Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Meu Padrasto (Parte - 16)

Autor: ∞ Alex ∞
Categoria: Homossexual
Data: 12/05/2015 17:47:15
Nota 10.00
Ler comentários (18) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

O elevador abriu e dei de cara com o Ygor...

Ele: Hora, hora, hora, vejam quem acabei de encontrar!

Ele puxou no meu braço, quando o elevador ia fechando ouço o Fernando gritando: Não!

Mas o elevador fechou.

Ele: Agora você vai me pagar!

Eu: Ygor, por favor não me bate!

Ele era grande, só não era tão grande quanto Fernando, mas era quase.

Ele: Você acabou com minha vida, sumiu, levou um cara para me bater, enlouqueceu de vez? Perdeu a noção do perigo?

Eu: A culpa não foi minha, eu juro, eu disse para ele não ir. Eu disse, mas foram...

Fui calado com um soco, caí no chão ele me deu chutes...

Ele: Seu idiota, sempre estragando tudo, desde que nasceu arruinando minha vida, você vai me pagar!

Ele me dava chutes e socos...

O elevador abriu e Fernando estava lá, todo suado, devia ter corrido, descido as escadas como um furacão...

Não conseguia levantar, minha barriga doía demais, ele havia me dado muitos chutes, com os socos meu rosto também doía, cuspia sangue.

Fernando pegou ele pela gola e saiu arrastando ele para fora, deu um soco no estômago dele, depois ele caiu e Fer montou encima dando muitos socos em seu rosto...

Levantei quase sem conseguir, peguei na parede e fui saindo devagar...

Fer: Alguém liga para a polícia!

Uma senhora disse: Já fiz isso!

Eu: Fer, me ajuda!

Não vi mais nada...

Fer narrando.

Ele ia desmaiando, segurei ele e ele caiu nos meus braços.

Eu: Yago, oh meu Deus, o que ele te fez?

De repente ouço a senhora gritando: Ele está escapando!

Quando olho o vejo saindo do prédio correndo...

Não me importei, ia denunciá-lo, só me importava com Yago, só ele me interessa.

Subi com ele para meu AP...

Cláudia: Oh meu Deus, o que aconteceu?

Eu: O irmão dele...

Ele foi acordando aos poucos...

Eu: Quer ir a um hospital?

Ele: Não, estou acostumado, com uns dias a dor passa.

Ainda estava com ele nos braços.

Ele: Pode me dar minha bombinha?

O levei até minha cama.

Entreguei sua bombinha, fui até o banheiro, molhei uma toalha e fui até a cama...

Comecei a limpar o sangue do seu rosto, ele baixou a cabeça.

Comecei a chorar, não me aguentei, ele levantou sua mão pequena e branquinha como todo o seu corpo e pegou no meu rosto.

Ele: Porque está chorando?

Eu: Yago, como você suporta essa vida? Eu estou comovido...

Ele: Já estou acostumado, já sofri tanto...

Peguei ele e abracei. - Eu vou cuidar de você, você é meu, meu bebê e ele não vai fazer mais nada a você, nada, está me ouvindo? Eu juro!

Estava completamente comovido com a situação do Yago, ele não tinha sossego, sua vida só tinha tristeza e desgraça, era impressionante, não era comigo e eu estava triste, entendo porque ele não tem nenhuma alto-estima, é sempre triste...

Ele: Minha barriga dói.

Eu: Deixa eu ver...

Levantei a camisa dele e estava muito vermelha.

Ele: Vai ficar roxo eu sei.

Ele: Vou pegar analgésicos e um gel, vai sarar, você vai ver.

Dei o remédio e ele tomou, depois peguei um gel...

Me aproximei, ele ainda estava com a camisa levantada, espremi um pouco de gel e comecei a passar. Ele gemia baixinho e fazia uma careta de dor, era uma gracinha...

Sua pele era tão macia.

Eu: Você está bem?

Ele: Sim, só está doendo.

Deitei e ele colocou a cabeça no meu peito, deitando junto a mim...

Longe dalí...

Doug narrando.

Pouco após ele ir, eu desci também...

Rick havia sentado no sofá e ambos vinham da cozinha com copos de água na mão.

Edu: Você ainda está aqui?

Eu: Sim, oi como está você Edu? - Falei sínico.

Edu: Muito bem, e você? - Também falou sínico.

Rick: O que é isso Edu? Claro que ele ainda está aqui, algum problema?

Edu: Não pai, magina, nenhum!

Rick foi até a cozinha e me deixou só com os monstrinhos dele...

Edu: Cara o que deu em você para ainda continuar aqui? Até sua mãe já viajou!

Eu: Pergunte ao seu querido pai, ele não me deixou ir embora em nenhum momento que eu quis!

Edu: Ele é meio tapado mesmo, não enxerga um palmo na frente do seu nariz, não ver o vagabundo golpista que você é...

Não deixei ele terminar, já havia aguentado demais! Pulei encima dele a gente caiu no chão, bolávamos um batendo no outro, eu dava um soco e ele bolava e descontava...

Lívia: Pai, ajuda aqui!

Rick apareceu da cozinha, no momento eu estava por cima, ele me pegou pela cintura e me puxou de cima da praga!

Edu: Ele é louco, voou para cima de mim me batendo!

Eu comecei a rir como um louco. - Ah, claro e você não fez nada para que eu fizesse isso!

Falava sarcástico.

Edu: E o que eu faria? Só cumprimentei você.

Pulei encima dele novamente mas Rick me puxou...

Eu: Me solta! - Me debatia nos braços dele, ele me largou.

Eu: Rick não aguento mais, esse garoto implica comigo desde que me viu pela primeira vez, ele me enche o saco, vive falando que estou aqui por o seu dinheiro! Você sabe muito bem que isso é uma grande mentira!

Saí e fui para o meu quarto, ouvi alguns gritos dele com os filhos e logo depois ele aparece no meu quarto...

Eu: Ricardo eu não admito ser tão humilhado, desde que apareci aqui que seus filhos me humilham, hoje perdi a razão porque me chamaram de vagabundo e golpista, acham que estou aqui por seu dinheiro.

Ele: Eu sei que não.

Eu: Mas se todas as vezes que eles virem ser assim, não vou aguentar!

Ele: Não vou permitir que te façam nada, você é meu, Doug você tem que entender que nunca me apaixonei por ninguém, você conseguiu ainda não sei como me fisgar, não vou permitir que ninguém te faça mal, absolutamente ninguém.

Ele me abraçou, me sentia seguro em seus braços, protegido, ele era um sonho.

Ele: Você é precioso para mim, e não vou permitir que ninguém te humilhe!

Longe dalí...

Fer narrando.

Ele havia dormido após eu passar o gel em sua barriga, o olhava, era tão lindo, aquele anjinho dormindo ao meu lado, passei a mão em sua cabeça, sua boquinha rosa era tão convidativa, naquele dia havia dito que me ama, que estava apaixonado por mim e não sabia o que pensar...

Me aproximei, dei um beijo em sua testa, não sabia se o que estava fazendo era certo ou errado, mas não conseguia não fazer, desci para sua bochecha, depois seu nariz e finalmente sua boca, sua boquinha pequena e linda.

•••••••••••••••••••••••••••••••

Obrigado pelos comnent's.

Beijos gente.

Comentários

11/04/2016 00:25:15
Já era, foram fisgados
01/01/2016 22:33:10
Muito bom!!
13/05/2015 11:55:19
Maravilhoso mas está demorando um pouco risos
13/05/2015 05:57:53
Só observo esse Fernando...
12/05/2015 22:50:58
Muito bom, só espero que o Fer não brinque com o yago. Esses filhos do rick são um saco!
M/A
12/05/2015 22:08:35
Muito bom.
12/05/2015 21:26:22
Fofos yago e Fer.
12/05/2015 21:10:32
Muito lindo... Oh Alex bem que vc poderia fazer que os capítulos ficassem um pouco mais longo né?! Parabéns...Beijão..!
12/05/2015 20:28:55
Perfeito!!!!
12/05/2015 20:23:43
Fofitos!!! S2
12/05/2015 20:21:59
Bom demais
12/05/2015 19:07:44
Perfeito estou amando esse conto 10
12/05/2015 19:06:37
Cada dia melhor, e finalmente o Rick admitiu a paixão dele pelo Doug hahahaha Fer e Yago ainda vai dar o que falar rsrsrs
12/05/2015 19:05:04
Que bom, que o Rick não fechou os olhos em relação aos filhos. Estou gostando do novo Fernando, Santo Yago... :)
12/05/2015 19:04:37
Lindo!!!!perfeito!!!!!!
12/05/2015 18:49:01
QueLegal
A36
12/05/2015 18:36:21
Maravilhoso apesar dos pesares da história em si ser muito comovente, adorei. Abraço!
12/05/2015 18:27:09
Capitulo fofíssimo. Acho que Fernando devia ter lado Yago para o hospital, mas ok, cuidou bem dele. Rick teve uma atitude bacana com o Doug, finalmente né? To adorando essa fase.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos eróticos, fatos veridicos com bem dotadocontos socando ate o talo na cunhadinha novinha super gostosacontos eroticos mulher dopada e fudidaso bucetao ebelas chupadas emuitas punhetascomtos eroticos incesto dei minha busetinha ainda sem pelinhos para um velhos muito pausudo e meu irmao descobrio e quis fuder meu cusinhofunk pancada novinha loirinha fudendo muito e meninas também cheirando muitofilhadorme.e.pai.enfrega.pica.na.buceta.delaxvideos as vigindades das mendigasincesto ganhando chupada de aniversariocontos eroticos vesti uma mini saia para meu sogroContos jovem faz anal varios homens e cuzinho fica dilatado e dilaceradoo qui faco pra demorar enjacularxvidio empesadois gatos com jaqueta na cintura transando porno gaycontos.porno gay um.namoro americano cap 29ver videode mulher. gozando nno pinto bem grossoporno incesto filha perguntapai o que e sexo e ele mostrapenetração forçada do pistoludoconto erótico de mendingochupando buseta labefo pasda mso bocspai fica pelado perto do seu filho lindo mundobichaJoce boqueteirowww.negao metie na velha porno.comcomo meu tio roludo e comedor comeu minha esposa novinha 1 contospornor doido homem batendo poleta na varandamacho arregaca o buraco da xana da safada cm aparelho para ver o fundo do buracomae estrupa filho goza pau brasileirovadia dando o cu fechadíssimoporno mae Chaegando em casagrelinho branquinho dessa buceta virgem deliciaconto erotico gay negao pirocudo maltrata viado brancovideos porno cuzao levando pauzao da cabeca enorme chapéu cogumelofiz minha esposa chupar seu pai enquanto fodiamoscasadindo novo dando o cu e esposa vendo xvideofilha a reda causilha e pai empura rolahttp://contos eroticos rasgaram minha buceta e meu cu branquelopapai e maninho me fuderao com seus pauzaos contosvidio di hme k toroco disexoensinei meu filho de dez anos a bater punhetaxvideos cazero.chuponas. coroa. sebosa2 comedor do pintao sacaneia casada do rabaocomendo a bucetinha da lucinha e o cuzinho da ritinha contos eroticosdoce nanda parte cinco contos eroticosporno secretaria aser estupprada no escritorio e gozada dentro da vagina sem ela quererpastora bucetuda de fil dentalvídeo pornô uma atividade Bonde da três sobrinhos até f****FOTOS CONTOS DE SEXO DE UM JARDINEIRO PIROCUDO COM SENHORAS CASADASprovequei o papai e ele fodeumecontos de putaria sou puta meu irmao um jumento fudeu o cu da minha amiga e eu ajudeiconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretoTheo eTonnyTio Fudeu minha buceta e eu gosteiporno com novinha de saia curta limpando a casa e o irmao dela pousado na bunda delaforcada a foder com roluda pelo marido contoconto sexo "Minha Filha II"foto de muie com bucetas largashistorias eroticas heretossexuaisindo até ejacular até gozar gritando de tanto prazer XVídeos pornô pornô doido pornô iradovidios de cachorro pauzudo emgatado nas novinhas ate o taloccontos eróticos incesto fudendo novinha virgem inocente faveladagarotinho loirinho de treze anos se descobrindo que e gay e tranza com seu irmãozinhoandrew arlindo dellavoglio casa dos contosirmalouca pra perdero cabaco pro irmarcontos gay Mandou eu esperar vestido de putinhadeu o cuzinho pela primeira vez e pede poe devagar porque ta doendoela cagou no meu pau conto eroticobucetavideo porno de homen com fimoseContos de meninas ki deu abuceta pra uns velhos tarado pau enormesmeu patrão desejou comer a minha namorada vídeo pornô cornos Aracajuesposinha depravada seduz velhoadorei a enconxada que ele medeu erotico aldigostosa se masturbando com pinto de borracha solta p**** falsavídeo porno amadores encostano a pica na buseta cabeluda da intiada durmido