Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Xaninha coberta de gozo

Autor: Julinha
Categoria: Heterossexual
Data: 04/06/2015 21:49:49
Nota 9.60

Meu nome é juliana, tenho 17 anos, moro em joinville SC há 3 semanas, com meu pai. Cidade nova, escola nova, pessoas novas. Na primeira semana meu pai já me matriculou nova escola e fez com que eu já fosse no dia seguinte, eu fiquei até nervosa por não conhecer ninguém, mas como sou bonitinha, faço amizade fácil.

Sou branquinha, cabelo liso castanho claro até o bumbum, olhos verdes, tenho 1,60 e peitos fartos. Toda menininha.

No primeiro dia de aula, fui com o uniforme, um shorts azul do colégio que eu fiz questão de subir pra ficar curtinho, uma camiseta também da escola e uma mochila rosa da capricho. Fui com o cabelo solto, cheiroso, coloquei meu melhor perfume e um batom cor de melancia. Quando entrei na sala já podia se ouvir os elogios dos garotos pervertidos, mas eles eram lindos, não paravam de me olhar. Eu sentei na segunda cadeira da frente por que não conhecia ninguém e assim foi até o intervalo. No intervalo umas meninas vieram falar comigo, fazer amizade, até gostei. Depois que voltamos pra sala eu me sentei com elas mas a professora me chamou e fez com que eu me apresentasse em voz alta, quanto me apresentava um dos meninos disse "comia fácil" fiquei envergonhada porém exitada. Todos riram, eu me sentei e ele veio até mim e me entregou um papel. "falo com você na hora da saída", minha buceta piscou naquele momento.

O fim da manhã já tinha chegado e eu estava saindo da escola, ele me puxa pelo braço de repente e diz, "vamos lá em casa, a gente podia assistir um filminho", eu sorrio e digo "só um filme?", ele responde "você sabe que eu quero te beijar!".

Eu concordo e vou com ele até a sua casa. Chegando lá ele mal fecha a porta e já me agarra, me beijando, eu retribuo. Ele passa a mão na minha bunda e dá um tapa de leve e diz que já volta. Eu me sento no sofá da fucking sala e fico esperando. Escuto um barulho de pessoas falando, mas como ele disse que não havia ninguém em casa eu relaxo.

Ele volta e trás maconha e vodka, eu digo que não quero mas ele me convence. Dou uns goles e umas tragadas e meu corpo começa a pegar fogo.

A gente estava sentado um do lado do outro no sofá, ele pega a minha perna esquerda e coloca sobre a dele me deixando um pouco aberta e então começa a passar a mão sobre a minha buceta, eu o olho e digo que sou virgem e que não quero transar. Ele me olha, tira a mão, lambe os dedos e enfia dentro da minha calça e começa a passar a mão na minha buceta. Eu o empurro e ele chega mais perto e esfrega a mão dele mais rápido, eu o empurro de novo e grito pra parar e ele chega ainda mais perto e vai mais rápido. Eu tento levantar mais não consigo por que ele estava no controle, segurando as minhas pernas.

Ai então ele enfia dois dedos dentro da minha buceta e eu dou um soco na cara dele conseguindo me levantar. Começo a falar alto que ele era louco, pervertido, sujo. Ele ri da minha cara e segura seu pênis sobre a calça de moletom da escola. O Pau dele estava totalmente duro. Ele vem em minha direção e eu fico repetindo pra ele se afastar, mas ele me pega pelos cabelos me imobilizando e me leva até seu quarto, chegando lá eu vejo que tem dois amigos no quarto, os mesmo da escola. Eu fico totalmente assustada e começo a gritar, mas ele tampa a minha boca e me joga na cama. Ele senta atrás de mim e me coloca deitada sobre o colo dele. Manda os amigos tirarem a minha roupa e eles começam a me despir, eu tento chuta-los mas ele segura as minhas pernas me deixando igual um frango, só de calcinha e camiseta.

O amigo ruivo dele pega uma tesoura, pula em cima da cama e vem em minha direção, eu fico assustada e ele corta a minha camiseta e depois meu sutiã me deixando só de calcinha com os peitos pra fora. Eles começam a falar que eu tenho peitinhos rosadinhos e bonitinhos e eu tento gritar mas não consigo por que estou com a boca tampada.

O Outro amigo moreno sobe na cama e pega a tesoura da mão do outro e diz "Me da isso aqui, vou te mostrar como é que se faz". Então ele corta a minha calcinha me deixando despida com a buceta bem na cara deles, toda aberta. Ele cospe nela e começa a chupar, eu tento me soltar mas não consigo, no momento só consigo sentir um prazer gostoso em ser chupada. Eu reviro meus olhos e eles começam a rir dizendo que eu estou gostando.

Ele chupava a minha buceta bem gostosinho, a lingua dele passava de um lado pro outro fazendo voltinhas me deixando toda lambuzada. Ele enfiava a sua lingua no meu buraquinho e aquilo me fazia revirar os olhos e me mexer sem sentir.

Ele tira a lingua da minha buceta e diz "gostou né cachorra?" e da um tapa muito forte no meu clitoris.

O Ruivo se ajoelha e vem até mim com o pau duro e sem dó e nem camisinha, enfia na minha buceta. Eu me contraio e eles riem. Ele começa enfiando devagar mas logo aumenta a velocidade. O Josh (o dono da casa e que estava me segurando) me deu um puxão forte no cabelo e disse "vou te largar e quero ver você gemer, se não a gente vai te espancar, entendeu?" Eu balancei a cabeça que sim, estava com muito medo. Na hora que ele me soltou, deu um grito e mandou eu gemer e então eu comecei a gemer feito uma vadia. Eles riam e me chamavam de cachorra. E o ruivo metia sem parar.

Então Josh diz pro ruivo que era a vez dele, o ruivo tira o pênis da minha buceta dolorida e josh se aproxima com sua rola enorme. Ele fica na minha frente e começa a bater no meu clitóris com seu pênis mandando eu gritar "vai josh, vai josh" e então eu comecei a gritar pois estava com muito medo. Eles riam e me xingavam de tudo quanto é nome promíscuo. Josh manda o ruivo gozar em cima do meu clitóris, ele goza quentinho, naquele momento fiquei muito exitada. E então pra melhorar, josh começa a pincelar minha buceta toda gozada, uma delicia, eu gemia mas não por que ele mandou e sim por que estava gostando. Eu então comecei a gemer e dizer "vai josh" e ele dizia "isso mesmo cachorra". Ele pincelava sem parar até que eu gozei mas ele continuou. Eu então me contrai e gritei "para!", ele me deu um tapa na casa e perguntou quem eu achava que era, comecei a chorar e ele mandou eu chupar o pau dele todo gozado. Eu neguei com a cabeça mas ele enfiou com tudo sem ao menos dizer. Ele segurava a minha cabeça fazendo movimento de vai e vem e ficava gemendo e com a outra mão apertava os meus peitos. Ele finalmente gozou e gozou na minha boca me fazendo engasgar. Ele tirou o pau da minha boca e mandou em engolir mas eu cuspi no chão. Ele me estapeou, me jogou no chão encima do cuspi, o seu amigo moreno então veio em minha direção, abriu minhas pernas e começou a meter violentamente na minha buceta enquanto me xingava de filha da puta. Josh e o ruivo riam e diziam "isso ai" "acaba com ela" "faz ela chorar" e eu chorava e pedia pra ele parar. Ele metia muito forte, eu sentia prazer e dor e implorava pra ele parar mas a cada vez que eu dizia "para" ele metia mais. Até que ele tirou o pau da minha buceta, subiu rápido em cima de mim e gozou na minha cara.

Eu fechei os olhos e quando estava abrindo novamente vejo o pau do ruivo na minha cara soltando uma puta rajada de leite. Fiquei toda melada no chão, aberta e nua.

Eles se reunem no canto do quarto, começam a rir e bater as mãos se cumprimentando e gabando. Josh joga uma toalha no chão, mandando eu me limpar e pra completar disse "a gente vai tomar um banho, quando eu voltar não quero mais ver você aqui".

Eu me limpei e fui pra casa o mais rápido possivel, depois disso eu convenci meu pai a me mudar de escola e as vezes eu ainda encontro eles na rua mas mudo de calçada enquanto eles riem da minha cara.

Comentários

14/09/2016 07:09:22
deveriam ter te aproveitado melhor, ter comido pelo menos o teu cuzinho. mas fiquei com muito tesão
05/06/2015 03:22:27
eh bom
05/06/2015 02:36:54
Gostei muito bom, entra em contato cmg me escreva sou de SC tbm [email protected]
04/06/2015 22:20:35
Sinceramente, você foi estrupada e percebi que não curtiu muito a situação, mas o conto foi muito bem escrito. Se quiser contar mais detalhes me escreva [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


seita crossdressersexo contos eroticos comi minha prima d menor nordestinacomocomia a minha tiasem ela saber- Casa dosContosaquilo foi rasgando meu cuzinho contos eroticosporno sarando na coroa na frente do corno no onibosEu quero pornô com tio t***** comendo a novinha apertadinha do patinho doidoContos eróticos cumendo minha mãe e irmãminha prima contoporno vai casa com porra de.outrodei o cu e a buceta pro meu primo e me arrependiyeezus ana casa de contos eróticosEu quero pornô com tio t***** comendo a novinha apertadinha do patinho doidoassistindo filme com a tia e perder pra dica abraçadinho xvideoscoroa ponha cao para chupalaContos Mamadas no paizimnovinha: dei pro meu irmao roludo depois que flagrei minha mae fando pro meu pai na sala contospornodoidomadrasta me oçhandoContos eróticos a gordinha e personal trainerincesto servindo cafe da manha com camisolinha transparentegozei na boca dela sem pedircorno chamou negao pra fuder mais nao gostou de ver a mulher adorandocacetudo comendo a buceta cabeluda da comdre porno doidoXvideosarretadaxxxxxxxvideos com professoras de educacao fisicaCármen e a patroa contos eróticosimem roludodocontos eroticos minha irma novinha peidou quando tirei o cabaco delacomo amasiar um bum-bum super sexoporno.com negao levanta a saia enfia até o saco enche de porravideos porno negao so os tapas estralandoevangelicas na zoofilia com cachorromin engravida amor porno sacanacontos de sexo raspei minha bucetaAmo beijar os pezinhos dela principalmente usando rasteirinhas contosarregasado a buceta com muita velocidadevideos novinhas fazendo sequioso e gozandocontos eroticos sindico com um pau de 27cm fode moradora menor menorconto de padrasto socando a punhetahomnes esibindo seu pauzao no sanba cansao pornodoidominha esposa saiu comigo sem calcinha so pra me provocar meus amigossexo com dentista a forçacontoscomo fazer um sexo anal sem dor e sem sujar e a posição idealamigos d filho fpde mcu da minha.maexvıdeos porno magrınhas gostozavidios pornô homem de .moto come a gostosa que passa na ruanegao infiando na guela da safadapai pegou eu e meu irmao gay no sexo e entrol no sexoconto erótico se masturbando com calca legepraticante de zoofiliaxvideo da tia com medo a som brinha gozado na boca delaconto gay meu amor psicopatavideo porno vovô descobre que a netinha tem o clitoris grandevídeo de mulher pelada nua vídeo mulher pelada mostrando o pinto também amor quer vir aqui também é muito periquita Minha louca vida de mulher pelada nuaminha tia Gleice Albuquerque pornômartinha safadinhaconto erotico gay conto gay real romance historia -youtube -site:youtube.comcontoseroticos/mulherdopastorvideo de padrasto tentando resistir a enteada sentando no colo delezoofilia no Congohomens chupando gkscontos de esposa puta chupando varias rola na frente d cornoMulheres espetaculares de pernas abertas lindas atrizes pornos gostosas nao acredito que estou pesquisando issocalçinha ate amarotada na bucetacontos meu tio pauzaoVideo de duas mulheres tomando banho de biquini e se chupando e gritando de prazermulher e homem tirando a roupa da mulher Valendo Nada superar chupando priquitocontos eroticos inicio na infancia xantageada e abusada Pelo negaoXvideos as filinhas lerinhaporno negao crava tudo de bruso ela gritaisso viadinho chupa minha rola engole tudo logo vai engolir ela toda nesde cuzinho apertadovideos porno meu vizinho é louco por minha bundaporno doido so chupança de buceta. com muita fomefudeu a buceta lozinha da mamaedepilando a minha tia gravida contos eroticoseu sento no seu pau voce mim abraca e mim beija gostoso pornomeu primo tirou minha cueca e cheirou minha rolanegao arebentou as pregas do meu cu contoszofilia mulher dependurada pel cu no cãodei meu leite materno para ele contos eroticos.afilhada transando com comadre com cintaconto anal orfanatovideos de negao com tres negras bundudas rebolando de xotinhos curtinhos bem gotosasContas de incesto mãe tarada descabacando filho a força com fotoxxvideos loirinha da para o cachorro de raça alemã contos meu genro tesudocafajeste chupando grelo grande avantajadocusao de crioula velhaConto gay com o padrasto coxudocdzinha gostosa para programa sp capitalsou casada mais quem mim fode gostoso e patinhovideos curtos de cunhado fudendo gostoso o cu de cunhada negra brasileiraa mulher se arreba negao em fim todinho na buceta sua bola entra na bucetavelhos pintudos andando na praia nudistas videoscontos eroticos de lua blanco e arthur aguiarconto gay perdi a aposta fui descabacadomulhes fudedo deto do karo o cucomo fazer um sexo anal sem dor e sem sujar e a posição idealminha esposa lavano abucetinha