Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Axé com muito Sexo e tesão (versão Masculina)

Um conto erótico de Leo Dançarino Sarado
Categoria: Heterossexual
Data: 25/12/2015 17:49:14
Nota 9.00

Antes de começar, aviso que esse conto é a “versão masculina” do conto “Axé, tesão e corpos sarados”, cuja autora foi a Tatiane “piriguete”. Leiam depois!! Meninas, espero que gostem desse!

Me chamo Leo, tenho 25 anos, 1,80m de altura, corpo atlético, sarado bem definido, depilado, abdômen tanquinho rasgadaço, sem nenhuma gota de gordura; sou bem bronzeado e tmb cuido da aparência; sou dançarino de axé e preciso sempre estar com o corpo em forma, especialmente pq, no grupo que faço parte, dançávamos sem camisa. Pra manter o físico, pratico musculação, muitos abdominais e treinos de dança, uma combinação impecável pra deixar o corpo escultural. O Axé é algo que, além de gostar, me excita mto... é muito tesão! Adoro ficar me exibindo nos palcos e as meninas da platéia gritando! Além disso, claro, costumo malhar muito na cama com as gatinhas, “exercito” sempre minha pica grossa de 25 cm, gozo muito e faço elas gemerem e gozarem como loucas... principalmente qdo a gata é uma dançarina piriguete, elas sabem rebolar, e sempre rebolam na minha pica, bem gostoso!

Recentemente entrou uma dançarina nova no nosso grupo, a Tatiane, muito, muuiitoo gostosa! Loirinha bronzeada, Bumbum redondinho e empinadinho, seios siliconados, magrinha, corpo tudo em cima, tinha uma cara de safada tmb; tava louco pra “experimentar” ela, trepar bem gostoso, era só uma questão de tempo.

Estávamos ensaiando e treinando pra um show que iria acontecer em uma praia, no carnaval... porém, a produtora decidiu “inovar”... como nessa época do ano, aliado ao calor e à pouca roupa, os hormônios “afloravam”, a idéia foi fazer um show diferente... teríamos de realizar no palco um “strip tease”... ou seja, os rapazes teriam que ficar só de sunga branca e as meninas de bikini branco. Então pensei comigo mesmo em como eu disfarçaria a excitação... só de me imaginar dançando de sunga junto com dançarinas gostosas só de bikini e as meninas da platéia gritando, já fico de pau duro... e pega mau, ainda mais com minha rola de 25 cm embaixo da sunga branca... teria que me “aliviar” antes com uma boa punheta, ou pensar em algo broxante, sei lá...

A produtora havia alugado uma casa em um condomínio, toda equipada, com salão pra ensaiar, academia, sauna e piscina. Estávamos em 6 dançarinos (3 rapazes e 3 meninas), a galera toda com corpo escultural e em forma. Um detalhe é que, pra manter o profissionalismo, era proibido transar durante a estadia e os ensaios... algo difícil de controlar... não podíamos “dispersar” energia, tínhamos que nos concentrar nos ensaios de dança e na academia, pra ficar com o corpo legal nos shows.

Como já foi dito no último conto, havia uma parte da dança (uma “performance” ) que era o momento do “strip tease”... antes disso, entrávamos no palco vestidos todo de branco... os dançarinos com uma camiseta bem justa, tênis e calção bem curto... as meninas vestiam um top bem sexy e justo, tênis e um shortinho de lycra, tipo “leg”, colado na bundinha. Durante o show, íamos tirando aos poucos a roupa, ficando apenas com o tênis de sunga branca (os meninos) e as meninas apenas de tênis e bikini branco.

No momento mais “sexy apeal” e excitante do ensaio – os rapazes, já sem camiseta, teriam de ficar de frente pra platéia e com as mãos levantadas (isso na hora do show) e as dançarinas atrás deles... então, elas aos poucos iriam esfregando as mãos nos nossos peitorais depilados e descendo as mãos pelo abdômem tanquinho... e, em um movimento rápido, arrancaria o nosso calção (que tinha um zíper do lado pra facilitar), e ficaríamos só de sunga. Nessa mesma posição, elas continuariam nos massageando e arranhando levemente o abdômem, quase chegando na rola, mas não podia encostar as mãos na pica (se bem que elas deveriam adorar fazer isso no show...) o objetivo era enlouquecer a mulherada da platéia. Depois, quando já estávamos só com a sunga, era a nossa vez de tirarmos as roupas delas: ficávamos atrás, íamos tmb alisando o corpo delas e e rasgávamos os shortinhos delas, deixando-as apenas de bikini branco. Só de imaginar a cena já me excitava...

Faltava 2 dias pro show, e, durante os ensaios, eu a Tati ficávamos trocando olhares... como ela era nova no grupo, ela ficou no começo observando... houve uma hora que eu, já de sunga, tive que fazer a performance com outra dançarina... ela ficou atrás de mim e me alisou todo com suas mãos, e a Tati só olhando... percebi que ela tava gostando de ver, e isso excitou ela, a parte da frente da calcinha do bikini estava encharcada. Qdo me deparei com a situação, mais o fato da outra dançarina gostosa estar me alisando com as mãos, o volume da minha sunga começou a cresçer... o foda era que antes disso eu havia esquecido de me aliviar com uma gozada, e não deu pra segurar... eu tava me contorcendo... pra quebrar o gelo, todos riram da situação, mas a Tati deu uma risadinha com cara de safada pra mim.

No mesmo dia, ao anoitecer, fomos liberados pra descansar, pois no dia seguinte seria o show. Todos foram pros seus quartos. Como eu tava com muito tesão com a situação do ensaio, logicamente iria bater uma punheta gostosa... mas antes, como eu não havia malhado no dia, resolvi treinar no quarto mesmo, pra depois dormir. Como estava calor e eu sozinho no quarto, resolvi treinar de apenas de cueca. Tava muito calor, e comecei a suar mto durante os abdominais, com o pau duro... o que eu queria mesmo era foder com a Tati, mas era meio arriscado na hora... porém, teve um momento em que me deparei com uma cena excitante: a porta do meu quarto tava entreaberta; havia um espelho na parede, e foi através dele que vi a Tati me observando malhar... deu pra ver ela direitinho, mas ela tava achando que não estava sendo vista por mim, mas eu a via claramente através do espelho: estava com uma lingerie cor de rosa, com as mãos na parte da frente da calcinha... tava olhando p meu corpo suado e se excitando...uma mão massageando os seios e outra a bucetinha... que delicinha! Aquilo me excitou demais, e eu tava adorando a situação – foi então que, fingindo que não estava olhando pra ela, resolvi parar com os abdominais, tirei o pau pra fora da cueca e comecei a bater uma. Ela viu a cena, e percebi que começou a intensificar a massagem na buceta, foi qdo dei uma esporrada violenta... foi porra pra todo lado! Tati soltou um leve gemidinho baixo, de surpresa, talvez ela nunca teria visto alguém esporrar e gozar daquela forma! Daí ela saiu de fininho depois. Tomei uma ducha fria pra acalmar, mas meu pau ainda tava duro, queria trepar com ela de qlqr jeito... resolvi então me controlar, mas tava difícil... finalmente, depois de mto controle, acabei pegando no sono, pois o show seria no dia seguinte.

No dia do show, a praia tava lotada; entramos no palco, e a galera vibrava; as meninas loucas p tirarem foto da gente. Foi então que em uma parte do show, resolvemos tirar a camiseta... as meninas do palco pediam toda hora pra tirarmos o calção, mas essa era a idéia, o objetivo era surpreender. Foi então que veio o momento: pra minha felicidade, eu iria fazer a performance com a Tati, e ela, além de gostosa, tava toda arrumada, maquiada, com batom rosa choque e unhas pintadas. Ela foi pra atrás e começou a me alisar meu peitoral, foi pro abdomem e arrancou meu calção... todos os dançarinos fizeram isso ao mesmo tempo. Logicamente as meninas da platéia foram a loucura, até a segurança do evento foi acionada pra conter algumas que tavam tentando invadir palco! Foi difícil controlar a ereção... ainda mais como o jeito que ela passou a mão em mim, com vontade; agora era a minha vez de tirar o shortinho dela... alisei ela com vontade, e quando vi aquela bundinha, aquele bikini branco bem na minha frente, me segurei, queria comer ela ali mesmo. Ela percebeu q eu tava gostando, e deu uma leve roçada no meu pau... daí foi sacanagem... tive de me controlar mto na hora. O show foi um sucesso, havíamos conseguido inclusive mtos patrocinadores, até uma marca de camisinha!

Finalmente o show havia acabado, mas ainda iria ter outro, em outra praia, então ainda ficaríamos um tempo na casa alugada. Já era de noite, umas 22h00, havíamos todos nos recolhidos pra descansar, e todos estavam dormindo. Deixei a porta do meu quarto entreaberta pra ver se ela aparecia... eu tava só de cueca branca, suado devido ao calor e tmb pq tava malhando. Vestido assim mesmo, resolvi ir até a cozinha beber água. Foi então que ela surgiu, vestindo apenas uma calcinha rosa e um topzinho na parte de cima. Eu tava encostado na pia bebendo água, só olhei pra ela...

“Não consigo dormir” disse ela.

Fui me aproximando, já com a barraca armada e pingando de suor, e respondi: “deve ser o calor... ou tensão mesmo...”

“Pois é, to meio tensa depois dos ensaios... preciso dar uma aliviada... onde vc arruma tanta energia heim ? Malha, dança,,, sobra energia pra outras coisas??”

Na mesma hora ela foi devagarinho roçando a calcinha nas minhas coxas... agarrei ela e comecei a chupá-la com vontade... posicionei ela na pia da cozinha, coloquei o fio dental da calcinha de lado e, com minha pica dura, enfiei na bucetinha dela... foi meio que uma rapidinha, ela gemia de tesão bem baixinho...

2 minutos depois, me falou no meu ouvido, gemendo de tesão, mas bem baixinho, mordendo a pontinha da orelha bem de leve: “Q delicia vc é meu dançarino gostoso... hj vou ser sua periguete... seu saradinho! Eu vo goza, posso? Na cabecinha do seu pau, bem gostoso... solta essa porra p eu poder sentir, solta!!” – Nesse momento, a esporrada que dei foi tão forte que, além de invadir toda a buceta dela, começou a escorrer pros lados... ficamos uns 30 segundos nessa posição, e depois fomos p meu quarto e fechei a porta, pois não podíamos ser pegos ali.

Pra ninguém desconfiar, liguei uma musica no celular de axé music, pra abafar o barulho dos gemidos... foi até divertido, trepar ouvindo música!

Não havia passado nem um minuto, e meu pau tava duro e ereto... joguei ela na cama e fui pra cima. Ela tava com tanta vontade que ficou toda molhada novamente. Me disse que nunca havia ficado tão excitada antes, qdo me viu de cueca... na posição “papai mamãe”, ficamos uns 30 minutos, sem parar, eu mandava ver, e ela se contorcia de tesão; depois não tava mais agüentando segurar a gozada, e esporrei gostoso novamente; pra se ter uma idéia, ficamos entrelaçados por volta de 1 hora e meia, eu esporrei 3 VEZES SEM TIRAR O PAU DA BUCETA DELA. Depois de gozarmos feito loucos, descansamos um pouco... eu até dei uma apagada, mas qdo comecei a acordar, me deparei com ela me chupando a rola. Meu pau subiu de novo, e Tati mamava com vontade. Que boquete delicioso, rolou até uma garganta profunda!

“Seu pau é uma delicia... me dá seu leitinho agora, dá?? To com sede, queru experimentar...” - “AAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!! DELICIIIAAA!!!!”

Nesse momento foi outra gozada dos deuses,,, Ela começou a engoliu a porra com gosto, mas devido à quantidade monstra que gozei, mais a força dos jatos, ela acabou engasgando...

“Engole tudo” – falei. Meu pau tava lambusado de esperma, e ela fez questão de chupar pra sugar o resto...

Rolou de tudo: espanhola, (ela esfregou os peitinhos na minha pica, gozei neles todos..), de ladinho, de quatro...

Ficamos trepando a noite toda, com pequenos intervalos pra nos recuperarmos, pois ninguém é de ferro. Ela veio por cima, rebolando na minha pica feito uma piriguete, massageando meu abdômen tanquinho... ficava me falando que queria lavar todas as calcinhas dela no meu tanquinho, e isso me excitava mais ainda! Que piriguete insaciável! E no final, na trepada da “saidera”, já era quase de manhã, ela ficou deitada de barriguinha pra frente e eu ajoelhado com a pica dura metendo nela, e me pediu pra que eu gozasse no seu corpo; claro que atendi seu pedido, tirei o pau de dentro e, posicionado de frente, esporrei como um chafariz nela.

Então é isso meninas, espero que tenham gostado! Me deixem o contato de vcs, quem sabe podemos nos encontrar e treparmos bem gostoso!!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
25/12/2015 23:58:12
MUITO bom
25/12/2015 19:51:48
bommmmmmmmmmmmmmmmmmm




Online porn video at mobile phone


sexo fiocado paicontos eu e meu sogro estuprano minha maeconto de sexo porno com meu cachorro pastor alrmao fui por racaoMulher adulta. Criando pentelho. Na bucetaconto casada assaltada chora na rola grande e gosadona cely eo caseiro tom contos eróticosfacebok de rio das pedras jpa rjsou tarado rasgo cu zapvideo porno denovinha enfrento pau grandetia da buceta modeladas fudendosexo taboo com toda a família contos ineditos mães e filhos online contos de incesto eu quero ver vídeo mulher tomando banho com aquelas calcinha largacontos de sexo depilando a sogravidios d senhora com corpo gostoso e seios parados e arebitadosvelhas coroas gostosas sentadinhas no colo sendo enrabadas judiciaria tatuada pornofilho da pica informo fudendo a buceta da mãe gostosawww.xvideos emprevisto pra fodermulher ameaçando cagar com o pau no cu videos pornoporno comendo cu de homêm de bùnda grandecontos sobre chantagiei minha tia e q comitira A roupa vou te estrupar no pornofudeno bucetas e gozando nas entradinhasirma gemeas ciumes por isso se chupam pornocontos de estupro sadomasoquismocontos meu amigo foi em casa e minha mulher o chavecoucontos uma delicia de vizinha 8aninhosmotorista de onibus que molhou a buceta de tanto prazer em dirigirfilme de sexo da Gretchen filme de sexo da Gretchen mostrando o peito dela a bunda cheirinho na bocadoidoporno vrlho fudendo filha gozando dentroconto incesto minha irmãzinha adolecente andando encasa com essa roupinha nao da para resistienfiou a sonda contos eróticosver uma crente casada casano um pauzudo pra dar o cumolestando filhinha young pornovidros prno insetos fodendo mae emprensadavedeo de dois homem mostro fazendo sexo com mulher que judia bate fodedofilme pornô de pais brasileiros transando com as suas filhinhas dopados com soníferomulher casada d vicosa mg d calca apertada na bucetasou encanador sexoXvideos as filinhas lerinhairma punheta toma leiteminha mãe tomando banho e eu não resisti e entrei dentro do banheiro e forcei ela fazer sexo.mulher com rabão maior filme pesavam gostosovídeos porno de bonecas de prático gigantescontos eroticos varios homens arrombaram meu cubaixar vídeo pornô mulher fazendo sinal com a mão presa na pia para o homem comer elaContos Mamadas no paizimsexo tio seu pau e muito grande nao vai caber na minha bucetinha naofilme de pornô mulher se masturbando e metendo a mão quero ver o filme agora filme quero ver agora filme de pornô metendo a mão aguardando né tá na mão transando ela se masturbandoduas lebiaca se beijando devangarDhcs xvideosassistir vídeo pornô anal de sogra com genro gravado em Ribeirão preto d*********casa dos contos de nick malconWww.vidioerotico.deminas.geraís.com.contos de incesto cumadresimpatia para virar corno mansoComo devo uza vazelina navagina para lubrifica?evangelicas na zoofilia com cachorroeu e meu marido adoramos fazer sexo grupal contosseio exitadosocando na enteada gravida de jundiaiSexoloucoanimalcasetudo comendo cadela no ciohistoria de genro homem hetero transando com sogro homem heteroContos eróticos de incesto entre familias aonde todos mamam e foden em todas as posiçoes possiveis e de todo o jeito em orgiasPorno anal queroeu vou cagapassando a mao no decote e chupando os peitoscontos inocentes tapas no orfanatosoraia carioca soca com negao picudocontos de sexo selvagemcom velhosvideo porno coloquei a minha esposa pra chupa o meu pau em quarto eu dirigiafilhinha da a buceta para irmao e padrastovideo porno homem velho mamando e puxando e mordendo o peitobiba boqueteras porno