Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

QUANDO ME DEI CONTA PAPAI JÁ TINHA ESTOURADO MEU CABAÇO!

Categoria: Heterossexual
Data: 25/10/2016 00:34:33
Última revisão: 14/12/2016 14:11:02
Nota 9.92
Ler comentários (12) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Quando decidi contar como aconteceu meu incesto com papai foi uma forma de mostrar para todos os aficionados de contos eróticos que esse tipo de relação acontece com muito mais frequência do que possamos imaginar.

Meu nome é Melissa e acabei sendo chamada por Mel por todas as pessoas.

Sou loira de cabelos longos, 1.77m, seios não muito grandes e tenho três coisas que chamam a atenção dos homens que são coxas longas e grossas, uma bunda grande arrebitada e lábios grossos em uma boca bem desenhada que faz que sempre comentem dizendo:

-nossa Mel... que bocão lindo que você tem!

Moro em uma cidade grande com meu pai Jair, minha mãe Marli e minha Irma Verônica que é um ano mais nova que eu.

Nossa família sempre foi tranquila e aberta em relação ao sexo, minha mãe desde nossa adolescência nos orientou direitinho sobre os perigos de uma gravidez indesejada e também sobre doenças e nunca existiu uma repressão sobre sairmos de casa para nos divertir com nossos amigos.

A liberalidade em nossa casa era quase total, eu e minha irmã sempre dormíamos nuas no verão e tanto papai quanto mamãe tomavam banho sem se preocuparem em fechar as portas dos banheiros e os via constantemente pelados.

De vez em quando eu escutava os gemidos de prazer de papai e mamãe transando no quarto deles, mas a porta permanecia sempre fechada.

Apesar de toda essa liberdade nunca tinha visto meu pai de pau duro, eu olhava mais por curiosidade e até achava bonito aquele pintão dependurado entre as coxas com um saco de bolas grandes que ele mantinha sempre bem aparado com poucos pelos.

Mamãe e minha irmã viviam se depilando por completo deixando suas bucetas sempre lisinhas, eu só aparava a minha com tesoura deixando os pelos bem baixinhos, gostava da minha xoxotinha peludinha.

Minha irmã apesar de um ano mais nova que eu era muito putinha desde quando começou a crescer os peitinhos da safada, na escola vivia beijando um monte de meninos e não se importava de ser chamada de “biscatinha” pelas amigas e com certeza perdeu o cabaço bem novinha, mas a vadiazinha não abria o jogo comigo sempre desconversando quando perguntava alguma coisa a ela.

Verônica era bem parecida com mamãe, mais baixinha e cheinha de corpo, eu havia puxado o corpo do meu pai que era bem alto e forte.

Se minha irmã mais nova era putinha desde novinha eu sempre fui bem mais calma quanto a rapazes e só havia trocado beijos com apenas alguns rapazes até aquela data e apesar de ter gostado muito não fiquei tão empolgada a ponto de me deixar ser acariciada e bolinada por nenhum deles.

O engraçado é que apesar de não sentir tanta falta daquele pega pega com machos como minha irmã putinha eu acordava de manhã com a xoxotinha toda molhada e sempre tinha algumas lembranças de meus sonhos noturnos cheios de safadezas, mas isso só me fazia dar risadas sobre esse meu comportamento meio maluco e pra dar uma acalmada no meu tesão durante meu banho matinal eu esguichava água morna no meu grelo bem saltado entre os lábios da minha xoxota peludinha e gozava muito gostoso com aquela safadezinha solitária.

Essa minha tranqüilidade sexual terminou com um acontecimento totalmente inusitado que aconteceu em um dia quente de verão.

Tinha acabado de sair do banho, não havia ninguém em casa, sai nuazinha do quarto enxugando e passando a escova nos meus cabelos e fui até a cozinha pegar um copo de suco pra beber e foi então que a escova escapou da minha mão e ao cair no chão rolou pra debaixo do armário e então tive que me ajoelhar no chão para pegá-la e ao fazer isso fiquei completamente arreganhada ali no chão e foi então que tomei um tapa não muito forte na bunda me assustando muito com aquilo e dei um grito bem alto e então escutei a voz de papai sorrindo dizendo:

-Melissa querida... nessa posição se o entregador do mercado que está pra chegar entrasse aqui e visse esse bundão lindo e essa bucetão mais lindo ainda não ia nem ter trabalho... era só tirar a rola pra fora e socar gostoso... nem ia dar tempo de você reclamar... ia levar rola facinho facinho!

Levantei-me ainda atordoada, mas respondi sorrindo:

-papai seu maluco... quer me matar de susto é... pensei que não tinha ninguém em casa!

Papai me abraçou dando uns tapinhas carinhosos no meu bumbum dizendo:

-é... acabei de chegar... sua mãe me ligou dizendo que o entregador do mercado iria entregar as compras agora de manhã... liguei pra ver se tinha alguém em casa pra atendê-lo... pelo que estou vendo... você não atendeu porque estava no banho... então vim aqui para esperá-lo... ai... vi você de quatro com esse bucetão todo arreganhado e resolvi brincar contigo... não achei que iria se assustar tanto assim!

-papai... acho que vou ter que passar água na minha xoxota... acho que dei até uma mijadinha de susto!

-imagino a cara do entregador entrando aqui na cozinha e te vendo assim... acho que ele não iria resistir e iria socar a rola nesse bucetão lindo!

-aiii papai... como você é maldoso... logo o entregador do mercado... ele é feio demais... perder minha virgindade com um cara desses seria horrível!

Eu continuava abraçada com papai sem me cobrir com a toalha, ele estava de calça jeans e camisa e ele então olhou nos meus olhos e disse:

-filha... você ainda é virgem mesmo... quase não da pra acreditar nisso!

Fiquei toda indignada por ele dizer isso e respondi brava:

-claro que sou papai... ira mentir pra que... se quiser conferir... eu abro as pernas e você examina se minha xoxota já levou rola!

Papai deu um sorriso e beijando carinhosamente meu rosto disse:

-deixa de ser boba filhona... eu acredito em você sim... o que eu quis dizer que não dava pra acreditar que você ainda era virgem é porque você é muito mais gata que tua irmã... logico que não posso falar isso perto dela... mas... você tem um corpão perfeito e uma bunda linda do jeito que os rapazes adoram... devia ter o dobro de rapazes querendo ficar contigo... tua irmã tem uma fila de namorados e já faz um bom tempo que ela não é mais virgem!

-ah bom... pensei que meu paizão lindo tava duvidando de mim... é... minha irmã realmente é bem putinha... mas a safada não fala comigo sobre sexo!

Logo em seguida escutei o barulho do portão se abrindo e era o entregador com as compras e então fui pro meu quarto me vestir e ao passar os dedos entre os lábios da minha xoxota encontrei-a molhadinha e depois de enxugá-a rapidinho coloquei um shortinho com uma camiseta e fui guardar as compras e papai voltou para o sua loja que não ficava muito longe de nossa casa.

Durante o dia fiquei pensando naquele acontecimento inusitado e percebi que gostei muito dos elogios de papai sobre meu corpo, minha bunda e meu bucetão como ele havia chamado minha xoxota virgem, isso me deixou toda envaidecida.

Alguns dias após aquele acontecimento foi minha vez de presenciar uma surpresa incrível.

Era um sábado de manhã quando fui acordada de manhã por minha mãe me chamando pra ir ao shopping fazer compras com ela e minha irmã, mas como eu havia ido dormir muito tarde por ter ficado no computador disse que preferia continuar dormindo mais um pouco e ela me deixou em casa.

Já passava das 11h da manhã quando acordei e após o banho sai do meu quarto pra ir pra cozinha tomar café, mas ao passar em frente da porta do quarto do papai escutei o barulho de água do chuveiro e resolvi entrar e dei de cara com meu paizão todo ensaboado e foi ai que pela primeira vez vi o pinto dele completamente duro e fiquei surpresa com o tamanho dele.

Era grande, grosso e cabeçudo e fiquei ali estática admirando aquele pintão lindo enquanto ele tirava a espuma de seu corpo forte.

Quando ele abriu os olhos deu um sorriso dizendo:

-opa... e ai filhona linda... pensei que tinha saído com sua mãe e sua irmã... ela me falou ontem à noite que iria ao shopping comprar roupa com vocês!

Papai deslizava as mãos pelo seu corpão e dava umas alisadas naquele pauzão enorme sem se importar comigo diante dele e sem tirar os olhos do meio das pernas dele respondi sorrindo:

-é... ela foi me chamar de manhã.... mas eu estava morrendo de sono... fiquei na internet até de madrugada!

-ah tá... posso saber o que a minha filhona estava fazendo no computador até de madrugada? Falando com algum namoradinho ou assistindo algum filminho pornô?

-bem... namoradinho não tenho nenhum... mas... eu adoro assistir filmes pornos no computador sim... quem sabe aprendo alguma coisa né?

Papai continuava deixando a água escorrer pelo corpo e exibia acintosamente aquele pintão duro enorme para meu deleite e sorrindo safado disse:

-é... com certeza minha filhona virgem vai aprender muita coisa... sempre é bom aprender bastante sacanagens... além de linda e gostosa como você é... com certeza sendo bem safada vai deixar um monte de machos loucos por ti!

Eu estava vestida com um shortinho bem apertado socado no meio da bunda com um top que deixava minha barriga toda de fora e percebi que ficar olhando pro pauzão do papai duro daquele jeito estava deixando minha xoxota meladinha e resolvi ser bem sacana dizendo:

-é... não sei se depois que eu começar a dar meu bucetão como você chamou minha xoxota aquele dia que me pegou ajoelhada com a bunda levantada no chão da cozinha se serei tão putinha como minha irmã caçula, mas se isso acontecer também vou querer um monte de machos atras de mim... mas... olhando pro meu paizão assim com esse pintão duro... nunca tinha visto assim... garanto que você também deve ter um bando de putas querendo dar pra você né... sempre escuto comentarem que as putas taradas adoram pintão grande socando na buceta delas!

-é... realmente a maioria gosta muito... tua mãe adora... alias... ela saiu cedo e me deixou assim... quando ela voltar vou pegá-la sem dó!

-hummm... é... acho que ela vai sofrer um bocado... pelo que to vendo... papai ta bem taradão... eu... gostei de te ver assim... nunca tinha visto um pintão duro assim... bem de perto... muito bonito... lindão mesmo!

Ele saiu do banho se enxugando e chegando bem pertinho de mim peladão disse:

-posso dar beijinhos de bom dia na minha filha gatona assim do jeito que estou... ou... quer que eu coloque roupa primeiro?

Nem sei de onde tirei coragem pra dizer o que me veio à cabeça naquele momento, mas disse:

-claro que sim papai... pode dar quantos beijos quiser... vai ser a primeira vez que vou ser beijada por um homem peladão e de pintão duro... tenho quase certeza que não vou achar ruim!

Papai sorrindo passou a mão pela minha cintura me puxando de encontro ao seu corpo e seu pintão deslizou por entre minhas coxas se encaixando perfeitamente e então ele passou a beijar carinhosamente meu rosto dizendo:

-só vou parar de dar beijinhos quando me cansar... não é sempre que se pode abraçar peladão uma gatona linda e ainda virgem!

Meu corpo ficou em chamas sentindo aquele pintão grosso que mesmo tendo saído do banho emanava um calor incrível roçando na minha xoxota virgem por cima do tecido fino do meu short e quase sem perceber levantei meus braços passando-os pelo pescoço dele e sussurrei:

-hummm... eu também não quero poucos beijinhos... quero muitos... to adorando ficar assim com papai... nossa... que delicia... acho que vou querer fazer isso mais vezes... tá bom demais!

Ficamos ali por alguns minutos naquele abraço delicioso e incrivelmente excitante, papai todo safado acariciava meu bumbum empinado dando umas apertadas me puxando forte contra seu corpo e minha xoxota parecia que estava mijando de tão encharcada e então ele me soltou dizendo:

-chega por hoje... mas... com certeza também vou querer repetir esse tipo de abraço com minha filhona gata!

Quando ele se afastou seu pintão parecia que ia explodir de tão grande... a cabeçona estava toda babada e toda safada disse:

-posso pegar um pouquinho nele papai... pra sentir como é... nunca peguei num pintão antes!

Ele deu um sorriso sacana e disse:

-se quiser pegar eu deixo... mas... acho bom minha filhona tomar cuidado... ele já ta duro bem antes de você entrar no quarto... dependendo do jeito que você pegar nele talvez leve um banho de leite quente... acordei taradão hoje!

Naquele momento tudo me parecia permitido, a safadeza era mais que explicita, meu short estava todo ensopado, meu grelão e os bicos dos meus seios duros como uma pedra e tomada pelo tesão sussurrei:

-papai... eu quero sim... apesar de virgem... não sou tão bobinha... mas quero muito pegar nele... e olhar bem de pertinho... senta na cama... por favor!

Papai em segundo fez o que lhe pedi e mais rápido ainda me ajoelhei no tapete felpudo ao lado da cama e bem devagar deslizei as mãos pelas coxas fortes dele e peguei naquele pintão com as duas mãos... papai contraiu seu corpo e ao sentir o calor das minhas mãos... minha xoxota pulsou forte e meu grelo parecia inchar ainda mais e papai safado olhando pro meu rosto sussurrou:

-hummm... que mãos deliciosas... é todo seu filhona... pode pegar sem medo... vou adorar gozar nas tuas mãos... faça o que tem que fazer!

Comecei a punhetar o pintão todo babado bem devagar e meu rosto foi chegando cada vez mais perto dele... já dava pra sentir o cheiro que exalava... cheiro de macho como nunca havia sentido... se eu estivesse nua com certeza minha xoxota estaria pingando no tapete e depois de alguns longos segundos papai começou a gemer e todo tarado levou a mão na minha cabeça e puxando-a entre suas coxas sussurrou:

-quero teu bocão lindo mamando na minha rola... chupa sua safadinha gostosa... quero gozar nesse teu bocão lindo... chupa putinha linda do papai!

Ser chamada de putinha por papai fez com que qualquer resquício de pudor desaparecesse e como já tinha visto em muitos filmes pornos cai de boca naquele pintão e mamei deliciosamente engolindo aquele cabeção enorme bem no fundo da minha garganta.

Papai gemia alto demais e depois de apenas algumas mamadas ele se contorceu todo e segurando minha nuca começou a ejacular forte na minha garganta... engasguei-me varias vezes... mas continuei engolindo todo aquela porra que jorrava aos montes... parecia um fonte inesgotável de leite.

Gozei só chupando meu pai... minha xoxota pulsava tão forte que demorei a conseguir me levantar... minha boca completamente melecada de porra... o cheiro e o gosto de macho na minha boca me fez perder completamente o juízo e toda safada dei um sorriso dizendo:

-papai... você é muito safado... adorei ser sua putinha... eu tomei muito leite na mamãe... ela sempre comenta que demorei muito pra largar os seios dela... mas acho que leite do papai é muito mais gostoso... adorei sentir você gozando na minha boca... vou querer mais... pode ter certeza!

Papai deu um sorriso sentado no mesmo lugar, certamente saboreando o que havia conseguido... uma chupada maravilhosa da própria filha virgem!

Fui para meu quarto passar uma água gelada no corpo e trocar o short e então escutei o telefone tocar na sala e logo em seguida papai entrou no meu quarto dizendo que era mamãe nos chamando pra irmos almoçar no shopping porque além de não ter terminado as compras não queria voltar pra casa pra fazer comida.

Foi à vez de papai se deliciar me vendo tomar banho e ensaboei bastante minha xoxota peludinha virgem e após alguns minutos de deleite ele foi pra seu quarto se trocar e fiz a mesma coisa.

Coloquei uma minissaia jeans bem curtinha com uma calcinha atoladinha no meio das nádegas com uma camisetinha curta que deixava minha barriga de fora, nos pés um tamanquinho de salto pra deixar a bunda ainda mais empinada e quando me sentei no banco do carro ao lado de papai ele todo safado disse:

-acho que vou dirigir bem devagar até o shopping... com uma filhona tão gata e gostosa sentada do meu lado... com uma minissaia curtinha dessas... acho que minha mão vai escorregar do cambio a todo o momento!

Dei um sorriso sacana e bem putinha disse:

-pode fazer isso que não vou reclamar papai taradão... to adorando todas essas safadezas que estamos fazendo... que delicia!

Saimos da garagem e em segundos a mão do papai estava no meio das minhas coxas e logo ele enfiou os dedos pelos lados da calcinha bolinando meu grelão que logo ficou duro e enorme e sem conseguir me controlar comecei a gemer e rebolar no banco do carro e ele todo tarado dirigindo bem devagar o carro disse:

-goza gostoso sua putinha tarada... quando te vi aquele dia de quatro no chão da cozinha com esse bucetão gostoso arreganhado fiquei tarado olhando teu grelão enorme... adoro grelo igual o teu... uma delicia de chupar... nem tua mãe e nem tua irmã tem um grelão lindo assim... quando eu te pegar de quatro e te lamber todinha vou fazer minha filhona putinha mijar de tesão na minha boca... agora goza gostoso nos meus dedos putinha!

Pensei que ia desmaiar de tanto tesão rebolando nos dedos mágicos do papai e gemendo sem controle gozei com uma cadela no cio encharcando minha calcinha.

Quando chegamos ao shopping descemos do carro e saímos abraçados com naturalidade e perguntei a papai se tinha perigo de mamãe e minha irmã desconfiarem do que havíamos feito e ele sorrindo bem safado disse que não devia me preocupar com isso e me comportar como sempre fazia e durante o almoço conversamos normalmente e apos o almoçarmos aproveitei pra comprar algumas roupas novas pra mim.

Só voltamos à tardezinha pra casa e logo no começo da noite minha irmã saiu pras baladas com as amigas e após fazermos um lanche eu, papai e mamãe ficamos assistindo TV até que um pouco cansada das loucuras sexuais daquele dia resolvi dormir e fui para meu quarto.

O Se antes desse da safadeza com papai eu era uma garota bem calma após minha iniciação o tesão tomou conta da minha xoxota ficando totalmente molhadinha e o chuveirinho do banheiro vivia me fazendo gozar gostoso duas a três vezes ao dia.

Meu grelão sempre inchado ficava cada vez mais sensível e papai todo safado sempre quando passava perto de mim sem ninguém por perto enfiava a mão domingo como sempre foi com a família reunida com meus avós e tudo transcorreu normalmente sem nada de especial.

entre minhas coxas e bolinava forte minha xoxota me deixando cada vez mais taradinha.

No meio da semana seguinte eu estava em casa na parte da tarde sentada na frente do computador só de calcinha assistindo um filme pornô no meu quarto quando papai chegou e todo sacana disse:

-não deu pra nós brincarmos gostoso esses dias... mas hoje eu consegui dar uma escapada da loja pra visitar a minha filhona putinha... tenho certeza que hoje a safadeza vai ser mais quente que a ultima... levanta dessa cadeira putinha... fica de 4 na cama... vou fazer o que te prometi!

Nem precisou mandar duas vezes... tirei a calcinha e rapidinho fiquei de joelhos na beira da cama... papai também ficou peladão já com seu pintão duro como aço e então o taradão se ajoelhou no tapete e em segundos senti sua boca quente sedenta na minha xoxota virgem... bastaram meia dúzia de lambidas e sugadas pra que eu começasse a gemer alto rebolando que nem uma doida e logo dei um gritinho de putinha tesuda gozando gostoso.

Minha xoxota parecia que ejaculava igual o pintão do papai de tanto liquido que escorria de dentro dela e meus gozos chegavam cada vez mais forte... Papai com sua língua mágica me fazia ter um orgasmo atrás do outro e meu corpo era comando pelo prazer e então senti que não era mais a boca do papai que deslizava no meu bucetão e sim a cabeçona enorme posicionada perfeitamente na entrada da minha xoxota virgem e quando me dei conta e o pauzão duro como aço do papai tarado começou a me penetrar... meu cabaço foi estourado... soltei apenas um gritinho de dor... mas papai não parou de me penetrar nem por um segundo e foi até o talo... aquele pauzão inteirinho dentro do meu bucetão tesudo me levou a loucura e em poucos segundos eu rebolava deliciosamente espetada nele gemendo de prazer.

Nem saiu muito sangue do meu desvirginamento e papai me fodeu sem dó socando com força me fazendo delirar de prazer.

Que delicia dar a xoxota pro papai... ele todo tarado metia gostoso me chamando de putinha, gostosa, safada e meu tesão ficava mais intenso e quando ele gozou enchendo meu bucetão de leite quente pensei que ia desmaiar de tanto prazer.

Papai tinha se tornado meu primeiro macho e com certeza eu iria querer que ele continuasse me comendo muito tempo e isso realmente aconteceu e logo fiquei sabendo que também tinha sido meu paizão tarado que tinha tirado o cabaço da minha irmã putinha e não demorou pra que eu também virasse uma devoradora de machos insaciável.

Se curtiram esse conto tem mais dois que me deixaram taradinha demais quando foram escritos.

acessem meu perfil: http://sharoland-nn.ru/perfil/186087 e leiam:

Meu cunhado além de me comer tirou o cabaço da minha filha e

Descobri que meu sogro tinha uma rola enorme... dei gostoso pra ele!

e-mail: [email protected]

%%%%%%%%%%%%%J

Comentários

29/08/2017 02:04:38
Nota 1000. Que conto tesudo!!
13/11/2016 19:16:46
Um tesão o conto
11/11/2016 15:47:05
adorei o conto, meu email é [email protected] mulheres que tenham fantasias escrevam eu passo meu watsaap bjs espero vcs
30/10/2016 05:39:43
Eita "familia sacana", assim "sim", familia que fode unida permanece unida, como disse Jesus, "amai-vos uns aos outros".
30/10/2016 05:33:58
Paizão fodido esse seu, come a espôsa e as filhas, vê se vc e sua irmã da uma netinha para ele foder também, ou convida as amiguinhas do colégio para ele descabaçar também.
30/10/2016 05:29:49
>>>Quando ele gozou enchendo meu bucetão de leite quente pensei que ia desmaiar de tanto prazer<<< pelo que li vc vai ser mãe de seu irmão e seu pai avô e pai ao mesmo tempo,,,cadê a camisinha heim?? Mas falando sério o conto doi bom, apenas o final quando seu pai soca a vara em vc foi sem muitos detalhes...sugestão para um futuro conto era vc dar esse seu bundão arrebitado perdendo també a virgindade na porta traseira...
26/10/2016 16:54:00
Ótima narração. Parabéns. Adorei
25/10/2016 17:52:57
25/10/2016 09:42:51
hum! que delicia de conto,quero ser sdeu paizao tambem delicia e desfrutar dessa bucetinha linda e deliciosa me add [email protected] te espero de pica dura cheio de tesao
25/10/2016 08:46:26
Delicia de conto, muito bom
25/10/2016 08:01:20
Que safada!
25/10/2016 06:27:20
Delicia de conto! Bem construído e ótimamente narrado "perfeito". Nota 100.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


mamãe dar a buceta para mimconto comi minha eguaEdufera cintosapaixonado por um hetero gustavinhoBAIXA VIDEO PORNO APROFESSORA ELIZABETI DA ESCOLA NANDEJANovinha excitidacontos de sexo depilada na praiavídeo de novinha querendo perder a virgindade com japonês cobrando no gesso XVídeosnovinha xeia de pintas na bct na siriricabuceta virgem relatos descabacando as irmas gemeascontos eróticos técnica de enfermagem pegando carona com coleganegal pau pulsando xvidiocontos de sexo depilada na praiaporno gay derramou agua na calçaxvideo sexo na praia de nudismo abricoapornodoidocasal liberal cornocontos-esfregando na bundinha da netinhavideo porno a navinha criando corage a enfiar o pau do cavalo em sua bucetade chortinho pensando no namorado pornquadradinho da crente inocente safada em conto eróticoscorno frouxo contospornô dois negão chega na porta de uma mulher com cheque de r 1000conto eu meu marido roludo nossos filhos na sacanagemnovinhos erotizando de fio dental atoladoo garotinho do semáforo contos eróticos reaispornô mãe dando o cuzão dando para o filho de regaço combinação pelo cão carinhosexoalvesX video comendo ninazinha menor 18sex. video amarcaiamuler m as calcinhas lancesda xoxotasbebi demais minha esposa deu pra . outro contos eroticosas bucetas mais esgassadas gozando2 comedor do pintao sacaneia casada do rabaoporno de professora na forretacontos eróticos de sequestronão coube tanta porra dentro da buceta da gostosataboo estou apaixonada pelo meu filho sexo incesto contoscomendo cu da sogra da minha sobrinha contospai tem pauzao descomunnal e soca tudo no cusiho da filha gostozinhame fizeram de vaca no ordenhador contos eroticosqual a função de um corno manso assumidotitio comendo osobrio nosofa vidio gayconto erotico boa noite cinderelamulher com mulher pode uza bolinha vaginascontoseroticos bebendo leite de mulher lactantecontos eroticos minha primeira siriricaContos a empregada com fotosfilhaabre as pernas qie vou te fider gostosogibi troca troca com família pornoa bucetinha depilada da minha mãe contosloira esposa enquanto marido dorme ela fica engatada no dog gigante e goza de dor contos eroticosdotado roludo malvado comm novinha com bucetinha muito apertadaabaixar tema vendo o primo transando com boneca inflávelconto erótico Inaraporno gay pai malhado e i filhonovinha perdendo a virgindade para soltinhoEncoxada no transporte público contos eróticosó mulher pelada a chegada com a b******* bem grandona daquelas BH b******* grande pinguelo grande cheio de galacasa dos contos eroticos o padrasto so quis as pregasFiz sexo com meu profeasxvideos cliente dotado fica com pau duro durante exame e a depiladora acaba não resistndoo pau do meu marido grande23cm e toda hr que fazer sexorapaz com pau enorme na prai de nudismo no brasil e gostosa nao resiste e da p eleEu e minha prima no motel eu disse que eu nao ia meter meu pau na sua buceta virgem mais eu meti meu pau na sua buceta virgem eu disse pra ela agora sua buceta nao e mais virgem conto eroticoContos me foderam muito por perder a apostaprima gosta da minha pica ele pega e burta na bucerta dela pegou fogo no travesseiro da atrisfilme de sexo com a minha sogra de remédio por meu sogro dormirconto caralhudofilme meu irmao me deseja fudercontos eróticos cuzinho da mendigazoogay 2016