Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Amiga de Colégio pt 2

Categoria: Homossexual
Data: 14/01/2016 02:01:32
Nota 9.78
Ler comentários (11) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

As aulas começariam dali a dois dias, eu fervia de ansiedade. Fiquei boa parte do tempo em casa, mas isso não significa que eu estava sozinha, Luna não largou um segundo do meu pé. Estávamos na minha casa vendo um filme, meu pai tinha ido trabalhar, o silêncio reinava entre nós.

Ela estava com um short curtinho, suas pernas eram lindas, ( perdão acho que não disse como ela é: ela é mediana mais ou menos 1,60, loira de olhos castanhos, nem magra nem gorda)... senti uma vontade imensa de toca las. Minha sexualidade era quase um tabu pra mim, fui criada em cidade pequena, me contive e guardei isso pra mim.

Mais tarde antes do meu pai chegar ela saiu, corri pra cima tranquei a porta do meu quarto e procurei algo sobre lésbicas .. as primeiras coisas que apareceram foram links pra videos. Abri e comecei a assistir a cada beijo e gemido que elas davam meu corpo reagia e eu não sabia como e nem porque mas eu queria estar entre elas. Escutei meu pai chegar, desliguei o computador e corri la pra baixo.

Jantamos e aquilo não me saía da cabeça, depois de algum tempo meu pai resolver ir dormir, achei uma ótima ideia, corri pra cima e voltei a ver coisas relacionadas, durante a noite tive uma visão ampla de tudo, pesquisei, pesquisei, pesquisei e cada vez mais achava coisas. Digo que foi a introdução ao mundo LGBT e quase tudo nele. Dormi com o arco íris na cabeça.

Na manhã seguinte acordei com Luna batendo na minha porta. Iríamos pra escola. Me arrumei, tomamos café e fomos.

Cheguei lá com as mãos geladas, a escola era grande e tinha muitos filhinhos de papai, sem contar que pra mim era outro mundo, era praticamente o triplo de alunos da minha antiga escola.

Luna e eu ficamos na mesma sala, pois eu já havia reprovado um ano. Tinha uns garotos que ficaram mexendo com a gente, Luna ficou toda assanhada. Logo entrou uma professora linda dentro da sala, morena dos olhos castanhos, cabelos curtos nos ombros, corpo perfeito dentro de uma saia dá mesma cor do blazer com uma camisa branca por baixo, aberta deixando um decote discreto, foi impossível não babar.

Seu nome era Patrícia, professora de sociologia, a aula começou e com ela toda a parafernália de apresentação e blá blá blá ... quando chegou minha vez ela me olhou profundamente e disse:

Paty: Seu nome ?

Eu: Liz Suart, 16 anos.

Paty: Nova aqui ?

Luna: É professora veio pra cá não faz uma semana. - gritou do fundo.

Me olhou e sorriu de canto. (Que sorriso encantador)

Paty: Seja bem vinda.

A aula começou e ela ora ou outra me olhava, e eu fingindo que tava estudando.

Os meninos mais velhos do fundo todos babavam nela.

Ela levantou e começou a caminhar pela sala, o silêncio era profundo e só se escutava o barulho dos saltos dela.

Tava distraída pensando, quando ela parou a minha frente e pos as duas mãos sobre as laterais da mesa, ficando cara a cara comigo.

Paty: Precisa de ajuda?

Pude ver os seios salientes no decote bem ali na minha cara, engoli seco e disse:

Eu: O-Obrigada.

A aula correu bem e por diversas vezes troquei olhares com ela, pensei ser coisa da minha cabeça, ela só podia ser casada, ter um marido bonito e tal.

A aula terminou e ela disse:

Paty: O horário de vocês será definido a partir de amanhã, o que significa que nos veremos de novo. Tchau pessoal. - Saiu.

Um menino que sentava do meu lado olhou e disse:

Ele: Seca a baba. - Sorriu.

Certeza que corei na hora, senti minhas bochechas esquentarem.

Ele: Seu segredo está guardado comigo. Sou Lucas. - Estendeu a mão.

Eu: Liz

Lucas: Não precisa ter medo, temos mais em comum do que pensa. - Disse e mostrou uma pequena pulseira de arco íris, me senti aliviada.

As semanas foram passando e eu e Lucas nos tornamos grandes amigos, ele era gay, sabia todos os rolos da escola, me ajudava a me enturmar. Nas aulas de sociologia eu me dedicava ao máximo, e os olhares continuavam.

Era uma terça, estava chuvoso, Tava sentada na cantina com o Lucas esperando a aula começar, distraída até ele me tirar dos meus pensamentos.

Lucas: Eu percebi os olhares.

Eu: Que olhares?

Lucas: Você e a professora de Sociologia.

Eu: Que nada, ela é nossa professora. Deve ser casada com um cara bonito que fode bem.

Lucas: Semanas comigo e olha seu vocabulário. Rs Olha pelo que sei ela é solteira, já dá aula aqui faz uns dois anos e nunca vi ela com homens apenas mulheres.

Eu: Tá insinuando o que ?

Lucas: Que pode rolar uma briga de aranhas ai.

Eu: Não que isso kkk, ela não olharia pra mim, e outra não tenho certeza que sou lésbica.

Lucas: Perai, Como assim não tem certeza ? para tudo você é bv?

Eu: Sou - Falei tímida.

Ele riu muito da minha cara me deixando mais sem graça do que eu já estava.

Lucas: Vou resolver isso. Tenho uma amiga lésbica aqui na escola que pode ficar com você. Quer?

Eu: Hein? Assim tão rápido?

Lucas: Tá com medo de que lindona, são só umas beijocas.

Levantou e saiu quicando pelo salão, alguns minutos depois chegou uma mensagem.

"Sobe aqui banheiro feminino no terceiro piso . Lucas "

Subi, quando cheguei ele Tava na porta, junto com outras duas meninas, catou minha mochila e me empurrou pra dentro.

Lucas: Divirta-se lindona. - Fechou a porta.

Caminhei pelo banheiro escuro e vi uma menina mais adiante. Eu tremia toda. Ela era linda, estava com uma calça jeans escura, tênis, tinha olhos verdes, era bem braquinha, uma boca bem desenhada e carnuda, tinha cabelos castanhos e o sorriso era lindo . Assim que me viu veio na minha direção.

Ela: Oii, sou Júlia amiga do Lucas. - Me deu dois beijinhos e se aproximou.

Me afastei um pouquinho.

Eu: Oi. - Sorri sem graça.

Ela: Lucas me contou que é sua primeira vez.

Eu: Oi?

Ela: - Chegou perto .- Calma - Segurou minha cintura. - Eu mordo mais é só um pouquinho.

Minha respiração ficou forte. Passou a mão delicadamente pelo meu rosto e me beijou, eu seguia seus movimentos, ela explorava cada centímetro da minha boca sugava meus lábios e me dava leves mordidas. Me encostou em uma das paredes, coloquei os braços em volta dos seu pescoço. Logo o sino tocou.

Ela: Até que pra uma iniciante você não é nada mal. - Me deu um selinho. - Espero poder sentir esse gosto novamente.

Eu: - Retribui o selinho. - Também espero.

Saímos e ele me olhou uma cara de deboche. Peguei minha mochila e corremos até a sala . A P. Patrícia já tava la .

Eu: - Parei na porta. - P. Patrícia, desculpe o atraso podemos entrar?

Me fitou séria e depois olhou bem pro Lucas.

Paty: Entrem. - Disse ríspida.

Sentamos e Lucas me olhou e riu, fazendo gestos pra cobrir o pescoço. Olhei na tela do celular e tinha alguns roxos. Não escondi. Escorei na carteira e me distrai.

A aula correu bem, porém Patrícia me olhava friamente, como se eu tivesse feito algo de errado.

As outras aulas vieram e na saída Júlia veio até mim.

Júlia: Me passa seu telefone?

Eu: Ah sim é ***. - Me deu um beijo na bochecha. - Até mais.

Luna chegou por trás já que íamos embora juntas é disse:

Luna: Fica muito perto dela não, dizem que ela é lésbica, você não quer má fama né?

Dei os ombros. Mais na minha cabeça só passava o quanto era gostoso o beijo dela. Logo Lucas chegou e foi com a gente.

Continua.

Oiii gente, tudo bem com vocês ? E ai o que me dizem, estão gostando da história ? E quanto ao outro conto(O Lado bom da Vida) fiquem tranquilas já estou preparando o próximo. Quanto mais comentários mais rápido volto ahhahah Deeh Paiva me deu essa idéia rs. Grande beijoooo!!!

Obs: Perdoem meus possíveis erros, não tive tempo de reler e corrigir. :3

Comentem! :3

Comentários

26/02/2016 11:53:55
Interessante continue..
27/01/2016 23:05:32
Está ótimo!
26/01/2016 21:07:32
Comentar aqui também para dar uma apelada e tudo mais, estou me arrastando pouco, acho que precisa de mais, não é mesmo?! Mal começou 2016 e já estou sofrendo
19/01/2016 00:04:22
uauuuuu! adorandoooo
16/01/2016 23:53:37
Gostei,Continua
16/01/2016 21:14:13
Amando teu conto!
15/01/2016 17:25:33
Tá ótimo
15/01/2016 11:22:41
Preciso mesmo pedir??? Continuaaaa logooooo kkkk
15/01/2016 08:23:58
Continua logo
14/01/2016 12:45:28
Que lindo que esta esse conto *-* Continua logo *-*
14/01/2016 07:05:59
Mt bom

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


Contos , enquanto eu estava bêbado o malandro tava comendo minha mulherconto erotico gay negao pirocudo maltrata viado brancocontos eróticos cantada na rua não resisti e traívideos de sexo gay imperador sendo puta dos guardas do palacioporno gozando na bouca da filinha que dormiaesfregou e gosou na xeca da amiga uhhhxvidio casada chupano o amigo do filho escondidoasmeniasnovinhas.nuadominadora scat merda bostaminha prima contominha cunhada punheteira contos reaismae dis que filho rasgo a vuseta delaaprendiz do sexo porno falando palavroesvideos de meninas llevando fortes choques de fios de luz na buceta pelada ate hritarvídeo de moleque pequenininho trancadinho batendo p****** sexoconto erótico não mexa nas calcinhas da mamãe part5porno sobrinho vai dormi mais tia e fica de pau duro embaixo do lencouxvideo do cunhado pecado a cunhadinha a fosa gozado dretro da boceta delapai tem pauzao descomunnal e soca tudo no cusiho da filha gostozinhasó bucetinha novinha na ommmmmfoda insana com cunhadasó os conjuntos regassado metendo gozando na bunda mais bonitaxisvideo.pragas.do.cu.de.casadassaiu sangue da buceta da minha namorada quando nos estavamos trazandocontos autorizei minha esposa para fuder com outrosconto gemo muito ai ai dando cu para outro na frente do meu corno ele fica com tesaõ[email protected]contos eroticos nunca pencei disperta tesao en outro homem com minha bundaXsvideos primo se masturba no quarto na frente da primatitio comendo osobrio nosofa vidio gayrickcafajeste30.blogcontos lésbicas brigando reconciliaçãometendo na salgadeira bundudabucetinha novinha estralandoxvideosjaponesinha chupando um pau pelo buraco da parede ver porno 10 minutos gratishome filma mulhe no oiniboconto erotico "padre não é homem"www delexvidio comcontos de sexo depilando a sograprima gosta da minha pica ele pega e burta na bucerta dela Visinhas taradas ousadas rekatos eriticos recentesmulher faze do sabao segano boceta da outaquero ver novınha que sao empregada fudendoporno em desenho popai comendo a olivia sem pedir idadeConto erotico fui cagar na moita"padre não é homem"quitandeiro tarado pornofilha minha femea contotexto lindo pro namorado que patessa que foi eu que fizComtos casadas fodidas na cadeiamigre.me/w4IgEcontos eroticos com padrasto estupro gosteimanauense novinho gozando no xvideopunhetamdo no cinema boafodalouras peludas taradas fudedoras malucas chamando palavraoporno caseiro no vestiario da loja de.roupas da loja uma estranha olha muito pra o.meu.paucontos eroticos estupro de novinho gays com os colegas da escolauma mãe vai para o quarto de um filho ainda quando ele ver com p******* abre a sua oxente e chupa o pau dele pornôvideos de sexo, lambeçao de barrigavídeos pornô de loirinha bem gostosinho socando o dedo no c****** cabeludovídeos caseiro noiada no anal dói não donovinhas.abrir.buzentaquero baixa contor d bixinha azulcomo esconder do meu marido que a minha buceta ta cheia de gala de outro?incesto com meu vô contosempregadinha contoquero ver travestis sexo travesti comendo mulher da rola bem grande e grossa norm e homem comendo mulher também pode ser ou não tá difícilviu a fofinha dormindo pelada e arrombou ela pornosimpatia para virar corno mansoporno ela foi faser a unha dele e viu ele de pinto duro fragacontos eroticos minha mae com aminesiaconto erotico gay meu dono dei meu cu de presente de aniversarionovinhas das bundás gandê xvdeoscontos incesto mae gts escandalosa fogosa e gulosa tomando tapa na bunda pornô doidonovinha de sai deincha ver a bucetanovinhas grupalweb cam xvideosmanual de corno manso gatobom