada o sol já havia se retirado do horizonte e cada um de nós seguiu para seu quarto. Lucas me apresentou há três amigos e duas amigas... Devo confessar que os invejei... " Quanta diferença da minha juventude, Senhor "...

O garoto parecia querer se isolar dos amigos sempre que tinha uma oportunidade. Passamos a fazer muitas coisas juntos... Andar na praia, Correr, nadar, conversar e até as refeições ele preferia fazer em minha companhia...

No oitavo dia na volta pára a pousada em mais um final de tarde passado em sua companhia, Lucas me fez um pedido...

_ Posso tomar banho no teu quarto?!! Eu geralmente sou o último a tomar banho, gente demais e o banheiro fica sempre congestionado... Pode ser, Luiz?

_ Não vejo problema nenhum... Entra aí e toma seu banho enquanto guardo as roupas que mandei lavar...

Ele sem cerimônia nenhuma entrou e foi tirando a camiseta branca que estava colada em seu corpo. Ele foi saindo de cima dos chinelos e abriu o botão da bermuda e puxou um dos lados me fazendo ouvir o barulho do velcro sendo puxado. Me virei automaticamente e fui em direção a cama onde estavam as roupas lavadas... Ao ouvir sua voz novamente me virei e o vi totalmente nu...

_ Desculpa Luiz, não tá dando mais pra fingir que nada esta acontecendo comigo, com nós dois... Se você quiser me mandar embora agora, a hora é essa...

Eu nada disse. A visão do seu corpo jovem, torneado, másculo e liso me paralisou de uma forma que isso o encorajou fazendo com que andasse em minha direção. O coração só faltou sair pela boca naquele momento de aproximação e a única coisa que pude fazer foi esperar e ver o que aconteceria...

_ Você é um coroa lindo, Luiz. Tira essa bermuda pra poder te ver por inteiro...

Rapidamente atendi seu pedido ou sua ordem, sei lá, o fato é que fiquei de cueca e ele me olhando disse:

_ Quero você nu...

Suas mãos avançaram para meu corpo enquanto sua boca procurou a minha e me dominou de imediato. A surpresa deu lugar ao querer rapidinho e repentinamente me vi correspondendo ao beijo que Lucas Brandão me dava. Uma de suas mãos me segurava a nuca enquanto liberava a língua para que eu a chupasse do jeito que quisesse... E eu me deixei conduzir do jeito que ele quis.

_ Pisa em cima da cueca e ajoelha bem aqui na minha frente... Foi tudo o que ele disse assim que tirou sua língua da minha boca, me lambendo os lábios de maneira sensual enquanto me penetrava os olhos com os seus

Quando finalmente me senti nu em sua presença lentamente me baixei e de imediato tive outra vez a boca invadida... Dessa vez por seu membro ereto, de tamanho médio e grosso na medida...

_ Olha pra mim e começa a chupar...

Até fazer da maneira que ele queria, levei vários e leves tapas na cara... Eu nunca havia passado por aquilo antes e em minhas noites solitárias desde o seminário e mesmo após a minha ordenação eu jamais poderia imaginar que seria tão excitante. Deixei de apanhar na cara no momento em que comecei a ouvir seus gemidos e suas ordens...

_ Tá me deixando louco, coroa... Assim mesmo... Engole tudo... Ele é teu professor... Todo teu seu filho da puta...

Lucas me fez engolir até sufocar... Engasguei, tossi, meus olhos vertiam lágrimas e voltei a apanhar na cara novamente...

_ Um coroa putão como você não pode mais engasgar com algo tão simples, porra...

Assim que ele terminou de falar isso puxou meu cabelo fortemente e me fez engolir seu mastro que parecia estar mais duro que antes...

Lucas me levantou de pois de alguns minutos e me levou para minha cama onde me mandou deitar bem na ponta da cama, levantar e segurar as pernas me fazendo ficar totalmente exposto para que ele fizesse o que bem quisesse comigo...

_ Amanhã mesmo vamos reduzir essa marca do seu calção de banho... Assim que terminou de falar, sentou em frente a mim, me deixando envergonhado, segurou nos dois lados de minhas coxas me abrindo mais ainda e caiu de boca no meu cu... Jamais conseguirei explicar a sensação que tive... Com certeza havia recebido uma descarga elétrica de dez mil volts. Quanto mais o garoto me invadia com sua língua ou me lambia em volta, eu delirava e gritava de prazer...

Puxa os mamilos, coroa... Quero ver você louquinho enquanto te domino... E sua boca colou em meu novamente e seus olhos me vigiaram até que comecei a puxar os dois bicos dos meus peitos...

Lucas me chupou intensamente e por minutos intermináveis...

_ Vem aqui e me coloca de novo na boca, putão safado... Foi o que ele disse assim que me largou e ficou de pé.

Voltei a chupar seu membro, dessa vez com todo o cuidado e gosto... O garoto era quente e exalava desejo e prazer por todo o corpo. O desenho de seu calção de banho no seu belo corpo atiçava mais ainda a minha vontade em lhe obedecer e de lhe pertencer, pelo menos naquele momento...

_ Quanto tempo que a gente perdeu, né Luiz Avelar? Meu coroa chupão... Macho tesudo do caralho... E mais uma vez levei tapas firmes em minha bunda me fazendo ficar mais entregue do que estava...

Lucas deitou na cama e me mandou subir em cima de seu corpo. Já em posição invertida ele disse:

_ Chupa essa pica do jeito que você quiser... E antes de lhe obedecer, senti sua língua em meu reto novamente me deixando louco...

Eu tinha certeza que estava condenado ao fogo do inferno e não podia mais voltar atrás e lembrei da chance que tive em voltar e não aproveitei...

O garoto me deixou na cama e perguntou:

_ Onde pego camisinha, coroa? Banheiro, cômoda?

_ Eu não tenho... Nunca usei...

_ Caralho velho... Não acredito. E Lucas me encarou na dúvida...

_ Eu nunca fiz isso antes Lucas, eu...

_ Eu também nunca fiz sem camisinha... Faremos juntos...

_ Não garoto isso não esta certo e...

_ Cala a porra da tua boca e fica de quatro agora...

Tive medo do que poderia me acontecer se eu não acatasse a sua ordem...

Voltei a ter o cu lambido, chupado e levemente mordido pelo garoto... Um, dois e até um terceiro ddo me invadiram antes de finalmente ser rasgado pelo seu desejo e luxúria...

_ Aaaaahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh... A dor era insuportável. Lágrimas vieram a meus olhos novamente e ele apenas disse:

_ Nem mais uma palavra, coroa.

Enquanto era penetrado por Lucas, o lindo garoto que conhecia a menos de dez dias, levei várias tapas na bunda e aquilo só me fez ficar mais ciente do que queria e sempre neguei... A sensação de ser dominado e usado havia me perseguido por muitos anos e na primeira oportunidade real que tive, não desperdicei... A culpa viria, só que nada mais poderia ser feito...

Lucas gozou em cima de mim e logo em seguida me punhetou por um certo tempo, até que gozei em seu peitoral bronzeado e quente pelos vários dias ao sol...

Ele finalmente tomou banho, vestiu uma cueca nova que tirei da embalagem, colocou uma de minhas bermudas que serviu direitinho e caminhou até a saída...

_ Luiz, tudo foi incrível... Não sou de ficar no pé de ninguém... Volto se você quiser que eu volte... E saiu dentro da noite sem me deixar dizer nada.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Meus queridos amigos, quero apenas agradecer por cada retorno que já tive por conta dessa nova trama.

O tema será realmente polêmico... Decidi fazê-lo por conta de anotações que me chegaram às mãos e que muito me surpreenderam.

Por mais que tente dramatizar uma verdade avassaladora e que de certa forma rompe com alguns padrões estabelecidos, jamais conseguirei passar a ideia do que certos Homens da Igreja sofrem por se negarem a viver seus desejos e vontades. Há sofrimento desde o momento do conhecimento de si próprio até depois da consumação do ato carnal em si.

Não vejam esse tipo de sofrimento como pornografia.

Não temos culpa em amar e desejar o igual...

Beijos carinhosos para ... Rose Vital, Ghiar, Ninha M, Agatha, Esperança, ...

Abraços apertados para ... Ru/Ruanito, Victor1607, Zé Carlos, Kayo B, Monster, Faspan, Islander, ...

Nando Mota.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
27/05/2015 09:05:12
Amei :)
22/03/2015 23:25:09
Continua sempre perfeito. Um abraço querido!!
22/03/2015 23:07:54
Prezado Nando. Há muito que desejo deixar um depoimento mas era simplesmente impossível por inúmeras razões. Ao final do ano passado fui à Fortaleza e nutri uma vã esperança de encontrá-lo (mesmo sem conhecê-lo e sem saber onde) para lhe dar um abraço como cumprimento pelos excelentes contos que escreve. Sou seu fã e anseio sempre por mais um capítulo.
22/03/2015 23:03:51
Gostei Muito,continue
22/03/2015 22:08:20
Quero te parabenizar por sua coragem. E blasfêmia é roubar, matar, violentar, caluniar...E tantas outras atrocidades que entristecem o coração do criador que nos ensinou a amarmos uns aos outros como a nós mesmos. E tão fácil julgar e condenar o próximo, muito mais fácil do que olhar com carinho, compreensão e estender a mão. No final das contas o que vai valer são nossos sentimentos e principalmente. nossas ações. Tens meu apoio sempre é meu carinho. Beijos.
22/03/2015 20:12:31
Maravilhoso
22/03/2015 16:45:31
Uhuuu! Há vários outros contos com o msm tema por aqui "religião" e as reações geralmente são mais previsíveis q selfie em frente ao espelho postada no facebook ou seja essa q estamos vendo agora. É so conferir nos arquivos aqui, e por sinal eram bem mais incisivos e raivosos, mas ñ se abale fraülein, isso qer dizer q estas no caminho certo (ou na visão de uns mal caminho rs) seja como for AVANTE!!! ah vai levar 8 pela polêmica,barraco e confusão q é isso q o povo gosta! Ou vão dizer q nao??!
22/03/2015 16:14:47
Bem escrito, como sempre. Sniff, sniff, sniff. Beijos carinhosos, Plutão
22/03/2015 15:30:49
Oi, Nando, andei sumido dos comentários porque fiz uma pequena viagem a trabalho, mas acompanhei seu último conto até o final (aliás, gostei demais e senti falta quando acabou...) e começo agora a acompanhar este novo, que promete muito pela temática (você está se especializando em temas tabus, hein? rs). Grande abraço
22/03/2015 12:47:58
Acompanharei com ansiedade amigo,me surpreenda no desenrolar desta historia. 😘😘😘
22/03/2015 11:56:32
Bem Nando Mota seu texto é desafiador, confeso que as reações que vi nos comentarios não me surpreenderam, já esperava por elas, assim como alguns aqui eu fico meio preocupado com sua proposta, mas diferente de muitos eu prefiro não condenar seu texto e esperar seu desfecho, não se intimide com nada aqui escrito!
22/03/2015 10:45:50
Não falar de determinado assunto não significa que ele não exista e aconteça muito por aí. Respeito quem se sente ofendido com o tema mas não mostrá-lo por isso seria de uma desonestidade intelectual incrível. Estou gostando bastante da história e na igreja também existem pessoas com seus conflitos, dúvidas, medos... E Deus não os julgará por isso. As convenções religiosas são regras dos homens e, definitivamente, estes sempre subjugam os sentimentos em nome de algo que muitas vezes nem eles acreditam. Abraço Nando!
22/03/2015 10:07:09
Nando meu querido, bem sei q vc vai ser tachado por ter a ousadia de mostrar um lado que muitos acreditam não existir ou se fingem de cegos,surdos e mudos, sou católica e não sou hipócrita, todas as religiões têm seus alentos e desalentos o q não podemos fazer é ser fanáticos demais, vc em momento algum desrespeitou a religião vc mostrou o q muitos seminaristas e padres, ou outras autoridades religiosas sentem, dúvidas, e anseios, é errado amar outro homem ou mesmo uma mulher sem ofender a Deus? Muitos questionamentos e dúvidas Luiz Avelar se deixou dominar pelo jovem Lucas e viveu esta experiência, mesmo sabendo q o remorso e os medos de que tudo o q ele sabia e lhe foi ensinado é errado e pecado. Meu amado não vou mais decorrer sobre o assunto pois senão iremos ter uma aula sobre História Antiga, pois é algo q me fascina, nunca fui de me intrometer muito em relação aos comentários, então me desculpe se dessa vez eu não consegui me controlar, aos leitores peço apenas q tenham a mente aberta e não façam críticas tão pesadas, pois o conto relata sobre o amor, mas antes de criticarem procurem realmente entender e se puderem assistam o filme de Humberto Eco "O Nome da Rosa", isso para quem não gosta de ler, o livro é muito bom e no filme Sean Connory está demais, peço desculpas pelo desabafo e ah K, meu bb isto não foi dirigido a vc. Um cheiro e um beijo a todos da Mama Rose
22/03/2015 09:41:19
Maravilhoso como sempre.Abracos man
22/03/2015 09:33:23
Nando não se preocupe com as críticas, pois na verdade não há mentira ou blasfêmia. Eu posso atestar, pois minha sogra, foi freira durante 10 anos e abandonou o hábito antes dos votos definitivos, por causa de situações parecidas, pois não achava certo viver a farsa que há, bem como a hipocrisia, que condena na frente e vive as escondidas. Bjos lindão e um ótimo domingo!!
22/03/2015 08:58:28
Tenha certeza que vc ira ter as consequencias desssa conto ridiculo que vc escreve
22/03/2015 08:57:16
Isso é uma afronta vc esta afrontando nos catolicos voce abusou da sua criatividade isso não e um conto e sim uma blasfêmia!!
22/03/2015 06:49:47
Ah sim, fazendo um adendo, eu nem msm sou católico! Oq ñ me impede de conhecer uns padrecos, iirmãzinha, tbm ja teve pastor&família...! Pai de Santo....
22/03/2015 06:42:46
Hahaha! Eu é q sei oq os padrecos escondem debaixo das batinas... hehe! Talvez eu conte algum dia...
22/03/2015 02:45:05
NANDÃO ou escomungar




Online porn video at mobile phone


zoofilia morena dos desejos anunciopunheta na infancia com amigomulher sendo mastrubada no honibos pro um estranhoadoro ser enrabada conto eroticochupando buseta labefo pasda mso bocscontos crossdresspornô doido corno Deixou o cara comer sua esposa e seu cuzinho na sequênciacontos primeiro menage rolou ate dpdotado se a mão no cu da vagabunda tá depositei o pintoconto erotico traicaochantagemgta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetaEm Família: Parte 1 Autor Sr G casadoscontosConto porno ui ui ui metecarine patricinha casa dos contoscontos erotecos garotinho no1 analconto de encesto filho 32 de pau quadrinhoconto novinha vigen perdeu o cabaco da buceta e do cu no mesmo dia pro pitudocontos eróticos fazendo a sogra drogadameu filho me sondava deu cu do eu comtos eroticospau grosso devasando bucetaContos eróticos de incesto mae que cuzinho guloso e o seu engoliu todo o meu cacetaocalça legui caladinha na casada xvideowww.porno zoofilia.com/dando buceta virgem engatada dois cachorros?novinha sentada ensima do cassete abrindo a bucetinha com os dedoscontos eróticos muleconaconto erótico gay fui comido no internatocontos erotico de zoofilia mulher estrupada por boisconto gay meu amor psicopatacontos eróticos chantagiei o papai pra ele mim enrraba todinhapassa manteiga no corpo e na busetavídeo pornô meu marido chegou em casa ficou surpreso porque eu estava limpa cheirosamamae nao suporta rola do amante na bucetavideos porno gay de jander pauzaocontos de sexo raspei minha bucetasangue suor lagrimas tortura pornocontos eroticos mamae subjugadapeguei na cinturinha e soquei tudo sem ela perceber no cuzinho ai amor nao quero mais vc me maxhucou xvideosnegao metendo em colatinalavano a becetapau grande e grosso porno so com novinhas sendo cruelmente aregacadaimpressando gostosa na parede porno doido analo vizinho safado do 205sexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaozoofilia cavalo tira sangue e bosta do cu da vadiaabriu bunda cu buceta dançarinas distraidasporno moçambicano putas gemendo e falando coisas escitantes.contos erótico de massagitas dotados comendo madames e ninfetasnovinhas.abrir.buzentastrapon sangue e bostaVídeos de homens dando aquelas linguadinhas pornôXvideo vou contar como acabei transando com uma irma da minha igreja elaera casadabucetaazedinhaa cadela aguenta meu pau todinho zoofiliaPai chupando e amassando os seios e vagina da filha e passando a mao na vagina dela ver video calcinha molhadadeu o cuzinho pela primeira vez e pede poe devagar porque ta doendoinara puta dando pro sogrovídeos de biscatinha novinha brasileira gostosa safada entiada metendo c padrasto sem ninguém perceberporno caseiro dupla penetraçao ela fica brava porque doeu o cuContos eroticos com o dono da verdureirocontos erotico meu filho me bateu e botou moralgozei na pica do cunhado do meu marido contosfilha adotiva safada com mae e pai contosb******** cabeluda gemendo e chorandocontos sinhozinho mamou meu grelinhomulher falando juramento de gemido vídeos pornôconto erotico comendo o cu de minha mulher com neutroxcontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anosasmeniasnovinhas.nuaeu quero mulher tem pinto comendo viado que amanhece a tempinho comendo vi antes vídeo pornô vídeocoletanias de batidas de pulhetas por mulhreres pra homensfilho medico vai examinar o cu da mae e acaba em sexo insetotexto jibi mae filho fodeu bucetaporno mhnha mae e irma sao putas 1 contonnncontosContos a empregada com fotoscontos eróticos de sequestroporno minha esposa chupou o pinto do agiota pra pagar minha dividaencoxei lidar evangélicavideo de madrasta indo a viagem de finalistas com o filhocontos emprestei minha irma por cem reais pra um taradox** nnn japonesa gostosa traindo seu marido com seu próprio filho vídeos grátisnegao pega a loira gostosa de conchinha e corno adoracoroas grisalhos que come a bunda de homens em campos dos goitacazesvelho rasgador de bucetanovinha alemã da xana lisina abrindo a portacontos eroticos anal ensinando a pilotar motoporno teste de fudeludade com enteadacasa dos contos esposas pagando a divida dos cornos enroladosbucetaque tenham o monte pubiano volumosoeu emcaixando o pinto do amante na minha irma gostozaela tamava banho quando foi surpreendia pelo roludo que tirou sua virgindadeConto erótico chupa bucetamulher toma susto com rola bucetas moloucontos e xitantes a mulher do meu chefe me seduziuConto erótico sololupusconto porno perdi a virgindade com meu pai estrupador dotado passando pomadadando jatos de porra na Bunda da colegial