Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Meu deflorador

Autor: lilinessa
Categoria: Heterossexual
Data: 27/04/2015 18:42:35
Última revisão: 20/05/2015 23:40:22
Nota 9.89
Assuntos: Heterossexual, Virgem
Ler comentários (7) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Meu primeiro namoradinho...

Eu era muito novinha, mas ja tinha ficado com alguns garotos.Aquele "ficar" de menino mesmo...

Beijinhos na boca,  uns amassos, mas nada demais...

Resolvi passar as férias em uma das muitas praias belíssimas  do meu Ceará.

Iara, uma das minhas melhores amigas, tinha uma casa na  praia do Uruau...

Um lugar incrível.

E convidou a mim e três meninas para passar o mês de Julho lá.

Fiquei super empolgada. Arrumei as malas e fui.

Na primeira noite tinha um luau na praia.

Assim que chegamos lá, nos enturmamos. Conhecemos outras pessoas. Um grupo de surfista.

Um deles chegou e se apresentou como Dartangnãm..

E começamos a conversar. Ele me convenceu a ir em um lugar mais tranquilo,pois queria ficar comigo. Como ele era um gatinho acabei indo.

Ele saiu me puxando pela mão rumo a um local escuro na beira do mar também.

Tava muito escuro, noite sem luar, eu estava forçando minha visão pra enxergar alguma coisa.

Ele parou abruptamente, e me imprenssou contra uma parede de uma barraca de praia.

Enfiou sua língua na minha boca...

Gelei de apreensão e tesão...

Eu era virgem e o máximo que já tinha deixado rolar era uma passadinha de mão por cima da roupa.

Começou a beijar meu pescoço, minha orelha...

Meu corpo todo se arrepiou.. Minha calcinha enxarcou de antecipação.

E sem cerimônia nenhuma, enfiou a mão por dentro da minha blusa.

Senti os bicos dos meus peitos enrijecerem. Tentei me desvencilhar, dizendo que era virgem.

Aquilo fez seus olhos brilharem de desejo.

Ele me apertou contra seu corpo e se esfregou em mim.

Eu senti seu pau duro, e grande pressionar minha barriga.

Não sei se foi nessa hora ou quando ele levantou minha blusa e começou a chupar meus peitos,que mandei todo meu juízo e auto controle para o espaço.

Ele desceu pela minha barriga, passando so a ponta da sua língua áspera, enquanto suas mãos abriam meu short jeans e me ajudava a me livrar dele e da minha calcinha de algodão com desenho de estrelinhas.

Veio uma brisa e me lembrei que estava ali com apenas minha blusa levantada e nada mais, totalmente vulnerável e exposta para aquele desconhecido ajoelhado na minha frente, me fazendo sentir coisas que nunca senti.

Se em algum momento cogitei a possiblidade de desistir

(Com certeza não passou pela minha cabeça),ela se desfez completamente quando ele passou a língua na minha buceta.

Lembro bem de me esforçar para segurar os gemidos e abafar os suspiros que insistiam em escapar...

Ele levantou, me beijou forte, e sussurou no meu ouvido:

-Quero comer vc agora. Tua chance de desistir. Não sou romântico, nem te prometo flores.Mas te prometo de dar muito prazer. E amanhã quando vc tiver toda dolorida de tanto foder, eu quero que vc lembre quem fez isso com vc.

Eu estava em choque, muda e muito excitada. Não consegui dizer uma palavra.Apenas puxei a camisa dele pra cima.

Ele entendeu a resposta e em tempo recorde estava completamente nu.

Me deitou na areia,  e começou a me beijar e a apertar o corpo dele no meu.

Pegou um preservativo no bolso do short dele e colocou ao nosso lado.

Começou a beijar meu pescoço e sussurrar coisas na minha orelha, tipo vou te comer todinha, seus peitos são perfeitos...

Ele desceu a  mão, alisou a minha entrada e eu enrijeci.

-Relaxe...

A última coisa que tenho em meus pensamentos é te machucar.

Soltei a respiração que estava segurando, e senti um dedo entrando em mim.

No começo incomodou um pouco, depois ele foi acertando os movimentos e eu me perdi...

Lembro de ele enfiar um segundo dedo, lembro também de algumas frases soltas.

-você é tao apertada... será que vc vai aguentar meu cacete todo ...

Ele abriu com a boca o preservativo, colocou na cabeça do seu pau e começou a desenrolar. Parou na metade, olhou pra mim e disse

-Assim não vai rolar.

Eu preciso sentir vc .

Eu só balancei a cabeça consentindo.

Ele arrancou o preservativo, colocou a cabecinha na minha entrada e começou a pincelar...

Eu estava completamente enxarcada.

Pela minha lubrificação e pelo seu pré-sêmen que insistia em fugir pela cabeça do seu pau.

Ele deu uma olhada pra mim e eu sabia. Era a hora que ele iria me arrombar.

Puxei uma respiração e segurei.

Ele começou só com a cabecinha, tava tranquilo, não tava me machucando e eu notei que tava relaxando e que ele ia ganhando espaço. Botando cada vez mais.

Tirando o -"eu sou virgem", eu so abri minha boca mais essa vez:

-Empurra logo toda. E acaba com o sofrimento.

Virei o rosto para o lado. Morrendo de vergonha. Ele virou meu rosto de volta e eu fui obrigada a ficar olhando nos olhos dele.

Literalmente encarando meu deflorador...

Ele foi obediente. Enfiou tudo de uma vez.

Lembro perfeitamente que ele não conseguiu romper na primeira, mas na segunda estocada ele conseguiu.

Meus olhos enxeram de lágrimas.

Tava ardendo muito.

-Eu tinha planejado de um jeito menos doloroso, mas vc quis assim. Ja foi, só relaxa.

Eu fui relaxando, o prazer substituindo  a dor. Ele me beijava, chupava meus peitos, mordia minha orelha...

Eu arfava  de prazer.

Ele diminuia o ritmo, acelerava.

Ele aproximou a boca da minha:

-como você goza quando se masturba?

-an? (Me fiz de doida)

-diz logo porra. Como vc goza quando se masturba. Eu sei que vc faz. Quero saber como. Vc enfia algo ou vc roça em algo?

- eu aperto, roço sei lá. Faço com uma toalha. Coloco entre as pernas e aperto.

- então vem pra cima de mim...

Não é pra cima-baixo...

Faça de um lado pro outro.

Roçando em mim

Fui pra cima, fiz como ele disse

Ele segurou firme na minha bunda ajudando meus movimentos tímidos.

Estávamos muito suados.

Nosso suor se mistirou com nossa excitação, eu praticamente deslizava.

Involuntariamente meu ritmo foi aumentando, perseguindo meu orgasmo que estava se formando...

-isso... Goza... Que eu não vou aguentar muito tempo.

Eu finquei forte  minhas unhas nas suas costelas, enquanto gozava sem conseguir conter meus pequenos gemidos.

Ao último dos meus espasmos de prazer, ele  segurou e me deitou de e na areia, sem nem tirar de dentro...

Começou a bombar forte em mim, umas 4 estocadaa depois ele tirou rápido de dentro e gozou em cima da minha buceta...

Continua...

Comentários

06/05/2015 07:32:24
Bem, Lili, se o deflorador foi o Dartangnan, como no romance de Dumas, eu sou o Porthos. Faltam os Athos e Aramis que devem existir aos milhares por aí, que leram e babaram neste teu conto de estreia. Apesar dele ser teu marido, a máxima ¨Um por todos e todos por uma (Lilinessa)¨ deve valer. Rss. Brincadeiras à parte, muito bom este teu conto, narrando com perfeição a tua primeira vez. Com certeza irei ler as continuações. Grato pela leitura do meu conto. Beijão!
29/04/2015 09:23:55
Gostei bastante! parabéns!
28/04/2015 02:01:33
Adorei
28/04/2015 00:40:45
Ameii continue cm mas contos
27/04/2015 23:45:11
excelente
27/04/2015 22:16:47
Hummm deliciante, me escreva [email protected]
27/04/2015 19:56:26
hum adoro ninfetas, novas, escrevam pra mim que passo meu wats zaap [email protected] espero vc menina lindawats 1_4_9_9_7_3_5_1_3_4_9

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


cachorro mete na buceta e sai puxando a dona vídeocontos eroticos patricinha é humilhada e estuprada por grupo de amigosMania de fica pelada acabei dando pro meu paiContos zoofilia postados em abril d 2017arreando a calcinha pro clacudo gozarvideos de negao com tres negras bundudas rebolando de xotinhos curtinhos bem gotosasconto no cinepornovidio de homem fosando a mulher a bebe a gosma dele pornodoidosites porno contos eroticos de incesto mae ver o pau duro do filho fica com tesao com a buceta toda melada2 comedor do pintao sacaneia casada do rabaocoroa e varoa safadafiz uma foda bisexual com meu filho minha filha minha esposa meu caseiro sua esposa e sua filha contosmulher revivesse monstro xvideocoroa e varoa safadao meu padrato meteume o caralho na maocontos eroticos mamae subjugadapunheta apos encoxada em onibusporno sacana mao na bucetta no cu nojento ao vivoConto erotico: o playboy e o malandrocontos erticos negão de pau gigante ragando cu de passivo sem dose masturbando com sexechop ate gosarvidiopono tia bota pra chupaContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhoContos eróticos teens pai vendo q a rola do filho estava bem grandinha conto gaycasei com um velho brocha mas levo machos pra casa contos eroticosSexo real moca falando olha isso seu pau muinto grosso aiai cache:cB0rtZ1uQCMJ:https://zdorovsreda.ru/texto/2015051133 chupeicontosasisti filme de porno de graca e sem se escreververvideos eroticos da esposa vira cadela do marido eusa coleiracontos eróticos estava dormindo com meu marido e encerro minha buceta de porrameu cachorro me fode todo diaCONTOS ERÓTICOS DE MOTORISTA FANTÁSTICOScontos tirei as pregas da coroa milionariagozando dentro elas brigamfotos de buceta de mulutacarolzinha santos trepano no churrascocomendo a buceta da gostosa na barra de suco de limãobaxinha cochuda casada vingando xvideosmulher amarrada e sendo torturada pica do dotadonegaocontos veridicos com enteadasestrupei minha irma na cama do nossos paisboa foda nos adoramos nos amarmulheres santinhas safadasvideo porno inedito de mulher gozando descontrolada no vibradorconto erotico mendiga novinhamulhe de saia curta esfregano ante fude emcoxano na cozia no xvidioadorei a enconxada que ele medeu erotico aldiconto lesbico a procura do amor cap25pequeninhacontosse masturbando enguando o marido dormexvidiomanauense novinho gozando no xvideoanimopron.com lara umcavalofilme porno minha sogra me enxeu o saco ate eu come elarapaz passa o dedo na bucetinha virgem da novinha e ela gritar de dor contosContos eroticos negao fudendo gostoso com a viuvaconto erótico assim nasce uma travesticontos eroticos mulher casada bi sonia e suas amigasmeu primo tirou minha cueca e cheirou minha rolao bucetaoda minha noracomi o cuzinho do valentao a forca contosler varios contos de lesbicas e eterosamarando a filha pra chupa buceta e mete a liga no buraco da buceta primeira vez que ela sente uma lingaxvideos zoofilia cavalo e cachorro virado em ticofodie cusao do meu entido bundao pornoconto porno minha mulher e sua amiga enfio o dedo no meu cudoce nanda parte cinco contos eroticoscontos eroticos fui xingada e humilhada e violentada por velhos taradosdando com dorbuceta pro pai irmaoVendedora gostosa do shoppingporno inventei um assalto para o comer minha mulherporno levantado a saiao pauzao preto fortebucetamelecaporno gozando na bouca da filinha que dormiaconto erotico soquei um pau de borracha na minha esposa sem ela perceberPorca reprodutoras buceta crandecontos-esfregando na bundinha da netinhaprensada no colchão porn