Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Como passei a servir os peões II (Introduzindo mais um)

Autor: Serena
Categoria: Grupal
Data: 14/01/2016 16:32:32
Última revisão: 17/02/2017 16:04:47
Nota 9.20
Ler comentários (9) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

(Este é uma continuação do conto COMO ME TORNEI A ESCRAVA SEXUAL DO MEU PEÃO, sugiro a leitura)

Apesar da tarde de intensas emoções e sensações que eu havia experimentado, ainda estava na dúvida se deveria me submeter aos mandos daquele peão!

O Robson havia ordenado que eu o esperasse com os olhos vendados, nua e de quatro na cama que eu dividia com meu marido. Apesar do meu marido está viajando e de eu saber que ele ainda ficaria alguns dias fora, a ideia de me submeter aquelas ordens, ainda mais vinda de um peão ao qual eu era a patroa, me deixava incomodada!

Mas as lembranças daquela tarde onde fui explorada tão magistralmente e que me deixou com forte gosto de "quero mais" me impulsionavam o obedecer.

Tomei uns coquetéis que me ajudaram a decidir e próximo ao horário me preparei para cumprir o que me havia sido ordenado. Enquanto me preparava me sentia como um animal indo para o abate, aquilo me causava sentimentos repugnantes, mas que ao contrário do que se poderia supor, me deixavam excitada!

Às 20h em ponto eu me encontrava vendada, completamente nua e de quatro na minha cama, me expondo completamente para quem entrasse pela porta do me quarto. O Robson deve ter demorado uns dois minutos para chegar. Mas aqueles 120 segundos foram os mais longos de toda a minha vida! Não sei dizer em quantas vezes pensei em desistir, eu me perguntava o que eu estava fazendo ali, como eu cheguei até aquele ponto. Minha minha mente parecia está em um tornado!

De repente ouvi passos pela escada que serve de acesso ao quarto que fica no andar superior. E por fim um silêncio logo quebrado pela voz do Robson, dizendo:

- Eu sabia que a minha cadelinha não iria me decepcionar!

Seguido de uma risada alta, do tipo que ouvimos dos vilões de filmes!

A voz do Robson fez com que todos os pensamentos de alguns momentos atrás se dissipassem. Dando lugar a um misto de alegria e medo!

Ele chegou bem perto da minha bunda, beijou minha nádega e sem falar nada, se ajoelhou e começou a lamber meu cuzinho, enquanto abria minha bunda com as suas mãos fortes!

O toque daquela língua no meu cuzinho já tão sensível me fez soltar um gemido de muita satisfação. Percebi que Robson estava menos agressivo do que a tarde, quando ele me explorou na beira da piscina! Imaginei que ele não deveria ter aguentado e ter se masturbado enquanto aguardava o nosso encontro. Aquele pensamento me deixou um pouco decepcionada, pois eu havia imaginado aquele macho explodindo toda agressividade que eu senti a tarde dentro de mim!

Deixe esse pensamento de lado e passe a curtir aquela língua passeando lentamente pelo meu cuzinho! Comecei a entrar em transe quando senti aqueles dedos explorando a minha buceta enquanto continuava a lamber meu cu!

Senti que seus dedos continuavam hábeis e agressivos como antes e aquilo me agradou muito, fazendo com que eu me posicionasse com as pernas um pouco mais abertas para facilitar os avanços de seus dedos!

Quando senti o terceiro dedo dentro da minha xana eu fui a loucura e comecei a gozar na mão dele, sentia que eu jorrava líquido que escorria pelos seus dedos enquanto ele me xingava de puta e de cadela!

No delírio orgásmico em que me encontrava demorei uns segundos para perceber que, enquanto Robson me xingava meu cuzinho não parou de ser lambido. Um frio subiu pela espinha quando me dei conta de que havia mais alguém ali!

Robson rapidamente segurou minha cabeça contra a cama impedindo que eu saísse daquela posição e disse:

- Calma minha putinha, eu trouxe o Jorginho! Ele viu a nossa brincadeirinha na beira da piscina e disse que espalharia para todo mundo se eu não deixasse ele participar!

Na mesma hora me veio a imagem do Jorginho na minha mente. Ele era um garoto negro, magro, alto, com a cara cheia de espinha que havia acabado de completar 18 anos!

A imagem daquela cara ensebada e cheia de espinha me explorando, se enfiando na minha bunda não me excitou em nada e eu tentei parar com tudo aquilo, mas logo fui demovida da ideia quando o Robson falou!

- Serena o Jorginho aqui, filmou tudo que nos fizemos na piscina, se você começar a colocar galho dentro ele posta essa porra na internet e seu casamento está acabado!

Aquilo fez minha cabeça rodar! Eu não morria de amores pelo meu marido, mas o casamento funcionava bem para a gente e ter a minha vida devassada pela internet me assustava muito!

Pedi um tempinho para pensar e me tranquei no banheiro!

Enquanto eu pensava me deu uma forte dor de barriga, talvez por conta do nervosismo. E Aproveitando que eu já estava ali, fui fazer minha necessidade.

Enquanto eu estava no vaso ouvi batidas na porta e a voz do Robson dizendo:

- Como é que é, Serena? Eu não tenho a noite toda, não! Saí logo dai para a gente terminar o que começou!

Eu estava no meio do caminho, quando eu senti o clique da porta se abrindo, que eu no nervosismo havia esquecido de trancar. O Robson entrou rapidamente e logo atrás dele veio o Joginho. O Robson então falou:

- Puta que pariu! A cadela tá cagando!

O Jorginho todo tímido comentou:

- Eu nunca imaginei que veria uma mulher tão linda cagando!

A minha primeira reação foi querer sumir, mas logo me recompus e pedi educadamente para que saíssem para que eu pudesse terminar o que estava fazendo! O Robson aceitou e estava saindo enquanto mandava eu ve lavar bem depois pois iria comer o meu cu naquela noite. Mas, para a minha surpresa, o Jorginho permaneceu estático olhando para mim, quando de repente falou num tom terno:

- Eu posso ficar?

Continua.....

Comentários

12/02/2016 02:21:05
gostei muito bom
22/01/2016 16:17:50
Hummmm... uma introdução para os próximos atos... Serena safadinha!!! [email protected]
16/01/2016 01:34:59
Gostosa... Safada... Putinha... Excelente conto... Merece 10!!! [email protected]
uem
15/01/2016 01:06:08
adoro puta obediente
14/01/2016 19:31:27
Kkkkkkkkkk
14/01/2016 18:20:53
Serena está nos matando
14/01/2016 17:44:44
he he e dar-lhe rola,rrrr
14/01/2016 17:12:21
Delicia espero a continuação votado
14/01/2016 16:57:14
...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


casa dos contos eroticos Alê12nao resiste as investidas do meu genro contomadrasta traza com estrando até de se casavideos de sexo nora provoca sogro na praia de nudismoMulher lendo jornal e dando cu pornomete essa piroca noeu cu mim arba porno doidopornô mãe dando o cuzão dando para o filho de regaço combinação pelo cão carinhosexo porno fui no meu ginecologista ao abri a perna ele me chupou todinha delicianao adianta chorar vou rasgar sua bucetinhaxexoc calcinhas brancas mulheres bucetudasesposa de fio dental enterrado no eo amante arebenta.o cu dela.e corno olhandocasa dos contos zoofilia com viralatasflagras escolas picantexvideos com pomba gira brasileiros encorporadashistória e foto de tia gostosa que gosta de fazer macarrão com sobrinho novinho e g****** na mão delacache:cB0rtZ1uQCMJ:https://zdorovsreda.ru/texto/2015051133ela rebolando no meu pau ate goza falando q ta doendo no cuvadia adoro dar o cuzinho pro gigolo foder com vontade o cuzinho delaconto gay "todas as formas de amor"flagrei a novinha metendo no matinho e chantagiei contossaiu sangue da buceta da minha namorada quando nos estavamos trazandomenininhao na siririca no banho escondidafilha fodendo com pai na excursaocontos eroticos fui seduzido pela vizinhacontos eroticos minha namorada medindo o pau do dotadocontos eroticos de gravidez de gemeas com gravidezos melhores vídeos pornôs de cornos a mulher f****** com outro ele fala um monte de besteira para esposa escutaresposas pedem para estranhos tirar camizinha pra gozar bucetao delascorno tomou leite corno contosComo perder o bv comendo o vomito e cagando no ventiladorcontos eroticos chantagiei minha tia e comi elameu conto erótico da Fiat Fiat toro vai comer elaarebentandocu velinhasliteralmente engatada com dogquando seu.comamigo nao te.comrespondovideos nacional gritos e gemidps de homens passivos embaixo dos machos caralhudosComi a garota tolinhaindo embora achei um viado e fui comer seu cuzinhovídeo porno mulher faz sumi dentro dela penes de quarenta centímetro dentro delaporno pradrastro bebo fosando a em teada fode a fosazofilia mulher dependurada pel cu no cãopornô comendo a cunhada crioula do lado da esposa dormindoxxvideos parada gay 2017 sao paulovídeo de sexo de garotão matuto. de cueca boxe. de pau duroContos na pescaria com tios e amigos me fazen d bixinha delesContoeroticonovinhosafadocasa dos contos eroticos evangelicabaixar pornô sogro ditas com novinhas greludasReta do Pedreiro Hétero Peladosou puta e cadela do meu cachorro e corno adoraMEU PRIMO COMEDOR ME OBRIGOU A MOSTRAR MINHA ESPOSA RABUDAhomens chupando gksnovinha apois uza droga trazanoVideos de sexo sogras peitos muchosuma diziam que iriam cavalgar pra dar pro seu namorado nomeio do mato sua bucetonaencoxadamulhercrentecontos de sexo depilada na praiaExibicionismo em praia de nudismo lotafaputa no hoteldo bucetao loca de tesaoconto erotico fodi minh sobrinh novinh 11noCONTOS EROTICOS DE ZELADOR PIROCUDO COM MORADORA DO CONDOMINIOcontos erotico chantagiei e depilei minha sogracontos de cornos revista private 2017contos porno clareira da cadelaconto no cinepornoxvıdeos porno magrınhas gostozavideo baixou a blusa e mamou nos seioskid bengala com meno abuçeta de brazileriacontos eróticos mulher endividadaContos eroticos de casada puta dos vizinho roludo corno duplacaete na porca pornonando ta duendo nando ai minha buceta nando ceta poinhndo tudoblogger comedorcasada gozando veja fotoeu e minha filha fomos encochada adoramosmeniina lavano abuctacontos eroticos fui xingada e humilhada e violentada por velhos tarados