Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

A PRIMEIRA VEZ COM O MEU PRIMO

Um conto erótico de Juniorcx8
Categoria: Homossexual
Data: 12/02/2016 02:04:26
Nota 10.00

Olá pessoas, fico feliz por terem gostado do meu último conto e dos emails que recebi, rsrs, alguns são picantes, enfim. Lembram que eu disse que um dia ia relatar a minha primeira vez com o meu primo? Então,esse dia chegou! Desculpa pelo horário do post mais uma vez e divirtam-se!

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Desde que eu tinha 12 anos de idade, os meus primos vem passar as férias aqui na minha casa, nunca nos demos bem. Brigávamos quase todos os dias e saíamos nos tapas sempre que possível! O meu primo mais velho,que se chama Antônio,implicava de um jeito comigo que chegava a ser insuportável! Acho que ele era ou é,sei lá,bipolar!

Tinha dias que ele estava numa boa,mas tinha dias que parece que ele estava de TPM. Puta que pariu,era um saco! Bem,fazia uns 4 anos que ele não vinha na minha casa e como ele sempre ficava de recuperação na escola,aí que eles não vinham mesmo,porém teve um período de recesso junino e a minha tia junto com eles vieram para a minha casa,para passar esse período de festas. Eu no auge dos meus 16 anos e ele com 16 anos também,acreditava que ele tinha mudado o seu jeito de pensar e agir com as pessoas,pelo menos. Que nada! No começo era tudo flores,passaram-se dois dias e ele já estava virado no capeta!

Brigávamos quase todos os dias,mandava muitas indiretas e como eu não ficava calado,afrontava ele também. Numa tarde,meu irmão mais novo,meu primo mais novo,ele e eu resolvemos brincar naquele dia. Decidimos jogar dominó,baralho,vídeo game,entre outras coisas,até karaokê rolou,foi um dia divertido,mas como sempre,ele estragava tudo. Quando terminamos de disputar no vídeo game,ele começou a brincar de luta comigo e eu revidei,empurrando-o contra a parede,daí ele levou como brincadeira e começou a me agarrar e me jogar no chão,logo esbarro a minha mão no seu pau,e percebo que está duro feito madeira.

O Antônio era moreno e tem uma estatura média,cabelos curtos e escuros. Naquela época eu tinha 1,69 de altura,sou moreno também,cabelos curtos e me chamo Gabriel,esqueci de dizer o meu nome para vocês ! Hahaha... Bem, começo a agarrar ele no chão mesmo e começamos a nos esfregar um no outro no chão, sentíamos algo estranho, bom, porém esquisito. Não paramos por aí, como estávamos nos esfregando, ele começou a pegar no meu pau que estava muito duro – eu mesmo nunca havia visto ele assim.

O meu pau estava babão, logo percebi pq estava com uma bermuda acinzentada e estava molhado bem na região. Como ele havia pegado no meu pau, eu também peguei no dele e fiquei apertando e cada vez mais que eu apertava ele encostava o seu corpo junto ao meu e começava a cheirar o meu pescoço. Velho, cheirada no pescoço dá um tesão do caralho,pois você instantaneamente fecha os seus olhos e se entrega para aquele momento. Só que quando estávamos começando a nos entrosar,ouço o meu irmão e meu primo conversando e chegando ao quarto onde estávamos. Paramos na mesma hora e fingi estar conversando com ele sobre qualquer coisa,rsrs.

Por incrível que pareça,passamos o resto do dia e noite bem. Na manhã seguinte acordei ás 9:00 da manhã e o Antônio ainda estava dormindo,a maioria das pessoas da minha casa tinham saído cedo e o meu irmão e meu primo ainda dormiam,a minha tia,mãe de Antônio e do Eduardo (meu primo mais novo),tinha ido visitar alguns amigos e demoraria a voltar,ou seja,estávamos quase sozinhos em casa. Passei pelo quarto onde ele estava e fui ao banheiro escovar os dentes e me higienizar,assim que voou para a sala ele me chama bem baixinho.

Antônio: Ei,Gabriel! Vem cá.

Detalhe,ele só dorme de cueca e já tinha um corpo legal. Logo que entro no quarto ele me pede para trancar a porta.

Antônio: Gabriel,tranca a porta por favor!

Gabriel: Ué,pq?

Antônio: Tranca Gabriel!

Eu tranquei a porta e ele me pediu para sentar na sua cama.

Antônio: Olha,eu sempre gostei de você! Pode acreditar! Sempre tive mais afinidade com você,posso atormentar e pirraçar você,mas isso é pq eu gosto de você e fico com ciúmes.

Gabriel: Deve ser isso,então! Meu filho,você não é uma pessoa normal! Briga todo dia,se emburra por tudo! Isso é insuportável!

Antônio: Eu sei que é! Ás vezes eu fico cheio de mim mesmo. Mas,ninguém pode desconfiar,então tenho que agir assim na maioria das vezes.

Gabriel: Como assim Toni (a gente costumava chamar ele assim)? Ninguém pode desconfiar?

Antônio: É Biel (esse era o meu apelido,nunca gostei,mas...).

Ficamos olhando um para o outro,ele começa a passar a mão no seu pau,consertar a sua cueca ou pelo menos fingir consertar.

Antônio: Não dá para aguentar mais,Biel!

O Antônio se levanta da cama e me empurra levemente no colchão,fazendo eu me deitar e ele subiu em cima de mim e sentou próximo ao meu quadril e começou a se esfregar em cima de mim,fazendo com eu o puxasse contra a minha direção e desse o primeiro beijo. Era estranho,até então nunca havia sentido um contato de outra língua dentro da minha boca,eu conseguia até sentir o maxilar se mexendo aos poucos junto com os movimentos que fazíamos. Eu não resisto e puxo seu pau para fora e vejo aquela bela pica de mais ou menos uns 17 cm,moreninho,cabeça vermelha e suas veias pulsantes e mais,naquela hora e já estava começando a babar,tinha alguns pelos,normal,mas não impedia de realizar o serviço.

Caí de boca naquela vara e comecei a chupar bem gostoso,tinha um gosto singular,mas depois eu fui me acostumando,na verdade a minha boca foi se acostumando e ficando mais relaxada. Eu sugava aquele pau e ele rebolava em cima de mim bem gostoso. Chupei o pau do Antônio com tanto gosto,que ele estava chegando ao clímax e quase goza. Assim que percebi que eu estava indo rápido demais,logo parei. Pedi pra que ele saísse de cima de mim e deitasse na cama de bruços. Ele tem uma bundinha gostosa,que me deixava louco. Subi em cima dele e com o meu pau ainda dentro do short e pedi para que ele vestisse a sua cueca,posicionei o meu pau na entrada do rabinho dele e colei o meu corpo junto ao dele e fui fazendo um esfrega esfrega gostoso nele e vejo que o meu pau estava perfurando o rabinho dele mesmo vestidos ainda. Logo vou descendo pelo o corpo do Antônio e vou abaixando a sua cueca e retiro a minha roupa também, ficando nus.

Bem,não tínhamos preservativos e era a primeira vez que iria fazer isso e ainda mais com ele. Lubrificante sequer,não havia,haha – Vamos na cara e na coragem!

Gabriel: Toni,quero comer o seu cuzinho,mas vai ser no seco! (meu Deus,nem acredito que falei isso,kkk) Vai doer um pouco,você aguenta?

Antônio: Aguento. Quero você mais que tudo! Vamos,antes que alguém chega!

Estávamos ansiosos e nervosos,mas eu não tirava os olhos do celular para ver as horas. Peço para ele ficar deitado mesmo na posição em que estava e cuspir na sua bunda,assim fui colocando a minha língua no seu rabinho e percebi que ele estava gemendo bem baixinho,comecei a vasculhar o rabinho meu primo com a minha língua,até que fui pegando o jeito e cuspindo algumas vezes,até que consegui colocar o meu dedo indicador no orifício dele e fui colocando e tirando,até o rabinho dele se acostumar. Conseguir colocar três dedos no rabinho dele e pedi para que ele rebolasse bem gostoso,logo vi que ele estava bem relaxado.Peguei o meu pau,e coloquei para ele fazer um boquete para ficar mais relaxado ainda.

Antônio: Caralho Biel,você tem uma nega gostosa em?! Grossa,vermelhinha e moreninha,daqui consigo ver as suas veias que me deixam louco. Você vai arrebentar o meu rabo hoje.

Gabriel: Então Toni,essa é a intenção! Eu vou descontar toda a raiva e pirraça que você me fez passar! Hahaha.

Com a minha vara molhadinha,boto o Toni de quatro e volto a fazer um cunete rápido naquela bunda gostosa,dou alguns tapas e ele pede para bater mais,até que seguro em seus ombros e vou colocando o meu pau cuidadosamente no rabinho dele – não vou negar,é difícil fazer meter sem lubrificante ou algo que facilita a entrada do meu amiguinho,haha. Tiro o meu pau e vou cuspindo na bundinha dele e vou colocando,até que consigo colocar a metade. O Toni começa a gemer de dor e prazer e me pede para tirar,assim eu faço. Logo Vou colocando aos poucos e vou tirando e vejo que o bundinha dele está facilitando,até que eu consigo socar de uma só vez e percebo que ele vai gritar,eu seguro em seu pescoço bem forte com um dos meu braços e vou metendo bem gostoso na sua bunda. Eu encosto a minha boca bem perto do ouvido dele.

Gabriel: Toni,não grita! Quero você gemendo bem gostoso. Sou doido por essa bunda.

Toni: Tá doendo Biel. Sabia que você ficava de olho na minha bunda!

Gabriel: Então,se gritar vai doer mais ainda,pq eu vou meter com mais força.

Logo vou estocando bem gostoso naquela bunda,e o Toni encosta a sua cabeça no meu ombro gemendo bem gostoso. Eu nunca havia feito isso com ninguém,mas vi que sou um pouco dominador na hora do sexo e seguro em seu pescoço a cada estocada que eu dava e o Toni me pedia para meter com mais força – cada hora que ele gemia,me dava mais tesão e eu bombava mais. A gente sai daquela posição e eu me sento na cama e coloco os meus pés no chão,ele se senta no chão embaixo do meu saco e começa a chupá-los e massageá-los bem delicadamente. Logo ele se levanta e senta a sua bunda em cima do meu pau de costas para mim.

Antônio: Biel,soca gostoso no meu rabo. Esfola ele, vai!?

Antônio começa a rebolar gostoso na minha pica e eu vou metendo cada vez mais forte no seu rabo.

Antônio: Biel,tira o meu cabaço! Quero gozar bem gostoso com você!

Gabriel: Hoje você vai ser a minha putinha!

Ele sai de cima do meu pau e senta novamente na posição contrária,sentado de frente para mim. Cada vez que eu socava no seu cuzinho ele me agarrava,me apertava e me dava muitos beijos. Ele ficava lambendo os meus lábios,algo que me deixava louco e eu mordia os deles,retribuindo o afeto. Não nego,ele era insuportável,porém é gostoso!

Gabriel: Toni,vamos fazer um troca - troca? Quero que você coma meu cuzinho.

Antônio: Agora! Quero lamber muito o seu rabinho! Agora você vai ser a minha putinha!

Antônio levanta,pega pelos os meus braços e me joga na cama,sobe em cima de mim e vai se esfregando e cerrando o seu pau duro em cima da minha barriga. Eu prontamente abocanho o seu mastro e vou engolindo cada centímetro,logo ele arreganha as minhas pernas e as levanta,me deixando com a bunda um pouco suspensa,desse modo ele coloca as minhas pernas no seus ombros e posiciona a sua piroca cheia de saliva no meu cuzinho e enterra de uma só vez!

Gabriel: Aí desgraçado!

Antônio: Calma Biel,agora quem vai fazer você gemer sou eu!

Antônio começa a bombar gostoso no meu rabo e eu começo a gemer bem gostoso,ele pega a sua cueca e coloca na minha boca e pede para eu mordê-la. Nossa, a cueca dele tinha um cheiro de macho,que me deu um prazer surreal. Ele bombava muito rápido,pensei que eu não ia aguentar.

Antônio: Você gosta assim? Quer mais pica,quer?

Gabriel: Vai mais rápido Toni!

Logo ele me tira daquela posição e me põe em pé no chão e pede para que eu fique de costas para ele e me apoie no guarda roupa,logo ele cola o seu corpo junto ao meu,e enterra a sua pica no meu rabo e começa a bombar gostoso,automaticamente as minhas pernas vão se arreganhando e eu empino a minha bunda cada vez mais. Antônio me chama de putinha,e fala muita putaria nos meus ouvidos,além de ele dar leves mordidas na minha orelha. Logo eu o puxo e começamos a nos beijar e fomos parar no chão,nos esfregando feito dois cachorros no cio,loucos e intempestivos - eu mordia ele, enquanto ele ficava passando a sua boca na minha. Com muito esforço,tento pegar ele no colo e ainda consigo socar naquele rabo gostoso,mas logo me canso e ponho ele na cama na posição de frango assado.

Gabriel: Toni,Agora você vai beber todo o meu leite.

Antônio: Eu não vou engolir não,Biel!

Gabriel: Vai sim! Só não pode viciar.

Ainda metendo no rabo do Antônio,pego o pau do meu primo safado e começo a punhetá-lo bem gostoso,logo percebo que vou gozar e retiro o meu pau,já o colocando direto na boca dele.

Gabriel: Agora mama gostoso nessa piroca,vai!

Antônio: Me dar o leite da sua neca,vai!

Eu soco a minha vara com força na boca do Antônio fazendo ele se engasgar. Eu tiro e coloco,até que ele chupa o meu pau com tanto prazer que puxo o seu cabelo e gozo na boca dele – ele quase engasga,mas engole tudo.

Gabriel: Bom garoto! Vai ficar fortinho com o meu leite! Agora goza gostoso para mim,vai!

Antônio era perverso,ele me pôs ajoelhado na sua frente e me colocou para mamar na sua piroca,ele segura nos meus cabelos e soca bem rápido e forte até na minha garganta,mas eu vou chupando cada vez mais e ele vai revirando os olhos de prazer e começa a gemer cada vez mais alto. Cada gemida que ele dava,eu ficava com mais vontade de chupar,até que ele inundou a minha boca com o seu leite quentinho,logo eu me levanto e dou um beijo bem gostoso na sua boca e caímos na cama,nos esfregando e acariciando um ao outro.

Passado uns cinco minutos,verifico a hora no relógio e me visto rápido,limpamos a bagunça e eu fui para o meu quarto fingir que estava levantando ainda. Ainda bem que ninguém havia chegado e o meu irmão e o meu primo ainda estavam dormindo. Antes de eu sair do quarto do Toni,ele me puxa e dá um beijo,além de enfiar a sua mão na minha bunda e apertar.

Antônio: Gostei de comer o seu cuzinho! Tirei o seu cabaço gostosinho!

Gabriel: E eu digo o quê?! Você é a minha putinha!

Logo eu saio do quarto do Toni e vou para o meu quarto. O resto do dia foi incrível,porém eu não me aguentava de tesão toda vez que eu via,ás vezes estávamos na cozinha e ele vinha atrás de mim e ralava o seu pau na minha bundinha,algumas vezes,ele ficava esfregando o seu pau na minha bunda bem discretamente,mas principalmente quando tinha gente em casa. Ele gostava de me atiçar! Tivemos outras aventuras no decorrer das nossa férias e a mias ardente foi a que tivemos no banheiro,que quase quebramos o box. Essa fica para depois! Kkkk

Espero que tenham gostado. Comentem o que acharam,por favor! Ah, se quiserem trocar uma ideia, só mandar um email para: [email protected] Desculpem qualquer erro de ortografia/pontuação. Grato pessoal, beijão para todos! <3

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
15/02/2016 16:24:24
muito bom.
13/02/2016 04:30:41
Muito Massa mano Nota 10
12/02/2016 23:30:19
Muito bom o conto por isso vou mandar um deis. Sou casado e morro de vontade de dar a bunda, apesar de não sentir atração por homem. Só sinto atração por picas. Gostaria muito de ser uma fêmea completa para outro macho e matar esse desejo escondido que tenho. Troca-troca tambem e bem vindo. Alguém interessado me mande mensagem... E-mail:
12/02/2016 20:32:44
ESSE CONTO DEVE SER CONTINUADO
12/02/2016 07:39:39
muito bom
12/02/2016 07:37:19
bom.
12/02/2016 03:03:46
Top, escreve e de um jeito particularmente sensual e envolvente <3




Online porn video at mobile phone


video eróticospapai me ensinando tudopegou fogo no travesseiro da atrissobrinho fica triste com a tia so lembrando do namorado que morreu xvideoscontos erotico vovô taradocontos de incetos e orgias entre irmaos nudismo piscina em casamulher não transa com pauzãoooolevantou o vestido da coroa evagelica e passou a rola.comxvideos cangáceiras eroticascontos eroticos negao pegando japonesawww.porno zoofilia.com/dando buceta virgem engatada dois cachorros?primos se pegando e com mãoboba pornodoido.combucetas gostozas gozando gostozo na cabesona rombudaanimopron.com lara umcavalovou contar como viciei minha cadelinha video comi sua buceta e seu cu acachorra avisiover videos de travestis dotadas acariciando o penis dentro da roupatia gemendo peituda vizinhafotos de bucetas lusinhas brancas rosadasmin engravida amor porno sacanapornô pornô socando o pau na b***** da dona Zefa cachorro tocando pau na b***** da donavidio de pono gya com tio com briquendo polo cu do seu afilhado mundobichaporno de mulheres tentando fiji de pica grandeirmalouca pra perdero cabaco pro irmarespiei a minha madrasta gostosa e fiz um vídeo caseiro delacontos.eroticos avo.peludo idoso bigodevideocurto brasileiro de corno humilhadocumeno a safada do bundaovideos de porno cazeiros no mato no riu em todo cantomeniina lavano abuctabelo sexo dormindo de conchinha com a tia so de calsinhaoq e o liquido branco melecado q saio do xibiominhavo rebolo gistoso xvideosporn bumbum peito enpinadinhos de mae filhasono rabo daconhadacontos eroticos ganhei um boquete no pokerfilme casal insurportavel pornodoido"virei mulherzinha" cadeiaO vizinho safado do 205sexo porno fui no meu ginecologista ao abri a perna ele me chupou todinha deliciaxvideo do cunhado pecado a cunhadinha a fosa e pede pra nao goza dretrovideo mloira das coxa grossa e da bunda enorme chupando uma boceta d outra loiracasa dos contos eroticos com sobrinhos chupador de bucetahomen toma banho de coeca pica fica dura mundobichaContos eróticos: Rabetao da minha sobrinha sarrando na minha picaVer garotos com 16 cm de picacontos eroticos dominada na frente do meumulheres de 28 anos com muito tesão só puxa calcinha de lado pró kidbengala metecoroa ponha cao para chupalacantos com eroticas tio pirocudo com sobrinhas virgemxvıdeos porno magrınhas gostozaRelatos de zoofilia cao estrupanovinha com pouco pentelho contosa.mulher vai ate ver que.estava.na.porta.era.o amigo dela.e.deu.a.boceta para.elelemulher engata com cachorro grande e nao consege desengata pornourologista conto gayprofessora para niguei botar defeito tao gostoza pelada linda buceta greludaofereceu a filha pro caralhudo gigante xvideosgosando dentro da buceta d egua d raçacontos eroticos gays macho dotado femea viadinhoporno.com corninho faz surpresa pra sua gostosa deixando um jumento encher sua buceta de porraContos eriticos putinha do meu cunhado bem dotado parte3bucetao de sotinho q capui de fucaContos eróticos d homem com éguacrossdress betinha 4Conto dando sonifero enteadax negona budona lascadacontos tonando as menininhasporno sogru peganu tu nora a forsaporno loiras xiri gigante anal picas trinta centímetroscontos erotico chantagiei e depilei minha sogravídeo de sexo negão lascando a b***** de magrinha Sonhadacontos eróticos dei pra estranhos pelo buraco na paredecomi a xana zeradavideos pornos de mulheres de cor amarradas e amordaçadasso fotos da namorada do traficanti nem de chortinho disvideo de idosa abrindo video de gemido no meio do mercado "apaga isso"descabacei a buceta da crentizinha magrela a fora - contos eroticoscontos e xitantes a mulher do meu chefe me seduziucontis eroticos incesto faxina em familiaconto erotico/gay asistindo percy jacksonporque o quando nomoramos os homens ficam pegando na bunda da mulherincesto com meu vô contosconto papai nao rejeita sua filha tesuda