Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Eu não sou gay, eu só me apaixonei por outro cara! (História Real) Novidades 4

Autor: Vinicius..
Categoria: Homossexual
Data: 25/03/2016 00:25:29
Última revisão: 25/03/2016 22:01:40
Nota 10.00
Ler comentários (24) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Bem antes de tudo queria agradecer pelos comentários de vocês. Bem tem pessoas que me pedem por fotos minha e do Rodrigo e eu vou dizer aqui o que eu digo a todos. Por mim eu mandaria sem problema algum, mas o Rodrigo me fez prometer que não mandaria, muito menos foto só minha... E outra coisa e redes sociais, nós não temos nenhuma, só o Whats mesmo. Nada de face, insta, snap e outras. Ficou claro? voltamos a programação normal rsrs.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

JULHO

O papai me ligou dizendo que era pra eu almoçar lá em casa que ele tava com saudades e tudo mais, assim que sair do estágio fui pra lá. Fui me aproximando de casa e vi o carro dele do lado de fora e junto o dele outro com aparência de novo. Será que tem mais alguém em casa? Pensei comigo mesmo. Entrei em casa e vi o papai sentado no sofá vendo TV junto da mamãe. Fui até eles e dei um beijo em casa um e me sentei do lado dela.

Eu: De quem é esse carro ai fora?

Pai: Carro?

Eu: É tem um carro preto parado ai na frente, pensei que era até alguma visita sua..

Pai: Sério? Bora lá ver!

A gente levantou e foi até lá fora

Ele jogou uma coisa em minha direção e eu peguei, olhei e era uma chave.

Eu: que isso? Meu Deus

Pai: É teu!

Eu: Caralho, pai mentira?

Pai: É teu moleque

Fui até ele e o abracei, melhor dizendo o carreguei hahahaha

Eu: Mãe do céu!

Mãe: Gostou?

Eu: Claro..

Eu a abracei e depois fui abraçar meu filho hahaha. Quem disse que eu queria sair do carro pra comer? Hahaha... liguei pro Rodrigo avisando que eu ia busca-lo no trabalho e ele disse que não tinha problema que a gente ia junto de busão pra casa.. O Carro que a gente ´´tinha`` era da mãe dele mas ele ficava com o Rodrigo maior parte do tempo e esse dia a mãe dele precisou. Seis Horas eu já tava em frente da obra onde ele trabalha, ele saiu umas seis e meia me viu e veio em minha direção.

Rodrigo: OI amor

Eu: Oii

Me deu um abraço rápido

Rodrigo: Bora ?

Eu: Bora!

Tirei a chave do meu bolso de destravei o carro. Ele ficou me olhando como que não entendia

Eu: Nosso novo filho

Rodrigo: Fala sério?

Eu: Falo sério, o papai me deu!

Rodrigo: Caralho!

Ele ficou olhando pro carro e depois me abraçou..

Rodrigo: Vinícius, meu e teu. Meu e teu!

A gente começou a rir. O “Meu e teu” é uma coisa daqui de quando alguém tem algo quer a gente quer outra pessoa fala isso, eu usava muito quando era criança pra comer o que os meus amigos tinham hahahaha..

Deixei ele em casa e depois fui pra faculdade, quando voltei pra casa ele tinha feito um jantar de comemoração e claro que teve sexo de comemoração rsrs

E em mais uma quarta de bola eu resolvi jogar rsrs e dessa vez o Rodrigo foi do time contrário. Nesse dia eu tava puto estressado mesmo. E o senhor Rodrigo resolveu me perturbar durante toda a partida. Passava a mão na minha bunda, me segurava quando eu ia atrás da bola e quando eu perdia a bola ele me provocava igual antigamente.

Rodrigo: Futebol e pra quem sabe jogar.

Eu: Vai tomar no cu!

Rodrigo: Qual é vai ficar putinho é ? Se não sabe jogar a culpa não é minha.

Me virei e dei um empurrão nele, que fez ele da 3 passos pra trás.

Eu: Qual o teu problema? Tá ficando doido filho da puta?

Rodrigo: Eu que pergunto se tu ficou doido.

Fui em direção a ele, quando o Fábio se meteu na minha frente.

Fábio: Vinícius o que foi isso.

Eu: Esse filho da puta que tá me provocando desde quando começou essa merda

Rodrigo: Agora a culpa é minha se tu tá de rabo sujo.

Eu: Vai tomar no cu antes que eu esqueça!

A gente gritava um com outro, melhor dizendo eu gritava com ele. Sai de lá querendo matar ele o Fábio veio atrás de mim.

Fábio: Por um momento eu vi o Rodrigo e Vinícius de alguns anos atrás, que ia pra porrada por qualquer coisa.

Fábio: Ei, espera!

Disse ele segurando no meu braço. Parei e me virei e vi o Rodrigo, ele que falava com o Tiago e apontava o braço em minha direção.

Eu: Que saber, deu pra mim Fábio. Cansei, tô cansado disso! E o pior que no final ele vai tá certo e eu errado!

Fui pegar as minhas coisas quando ele chegou perto.

Rodrigo: Pra onde tu vai?

Eu: Sai dá frente Rodrigo!

Rodrigo: Pra onde tu vai, Vinícius?

Eu: Eu vou embora, é isso que tu quer sabe? Eu tô indo embora, porra!

Ele ficou parado na minha frente, quando passei ele segurou meu braço.

Eu: Me solta Rodrigo.

Ele continuo segurando.

Eu: Não faz eu perde a cabeça!

O Fábio veio se aproximando.

Rodrigo: Não chega perto, isso é coisa nossa!

Puxei o meu braço da mão dele e sair andando. Olhei pra trás e vi ele me olhando.

Meu celular vibrava o caminho todo. Era mensagem dele. ( Fui olhar no whats o que a gente escreveu)

"Mormeu: Kd tu?

Mormeu: Vinícius?

Mormeu: Não vai me responder mesmo??

Mormeu: Tu que faz a merda e ainda fica com raiva de mim ??

Mormeu: Caralho me responde..

Mormeu: Vinícius?

Mormeu: Amor..

Eu: To em casa.

Mormeu: Porra pq tu não me respondeu logo?

Eu: me liga”.

Ele me ligou. Quando atendi nenhum dos dois falou algo.

Rodrigo: Me diz o que eu faço contigo?

Nós ficamos conversando, eu pedi desculpa pra ele. Ele também me pediu desculpa

Eu: Não vem pra casa?

Rodrigo: Hoje acho melhor dormir aqui na casa dos meus pais..

Eu: Rodrigo..

Rodrigo: Amanhã a gente se fala amor. Boa noite!

E desligou. No outro dia pela amanhã ele já estava em casa, ele ficou me olhando e depois riu.

Rodrigo: Me diz o que eu faço contigo

Eu: Só me perdoa

Ele me abraçou e me deu um beijo na testa.

Rodrigo: A noite a gente conversa sobre isso, agora a gente tem que trabalhar.

Segurei o rosto dele um beijo. Ele me encostou na parede e retribuiu o beijo.

Rodrigo: A noite, eu vou fazer tu te arrepender por ontem

E mordeu minha boca. Então fomos trabalhar. Eu sair primeiro que ele do trabalho, tava fazendo algo pra gente comer, tinha acabado de sair do banho e tá só de cueca hahaha... Quando sentir ele me abraçando por trás.

Rodrigo: Eu agradeceria se toda vez que eu chegasse em casa e tu tivesse assim.

Ele passou a mão pela minha bunda.

Rodrigo: Já disse que a tu bunda é a coisa mais linda do mundo.

Eu: Rodrigo..

Ele meteu o dedo pro dentro da cueca e foi baixando.

Rodrigo: Melhor seria se fosse sem ela..

Segurei as mãos dele e me virei ficando de frente pra ele.

Eu: A gente precisa conversar.

Ele mordeu os lábios e confirmou com a cabeça.

Rodrigo: Tem razão. Eu vou tomar um banho e já volto.

Ele aproximou o rosto do meu e me deu um beijo.

Rodrigo: Te amo viu!

sorrir.

Eu: Também te amo!

Terminei o que fazia e fui me jogar outra água pra tirar o cheiro de frango rsrs. O jantar que eu fiz foi uma salada com peito de frango. A gente comeu e depois ele pegou vinho pra gente beber.

Rodrigo: Sobre ontem, eu queria pedi desculpa! Eu não colaborei contigo, mas a intensão era de só tirar a tua concentração do jogo mesmo.

Eu: Rodrigo..

Rodrigo: Tá confesso que peguei um pouco pesado!

Eu: Um pouco? Tu fizeste exatamente as mesmas coisas que fazia antes!

Rodrigo: Eu sei.. Mas não foi com essa intenção amor!

Nossa, a DR rolou bonita rsrs. Eu estava deitado no sofá com os pés no colo dele.

Rodrigo: Só uma coisa que não bate nisso tudo.

Eu: o que é?

Rodrigo: Eu não passava a mão na tua bunda!

Eu: Tu não eras doido de passar!

Ele colocou o copo dele no chão, pegou a mão da minha mão e colocou junto ao dele.

Rodrigo: Agora eu posso fazer o que eu quiser com ela!

Disse ele vindo por cima de mim.

Rodrigo: Agora mesmo tô querendo fazer algo com ela sabe?

Eu: É? E o que seria?

Rodrigo: Tira a bermuda que tu já vai saber..

Eu: Melhor não!

Rodrigo: Não faz eu tirar a força!

Eu: Tenta..

Rodrigo: Muleque!

Ele me puxou pela cintura fazendo as minhas pernas ficarem envolta dele.

Rodrigo: Tu tá precisando de um bom corretivo!

Eu: É? Duvido se tu conseguir me dá!

E o beije, aos poucos fui sentido o pau dele ficando duro. Passei a mão por dentro da blusa dele e arranhei as costa dele que gemeu. Desci a mão e passei a mão na bunda dele.

Eu: me fode!

Rodrigo: Na nossa cama amor!

Ele me carregou e me levou até a nossa. No meio do caminha tirei minha camisa. Quando chegou no quarto ele me jogou na cama me fazendo kikar. Ele tirou a camisa e a bermuda. Ficando sem roupa, fui tira a bermuda mais ele não deixou.

Rodrigo: eu faço isso!

Ele mordeu o bico do meu peito com força o que me fez gemer de dor e prazer. Foi beijando e lambendo minha barriga, ele tirou minha bermuda me deixando só de cueca. Passou a língua no meu pau por cima da cueca. Ele tirou minha cueca e segurou o meu pau, passou a língua por ele e depois colocou na boca.

Eu: Olha pra mim porra!

Ele chupou a cabeça do meu pau me olhando, passou a língua indo em direção as minhas bolas as colocou na boca! Fez isso tudo me olhando. Ele me virou fazendo ficar de costa pra ele.

Rodrigo: Meu puto gostoso!

Roçou o pau dele na minha bunda.

Rodrigo: Vou te fuder como um macho fode uma puta!

Ele foi mordendo meu ombro e foi descendo pela minha costa, até chegar na minha bunda. Passou a mão por ela onde logo depois de um tapa com força. Apertou elas e depois lambeu, em seguida veio outro tapa tão forte quanto o primeiro. Eu queria gritar, chorar, gemer.. Mas realmente o que eu queria era que ele me comesse. Depois de me lamber, ele mordeu minha bunda com força!

Ele passava o pau dele pela minha bunda como se tivesse me comendo. Ele se esticou a pegou o lubrificante, passou no pau dele e foi forçando o filho da mão não teve pena, meu de uma única vez! Ele agarrou minha cintura.

Rodrigo: Não foge não!

Eu: Filho da puta!

Rodrigo: Isso, pode xingar pq daqui a pouco tu vai tá implorando!

E dito e certo, eu não demorou muito eu passei a implorar pra ele me fuder. Ouvia o barulho do corpo dele contra o meu era música pro meu ouvido. Ele apertava minha bunda, dava tapa, mordia meu pescoço e as minhas costas, juntos com as mordidas ele lambia!

Rodrigo: Caralho amor!

Ele tirou o pau de dentro de mim e me virou, pôs minhas pernas no ombro dele e meteu outra vez.

Ele tirava e metia o pau dele de dentro de mim.

Eu: Isso!

Ele tirou minhas pernas e eu coloque envolta da cintura dele, ele colocou as mãos e apertou meu pescoço com força. Ele tava vermelho e o suor escorria da testa indo em direção ao pescoço.

Rodrigo: Caralho, caralho, caralho Vinícius!

Ele foi aumentando a velocidade cada vez mais. Ele segurou meu pau e começou a bater uma pra mim enquanto me comia. Sentir meu corpo tremer e gozei numa intensidade incrível. Sentir o pau dele pulsando dentro de mim e a barriga dele contraindo, ele tinha gozando. Ele ficou parado um tempo até tira o pau de dentro de mim e se jogou do meu lado. Passei a mão pelo peito dele e sentir ele rindo.

Rodrigo: ainda morro te comendo, sério!

Acordei com o corpo dolorido, ele ainda dormia. Me levantei e fui pro banheiro, assim que eu olhei no espelho do banheiro vi que tinha uma marca do dente dele no meu ombro, virei ficando de costa e vi mais 3 mordidas dele. Confesso que rir com aquilo. Tomei meu banho e quando sair ele ainda dormia, tirei o lençol dele e vi que as costas dele tinham marca das minhas unhas e olhas que nem são grandes.

Eu: Amor, acorda!

Ele levantou e foi pro banho.

Rodrigo: Eu não te machuquei ontem a noite não né?

Perguntou ele no caminho pro trabalho. Eu disse que não, ele me deixou no trabalho e assim que entrei na sala o Lucas foi logo falando.

Lucas: Pelo visto a noite foi boa hein!

Eu: Como assim?

Lucas: Esse chupão no teu pescoço.

Eu: O que?

Fui até o banheiro e vi aquela marca roxa. Fui até uma amiga nossa do trabalho e ela me ajudou a esconder, passou umas coisas lá e escondeu. O Lucas passou o dia todo rindo de mim..

No início de AGOSTO, conversava no whats com o Fabrício vcs lembram dele né? Pois então ele me perguntou se poderia mandar uma foto de uma roupa que ele usaria naquela noite, eu disse que não tinha problema nenhuma. Fiquei esperando a foto e quando carregou comecei a rir a foto da roupa era uma dele em frente ao espelho de cueca... Eu não me aguentei e comecei a rir alto e claro que o Rodrigo perguntou o porquê deu eu tá rindo daquele jeito.

Eu: nada amor.

Rodrigo: se não é nada então deixa eu ver?

E veio pra cima de mim pegar o celular. Eu tentei esconder o celular, porém, ele foi mais rápido e pegou da minha mão e viu a foto.

Rodrigo: que porra é essa aqui?

Eu: amor, tu conheces o Fabrício.

Rodrigo: conheço porra nenhuma esse filho da puta, anda Vinícius desde quando ele fica de mando foto do pau dele?

Eu: não é do pau dele e sim da cueca

Rodrigo: porra, da cueca ou do pau dele não importa. Já te disse que não gosto dele e mesmo assim tu ainda da trela pra ele?

Eu: amor..

Rodrigo: quer saber, fica conversando com o teu amiguinho que pelo jeito tu tava gostando.

Jogou o celular e foi pro quarto.

Mas claro que conhecendo bem o namorado que tenho, aquilo não ia ficar daquele jeito. Fui pro quarto atrás dele.

Rodrigo: Só me diz o que tu faria se eu ?

Eu: Tu tá certo, eu sei!

Rodrigo: Porra Vinícius, esse cara sempre foi afim de ti e mesmo assim tu ainda da trela pra esse filho da puta!

Eu: Desculpa!

Rodrigo: tu vai bloquear ele e excluir o número dele, agora!

Tentei até falar algo, mas já tava errado mesmo, fiz o que ele pediu.

Mais uma quarta sagrada onde teria bola, eu fiquei de encontrar com Rodrigo lá assim que eu saísse da faculdade, isso era por voltar das 22:30 horas quando cheguei na arena. Eles bebiam e falavam alto, vi o Rodrigo com a cara de quem tava puto, me perguntei o porquê foi então que vi o Fabrício do outra lado da mesa.

Eu: puta que pariu!

O Fabrício ria e quando me viu, se levantou e veio em minha direção.

Fabrício: até que fim tu chegou..

Foi tudo tão rápido que eu só vi o Rodrigo acertando um soco no rosto do Fabrício que fez ele cair no chão, eu corri em direção a eles. Só deu tempo de eu segurar o Rodrigo e tentar levar ele pra longe.

Rodrigo: Eu já te falei que é pra ti ficar longe dele filho da puta!

Dizia ele gritando.

Eu: Rodrigo para com isso!

Fabrício: qual é cara, ta com medo ou é porque tu não te garante mesmo??

Pra que ele foi falar aquilo? O Rodrigo me deu um empurrão que eu só não cair no chão por ter me segurado na mesa, quando olhei em direção ao Rodrigo, vi o Guga junto com o Fábio e o Tiago tentando segurar o Rodrigo. Corri em direção a ele e me meti n frente dele.

Eu: Porra Rodrigo para com isso!

Rodrigo: Esse filho da puta, pensar que eu sou o que?

O Fabrício só ria e com isso o Rodrigo ia ficando mais puto ainda. Me abracei ao Rodrigo.

Eu: Amor, amor, olha pra mim.

Ele olhou pra mim e depois pro Fabrício e outra vez pra mim.

Eu: Por mim cara, deixa ele pra lá. Faz isso por mim amor??

Ele tava tão puto da vida que tava vermelho, ele respirou fundo umas três vezes. Me afastei dele que só olhava pra mim.

Rodrigo: Amor ele..

Eu: Deixa ele pra lá amor, se tu quiser a gente vai embora agora mesmo!

Rodrigo: A gente vai embora porra nenhuma, Vinícius. Esse filho da puta que vai embora por bem ou vai sair com a cara toda quebrada.

Dizia ele gritando e apontando em direção do Fabrício. Segurei o rosto dele fazendo ele olhar pra mim.

Eu: Amor, não vale a pena! Deixa ele pra lá!

Ele apertou minha cintura com força que doeu.

Rodrigo: Ninguém vai te tirar de mim, ninguém!

Disse ele mais calmo mas com a voz firme.

Eu: Ninguém, ninguém amor!

Fabrício: Conseguiu amansar o toura bravo, Vinícius?

Eu: Qual é o teu problema Fabrício?

Fabrício: Meu problema é o mesmo desde a primeira vez que eu te vi, tu sabes muito bem qual é!

Rodrigo: Filho da puta!

Disse ele gritando.

Eu: Sinceramente não pensei que tu fosses assim.

Me virei pro Rodrigo que ainda segurava minha cintura.

Eu: Amor, bora embora!

Rodrigo: Já disse que não! Quem vai embora é esse filho da puta!

Fabrício: Vou mesmo, isso aqui já deu pra mim. Ah me chamem pra próxima bola viu galera

Ele pegou as coisas dele e foi embora. O Rodrigo segurou meu pulso e me levou até onde tinha as cadeiras e me fez sentar do lado dele.

Tiago: Rodrigão que foi isso mano?

Rodrigo: Nada Tiago.

Ele me olhou de depois riu.

Tiago: Só tu mesmo pra segura ele né?

Nós rimos, o Rodrigo ficou com cara feia o resto da noite ele nem quis mais jogar. No caminho pra casa eu vinha dirigindo e ele com a mão na minha coxa.

Eu: Amor, Tô afim de tomar sorvete..

Ele me olhou e riu. O primeiro sorriso depois de tudo.

Rodrigo: Amor deve ter nenhuma sorveteria aberta a uma hora dessa. Quase meia noite!

Eu: Tem o líder (supermercado) aberto.

Assim que a gente saiu do carro no estacionamento, ele me pegou e me encostou na porta do carro.

Rodrigo: Eu fico loco só de pensar que alguém pode te rouba de mim.

E me beijou ali mesmo. Puta que pariu que beijo foi aquele, sabe aquele tipo de beijo que te faz perde a nossa do espaço? Foi um desses que ele me deu. No final ele riu, um sorriso de satisfação.

Rodrigo: Tu me deixou de pau duro.

Mostrou ele o volume que fazia no calção da bola de ele usava. Não teve como, eu apertei o pau dele e o beijei. Foda-se se alguem tivesse vendo aquilo.

Eu: Esquece o sorvete e bora pra casa!

Rodrigo: Agora mesmo!

Meus amigos só digo uma coisa, nem dormir aquele resto de noite! hahaha acho que a gente bateu nosso recorde 3 seguidas!

Rodrigo: Tava inspirado essa noite em amor?

Eu: Se fosse só eu!

Com o final da faculdade chegando eu mal tinha tempo de ir na academia e quando eu ia era lá pelas 11 da noite e ia sozinho, já que o Rodrigo ia antes. Ele passou a malhar em um horário diferente do meu.. E teve um belo dia que ele chegou em casa meio longe.

Rodrigo: Amor, tu nem sabe!

Eu: O que foi?

Rodrigo: Tem um cara lá na academia que eu acho que ele tá dando em cima de mim.

Eu: Como é isso, Rodrigo?

Rodrigo: É amor..

Engraçado quando ele fica sem jeito e vai falar algo, ele fala pausadamente.

Rodrigo: Tipo, ele vem com uns papos estranhos..

Eu: Que tipo?

Rodrigo: Tipo, não sei te dizer ao certo, mas não é papo de brother sabe? E hoje ele perguntou se eu namoro e tudo mais.

Eu: E o que tu falou?

Rodrigo: Que sou noivo ué..

Eu: Acho bom..

Gente se o Rodrigo percebeu é pq o cara deu realmente em cima pq o cara só faltou beijar ele hahaha, o Rodrigo nunca percebe nada... Isso é o que ele diz... E eu finjo que acredito. No dia seguinte fui junto com ele no mesmo horário tinha quer ver que era que queria meu homem né? hahaha.

Rodrigo: Amor, é aquele ali.

Puta que pariu o cara tinha que ser bonito? Assim que o cara viu o Rodrigo abriu o sorriso.

Cara: Grande Rodrigão..

Rodrigão? Que intimidade era aquela?

Rodrigo: E aí mano, tranquilo?

Cara: Tranquilo, porra tava te esperando pra revezar os aparelhos.

Rodrigo: Pow esperou em vão mano, já tô acompanhado.

Juro a vocês o cara me olhou dos pés a cabeça, quase que eu perguntei se tava cagado pra ele me olhar daquele jeito.

Rodrigo: Vamo amor?

Quando ele disse amor, os olhos do cara faltaram sair do rosto de tão grande que eles ficaram. Às vezes eu notava que o cara olhava pra mim como se tivesse me analisando sabe? Resumo da obra o Rodrigo mudou de horário pq ele mesmo quis e o cara nunca mais falou com ele, segundo ele! E eu tenho que acreditar né? Em agosto também ele ficou doente... e o bicho que já dengoso por natureza ficou ainda mais rsrs. Ah teve o show do Safadão também rsrs e nós fomos hahaha, aliás todo mês ele tá aqui fazendo show hahaha.

Cara setembro no dia do meu aniversário a mamãe fez um jantar e chamou a parentada todo, tenso! hahahaha..

Gabriel: Fala primo, anda sumido!

Eu: E ai biel, tudo bem? Porra tu tá diferente tá maior!

Gabriel: Tô gostoso né primão pode dizer!

Eu: Pra ser sincero, tá não Biel!

Sair e deixei ele lá. Fui fala com os meus avos.

Vó: Meu neto, tem que levar o Rodrigo um dia pra gente almoçar.

Eu: Levo sim vó! Por falar nisso deixa eu ir atrás dele.

Sair de casa e ele tava sentado no murinho de casa, me sentei ao lado dele.

Eu: Tá fazendo o que aqui?

Rodrigo: Tem muita gente lá dentro e a noite tá tão bonita!

Eu: Tem razão, mas não é só isso! Anda me diz o que é

Rodrigo: Pra ser sincero eu queria algo só nosso sabe

Eu: Também queria mas tu sabe como a mamãe né

Rodrigo: Eu sei amor! Por isso que quando a gente for pra casa teremos a nossa comemoração.

Eu: Ah o que tu tá aprontando hein

Rodrigo: Eu disse que tô aprontando algo

Passei o resto da noite querendo ir pra casa e assim que a gente chegou em casa.

Rodrigo: Esperai ai..

Eu: Ah sacanagem!

Ele foi pro quarto e eu fiquei esperando na sala.

Rodrigo: Vem amor!

Disse ele gritando do quarto, só rir. Fui andando em direção ao nosso quarto e assim que entrei vi a coisa mais fofa do mundo. Ele havia colado na parede do nosso quarto fotos nossa, a parede que ficava a nossa cama tava toda cheia.

Eu: Caralho, não acredito que tu fez isso

Rodrigo: fiz sim, e deu trabalho viu!

Eu o abracei.

Eu: Te amo sabia

Rodrigo: Sabia e mas eu te amo ainda mais e por isso vou deixa o que tu quiser fazer comigo nessa cama!

Eu: Brigado Deus!

Fora isso foi um mês normal, um mês caseiro digamos assim. Nele eu aproveite pra da uma bela adiantada no Tcc.. Ah, nós passamos a ir mais vezes no cinema. E em uma dessas vez o cinema tava quase vazio, o filme era uma bela bosta. Mas como a gente já tinha lá ia até o fim. Ele começou e cheirar meu pescoço. Nós estavamos na última fileira e não tinha ninguém além da gente nela.

Rodrigo: Amor, me chupa!

Eu: O que?

Rodrigo: É, sempre tive esse fetiche!

Eu: Eu não vou fazer isso!

Rodrigo: Pq, não tem ninguém aqui. O que custa?

Eu: Eu não vou fazer isso aqui!

A gente acabou discutindo alí mesmo. Ele ficou puto o resto da noite, tipo eu entendo que era um fetiche dele e tudo mais, se ele tivesse me avisado antes eu tinha me preparado e talvez tivesse ficado até com o tesão pelo perigo, mas ele falou em cima da hora, não ia rolar mesmo. Ele ficou puto o resto do filme.

Eu: Tô com fome, bora de pizza?

Rodrigo: Por mim..

Só fiz rir. Ele disse que queria de calabresa, nisso eu percebi que tinham duas meninas que conversavam entre elas e olhavam pro Rodrigo e ele só olhava pro cardápio.

Rodrigo: Eu vou sentar.

Eu: Tá vá lá!

Ele deu uns 5 passos.

Rodrigo: Amor, pede ketchup

E voltou a andar. Olhei pelo rabo de olho e vi as meninas conversando entre sim e olhando pra mim, confesso que rir. Ele me chama de amor tão naturalmente que nem ele percebe que me chama assim.

Outubro

Sexta- feira véspera do círio, combinei de ir ao supermercado com a mamãe que como sempre esqueceu de compra algumas coisas, papai nunca gostou de ir com ela pq ele diz que ela é muito indecisa nas escolhas. Nesse dia o Rodrigo que ficou com o carro, e como eu não teria aula naquela noite aceitei. Isso era por volta das 18 horas, tava chegando perto da casa dos meus pais, eu falava com o Rodrigo no whats.. Quando ouvir um bom e velho “psiu”, levantei a cabeça pra olhar quem era então que eu vi alguém que eu não via a muitos anos.

Eu: Puta que pariu! Mentira né?

Vanessa: Não baby, sou eu mesma!

Sair correndo em direção a ela que se encontrava quase em frente a casa do pai dela. Vamos as explicações.. bem a Vanessa não sumiu como muitos diziam, eu que cometi o erro de não informa o que aconteceu com ela, aliás eu pensei que tivesse escrito porém não escrevi, os pais dela se separaram e com isso a mãe dela decidiu ir embora de Belém para o Rio de Janeiro onde elas tem parente por lá, desde a separação até a ia delas isso foi acho que em 15 dias e com isso a gente acabou perdendo o contato aos poucos, a última vez que eu soube dela, ela tava na Inglaterra estudando... enfim espero que vcs perdoem esse meu esquecimento rsrs...

Eu: Caralho Vanessa, tu chegou quando??

Nós ficamos um bom tempo abraçados, depois vendo ela com mais calma percebi que ela havia se transformado em um mulher extremamente linda, não que já não fosse.

Vanessa: Hoje pela manhã, meu Deus como tu tá lindo Vinícius. Quero saber de tudo, mas o principal vocês, como ficou a história de vocês??

levantei minha mão e mostrei a aliança pra ela que era segurou minha mão numa rapidez.

Vanessa: Não, mentira, é o que eu tô pensando? vocês casaram?

Eu: Ainda não, mas digamos que depois de 1 ano morando juntos e o fato de ele ter me pedido em casamento podemos dizer que sim..

A cada coisa que eu falava ela tinha uma reação diferente da outra..

Vanessa: Preciso saber de tudo!

Eu: Claro e eu pretendo te contar tudo mas eu vou ter que sair com a mamãe..

Vanessa: Eu tava indo na casa dos meus avós, pode ser depois?

Eu: Claro que sim!

Ela me abraçou mais uma vez.

Vanessa: Como eu sentir saudades tuas.

Eu: Eu também!

Naquela mesma noite, ela foi lá em casa. Já tinha falando com o Rodrigo sobre ela.

Vanessa: Conte tudo e não me escondam nada!

Rodrigo: Vai lá amor e conte tudo!

Fui contando parte por parte pra ela. Quase apanhei na parte onde contei o que eu fiz pro Rodrigo viajar, mas a melhor reação de todas foi quando eu disse que namorei com o Rafael.. Ela deu um grito e colocou a mão na boca o Rodrigo só ria.

Vanessa: Como assim o príncipe??

Expliquei como as coisas foram acontecendo a ela, que ia fazendo um milhão de perguntas tanto pra mim e quanto pro Rodrigo..

Eu: Então foi tudo isso que aconteceu!

Vanessa: Sinceramente não sei o que dizer, se eu não conhecesse vocês diria que era mentira isso tudo..

Eu: Pra ti ver como a vida é doida!

Nós ficamos até tarde conversando sobre o que tinha aconteceu nas nossa vidas nesses anos. Mas quem disse que as novidades ficariam por lá? na segunda a tarde o Rodrigo tinha indo na padaria compra doces pq eu tava desejando comer rsrs.. Acho que uns 5 minutos depois a campainha tocou.

Eu: Esquece a chave né?

Quando abrir a porta, meu coração veio até a boca..

Rafael: Se eu tivesse a chave garanto que não esqueceria!

Eu: Rafael?

Foi automático, me aproximei dele e o abracei.

Eu: Meu Deus, quando tu chegou?

Rafael: Hoje pela manhã!

Eu: É porque tu não disse nada, avisando que vinha?

Rafael: Pelo fato de querer fazer surpresa!

Eu: Vai ficar, quanto tempo e a Luiza veio, a Vanessa ta em Belém, o Rodrigo foi na padaria e tá voltando, olha ele chegou.

Rafael: O que tu tem dado pra ele beber, quase não para de falar!

eles se abraçaram.

Rodrigo: Leite da fonte!

Rafael: Eii.. não preciso saber da vida sexual de vocês.

Nós ficamos conversando por horas, ele fez a mesma pergunta da última vez que veio aqui, de quando seria o casamento. Claro que ele sabia que a gente tinha ficado noivos.

Eu: Eu só aceitei pq ele pediu de joelhos príncipe.

Rodrigo: Palhaço.. Ei bora fazer um churrasco? Chamar a galera toda e ir lá pra casa dos meus pais?

Rafael: Égua, grande ideia Rodrigo.

E assim foi, todo mundo ficou avisado e cada um ficou de levar uma coisa em menos de uma hora os nossos amigos apareceram. Eu me dividia entre a Vanessa, Marina o Rafael com a esposa e eu com a pequena Luíza no colo.

Rafael: Janeiro ela faz um ano e eu te quero lá junto com o Rodrigo.

Eu: Opa, vamos sim!

Rafael: Ela tá a minha cara né?

Eu: Diria a cara da mãe.

Rafael: Engraçadinho!

Ele foi lá com a esposa e não demorou muito a Marina se aproximou de mim.

Marina: E ele?

Eu: O que tem?

Marina: Sente mais nada?

Eu: Sinceramente não! Ele foi um parte da minha vida, uma parte boa mas ele é o irmão que eu nunca tive..

Nessa hora levei um mãozada da Luíza.

Eu: Que brutalidade é essa menina, teu pai é um príncipe sabia?

No domingo daquela semana o Rafael chamou eu o Rodrigo e o Guga pra passar o dia na piscina da casa dos pais dele. E nesse dia o Gustavo tava afim de arrumar confusão. Nós estávamos dentro da água, quando ele começou.

Guga: Ah se essa piscina fala-se, né Vinícius?

Rir, mas na verdade eu queria matar ele.

Eu: Verdade, ia falar várias coisas Gustavo!

O Rodrigo que vinha logo atrás dele, deu um tapa na cabeça dele..

Guga: Porra, pra que isso?

Rodrigo: Pra ti ficar esperto, tá dormindo ai!

Guga: Mas eu tô fazendo nada, só tava lembrando aqui de uma coisas.

Ele me olhava cinicamente.

Eu: Tipo na época que o Vinícius frequentava muito aqui, eu tinha inveja. O Rafael só chamava ele, nunca me convidou.

Rafael: Talvez pelo fato de tu ser um chato?

Todo mundo riu.

Guga: Ok, eu me calo!

Os dias que o Rafael ficou aqui foram ótimos, mas tudo que é bom dura pouco e ele teve que ir embora.

Novembro

Passei a ser o "Amor" da galera. Toda vez que eu chegava em qualquer lugar nossos amigos me chamavam de amor, isso acontecia principalmente na bola.

Tiago: Ah o amor chegou!

Rodrigo: Ei só eu chamo ele de amor, né amor?

Eu: Liga pra ele não amor!

Fábio: Vais jogar hoje?

Eu: Hoje não, só vim olhar mesmo!

Guga: Veio ver teu macho jogar foi?

Falou ele me oferecendo um copo de cerveja.

Eu: Disse bem, meu macho!

Guga: Ui..

Eu: Ei Gustavo quero falar contigo!

Guga: Sobre?

Me aproximei do ouvido dele.

Eu: Piroca!

Guga: Quem é já?

Eu: Ah ficou animadinho foi e depois eu que sou a putinha!

Ele deu um sorriso sem graça!

Eu: Relaxa Guga, eu falo contigo pelo whats explicando quem é ele.

"Ele" era um amigo do trabalho...

Rodrigo: Posso saber o que vocês conversam?

Guga: To tentando convence teu noivo a sair comigo!

Rodrigo: Ih é isso? Fico tranquilo pq eu sei que ele nunca vai sair contigo!

Guga: Caralho, só to tomando no cu!

Eu: Tem raiva né?

Guga: Eu não tenho esses seus costumes!

Fábio: Ei vocês dois, bora lá!

Rodrigo: Tô indo lá amor, vou fazer dois gols pra ti!

Ele fez só um hahahaha mas o que vale é a intenção né? No último final de semana de novembro a galera resolveu sair, fazia tempo que a gente não sai pra festa todo mundo juntos. Pra ser sincero eu não tava muito afim de sair, tive uma semana cansada e só queria relaxa, mas não ia dizer que não queria sair pro Rodrigo. Então bolei um plano e resolvi por ele em prática. Era por volta das 11 da noite eu já tava pronto na sala e ouvia música no youtube na Tv da sala, o Rodrigo ainda tava no quarto se arrumando. Começou a tocar umas músicas da Anitta e eu já me empolgando comecei a "dançar". Depois de umas 2 música começou a tocar No meu talento. Quando me virei vi que o Rodrigo me olhava rindo. Fiz movimento com a dedo da mão chamando ele. Ele chegou logo colocando a mão na minha cintura mas eu tirei. Fiquei com o corpo colado no dele e levei as mãos dele em direção a minha bunda onde ele logo tratou de aperta. Ele veio querendo me beijar mas afastei o meu rosto do dele.

Eu: Senta ali!

Apontei pro sofá! Ele sentou com as pernas abertas, fui me aproximando e me sentei no colo dele ficando de frente pra ele. Ele colocou a mão na minha bunda.

Eu: Epa, não pode tocar no dançarino.

Rodrigo: Amor tu vai..

Coloquei o dedo na boca dele e mandei ele ficar quieto. Tirei a camisa e o sorriso dele só aumento. Subir no sofá fazendo o rosto dele ficar na direção do meu pau. Segurei a cabeça dele e comecei a simular movimentos indo pra frente e para trás.

Ainda tocava Anitta. Desculpem gente, mas o meu lado “viado” ainda não é tão aflorado pra escolher uma música melhor, não sou muito chegado as divas do pop rsrsrs. Me sentei outra vez no colo dele e comecei a rebolar. Aproximei o rosto do dele, que tentou me beijar.

Eu: Não pode tocar no...

Ele conseguiu me beijar. Ele passou a mão pelas minhas costas apertando minha cintura me fazendo gemer.

Rodrigo: Tu vai te arrepender por tá me provocando.

Segurei o rosto dele e lambi a boca dele. Me levantei do colo dele e fiquei em pé na frente dele.

Comecei a tirar meu cinto e logo depois me virei de costas pra ele e fui tirando minha calça. Ficando só de cueca. Ele me agarrou e mordeu minha bunda por cima da cueca. Conseguir tirar as mãos dele de mim, e me afastei e fui em direção ao corredor que leva ao nosso quarto. Tirei a cueca e joguei pra ele.

Eu: Te espero no quarto!

Ele demorou certa de dois minutos, mas quando apareceu no quarto já veio sem roupa alguma.

Rodrigo: Caralho, Vinícius! Que bunda gostosa é essa¿

Eu: É tua!

Rodrigo: Então te prepara meu nego pq essa noite só acaba quando eu quiser!

Resumo da obra eu que me dei bem rsrsrs. Por volta das 4 da manhã a gente ainda tava acordados ouvindo Jorge e Mateus, me levantei e fui até a sala procurar meu celular. Achei ele e tinha mais de 300 mensagens.

E era mensagem do tipo assim: “ esses dois ainda tão¿, Meu Deus tá pegando fogo mesmo”. Quanto mais eu subia as mensagens iam piorando, até que eu vi um áudio do Rodrigo.

O áudio foi o seguinte. " Galera a gente não vai mais sair, o Vinícius me provocou e eu vou passar a rola nele! vlw, flw"

Eu: Rodrigo, eu acredito que tu mandou esse áudio.

Rodrigo: Ué, pq amor?

Eu me deitei do lado dele e coloquei a cabeço no peito dele onde eu pude ouvir o coração dele bater calmamente. Começou a tocar Fogueira e eu simplesmente amo essa música, é uma das primeiras deles. Eu comecei a cantar com eles e os meus olhos se encheram de lágrimas.

“Eu quero o seu amor

Eu quero ser seu homem, se você quiser

Se eu tiver seu amor

Juro não preciso amar outra mulher”

Eu me alinhei ainda mais no peito dele e sentir o sono vindo. Sabe quando a gente atinge um nível de felicidade tão alto que dá medo¿ Acredito que a gente atingiu esse nível. Me sinto tão feliz quando tô com ele, só eu e ele que as vezes eu sinto medo por ser tão feliz, medo que aconteça algo que tire ele de mim. Por isso que eu procuro aproveitar o máximo, mesmo quando a gente briga. Eu prefiro brigar com ele e saber que ele vai tá lá, do que ter que brigar com outra pessoa.

Bem é isso mais uma vez muito obrigado e desculpa o atraso rsrsrs.. Acho que sábado ou domingo eu apareço por aqui, abraços e mande email. [email protected]

Comentários

19/05/2017 21:43:46
Acho que já li tua história umas três ou quatro vezes em dois anos.kkkk Com td respeito aos outros casais da cdc, vcs são os meus preferidos. 👏😉
05/07/2016 16:27:53
ei vinny ei rodrigo voltem!!!
30/03/2016 23:52:32
Eu nunca tinha visto a tua história,mais aí vi uma publicação e decidi ver o perfil e vi que tinha muitas publicações e decidi ler do começo kkkk, sempre faço isso quando acho um autor que me prende com a escrita, resumindo passei uns 5 dias pra ler kkkk tenho pouco tempo por causa das aulas enfim, fiquei maravilhado com a história de vocês muito perfeita ainda mais pela reviravolta de identidade de vocês que não é qualquer um que encararia assim, até mesmo quem já gosta do mesmo gênero desde pequeno é difícil aceitar, mas o amor de vocês é um coisa linda e que superou muralhas que muitos nunca teriam coragem de ultrapassar, amei, ri, fiquei com raiva e outras coisas rsrsrsrs, muito perfeito e espero por mais atualizações da vida de vocês Hehehe e desejo muitas felicidades e que Deus ilumine e proteja vocês e claro que o desejo do Rodrigo se torne realidade "Quero ficar velhinho do teu lado amor" heheheh vocês são muito perfeitos bjs 😘
30/03/2016 14:07:13
Perfeito!
28/03/2016 17:36:24
show.como sempre amo esse casal *-*
28/03/2016 10:42:37
Lindos. Amo!!!
28/03/2016 00:27:18
Amando a volta de vocês meus conterrâneos
25/03/2016 21:45:28
Espero que continuem juntos e desejo muita felicidade para esse casal maravilhoso, amo por demais a estória de vocês.
25/03/2016 18:07:35
Fico muito feliz com a felicidade de vocês, que Deus abençoe e perpetue esta felicidade. Consigo imagina-los bem velhinhos e juntos. Beijos ao casal.
25/03/2016 17:22:23
Amo seus contos e queria te pedir um favor: me manda o 21 por e-mail? Se n for pedir muito... bj de um grande e assíduo fã ♡ [email protected]
25/03/2016 13:00:26
Cada dia melhora! Parabéns!
25/03/2016 11:54:07
Vinicius thank you God que vc voltou, não tinha mais unhas pra roer kkk. Rodrigo tocou o terror no babaca do Fabrício hein. Esse cara é um total sem noção, vai ficar te paquerando descaradamente na frente do teu noivo, merece porrada mesmo. Parabéns pelo carro "meu e teu" kkk. Fico feliz de ver que esse amor entre tu e o Rodrigo vem aumentando com o tempo e o quanto vcs fazem bem um pro outro. Eu até entendo o porque do Rodrigo não querer se.expor aqui no site mas na verdade acho que nós não estamos focados na parte sexual de vcs e sim na beleza desse amor que só vcs tem. Enfim, muitos bjs pra esse casal tão amado por todos nós
25/03/2016 10:29:49
lindo o amor de vcs, e faço minhas as palavras do FASPAN: como não amar o casal: Vinícius&Rodrigo??? impossível...desejo toda felicidade o mundo à vcs
25/03/2016 09:26:24
❤️
25/03/2016 09:20:30
Amando
25/03/2016 09:12:23
** Até que enfim voce deus umas noticias, estava com saudades de vcs dois aushauahausha. Desejo toda felicidades pra vcs. Tô só esperando o casamento. Haa, lembrei que ja te mandei um email, dizendo que nao conseguia estudar por causa da sua historia kkkkkkk. Abraços e ate mais
25/03/2016 08:59:10
Caramba do conto foda .
25/03/2016 08:15:51
amo vcs.
Hb
25/03/2016 05:44:57
Oii Vini desculpa não ter comentado os teus postes, mas fico feliz que voltou pra continuar nos contando sua história... Gosto de saber que tu ta bem e que Rodrigo também tá, abraços pro os dois e um beijão. Parei de enviar email's mas não foi por falta de interesse tá... Sou sua maior fã rsrs (Ary)
25/03/2016 03:50:11
VIVA O AMOR!!! Beijos mil, seus lindos!!!
25/03/2016 01:30:54
Amando o relato perfeito. :)
25/03/2016 01:12:58
Nossa, como não amar Vinícius&Rodrigo??? Meu casal preferido da CDC de todos os tempos. Haha Cara, eu sei q eu já pareço um idiota pelo tanto que eu me desmancho em elogios pra vcs, mas sabe aquele afeto e aquela admiração genuínos, que não precisam ser explicados? É o que eu sinto por vcs dois. E Vini, para de bobagem de achar que não é merecedor desse amor. Vc é sim! Aliás, vcs são. Então vivam esse amor da forma mais intensa sem pensar no amanhã. E quanto à foto, pô Rodrigo, bem que vc poderia aliviar um pouquinho pra gente né? Só uma fotinho vai. Haha De qualquer forma entendo o receio do Rodrigo e ele não deixa de ter razão. No mais, um abraço pra vcs e tô aqui, na espera, ansioso pelo próximo. Bjs
25/03/2016 01:09:59
Caramba, vocês são iguais à mim e um cara a quem chamo de namorado em quesitos de discrição. Caio (meu namorado) é maior neurótico com relação a isso. Redes sociais só pra amigos e olhe lá. WPP só pra conversar, sem nada de fotos. Eu entendo ele assim como entendo o Rodrigo, eles são cuidadosos. Bom, isso não tem nada a ver comigo nem nada, deixando isso de lado, queria te dar os parabéns pela sua história, to lendo ela agora e resolvi comentar aqui para que você visse ao menos. Espetacular, cara... me recomendaram faz um tempo já a lê-la, mas sempre torci o nariz. E mano, somos vizinhos de cidade hahaha. Eu moro em Belém, vou pra lá hoje passar o feriado, quem sabe a gente não se esbarra lá heim. Seria mó sussa. Enfim, virei fã seu, do Rodrigo, de tudo. PARABENS pela história (to no capítulo 10 ainda) que to amando de paixão. Abraços, cara, curto de mais você. Lembranças pro Rodrigo.
25/03/2016 01:06:04
Como não amar Vinícius

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


Fui encoxada e iniciada por um roludocaseiro.Mae.filho.Depilacaocontos velho cacetudo corno fotosnovinha sentada ensima do cassete abrindo a bucetinha com os dedosporno. jafaleii nãocontos eróticos garotinhogostosa gordinhas tirando cabeçamulher com bermudacurtinha paceando na rualeitinho do papai contos gayWww.bundudinhanovinha.comfilha fica brava ao levar gosada dentroFazendeiras e seus contos eroticos picantesContos eroticos gay chule do meu cunhadocontos de incestos e surubas esposa com minha cunhada e minha irma nudistasxexeca mais gtz e peludinhavadia dando o cu fechadíssimover contos de tio q criou sobrinha e depois fudeu ate nu cusexo porno fui no meu ginecologista ao abri a perna ele me chupou todinha deliciacontos eroticos padrastro levantou minha saiaputinha gostosa de blusinha regatinha e shortinho socado na ruaminha esposa lavano abucetinhaComendo a garotinha contos eriticoum uisque depois de um cigarro pornoboafodasangueporn xxx mulher paga divida e corno vendo ela chorar de dorMEU PRIMO COMEDOR ME OBRIGOU A MOSTRAR MINHA ESPOSA RABUDApornô grátis só contos eróticos sogra cozinhapornô b***** grilada da novinhacontos eroticos titias putas sobrinhos roludosvideo estrupo brasileiro caseiro fala palavrao gorda peitao patroacontos incestos mãe mais lidos 2017literalmente engatada com dogporno ela foi faser a unha dele e viu ele de pinto duro fragapesquisar por mega dotado filmes porno de diarista espiando patrao batendo punheta brasileira maior de idadeputinha tres coraçõescontos pornôs mulheres lindas super gostosas que seus maridos liberaram para dar para seus amigos que tem paus bem grandes maior do que os deles elas adoramconto cracudo noiado gay contonovinha contraída com a cabeça da pica lá dentroconto erotico com sadomasoquista cinto de castidadecontos heroticos cao doidao para chupar a donaFutibol dos Heteros ? OU Nao ? cap 28gossno nu cu fa mulecamulher flaga sua amiga do rabao uma morena dando o cu para seu marido negao dotado com o penis de 030cm e da tambencontos eroticos caguei no pauvideos gratis porno para ver agora mulheres levando encoxada no onibus ficou louca de tesao e levou o cara pra cadaporno gay com vendedor de porte e portapadrasto enteada falei de sexo brasileiroConto porno de avo netinha de 2007conto relatando como nao resisti ao pausud e fez sexoExcitantes Contos Eroticos Contados Por Noivas pelos Seus Paes Padrinho Padre E Tiosensinei meu filho de dez anos a bater punhetagozei na bucetinha da minha cunhadinha que ficou muito brabacasa de swing esposa levando mao na buceta desconhecidoReta do Pedreiro Pelado Heterorelatos de casadas que treparam e engravidaram dos seus amantescontos de putaria sou puta do negao meu vizinho fez um buraco na paredeporno e escondim uma camera e vim a putarinhacomi minha cadelaxvideo negao no branquinho esfoloGosto gozen calcinhacontos meu patrao invocou com minha mulher contos eroticoscontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docesContos de gang bang com dotados novinhaa chamada cadela incestoconto gay pirocudo da academiaxvideo da tia com medo a som brinha gozado na boca delaencoxou a mae na camacunhada louca pra sentir rola grande pega cunhado de pau duro e nao resistecontos de sexo depilando a sograporno muito beidona no pau