Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Solar - 2

Um conto erótico de Thonny
Categoria: Homossexual
Data: 10/02/2016 01:20:24
Nota 10.00

- Sou fotógrafo. Estava admirando a paisagem e resolvi tirar umas fotos.

- Tenho cara de paisagem por acaso? E quem te deu o direito de me fotografar pelado? - Falei enquanto vestia a roupa.

Fiquei sem camisa e esperei a resposta dele.

- Cara, eu te vi lá no luau, achei você legal e pensei: "ah, hoje eu tô pro crime".

- Ainda assim, isso não te dá o direito de sair por aí clicando as pessoas. Não vou ficar com você por ficar. Agora, você vai apagar essa foto, e eu vou esquecer essa cena patética.

- Tá bom... Desculpa ter causado uma má impressão. Aqui, ó... - Me mostrou a foto e apagou em seguida.

- Já estamos acertados. Tenho que ir...

- Espera! Eu vou com você! - Falou me seguindo.

- Eu não vou ficar com você.

- Mas vamos para o mesmo lugar... Me hospedei na sua pousada.

- Como sabe que tenho uma pousada?

- Vi um retrato seu e do seu pai na recepção. Te achei muito gatinho. Eu cheguei hoje de viagem. Vou ficar hospedado na pousada duas semanas. Meu estúdio ainda está em reforma.

- Qual o seu nome?

- Ítalo. O seu é Lucas, né?

- Em carne e osso. Vai abrir um estúdio de fotografia aqui?

- Sim, essa cidade tem sido muito frequentada. Sem contar que tudo aqui é lindo e tranquilo. Aqui também têm pessoas muito lindas. - Falou piscando pra mim.

Agora eu pude ver melhor o seu sorriso. Um sorriso lindo e encantador. Ítalo é bonito. Ele é moreno claro, têm olhos verdes, alto. É definido, mas nada exagerado. Não é um deus grego, mas tem seu charme.

- Ih... Lá vem você com suas cantadas.

- Peço desculpas mais uma vez. Eu estou muito carente. Faz três meses que não tenho ninguém.

- Não sou válvula de escape. Aqui têm muitos garotos de programas. Basta procurar.

Meu ex-namorado é garoto de programa. O Álvaro partiu para São Paulo em busca de uma vida fácil. Quando ele tomou essa decisão, eu fiquei em frangalhos, num estado deplorável. É difícil você se entregar a alguém, se dedicar, dar amor, e ser trocado pelo dinheiro. O Álvaro acha que por ser bonito, gostoso, ele pode viver nessa vida comigo. Eu nunca iria concordar com tamanho absurdo. Então ele foi embora. Já fazia um ano.

- Eu não preciso pagar pra ficar com ninguém. Não vale a pena.

- Não vale a pena cantar os outros também...

- Quando você vai esquecer?

- Nunca.

- Nossa, como as aparências enganam... Achei que você era frágil, sensível.

- Não sou frágil. Sou sensível, mas não sou besta de cair na lábia de qualquer um. Você deve ter achado que por eu ser gay, por ser jovem, gosto de curtição; mas ficar por ficar não é minha praia.

- Como posso me desculpar, Lucas?

- Não precisa fazer nada. Fica no seu canto, e eu fico no meu.

Havíamos chegado a pousada. Meu pai estava na recepção.

- Por onde andou, filho?

- Estava na prainha, pai. O novo hóspede me encontrou lá. Parece que tem alguém me seguindo. - Apontei para ele.

- O que você quer com meu filho? - Meu pai falou sério.

- Vi ele indo pra lá e acabei resolvendo fazer companhia a ele.

- Acho bom que tenha sido só isso mesmo. Sua mala já está no quarto.

- Qual o quarto, senhor?

- Dez. Se quiser posso lhe acompanhar até lá.

- Eu levo ele, pai.

- Tem certeza?

- Claro. Eu deixo ele no quarto. Vou me recolher em seguida.

- Tudo bem... Dorme bem. Vou deitar daqui a pouco.

- Tchau, paizinho. - Beijei o meu pai.

Levei o Ítalo até o quarto.

- Aqui está a chave do quarto. Sinta-se bem. - Entreguei a chave a ele.

- Que quarto bacana! - Falou ao entrar.

- Nossa pousada é pequena, mas é muito confortável.

- Gostei desse lugar. Sua gerente me explicou tudo sobre a cidade.

- A Clarinha é maravilhosa. Ela é um amor.

- Ela diz a mesma coisa de você. Foi por causa dela que fui atrás de você.

- Como assim? - Me sentei na cama.

- Ela viu que eu fiquei admirando sua foto na recepção. Gosto de pessoas mais novas.

- Quantos anos você tem?

- Vinte e dois. Minha ex-namorada tinha dezenove.

- Namorada?!

- Sim, namorada. Eu sou bissexual.

- Ah... Pensei que fosse mais um "hétero" que se alivia com gays. Conheço um monte assim... - Fiz um gesto de muitos com a mão. Já ia te bater!

- Não, Lucas... Eu comecei de maneira errada. Você acredita em amor à primeira vista?

- Sei lá... É melhor não encanar com isso. Outra hora a gente conversa melhor. Vou precisar dormir. Tenho minha última prova amanhã na faculdade.

- É melhor eu descansar também. Posso acabar fazendo besteira...

- Vou embora. Tenha uma boa noite.

Me levantei dando as costas e indo em direção ao corredor.

- Pode ficar melhor...

Ítalo me puxa e me beija. Por um instante eu me entreguei.

Nem sempre é fácil se desapegar das bagagens que temos. Lembranças nem sempre são boas. Muitas vezes carregamos pesos demais. Eu comparo minha vida a de um navio. Eu estava ancorado a um misto de sentimentos ruins. Talvez eu precisasse ir em direção ao oceano. Mas para isso eu preciso levantar minha âncora. Uma tarefa difícil de ser executada.

Continua...

Gente, mais um capítulo. Obrigado pelo carinho de vocês. Amo todos. Continuem comentando, votando, preciso da opinião de vocês. Estão gostando?

Meu email: [email protected]

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
26/11/2016 14:58:39
👏👏👏
21/11/2016 19:35:40
GOSTEI.
29/08/2016 19:06:38
Continue postando!!👏😉
11/02/2016 21:03:10
Boa história tem potencial
11/02/2016 12:01:06
Mto bom até agora próximos
10/02/2016 16:40:51
Quero mais!!!!! Perfeito!!!!
10/02/2016 07:09:54
Adorei
10/02/2016 03:42:35
Gostando não amei kk muito bom bjs♥




Online porn video at mobile phone


pornodoido travesti do brasil dano leite fartocontos de sexo depilada na praiaesposa vadia de shortinho curtinho batendo punheta p outro ba frente do cornoMinha tia evangélica no sofá tarada flagras escolas picantemotorista madura gostosa de van escolar adora dar a buceta e o cuzinho para alunos contos eroticosPAU SO NAS CUNHADAS COCOTINHAS GRITANDOporno penis grotesco baixar video curtogay bebezão putãocontos eroticos minha irma novinha peidou quando tirei o cabaco delacontos eroticos mulher casada bi sonia e suas amigasencanador negrao come mae e filha enquanto concerta o cano da casacontos de marido bem dotado querendo ver a mulher com duas picas no cu e bucetaconto xota formigando paimulata safada gosto da vara do roludo e traiuassistir o filme de novinha metendo fazendo seu peito e trícepsvideos de ninfetas transando com irmai anbos osdois novinhosmachos da periferia marentos na punhetacontos eróticos fodendo o cu de Julinho casa dos contos eroticos com sobrinhos chupador de bucetafui abusado quando era adolecente, nao saou gay, mas me ecxito com porno gayconfigurar permissões e Jadson aquele beijo que você me deucrossdresser saindo montadameu cunhado tirou meu cabacinhogemeas identicas dando a bucetinha pra um taradinhocontoseroticoss xvideos5contos eroticos comeu a testemunha de jeovaXVídeos pornô mãe f****** com filho dos filhos f****** com mulher ingratacontos comendo minha vizinha negra bundudacontos eróticos fiz sexo por acaso com minha tiapais prende filha no quarto com irmão ele mete e gosa dentro da bucetaincesto mamãe cuidado do filho que ta debilitado com buceta molhadaporno pagando dívida com a mulher e a mae5 contodoce nanda parte cinco contos eroticosCrossdress de vestidinho tubinhocalça legui caladinha na casada xvideoПРОДАМ-БАЗУ-САЙТА-gtavicity.rucontos eroticos minha namorada virgem e meu amigo pauzudocuzinho+delicioso contossou virgem porque meu tio so chupava minha bucetinhaContos erotico minha filhinha mim shopou no banhopornocontoincestoscontos eroticos sou viciado num cuzinho de machomolhe de bucetona do beici viradoxvidio mulheris gostosas trocando obiquinho de banho no banheiroporno muler de roupa transparente mostando a calcinhaxvimagens de bucetas de riasas sexoporno na fazenda porno doido homem chupanto a buceta ate gozartaPrefeito Sandy crentinha s***** metendocontos anais + caminhoneiro enrabador da jeba grandeMinha esposa disse pra minha sogra mae agora fica de quatro pro meu marido fuder seu cu virgem voce vai adorar conto eroticomelhore estrupa amiga chupandoa a forsa porno fasil asesoencanador negrao come mae e filha enquanto concerta o cano da casaconto porno me depilaram todinhaquero ver pênis de homem buceta de mulher vídeo de safadeza unha sendo mortoa japonesinha que não aguenta e se mijacasadas sirrricasporno contos cunhado novinhocontos eroticos minha esposa fodendo com meu sobrinho menor de idademulher de shortinho jeans desfiadinho socado na ruamadrasta brasileira faz vídeo dando a b******** para o enterro de sua filhinha junto em casafilme porno minha sogra me enxeu o saco ate eu come elaposo enchuga o meu priquitonovinha loirinha de onzeanos bucetinha enxadinha transando com papaihistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulherfilme de sexo com a minha sogra de remédio por meu sogro dormircontos eroticos gay me apaxonei pelo traficante 7ngatadas anais zofilia contosporno caseiro dupla penetraçao ela fica brava porque doeu o cuconto erótico de mendingolevantou o vestido da coroa evagelica e passou a rola.comfamilias nua praia de nusdemosquero ver o ganhador do homem chupando a b***** peladotarado convenceu so passar o pau no grelinho virgen da filhinha e enpurrou tudoContos crossdress a apostaconto erotico decasais chupando pau maior 30cmmeu cachorro me fode todo dianovinha fazendo exame toxicológico xvideos.commeu padastro ne colocava para xupar a sua rola ele fala engole sua putinha todo este leitinho q eu gardei para vc sua putinha em portuguesConto erotico: o playboy e o malandrocontos eroticos barbeiro cortando cabelo de mulherbaixa vídeo porno molhes ñ quenta rolar ir choraanal normalistaseduzindo você a bater punhetasua tia nao aguenta esse pirocao contosbundas maciinhasas bucetas mais esgassadas gozandoxota molhada escutando o barulho do tesaovideos insinando ademorar a gozar batendo punhetamínha avô chupou minha xotavídeos porno caseros esposinha fazendo suruba com 3homo cunhado cunhado esfregando a rola na na no rabo da cunhada de sainha de seda pretachateou a amiga até ela dar o cu vídeo amador mobile contos eróticos de estrupo entrepadrinhos e afilhadaconto erotico lesbico dei o troco no meu marido com sua amantecirleia bucetudarelato lambuzei o corno e a puta