Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Perdi a Memória e Ele me Reconquistou - Parte 13

Autor: Godoy
Categoria: Homossexual
Data: 10/02/2016 20:28:50
Nota 9.92
Ler comentários (25) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

É muito engraçado esse negócio do gay só ser gay depois que se assume perante a sociedade.

Chega a ser ridículo, as pessoas comentarem sobre sua condição de vida, seus gostos, seus modos, e questionarem entre elas próprias, sobre sua sexualidade.

Será que ele é?

É triste e muito complexo esse tipo de situação que você é obrigado a viver ou conviver.

Pôr que, não, aceitar a pessoa da maneira dela, sem precisar se perguntar qual a sua opção sexual? É difícil?

E foi exatamente esse tipo de situação que me fez dar um passo para trás em meu relacionamento com o William.

No domingo estávamos tomando o café e eu contei que tinha me recordado sobre a surra que havia tomado do meu pai, o medo que eu sentia só de olhar para o lado do Dr. Roberto (meu pai).

Eu não ia conseguir abrir o jogo com todos na minha casa, não saberia qual a reação dos meus pais e do Gabriel com o Jean.

A única pessoa com quem eu poderia contar e me abrir de verdade, sem medo ou receio, era minha irmã Sara e talvez a Luma que já tinha uma cabeça muito bem formada.

Ainda era um pouco cedo para assumir qualquer responsabilidade perante minha família e apesar de me sentir completo ao lado do William.

Eu acabei me fazendo uma pergunta:

- Por que eu não me assumi ainda? Porque eu estava vivendo um romance de aparências com uma garota que só queria meu dinheiro?

Por quê, meus pais aceitariam que ela entrasse para nossa família para ganhar com um casamento falso? Se eu aceitei entrar no jogo? Sendo que eu deveria estar sabendo de toda a tramóia dela.

Eu precisava entender todos esses "porquês", para depois abrir o peito e gritar aos quatro ventos que era do William que eu gostava e queria seguir minha vida ao lado dele.

Eu não falei nada com o William sobre meus medos e anseios.

Inventei uma dor de cabeça; que estava cansado e precisava de um tempo para colocar os pensamentos no lugar.

Passei o restante do domingo sozinho, minha irmã ligou a tarde para avisar que voltariam apenas na segunda pela manhã. Eu gostaria que ela estivesse alí do meu lado, para me dar um rumo e me ajudar com minhas aflições.

Umas nove da noite o William me ligou para saber se estava tudo bem, se eu precisava de alguma coisa, se queria que ele fosse dormir comigo.

Ele era simplesmente fofo, adorável, preocupado comigo e eu era um idiota medroso que tinha receio de dar outro passo, por medo do patriarca da família.

Comecei a pensar no filho, na Carol e me perdi nos próprios questionamentos. Peguei no sono e algumas recordações tomaram forma em meu sonho:

De repente eu estava no escritório ouvindo palavras de amor e irritação saindo da boca do William.

Não estávamos sozinhos naquela sala, mas o calor do momento fez com que nehum de nós dois nôs preocupassemos em trancar a porta da sala.

Ele gritava tão alto enquanto chorava.

- Eu amo você Henrique! Eu faço tudo pra você, te assumo. Você não a ama, não jogue sua vida fora!

Eu: Preciso fazer isso William, preciso dar um rumo pra minha vida. Ter uma família, parar com essas loucuras de sair com todo mundo.

William: Henrique! Você vai ser infeliz, vai fazer essa garota infeliz. O único que vai ficar bem com toda essa merda é seu pai que insiste nesse relacionamento de aparências entre você e a Carol. Ela não te ama e outra, todos nós sabemos que ele pagou aquela biscate para ela te transformar em algo que você não é.

Eu: William, não diga coisas sem sentido, você é meu melhor amigo, te amo como a um irmão. Aliás, você é muito mais que um irmão pra mim, mas, não posso fazer isso.

William: Henrique, eu tenho grana, temos um negócio juntos, você não precisa da grana dos seus pais. Conheço seus gostos, seus defeitos, podemos viver bem juntos, eu vou te fazer feliz! Estou aqui na sua frente implorando para que não faça um idiotice dessas. Pedir a Carol em casamento na festa da Sara. Você só vai estragar o grande dia da sua irmã.

Eu: Já tomei minha decisão e não vou voltar a trás.

Peguei minha pasta e meu notebook e sai em direção a porta.

Ele ficou me olhando enquanto eu saia da sala.

- Você não a ama Hick, não faça isso com você, não estrague sua vida!

Ouvi ele dizer aquelas palavras enquanto saía e meu coração acelerou, me bateu uma angústia e um desejo de voltar, e, dessa vez eu me declarar a ele.

Mas a teimosia era minha cina, eu não voltaria atrás na minha decisão e entrei no carro. A Carol me deu um beijo e se afastou um pouco para que eu sentasse.

- Faz tempo que estão aqui me esperando?

O Zé ia pronunciar alguma coisa, mas a Carol se prontificou a falar antes e ele ficou quieto.

- Não meu amor, nós chegamos não tem dois minutos.

No caminho até minha casa ela não disse nenhuma palavra, me deu um beijo e encostou a cabeça no banco olhando para o horizonte.

Cheguei em casa e todos já estavam na igreja, eu ainda tinha uns minutos antes da noiva rsrs, ou chegaria mais atrasado que ela. "Sara me mataria"!

Tomei um banho rápido e coloquei a roupa que estava em cima da minha cama, que minha mãe havia reservado para a ocasião. Todos nós usaríamos o mesmo modelo de smoking preto, camisa branca, gravata preta, colete e sapato oxford preto.

Desci as escadas correndo e entrei no carro dizendo:

- Zé mete o pé que se eu chegar lá depois da noiva ela me mata rsrs.

Ele ligou o carro e saiu em direção a igreja.

- Ta tudo bem Carol?

Ela: Não sei, está? Está tudo bem Henrique?

Eu: Ual, foi só uma pergunta, não precisa ficar brava.

Ela: Estou bonita Henrique? Sou bonita pra você? Você nem sequer repara na minha presença, não me olha, não me elogia, não me abraça, não segura minha mão e nem diz se me ama ou não. E aí, eu estou bonita pra você?

Eu olhei para aquele rosto fino, liso, delicado, lindo e aqueles cabelos lisos compridos e dourados. Ela estava linda, mas de fato eu não havia reparado em nada.

Eu: Você está linda meu amor.

Ela: Eu ouvi toda a sua conversa com o William. Então quer dizer que vocês são dois gays que escondem suas putarias nas dependências daquele escritório? Lá é um escritório mesmo ou um motel que você leva seus amantes? Como pôde fazer isso Henrique? Você é um mentiroso desgraçado que aceitou namorar comigo para poder sair com todo mundo sem que os outros desconfiassem.

Eu me calei e só ouvi tudo que ela dizia, não poderia fingir ou tentar mentir sobre algo tão sério.

Carol: Eu tenho nojo de olhar pra essa sua cara seu viado, é isso que você é! Um viado que prefere sair com homens a me tratar como sua namorada. Seus pais saberão disso, eu mesma vou contar a eles. Era esse o medo do Roberto quando me pediu para entrar na sua vida. Ele não queria ter um filho assim, isso seria uma vergonha para todos. Aí eu assisto toda a declaração de amor que o William fez a você. Minha vontade era te bater Henrique.

Eu comecei a chorar enquanto ouvia as onfensas dela, se fazendo de vítima, de coitada e enganada.

Ela gritava e me batia:

- Seus pais saberão de tudo isso, assim que chegarmos na igreja.

Ela tentava soltar o sinto para conseguir vir pra cima de mim.

O Zé pedia que nôs acalmassemos, mas ela gritava ainda mais alto.

- Não sou uma qualquer pra você fazer esse tipo de coisa comigo, isso não vai ficar assim.

Olhei para o céu e vi aquele azul sem nuvem alguma, os vidros dos prédios refletiam os raios do sol.

O calor forte e o mormaço daquele dia que era para ser o mais Feliz da Sara.

Uma freada brusca, pneus cantando e me vi rodopiando dentro do carro, uma forte e estrondosa pancada na cabeça e eu já estava no asfalto quase sobre a calçada, alguns metros longe do carro.

Acordei assustado e liguei para o William, pedindo que fosse pra minha casa.

Comentários

27/02/2016 00:30:41
Começando a gostar de novo do Henrique, vamos ver o que vai acontecer. O conto está muito bom
16/02/2016 03:14:30
Queria dar a nota 1.000 para essa histaria mais como o maximo é 10 vai 10x10 rsrsrsrs amando posta logoooooo mais um
14/02/2016 08:42:18
Desculpem a demora para postar rs.
13/02/2016 20:05:36
amei o conto. Perfeito!!!
12/02/2016 17:28:48
Perfeito demais!
11/02/2016 14:42:26
Phabiano não existe discussão quanto a esse assunto, em sexualidade não existe opção a ciência e a psicologia estão aí para comprovar, o termo "opção sexual" é errado, não se usa mais hoje em dia, como a palavra homossexualismo também pois o termo "ismo" é doença, esses dois termos estão errados. Beijos.
11/02/2016 08:49:36
Ótimo conto.
11/02/2016 08:46:40
O melhor conto...pena que não dá para dar nota 1000.
11/02/2016 08:45:17
Acho que seu medo virou tipo um bloqueio e você deixou de fazer coisas, para não ir contra as decisões do seu pai.
11/02/2016 08:40:35
Excelente, continue logo...
11/02/2016 08:34:04
Pai e namorada deveriam ficar juntos, dois ridículos.
11/02/2016 08:32:02
Seu pai deve ser um cara muito preconceituoso e bastante rígido, credo...pagar pra uma mulher sair com o filho! Ele é doente isso sim.
11/02/2016 08:29:41
Não suma mais kkk Seu conto é excelente.
11/02/2016 08:28:10
Opção, pois é você quem precisa se aceitar em primeiro lugar, decidir entre continuar se escondendo ou se prefere sair da prisão interna e viver com quem gosta e da maneira que gosta. Adoro seu conto.
11/02/2016 08:24:06
Graças a Deus que você voltou 👏.... Não fuja dos seus sentimentos, fique com o William.
10/02/2016 22:02:18
A verdade é sempre a melhor opção.
10/02/2016 21:52:49
"Pôr que, não, aceitar a pessoa da maneira dela, sem precisar se perguntar qual a sua opção sexual? É difícil?" Me faço a mesma pergunta, porém sexualidade não é opção, é condição! Afinal as pessoas não escolhem ser homossexual, já nascem assim. OK? Seu conto é bom, encontrei hoje e vou acompanhar. Beijos.
10/02/2016 21:41:46
O conto é muito bom, mas precisa caminhar. O protagonista, agora ciente de quase tudo, precisa reagir e se posicionar diante dos problemas. Continua logo. Parabéns
10/02/2016 21:36:42
Ele tem que começa a lutar pra ser feliz! Perfeito como sempre bjs♥
10/02/2016 21:25:06
muito bom!
10/02/2016 21:10:49
Nao seja covarde agora man, lute pela sua felicidade
10/02/2016 20:47:55
aff não acredito que msm depois de qse ter morrido ele ainda vai continuar a ser o msm covarde que era antes do acidente, não posso crer nisso :(
10/02/2016 20:47:35
Adorei o capítulo! Estava sentindo falta do seu conto! Tô ansioso pra ler a continuação e espero que vc ñ demore! Abraços!!!
10/02/2016 20:40:19
Que bom que tu voltou. Tá maravilhoso 👌👌
10/02/2016 20:37:02
atendimento vip aos casais no meu hostel No carnaval 2.016 na semana passada, recebi varios casais do nordeste e um casal de curitiba, dois gays de minas gerais. todos bonitinhos e gostosinhos. No sabado eles foram para o sambodromo do anhembi e voltaram tarde muito cheios de cachaca e eu os recebi gentilmente e na hora deles se deitarem foi uma confusao só e acabei indo pro quarto com eles. o marido de uma cearense me ofereceu ela para eu comer e eu nao me fiz de rogado, uma deliciosa loira de shortinho curtissimo veio e me beijou na boca meu pau de 21 cm endureceu na hora, vi que o marido ficou olhando para o meu pau e nao tirava o olho . De repente entraram os dois gays no quarto e os outros dois casais do ceará e foi uma putaria só, e quando percebi eu estava com o marido da loira abocanhando meu pau enquanto eu chupava os peitinhos dela e um gay chupava o outro e os casais metiam nas camas de solteiro. meti na bucetinha da loira e acabei gozando na boca do marido dela. depois meti no cuzinho de um dos gays e dei mais pica para as esposas dos outros casais, havia uma moreninha deliciosa, bem pequena, essa era foda, pois gritava muito quando gozava, dizendo. _VAI MACHO, METE, METE MACHO, METE!!! eu eu meti, rsrsrs o dia amanheceu e eu estava exausto, dei pica para todo mundo e ainda tinha que preparar o cafe da manha deles. mas enfim, meu hostel tem que funcionar, rsrsrs no domingo com a cara mais lavada eles me convidarema para sair com eles, mas eu nao podia mas disse que ali no hostel, eles podia contar comigo sempre, e a loira veio e me beijou na boca antes de sair . quando foi umas 18 horas os gays voltaram e me pediram sorvete eu atendi eles no quarto e quando um deles só de sunga pegou o sorvete da minha mao me perguntou: _ sera que eu posso realizar uma fantasia antiga minha com o Sr.? eu disse depende. se for legal !? entao ele pediu para eu me deitar e derrubou sorvete no meu peito peludo e lambeu, comecou a me lamber os mamilos e foi descendo ate a barriga enquanto o amigo dele ficava só olhando. ele abaixou meu calçao deixando a mostra meu pau de 21 cm ja bem duro com a sua linga no meu peito e derramou mais sorvete no meu cacete, a principio foi duro, tava muito gelado, mas deixei e nao reclamei, ele entao limpou todo o meu pau com a lingua e nisso o amigo dele veio por traz e meteu no cuzinho dele . O menino chuvava feito um bebênuma mamadeira,m sugava meu pau com gosto e urrava a cada estocada que o amigo dava no cuzinho dele. ele me segurava e cravava as unhas no meu paito dizendo: _ aiiiiiiiiiiiiiiiiii, que deliciiiiiiiiiiiiiiiiiiia !!! uiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii que gostoooooooooso e depois de um bom tempo o amigo dele encheu ele de porra e ele entao veio sentar com o cuzinho derramando porra no meu pau, mas.... eu pedi uma camisinha e coloquei antes de meter no cu dele cheio de porra do outro e ele sentou e rebolou dizendo: _ ai sr. Markus, que pau delicioso, rebolando ele elegiando meu pau, o viado era tao tesudo que me roubou um biejo na boca e pela primiera vez senti a boca de outro homem na minha. nao aguentei o tesao e gozei no cu dele. antes dele sair de cima de mim ouvi a porta bater era os casais chegadno. Eles vieram direto para o nosso quarto e nos pegou todos nus. entao o marido da loira caiu de boca no meu pau de novo, alem de corno era manso e gay. ele deixou meu duro de novo e a loira veio e colocou a camisinha e sentou tambem, rebolando ela dizia para o marido: _ viu amor, que pintao o Sr. Markus tem, que deliciiiiia, isso é que é pica!!! deliciosa. a outra mulher veio e a beijou, chupou os peitinhos dela e me ofereceu a buceta para eu chupar e eu chupei gostoso. Depois de um bom tempo e perguntei onde elas queria minha porra pois eu ia gozar de novo, ta chegando meu gozo e elas disseram: Na boca de todos !!! a loira saiu de cima de mim e veio os dois gay, as duas mulheres e o marido da loira, todos disputando minha pica e esperando o meu gozo. enquanto aquelas linguas alisavam meu pau e minhas bolas, o meu gozo veio como um vulcao como se a mae natureza colaborasse com a quantidade de porra que veio e lambuzei a cara de todos e eles se beijaram com a minha porra, eu desmaiei de cansaço e deixei eles se beijando e fui tomar meu banho merecido. uallllllllllllllll que hospedes safados, tarados. se for assim o ano todo eu to bem na fita, ualllllllllllllll tenho 50 anos, magro, liberal e meu hostel é num apartamento no centro de sao paulo. interessados em se hospedar com atendimento vip é só entrar em contato no e-mail [email protected] preco bom na hospedagem e atendimento personalizado no sexo markus - vivo

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


sendo lascada por maquina do caralhiscoletane de cobtos eroticos de travesti bem dotado ativocontos gay luiz virando mulherzinha na cadeiaSo mete movimha na pica duracontos eroticos de mulher de manausconto gay apaixonado por um traficantedar e coçar e so começar contos eroticosmulher casada se exibindo para o encanador enguiçado e ele sem calcinha só de saiacontoserot/mamae pegou eu e meu irmao brincando de medicovideos dr sexo com pau de40cm analvídeo pono tento fugi do negao mais se treme toda de tanto gozáVelhos que mamam seios de sua neta contos eróticoscasa dos contos eroticos com sobrinhos chupador de bucetao corno saia pela porta da e o amante entrava pela janela pornoporno mae e filha oubrigada pagar agiotapai cheira a cueca do filho com gozoquero baixar pornô novinha chamando o pai de mensagem massagemMenina pedendo cabaçoxxvideoseita crossdressereu e meu marido adoramos fazer sexo grupal contosvixxi encoxadasmenina 18 cabasom. padato tula dela camanu onibos lotado os homens se revezaram para me fuder e passar a maocontos eróticos os melhores eu e minha esposa recebemos uma visita de um casal de idadexvideos com pomba gira brasileiros encorporadasGta brut mulher nuaDescabacei a buceta da minha prima no hotel conto erotico de primo e prima cabaço no hotelgordinha bem feitinha abrindo a buceta pra o namorado chupar socando na enteada gravida de jundiaiporno caseiro amiga não acredito q o pau do meu marido é grande e pago pra vercontos eroticos de enteadas loiras com padrastos negrosWxvidio comedo di ciuPorno contos pais e maes iniciando suas meninas no incesto com carinho e muito gozofilha minha femea contocontos eroticos colega negão estuprando o novinho gayconto corno obrigadoXvideos as filinhas lerinhahomem se enxuga nu e a mulher abre a porta senquerer pornoEu brico no colo do papaiencanador comeu a cliente a forca e ela gostouler conto erotico meu delegadoFotos de travesti novonho trazandorevista private relatosnegras lesbicas fazendo tribadismo cabeca vs cabeca c clitorisgazando juntoxvvideo macjo goza na teta da mulher e corno lambecontos eroticos feminizaçao do garotinho maecontos de sexo raspei minha bucetaencoxada casa dos contosvideos de meninas llevando fortes choques de fios de luz na buceta pelada ate hritarporno de coroucom novinhassexo oral 2016 nos mamilos bicudos das mulatasas mulheres cm a buceta grande panel de fuscaso fotos da namorada do traficanti nem de chortinho distufos videoFazendo Cunhado Chupa a força Gay❤o pedreiro me comeu a forca!!contos eroticoscontos esfolei o anus da mamae bebadasòmente no cuzinho da esposahistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulherbucetinhas e cuzinhos lisosvelhas loucas do hospício dando o cu gostosocontos incesto xota enrabadacontos eroticos coroa casada bancaria viajo a trabalho e traiu pela primeira vezvideos esposa convida a comadre pra fazer suruba com maridomarido pintinho e cu gulosocontos casada da o cu pro cão e o marido participa comendo tambemdei a buceta na bicicleta contos eroticosmontei um armario pra uma coroa ela me atacou e chupou meu pau tv bucetabotei gozei tirei gozei soquei gozeicontos eróticos publicadosporno doido reais emviado por amadores com novinhas descuidadasapaixonado por um hetero gustavinhoanal violentto e profundo com gozo dentvideos de porno cazeiros no mato no riu em todo cantoconto erotico corno na lua de melpesquisar por mega dotado xevideo mulher dormido e rola entrandocontos erotico gay brincando de verdade ou desafioencoxando rabuda no trem casa dos contospornocontoincestosevangelicas na zoofilia com cachorrodois dotado fetendo com forca e tirando sangue da bucetinha da moleca assanhadaContos eroticos minha mulher e minha irma dividiram a piroca enormecontos de mae.putona tarada pela rola do filhoblogs velho seboso pauzudoBaix porno emprensando na paredebaiano chupando clitori e falando besteirascoroa novinha transando da put e da das tigresa da preguiça do pornô filme do Rio São PauloSobrinho pauzudo,tia feliz. Com foto.conto namorada putamae. gosa pau fillho sentadasem calcinha contosgostosa chifrando corno com seguranças na festa contos eroticosassistindo filme com a tia e perder pra dica abraçadinho xvideoscontos eroticos minha esposa fodendo com meu sobrinho menor de idadevídeo pornô novinha chupando p***** grande peituda gostosa patriciane nome delacontos eu meu padrasto fodemos gostosoolhando a vizinha gostosa de shortinho depois pula o muro e mete a piroca na vizinhahtts:you.comtube ponodoido