Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Meti a pica na amiguinha da minha namorada

Autor: Danyel
Categoria: Heterossexual
Data: 24/04/2015 22:15:08
Última revisão: 25/08/2015 12:34:33
Nota 4.20
Ler comentários (1) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Sou Marcos e namoro Julia a dois anos, o fato que vou narrar é uma foda gostosa que dei com uma amiga dela; não posso dizer que minha namorada não seja gostosa, pois além de boqueteira é rabuda e dona de um belo par de seios, loira alta e com estilo patricinha, mas na cama não passa de uma vadia.

Dia destes estava em casa e chega ela e mais uma garota que ela disse ser sua nova amiga da faculdade, o nome da garota era Diana e por sinal uma bela loira, baixinha, dona de um corpo magro e cabelo grande, com uma saia bem curta, confesso que sou do estilo matador e não tenho estilo preferido por mulher, sendo bonita e tendo uma xereca a gente atola.

Desde primeiro momento Diana me chamava a atenção mas não poderia demonstrar na frente da minha namorada, foi então que ficamos ali batendo um bom papo e tal, conversamos e interagimos e então minha namorada a convidou para o grupo do whatsaap dos amigos e por lá via a oportunidade de mirar nela.

Passados dois dias e em altos papos no grupo a chamo no reservado, papo vai e papo vem noto que ela falava que seu namorado não curtia coisas novas e então soltei aquela.

- Depende se você inovar, se ele não quer algo bacana tem quem queira.

Notei que a cocota deu ima risada safada e então ela jogava uma direta que ela adorava uma safadeza mais que tenha receio pois nunca traiu seu namorado, jogo jogado era hora de atacar e assim o papo foi ficando bem informal e logo via que ela realmente era uma safadona por rola.

- Ta afim de um papo bacana pessoalmente, vou levar a Julia pra faculdade e ai a gente poderia se encontrar e tal. Pode ser?

Então em seguida vejo na tela do celular.

- Mas ela não vai ficar zangada ou com ciúmes?

Então fui direto:

- Ela não precisa ficar sabendo né?

A mina era maior vadia mesmo e topou, larguei minha namorada na faculdade e disse que iria ver o jogo do meu Corinthians com amigos e ia demorar pra chegar em casa mas chegando ligaria pra ela, liguei o caro e fui pegar a mina.

Chegando perto lá estava ela com material da faculdade e já sabia que ela queria mesmo é ser atolada, matou aula pra saborear uma rola diferente do corno do namorado dela, entrou no carro com aquela roupa que logo me assediava e foi jogando o charme.

- Esse é nosso segredo...

Disse que pra mim de boa, fomos dar umas voltas e conversando, mina de papo bacana, lindo corpo e também cheirosa, contava que seu namorado era muito estudioso e não ligava muito pra ela, que estava junto a uns anos e que enjoou de chamar ele pra algo diferente e então jogando a moral.

Falei que era muito bonita pra se apagar a estas coisas e fui chamando ela pra um lugar mais reservado e topando na moral direciono o carro para um motelzinho de leve e nem bem chegando ela já acariciava meu cacete que já estava explodindo na bermuda.

Motel bacana e a loira linda toda minha, magrinha e estilosa dona de belos seios, diferente da Julia que já era uma cavalona alta e esta era baixinha e magra, porem dona de um jeito lindo, meu pau explodia e sem camiseta a via curtir, caímos na cama, tirei a bermuda e só de cuida deixava meu pau em sua direção, mulher gostosa que sabia seu lugar e também compartilhava o nudismo, tatuagem bem na virilha e uma calcinha de renda linda, sutiã que logo sumia e eu mamando seus seios, via ela acariciar meus braços e descer na direção do meu cacete, que então era punhetado e em seguida mamado por aquela baixinha gostosa.

Sentia ela degustar meu pau de 19 centímetros e enfiando tudo na boca fazia um sobe e desce muito gotosa, eu gemia de prazer e curtia o quando uma mulher daquela sabia satisfazer um carinha fogoso igual a mim; segurando em seu cabelo loiro eu afundava ainda mais a fazendo se engasgar, meu pau parecia uma pedra de tão duro e socando sem do fazia a vadia ter o que queria, uma pica suculenta que logo seria posta na tua bucetinha gostosa.

Meu pau já babava na sua boca e então a peguei, beijei sua boca e lambendo seus lábios descia em direção daquelas tetas durinhas e mamando feito louco ao mesmo tempo que meus dedos mexia naquela bucetinha apertadinha, batia uma siririca pra ela e somente via gostosamente urrando de prazer, a puta pedia mesmo é pau, e pra molhar sua buceta nada melhor que linguadas.

Sentada na cama de perna arreganhada eu lambia na sua gruta quentinha e apertada, metia a língua e a fazia sentir o gosto de uma chupada na buceta, sentia ela gostar e forçar agora minha cabeça contra sua buceta que ali era toda melecada com meu jeito de deixar louca, aquela mina era so tesão, gemia feito uma vadia sem sexo a tempos e pedia mais e mais, queria pica e apontando meu pau na entrada da sua buceta atolava cada centímetros dentro dela vendo meu cacete sumir e ficar somente as bolas pelo lado de fora, ela apertava meu peitoral e eu ali começando a meter.

Meu cacete entrava e saia da sua buceta e ela gostosamente gritava enquanto levava rola, pedia mais e em metidas fortes via aquela puta gostar de levar na perereca; que buceta quentinha e apertada, bucetinha de mulher que sabe da e tem um gosto de puta assim era Diana, a nova amiguinha da minha namorada agora experimentava como era dar gostoso para um macho roludo.

Afundei com vontade e metia fortemente, fazia a vadia ter cada centímetro na buceta, gostosamente a deixei na cama, ergui sua perna escorando no meu peitoral estava eu torando ela.

Nunca tinha visto uma mulher gemer tão gostoso e tão alto enquanto levava pica, eu suava de prazer curtia a buceta da novinha e ainda mais louco pra gozar dentro dela; assim beijando sua boca e atolando na sua gruta prometíamos gozar juntos, os dois ao mesmo tempo, acelerava as estocadas e em momentos ouvia a puta urrar de tanto gozar no meu pau, eu ao mesmo tempo despejava meu leite dentro dela e loucamente curtia cada momento de uma gozava triunfal.

Aquela vadia loira estava ali, caída na cama e feliz por tanto gozar e eu com a rola inchada de tanto gozar dentro dela, prazer e sexo, então ela aproveitava ainda mais e vendo meu cansaço e caído na cama se aproxima e começa a limpar meu pau chupando cada centímetro dela, engolindo tudinho e fazendo das minha bolas seu brinquedo, sentia sua língua percorrer cada centímetro do meu pau assim via o quanto mamava e curtia aquela foda extra.

Momento acabana e um banho a dois, ao mesmo momentos que falávamos dos nossos relacionamentos, ela me beijava e curtia a pegada do garoto aqui, nem vinte minutos meu pau já estava duraço pra atolar nela, agora de quatro via ela na cama daquele motel rebolando e pedindo mais pica, agora apontando com seus dedinhos, enfiando eles no seu cuzinho ela pedia mais cacete eu armado cuspia no seu anelzinho e atolava meu pau sem dó, a segurando via o quando aquela mulher sabia dar a bunda, estocava tudinho e ela engolindo a dor ao misto do prazer.

De quatro e rebolando na minha rola, assim era a nova amiguinha de Julia que me chamava de gostoso, pedia gozo e levava agora mais e mais jatos de porra, mas agora no cu, todo arregaçado com meu cacete grosso e grande, ela se masturbava e fazia da sua gruta um brinquedo e sem muito novamente via aquela vadia explodir de prazer e meu pau novamente enche-la de leite, gozo e gemer, assim eram nos dois se libertando depois de um bom sexo.

Estava exausto de tanto fuder aquela loira gostosa, meti e curti o momento, olhava no relógio e já era tarde, mas queríamos curtir mais um pouco e deitados ficamos debatendo a vida, até que era hora de retornar, afinal o cornudo do namorado dela já dava novo no celular e eu tinha que ir pra casa, pois Julia deveria já ter chego, pois seu pai que era médico sempre a buscava na faculdade, eu levava e meu sogro buscava.

Beijo quente e mais uma massageada na sua buceta e a deixei na esquina da sua casa, momento bom e curtido, em casa jantei e liguei pra minha namorada que dizia já estar com saudades e logo dizendo que sua amiga não foi hoje, mas que tinha que deixar um dinheiro com ela, ri da situação e mais tarde pela madrugada recebo um whatsapp dela.

“E ai gatinho gostoso, quero repetir a doce.”

E eu curtido fui me punhetar imaginando fuder aquela vadia de novo, gozei feliz.

FIM

Autor > Danyel

Comentários

18/05/2015 00:15:24
Hummmmmmm delicia de conto.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


velho insiste até rapaz com mussarela no pornôpornô vai consertar geladeira e ela transa com Letíciasexoalvescontos eróticos fazendo a sogra drogadadei o cu e a buceta pro meu primo e me arrependimiguel tesudoContos ertcos me mastubei na sala de aula flagada pelo garoto novinhoeu mostro a Deus e o Diabo que eu como esse comer aquikkkkconto erotico dei pro meu genrominha nora de baby dool me exitaVer garotos com 16 cm de picanegona do zoinhao gritano na picafilme pornô com a Socorro lido RT xxxsexocazeiro oniboPaguei para deflorar a filha do caseiro conto eroticomulher esculhanbando is outros no comentario do nariz thifanycontos eroticos estuprada pelo gariler relatos d velhos d pau gigantes q arrombaram asmulherescontos eroticos meu padastro tirou meu cabacinho e alem de fuder minha bucetinha novinha agora ele tambem fode o cuzinho do meu irmaozinho bem novonhoContos de caseiros negros idoso bem dotado comendo cu de patroas brancaslindo homemcoxa grossa dando pornoA buceta da minha mãe Reginaputinha tres coraçõesmulher pensa que a amiga é mulher mas é um travesti com um pau bem groso e vai dormi com ela em casa e acaba temo um supresa e transa pornoa mulher e amante apertalas bolas pornoconto puta cacete rola xota trepada chupar cachorrame empreste magrinha abrindo a b***** com pau enorme do negão[email protected]as duas bundinha para o macho contorenatadominadoramãe vê filho pelado dotado fica louca e fode com ele pornô iradoxvideos o chifre mais bem tomadoiniciou programa travesti cuzinhofotos+de++buceta+com++calcinhadois negao dt realizando fantasia de n mulher casada porno doidoseita crossdressereu já perguntei onde tu tava ontem Live sexo vídeo pornô deixa que eu adoro vai bater igual a Shakirafodie cusao da minha irma incesto brasil cem camisinha pornosenhora de idade pratica zoofiliairmão fode irmã e estoca mt na sua buceta q estava molhadinhaCalcinha cheirosa da filhinhavideo de homens que ficaram garrados depois que homen enfiou o pinto e seu saco dentra do cu de homen porno e ficaram grudadoscontos eroticos virei vadia novinhacontos meu cunhado tinha um pau gigante e eu quis experimentarfui comer e fui comidoContos reais de sodomiavideos porno de casadas que escreve na bunda corno felis e fodi muntocontos incesto mae gtsyoutube tarado comeu novinhas mobilizado sexaul tirado a roupa nuaseu quero mais homem pelado no da cabeça da rola bem folgado lonamau encostei a penis no cuzin dela ela ja se gozou todacache:cB0rtZ1uQCMJ:https://zdorovsreda.ru/texto/2015051133 novinhas grupalweb cam xvideosfiume porno garoto senti tezao pela crentinhaContos eroticos com o dono da verdureirovideo de mulhe rebolhadocorno e engulidor de rola contocontos eroticos sentei com meu cuzao no pau delecoroas brasileiras gritando cm o puu na xana e pedindo mais xvidiocontos eroticos A Dama e o Bruto O verdadeiro marido Corno . . . Simplemente adora lamber o clitoris da esposa . . . Enquanto o amante dela enche sua buceta de Porranegona sendo arrombado por negao tonato video porno grátisabaixar tema vendo o primo transando com boneca inflávellactofilia porno em sao carlos spcomi a minha tia pela primeira vezfotos da bucetas da sadinaconto corno obrigadocontos casadas chupadeirassó bucetinha novinha na ommmmmsex araminhapau extraordinariamente grande e grosso gozando dentro e arrombando a bucetinha apertadinha da menina novinhaEu quero assistir vídeo de pornô de mulheres de corpo estrutural gostosa bundona com sono televisãovideos porno e sensuais de mãe de Santos que dizem que as pomba giras gostosas mais gostosasmundobicha ver tres brasileiros novinhos se cumendo em casarao