Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

GOZANDO PELA FRENTE E POR TRÁS

Categoria: Heterossexual
Data: 22/11/2015 01:29:55
Última revisão: 22/11/2015 01:31:03
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual, Anal, Oral
Ler comentários (2) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

O CRIME DOS VIEIRA DE MELO - Parte 06

- Como vocês fazem para ficar raspadinhas assim? - Perguntou João Paes Barreto às escravas, depois de ter-lhe metido no cu até se fartar.

Mas elas queriam mais. Acreditavam que nunca teriam nova chance de foder com um homem tão gostoso e experiente quanto o sinhozinho. E acreditavam que iriam mesmo para o tronco, caso o pai da sinhazinha descobrisse que elas serviram de leva-recados pro moço. Estavam deitadas entre as pernas do jovem, descansando das várias gozadas e esperando que ele estivesse excitado novamente. A mais velha respondeu, finalmente, à pergunta:

- Nós passamos melaço de cana na periquita e deixamos secar. Depois de seco, raspamos com lâmina bem afiada, arrancando o pelo pela raiz junto com o melaço, sinhozinho. Se vosmecê quiser, depois trazemos um pote com esse tal grude para lhe dar de presente.

João Paes passou a mão na xoxota da negra, atestando a sua lisura. Não havia vestígio de pentelhos nela. Quando também alisou o sexo da gordinha, esta deu um sorriso de felicidade, abrindo mais as pernas para que ele roçasse seu clitóris. Aí o rapaz, percebendo que seu pau ainda estava bambo, resolveu-se a dar mais prazer a ambas. Encheu as duas mãos de boceta, friccionando o grelo de cada uma delas. As negras fecharam os olhos e facilitaram suas carícias. Logo estavam molhadinhas e escorregadias, gemendo baixinho. Quando percebeu que a irmã estava por gozar, a gordinha introduziu um dedo no cu dela, enquanto o moço continuava a siririca. A negra deu um grito de surpresa, seguido do prazer de ter a falange enfiada em seu buraquinho. Invadiu, também, o ânus da outra, mexendo com o dedo bem lá dentro. A gordinha lhe imitou os movimentos. Logo, gozavam desvairadas pela frente e por trás, graças à dupla masturbação.

O jovem, no entanto, quando viu que ambas estavam derramando esperma, ajeitou-se melhor com intenção de chupá-las. A gordinha afastou-o com as mãos, dizendo que não aguentaria mais gozar. A outra puxou o moço para cima de si, abrindo bem as pernas para facilitar-lhe o intuito. João Paes meteu sua boca ali, saboreando o néctar dela. A negra tinha a boceta mais cheirosa do que as que costumava foder lá no Engenho Novo, de propriedade de seu pai. Lambeu a xoxota com maestria, fazendo a escrava se esbaldar de prazer. Aí a gordinha, um pouco refeita das gozadas que dera, meteu-se entre as pernas dele, lhe chupando o pau, querendo vê-lo crescer novamente. Conseguiu o que queria. Logo o jovem voltou a ficar de cacete duríssimo, chupando uma negra enquanto era chupado pela outra. A que estava entre suas pernas começou a masturba-lo ao mesmo tempo que sugava a glande. Ele apressou as lambidas na xoxota à sua frente, seguindo o ritmo da punheta. A negra urrou de prazer, tendo várias convulsões orgásticas. Expeliu o líquido espesso no rosto do sinhozinho, num gozo demorado que lhe fez o corpo todo estremecer.

Quando viu que a irmã havia gozado, a gordinha apressou a punheta. Pediu que o sinhozinho gozasse na sua cara. Mas a outra afastou-a e quase derrubou o sinhozinho de costas no chão. Depois montou nele, empalando-se em seu mastro. Gemeu de dor, quando sentiu a grande e grossa pica do jovem lhe rasgar o cabaço e as entranhas. Aí, pediu que ele gozasse bem dentro, para que emprenhasse. Nem era preciso ter pedido. Ao sentir o sangue virginal escorrer pelo mastro, João Paes não conseguiu mais se conter. Gozou com todo gosto dentro daquela boceta quente e recém descabaçada. Ela só se contentou quando sentiu os pequenos jatos dele dentro de si, indicando que expelira todo o sêmen. Aí deitou de lado, exausta, mas contente pela possibilidade de gerar um filho do sinhozinho.

A gordinha ficou frustrada por não tê-lo feito gozar em seu rosto, como pretendia ao masturbá-lo, mas ficou satisfeita porque a irmã conseguiu corajosamente deixar de ser virgem, engolindo num só ato a rola enorme e grossa do rapaz. No entanto, logo passou a ficar preocupada, pois o sangramento da boceta dela, pela perda do hímen, era mais do que o esperado. O jovem também percebeu a hemorragia e carregou-a nos braços em direção ao rio. A negra dizia-se zonza e estava quase a desmaiar. A gordinha aperreou-se, pois tinham que voltar para a casa grande o quanto antes, pois o dia já estava bem claro. Lavar a boceta ensanguentada parecia ter sido uma má ideia. O sangramento aumentou. Aí o jovem trouxe-a de volta à margem e depositou-a no chão. Correu até as cinzas da fogueira e pegou um punhado. Despejou na vulva da negra, para espanto da irmã. No entanto, logo o sangue parou de minar.

Nem bem a irmã melhorou, a gordinha lembrou que deveriam voltar para a senzala. Esta se levantou com dificuldade e quase cai ao solo. O jovem já se vestira e estava ajeitando a sela no garanhão. Depois, ajudou a negra a montar, dizendo que a levaria de volta ao prédio do engenho. Mas ambas recusaram a proposta. Não queriam que a sinhazinha as visse em companhia do moço. Inventaram várias mentiras para que ele não percebesse que havia sido ludibriado pelas duas. Acabaram convencendo o jovem. Ele, no entanto, fez questão de emprestar-lhes o cavalo. Aceitaram. E seguiram montadas, depois de se despedir do sinhozinho.

Sem montaria, e distante do engenho onde morava, o jovem resolveu-se a permanecer acampado ali. Tinha carne seca, rapadura e beiju no alforje, não passaria fome. Se fosse o caso, caçaria algum animal para comer. Sentou-se à sombra de uma árvore e se pôs a pensar na sinhazinha.

FIM DA SEXTA PARTE

Comentários

22/11/2015 21:48:42
João Paes e o cara, parabéns pelo por esse cap. Nota 10.
22/11/2015 06:29:07
Que naravilha de conto

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


porno dando a buceta noma tranza agresivave.avaca da minhas vizinhas tarada lindo bucetaocontos eroticos dando o cuzinhi e a boceta pro molekis da vizinhancacontos eroticos sentei no colo do pirralhosou evagelica e nao tive em casa e procurei fora contos eroticoeu quero ver o sexo entre lésbicas sadomasoquismo com lactofilia ela outras mulheres mamando nela e amamentando três mulheres chupando peitoXVídeos mulher chupa na chapoleta de idosovideos pornos de mulheres de cor amarradas e amordaçadasnegao levantou e trepou com gostosa no coloxxx vídeos novinhas aproveitando que a sua mãe saiu no pornô iradoafrouxou fundo um cuconto minha tia tesuda peladamulher crente dando o cu pra dois pedreiro pauzudoquando beijo meu marido umagino que e uma bucetaarebentandocu velinhasporno ele para pra descansar da caminhada e pega morena agua e fode com eleReta do Pedreiro Pelado Heteroconto siririca na despedida de solteiraconto erotico traicaochantagemcorno frouxo contosconto eroticos esposa era certinhacontos de sexo depilando a sogracavalo fudendo mulher com estorcada fortedoce nanda parte cinco contos eroticossobrinho fica triste com a tia so lembrando do namorado que morreu xvideosprimo entra no quarto da prima incente nova e tira ha calcinha dela dormindo pornocontos de incetos e orgias entre irmaos nudismo piscina em casacavalo feia mulher gritando estocada do cafetão pornôcontos de sexo depilada na praiavidio eline falando seu nome eem qunto fode vidio pornoporno de joelvemcontos lesbicos com buceta greluda encaixada na outra at gozar gostosoCONTO EROTICO FILHO CARALHUDO ARROMBA MAE TODA NÕITEacabei liberando cu pro primo masnaogayme fizeram de vaca no ordenhador contos eroticosMe manda o vídeo pornô Adão de armas sedosa só gosta de dar a homem bem dotadopunindo escrava sadomasoquismonao era pra enfiar no meu cuzinho virgemcontos eróticos estava dormindo com meu marido e encerro minha buceta de porrameu bundao esta seduzindo meu filho filmehomem tem namorada ela ta dormindo. e a cama da irma é do lado irmao ataca a irma porno evito. melhor saiteele e meu bad boy e eu sou dele parte 10 casa dos contos doscontos eróticos de incesto uma competição entre a minha filhinha e a sua amiguinhagay bebezão putãowww.x10 porno incesto mãe e filha obrigando ao filho para transar com elascontos de sogro metendo pau na noranegão socando a rola no c* da neguinha fazendo ela arregala o olhoMinha irma adolecente taradinha em conto eroticoConto porno de avo netinha de 2007baixar filme pornográfico de coroas transando buceta com buceta liberado para assistir e já funcionandofui arrombadocontos minha esposa e um andarilho picudoloirinha perguntava se fodia gostoso xvideosporno coeioq e o liquido branco melecado q saio do xibiovídeo pornô tia da peruca da carinha de anjo dando o raboWww xvideo.com depiladora ñ resistiu a pica judiciaria tatuada pornodois dotado fetendo com forca e tirando sangue da bucetinha da moleca assanhadamulher chupa gostoso com o dente encavalado pornomenina criano cabelo nabusethttp://contos eroticos rasgaram minha buceta e meu cu branquelovideos de sexo Dono de imóvel comendo o cu da inquilinajornalista77 contos eroticocontos eroticos gay x negao 40cmpadrasto enteada falei de sexo brasileiroquero ver vídeo pornô de novinha sendo estrupada na noite passada passada amor comigo a noiteno cuzinho da esposa do amigo q estava viajandoContos eroticos entre padre e noviçagta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetacontos de sexo depilando a sograCasal aclimação quer homem para sexo a 3 menage on lineporn bumbum peito enpinadinhos de mae filhagaleguinha baixinha trancadinha novinha transando e beijando a forçacomendo amiguinha da entiada de 15anose possível ter.orgasmo quando estiver engatado com cachorrozoofilia veterinaria tendo orgasmo com cavalo