Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Romance lésbico com a minha irmã gêmea – PARTE 3 (menage na faculdade)

Autor: Camila
Categoria: Grupal
Data: 22/08/2016 11:49:51
Última revisão: 22/08/2016 13:12:17
Nota 9.62
Ler comentários (9) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Durante os dias seguintes depois que eu e a Cecí transamos continuamos a nos pegar durante as madrugadas em nosso quarto, já estava virando rotina nos beijarmos, chuparmos e lambermos antes de ir dormir, é quase que como estivéssemos em um relacionamento sério. Até que sexta-feira na faculdade começamos a conversar por whatsapp e eu falei pra ela que estava com a sensação de que estávamos namorando e isso era insano demais, nunca daria certo pois somos irmãs e ainda muito jovens, temos muito o que aproveitar da vida. Ela concordou comigo mas implorou para que não parássemos de ficar, propôs que tivéssemos um relacionamento aberto, ela poderia ficar com quem quisesse e eu também. Eu concordei apesar de achar que não daria muito certo, ela se mostrou apega demais a mim nas últimas semanas mas ela jurou que não iria dar nada errado e não iria sentir ciúmes, só precisava me ter... E eu também precisava ter ela, não sei como descrever isso mas eu me apaixonei pela Cecí, mas antes que eu revelasse isso pra ela, ela me mandou a foto de cartaz de uma festa que iria ter na faculdade, uma festa aberta, grátis, com dj’s e muita bebida. Ela perguntou se eu topava ir com ela e conhecer outras pessoas lá, achei uma boa e concordei.

Quando chegamos em casa da faculdade já eram 19h, a festa começava as 20h então começamos a nos arrumar, tomamos banho juntas, uma passando sabonete no corpo da outra e depois escolhemos os vestidos. Pretos básicos (combinando haha) de alcinha, com um decote provocador, um cinto na altura da cintura e soltinho embaixo, como uma saia colegial. A Cecí estava deslumbrante com o seu cabelo verde lindo, o vestidinho preto destacando sua tatuagem na pele branca e a bota preta de cano curto.

Quando eram 21h o papai foi nos deixar na festa e prometemos voltar de táxi, pois pretendíamos beber e a faculdade ficava longe da nossa casa. Chegando lá caminhamos um pouco até chegar na mega festa. Uau!!! Tinha muita gente, o som estava muito alto e todos dançavam, bebiam e fumavam. Os corredores da faculdade estavam lotados, haviam pessoas deitadas na grama, pessoas se beijando loucamente nas paredes. Estava louco! Eu e Cecí pegamos 2 caipiroskas para abrir a noite. Quando eram meia noite já estávamos completamente bêbadas e felizes, dançávamos no meio da multidão gritando a letra da música que tocava. Até esse momento vários caras já haviam dando em cima de nós mas dispensamos, nenhum fazia nosso estilo e por mais que tivéssemos feito um trato, a impressão que eu tinha era a de que não queríamos abandonar uma a outra pra ficar com outro alguém. Beijei ela, no meio da multidão a puxei pra mais perto e a beijei, estava tão bêbada que não estava me preocupando se haviam conhecidos por perto. Quando a música trocou e paramos de nos beijar saímos da multidão e fomos para um dos corredores fumar um cigarro. Estavamos encostadas numa parede quando um cara que estava ao nosso lado nos pediu o isqueiro emprestado, quando olhamos, era um rapaz absurdamente bonito, com cabelo pretos até os ombros, lábios rosados com um piercing no meio e pele clara. Seus braços eram tatuados e ele vestia uma camisa de botão sem mangas (que estava aberta dando para ver seu abdômen sarado), uma calça rasgada e um coturno. Emprestamos o isqueiro e iniciamos um papo com ele que foi ficando cada vez mais interessante. Nosso cigarro acabou e pedi um pra ele...

Ele: Só dou se você me der um beijo...

Eu: Não posso, acho que minha irmã vai ficar com ciúmes.

Cecí: Vou mesmo, a não ser que eu beije junto também.

Ele: Como assim? Vocês tipo...? Hãm...?

Eu: É !!

Demos um beijo triplo, ele segurava nossos cabelos com cada mão e nos passeávamos com nossas mãos por dentro de sua camisa. Até que botei a mão em seu pau e senti aquele mastro duro. Mordi seu lábio. Peguei a mão da Cecí e coloquei no pau dele, nos olhamos e ela falou baixinho:

Cecí: Vamos chupa-lo!

Ele: Estou delirando só de imaginar mas aqui não dá, olha quanta gente!

Eu: Verdade, me sigam...

Peguei um em cada mão e os guiei para o setor onde eu estudava, lá estava deserto, era um pouco afastado da festa. Pensei em leva-los para o banheiro mas passamos por um corredor completamente escuro e decidimos ficar lá. Empurramos o estranho na parede e começamos a tirar sua camisa e abaixar sua calça liberando o lindo e duro pau dele para chuparmos. Ficamos de joelhos e Cecília começou a lamber o cacete e depois fomos reversando, ele gemia de prazer, puxava nossos cabelos e dizia que fossemos com calma pois ele estava explodindo de tesão e iria gozar logo assim. Cecí olhou pra ele e mandou ele gozar em nossas bocas. Começamos a chupar com mais intensidade, ora na cabeça do pau, ora nas bolas. Até que ele gemeu alto e jorrou o liquido quentinho em nossas línguas e rostos. Cecília me beijou de língua e engolimos juntas aquele leitinho, nos lambemos até nos limparmos.

Ele: Vocês são irmãs muito safadas! Vou fuder vocês!

Ele que já estava duro novamente ao ver o nosso beijo lésbico, tirou uma camisinha do bolso e vestiu no pau. Me virou de costas e começou a foder minha boceta com força, estava uma delícia!!! Cecí se abaixou na minha frente e começou a chupar minha xaninha... Tava muito gostoso, não demorei muito a gozar. Então o estranho falou pra Cecí deitar no chão e abrir as pernas pra ele, ela deitou e ele se inclinou por cima e foi enfiando o cacete em sua buceta, o primeiro pau que minha irmã recebe, e eu estava junta chupando seus seios deliciosos.

Durante essa noite fizemos diversas posições, ele chupou nossas bucetas até gozamos várias vezes. O cara era bom de sexo, chupava e fodia de uma forma delirante, parecia estar possuído, totalmente consumado pelo desejo... e eu e minha irmãzinha estávamos adorando toda a putaria.

Depois que tudo terminou, e era quase de manhã, estávamos nós três (vestidos) sentados onde estava rolando a festa enquanto fumávamos um cigarro e observávamos as pessoas mortas de embriagadas indo embora em táxis. Até que decidimos que devíamos pegar um táxi pra casa também. Demos tchau para o mocinho que nos comeu divinamente sem dizer nossos nomes, apenas deixando a dica para que ele aparecesse na próxima festa da faculdade e fomos embora.

Eai pessoa? Gostaram? Não descrevi muitos detalhes da transa à 3 porque eu estava consideravelmente bêbada e só lembro de alguns flashes do que aconteceu e o que lembrei, escrevi pra vocês. :)

Comentem para que eu continue a escrever sobre nós duas... Beijinhooos!!!

Comentários

22/05/2018 13:01:25
Sensacional
11/02/2017 12:51:01
Hummmmmm... Que putaria deliciosa! Duas vadias entregues a um macho! Adoro!! Faria um trio com vocês, gostosas! Três bucetinhas gozando juntas. Imaginam? Beijo.
05/09/2016 01:08:05
E isso é o que nós chamamos de cara sortudo. Rsrsrs Conto ótimo. A falta de detalhe maiores pode ser perdoada já que vc confessou que estava bêbada.
Amy
25/08/2016 20:27:19
Irei ler seus contos, As Putinhas, pode deixar :)
Amy
25/08/2016 20:26:42
Obrigado gente!!! :)
23/08/2016 07:58:44
Parabéns Camila, vcs estão indo mt bem nessa relação. Temos mt em comum, pois eu e minha irmã Tb somos assim. A única diferença é q não somos gêmeas rs. Se puder leia os meus Tb e continue escrevendo. Bjs.
22/08/2016 22:08:25
Muito bom^^ Vc tem skype ou e-mail?
22/08/2016 20:48:39
esse paresse bem eu e minha irmã gemia ..
22/08/2016 12:59:02
esse acontecimento é o sonho/desejo de qualquer homem. São poucos o que conseguem realiza-lo sem precisar pagar profissionais.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


youtube tarado comeu novinhas mobilizado sexaul tirado a roupa nuasNo motel eu fudi a buceta e o cu virgem da minha sogra conto eroticomulhe trazando com dois hemmenina novinha reclamando do pau grande caiu no zzaapXvideos gostozura bbw safadairmalouca pra perdero cabaco pro irmarputas brasileiras bucetas rasgadas zoofiliapornoeu e meu marido adoramos fazer sexo grupal contosencoxando rabuda no trem casa dos contosxexoc calcinhas brancas mulheres bucetudasprovoquei meu pai calcinhaconto eróticos voyeur vizinha dos fundosas lesbicas maus fogozar do mesmo mundo fazendo sexy com cachorro ate ficar encantadocontos velho cacetudo corno fotosconto anal orfanatoconto erótico gay fui comido no internatovídeo de sexo amador brasileiro de Osasco Eloisa oliveira dando o cu para doisgostosas da vunda durinha esfregando na linguavideo de sexo afrosa com netadacontos meu cunhado tinha um pau gigante e eu quis experimentarContos eróticos comi a rosquinha da mulher e da filha gostosa do padeiro na padariareymer ,eroticoporno amador mulheres lanbendo o pao do homem devagarinho até gozarcontos erotico pegando a mulher no flagradei a buceta pro borracheiro contos eroticoshistorias eroticas enteado bem dotado fudendo o cu vugem da madraatadesde novinha ja fudiaconto erotico decasais chupando pau maior 30cmconto erotico luciene crentecurrada pelos negões no carnavalmulheres casadas sarando melando a bucetasporno doido faxineira obedienteminha colega foi estuprada por tres piçudos e gozaram dentro delafui comer e fui comidoXVídeos dando em espera e gostosa queimadinha tirando a roupacontoseroticos encochando minha noraconto eu meu marido roludo nossos filhos na sacanagemvideo de sexo narido xifrado com a comlhadafudi ela e o namorado delafilha centa no colo do propio pai no sofa e mete com ele perto da propia familia video pornoMãeem sinaa filha chupa picaso eu minha enteada metendoxvidio louco desejo vestidinhobucetavideo porno de homen com fimoseporno com novinha de saia curta limpando a casa e o irmao dela pousado na bunda delagosto de tomar leite de homemfotosde travesti peitudo ecusaono cuzinho da esposa do amigo q estava viajandoRelatos de zoofilia cao estrupaencoxada no metro xvdPorno doido hosexualimoforcada a foder com roluda pelo marido contoporno sombra brasileiro pauzudo so com vovo 60anosxvideos Botando rola Pra Fora E sarrando bem gtzmeche gostozo estou gozado dentrofilme porno das pantera meu tio foi passar um fim de cemana na minha casacasa dos contos eroticos com sobrinhos chupador de bucetaContos.Ingravidei.minha.irmanirma ve a outra de caucinha e ker chupar elafelipe e guilherme - amor em londres 4xvideos putas fazendo sexo com cavalos rasgando avagina sangrarnovinha panhando o cachorrinho pra lammber sua bucetinhaxvideo.bucetaoassitirconto erotico gay perseguiçaopopa.da.bundagozasexo real conhadas nuas banho pau bizarro tesaonovinhas so gost de negraopornoaenchi for anel sexxxx vídeos novinhas aproveitando que a sua mãe saiu no pornô iradoporno comeu a etiada que fazia pirasa so de chortinhofilme porno das pantera meu tio foi passar um fim de cemana na minha casacuzinho apertadinho rosto lindinhoXVídeos hétero bundudo obrigadinho chupar sua bundaUm hétero machista e homofóbico apaixonado por um índio 4flagante de sexo com patricinha de carangolaVectra no pau de borracha bem grande na buceta no pau de borracha na bucetaxvideo negao no branquinho esfolocaseiro homem sai e o jardineiro come cu da mulherrelatos eróticos: minha esposa ficou grávida durante assaltoconto erotico pingando um gel no rabo da maeprimo entra no quarto da prima incente nova e tira ha calcinha dela dormindo pornozoofilia com animais iniciaçaolesbicas se vingando da rivalxvideo menina de meno gosano e tremeno as penacarolzinha baixinha gostoza trepanoContos50 cm minha picagay fazeno sexo com cachorro e fica engatadogostosas chupando barman na festavizitou a. amiga levou foi rola x videosincesto no colo do papai tomando cafe sem calcinhacontos de podolatria com sandalia de salto finopornô irado mulher no supermercado se masturbando enquanto os outros passamnovos xvideos metendo com forçaaaaaacontos gay ajudando meu pai fechar a venda 2xxvidio em quadrinho mulher de primo caderante muito safadaContos eróticos titia chupa minha xaninhavelha descabaça a buceta na pica do cavalopilates sacana com minha esposa contominha esposa aninha novinha e meu tio roludo setima parte contos eoticos