Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

O CLUBE - 2 - Tibério

Um conto erótico de Carol
Categoria: Grupal
Data: 21/05/2015 23:44:47
Nota 10.00

Seu Tibério mal conseguia se conter. De olhar para meu anjinho ele já ficava duro de novo.

Cris ensaiava um choro, mas seu rosto não saía de perto do tronco maciço do velho. O rosto de querubim, ainda melado de sêmen, esboçava a sombra de uma carranca. Eu segurei o colosso com ambas as mãos e percorri sofregamente toda a sua vastidão com a língua, tendo meu escravo por testemunha.

Enfiei o bordão de Seu Tibério na minha pequena boca à menos de um palmo do meu novo namorado, meu cachorrinho, minha puta… e enfiei quase até a metade, meio engasgada, com o velho a me puxar os cabelos, tentando empalar minha garganta com sua viga de carne rija.

E não era sem alarde que eu abocanhava o bordão. Era com barulho, com cuspe, com intensidade e tesão. Não era pequeno o castigo que eu impunha ao meu anjinho barroco.

Concentrada num vaivém alucinado só na cabeçorra com tanta pressão que deu para ouvir o estampido quando desengatou da minha boca faminta. Um estampido, quase como o estouro de um espumante.

Ri. Não consegui evitar. Uma onda de hilaridade me tomou por completo. Tornei a abocanhar a vara encarnada e voltei a fazer o estouro. E ri de novo.

Seu Tibério olhou com certo encantamento minha alegria juvenil. Quase ternura.

Peguei o mastro e bati no meu rosto. Não com violência, muito menos com delicadeza.

E antes que qualquer um dos dois pudesse fazer alguma coisa, segurei o rostinho de Cris com as duas mãos e enterrei minha língua em sua boquinha. Foi o primeiro beijo de verdade que lhe cedia. E não foi um beijo longo. Só o suficiente para dar saudades depois. Definitivamente não parecia um ato de amor, mas que eu tentava matá-lo sufocado. Mas foi curto, de qualquer jeito. Meu querubim não correu qualquer risco.

Os olhos dele estavam fechados e a boca semi-aberta. Exatamente a reação que eu esperava.

Apontei a pica gigante do velho Tibério para a boca do meu anjinho e puxei sua cabeça. Os olhos de Cris rapidamente se arregalaram e suas mãos espalmadas procuraram apoio nas pernas peludas do velho para tentar se safar.

As manzorras do gordo tentaram agarrar a cabeça de Cris, mas eu o puxei de lá. Seu Tibério não gostou, mas também não era para gostar. Aquele boquete não era para durar. Era somente para deixar saudades depois.

— Assim não, tio — eu impus meu limite.

Fosse outro homem, ele teria me ignorado. Talvez até estuprado a ambos. No entanto, como eu já disse, ele era um homem incrivelmente sensível. Meneou com a cabeça afirmativamente e se aquietou.

Segurei de novo seu mastro e voltei a beijar o Cris. Somente com os lábios dessa vez. E quando o Cris não conseguiu se segurar e tentou meter a língua na minha boca, coloquei o caralho do velho entre nossas bocas. E ele rapidamente entendeu o meu jogo. Nossas línguas se tocavam levemente por baixo daquela rola imensa entre nós. E conforme nosso beijo ficou mais quente, senti Seu Tibério começar um vaivém com sua rola, enquanto segurava nossas cabeças de encontro à pica faminta. Cada vez mais rápido e gostoso. Mesmo Cris não conseguiu se segurar e deixou o velho estocar em sua boquinha um pouquinho, enquanto eu engolia suas bolas.

Quando eu enfiei meu dedo no rabo peludo de Seu Tibério ele não aguentou e começou a gozar na boca do Cris.

Houve um silêncio constrangedor depois disso.

Todas as pessoas são capazes de sentir prazer anal, mas os homens dificilmente admitem isso.

E aquela era uma porta que o velho Tibério não queria abrir.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
22/05/2015 17:39:45
Puro tesão.




Online porn video at mobile phone


contos eróticos sou gostosa e acabei seduzindo meu irmao gostoso e acabamos no sexomolekes.pelados.com.a.rola.melada.de.espermafiume porno antigo do tasaõPadrastro fódendo o çucasa dos contos eroticos o padrasto so quis as pregasas gordinha r***** dando o vaqueiro na Fazendaconto erotico gay o policial e o garoto marrento #14Sexo menage aclimação casadacomeram minha buceta no carnavalcontos eróticos publicadoscontos erotico meu bebe com fimosexvideos o chifre mais bem tomadoconto erotico gay vaquejada capneto com ttezao comendo a avo no quartonefinhas gostosas fodendo muitocontos eroticos casal com prostitutavideo porno papai leu a filha que estava de férias pro sitio e fudeo novinhacontos de tia que mexeu com sobrinho jovemfui so dar uma alisadinha nao deu mandei pra dentro video casero pornocontos gay Meupadrasto cavalo me fudeu part4prensada no colchão porndvd porno vizinho come cu vizinha a forcaamo meu corninhocontos bdsm enfiei uma agulha nos meus seiosxvideos cunhadinha nao resistiu amassagemconto erotico nora carenti fudendo cm sogra pirocudoxvedeo conto erotico a forca no onibusContoeroticonovinhosafadoginecologista dilatando o cuzinho dá mulher pra gozar dentro Bom dia viadinhpsnovinha xeia de pintas na bct na siriricamulher chamou o vizinho para tirar goteiras e deu a buceta para elewww.brincandodaquilo.com vídeos pornopriminhos na ferias do colejo fazem muita putariacomendo sogra encuanto dorme porno loiracasa dos contos zoofilia com viralatasconto caralhudovideo de incesto nisseimeu filho me sondava deu cu do eu comtos eroticosmeu sogro isasiavel comtofiz minha esposa chupar seu pai enquanto fodiamosViado de calsinhaxvideos.comcontos eroticos de incesto seduzir meu pai sentando so de calcinha no colomeu tio comeu minha bucetinha virgem parte 2 contos eroticosconto erotico comendo o cu de minha mulher com neutroxgaby de touros-rn transandoconto erotico meu padrasto sustentando minha buceta com leitinho desde novinhadois gatoto tarado xvidiogozadas no xvideo de mulheres que dar tremetreme naspernastia camisola sem sutiaminha nora de baby dool me exitaEu e minha prima no motel eu disse que eu nao ia meter meu pau na sua buceta virgem mais eu meti meu pau na sua buceta virgem eu disse pra ela agora sua buceta nao e mais virgem conto eroticoesposa caladinha com estocadasxv.ogenrro.cl.endo.asograescravo da esposa scatconto erotico chantageando filha prostitutapanteras porno estemdeu a roupa e deu o cu pro pesocunhada louca pra sentir rola grande pega cunhado de pau duro e nao resistevanessa traindo com irmao do corno douglas spwww.mae nao aquento filho pausudo bocetaoNoca vi pau grosso filio vei mifuder na sala estoriaamo meu corninhoContos eróticos confissôes de umà crente safadaEu quero pornô com tio t***** comendo a novinha apertadinha do patinho doidoconto gay pirocudo da academiaContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhomãe vê filho pelado dotado fica louca e fode com ele pornô iradoporno filho Engravidar mae dormidosucos ontem pego comendo o cu a buceta bem gostosoCarnavalnazoofiliauma foda com a professoracontos eróticos irmao roludo arrebentou meu cabaçoboxeeroticovideosxxx minha esposa comportada servindo es amigoscontos eroticos gratis transformei minha esposa em uma putaesfregou e gosou na xeca da amiga uhhhhistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulherXVídeos gay irmã não queria mas eu conquistei elacontos de tia que mexeu com sobrinho jovemvarias mulheres nuas no meio da grama mexendo na buçetarelato erotico padrasto pauzudoX video comendo ninazinha menor 18Xvidio mulher asusta o marido