Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Iniciada Na Putaria E Incesto II (Por Jane)

Categoria: Grupal
Data: 13/01/2017 03:06:51
Nota 10.00
Assuntos: Incesto, Grupal
Ler comentários (1) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Iniciada Na Putaria E Incesto II (Por Jane)

Boa noite meninos e meninas tesudas de todo o país, aqui quem conta é a Jane, (estava tão tesuda no primeiro conto que troquei o nome com minha tia), gauchinha de 20 anos e típica da região, 1,70 e 65 kg, 20 aninhos e contando minhas aventuras sexuais, a primeira foi como perdi minha virgindade com o papai e os meninos me comendo com minha mãe no meio, conto 87588, leiam... E como prometi, uma semana depois, já dormindo com meus pais e os meninos me comendo direto, faltava uma segunda surpresa, como prometido pela minha mãe, a Aline, 1,65 e 50 kg. Ainda tinha 17 anos e meu pai viajou a negócios em um final de semana, e cheguei em casa sábado por volta das 20:00, onde estavam mina mãe e duas tias minhas bem a vontade, a Paula, uma tesuda loira e alta como eu, peituda e puta, com grelo avantajado e lábios enormes, além de suas deliciosas coxas roliças, e a Sandra, outra tia de 1,60 e 45 kg, pequenininha e tesudíssima, apesar de baixinha tem todos os atributos de uma mulher deliciosa, seus seios são enormes pelo seu tamanho, e ela é bunduda como uma tanajura... A Paula e a Sandra com 30 anos, e minha mãe com seus 37, todas deliciosas e tesudas, estavam na piscina e bem alegres, quando cheguei minha mãe logo me convidou para ficar com elas, eu coloquei meu biquíni tesudo e fui, sentando com as três e começando a beber a deliciosa vodka que minha mãe tinha deixado na mesinha da piscina, e logo minha tia Paula, viciada como é, puxou um baseado gostoso, eu não tinha experimentado ainda, e estava muito a vontade com a bebida, sentada no colo da minha mãe, que pediu que ela passasse o baseado a ela:

- Hum, a nossa putinha vai experimentar??? Disse minha tia com olhar tesudo...

- Só se ela quiser, Paula!!!

Eu puxei aquilo da minha mãe e traguei, logo a tia Paula veio de frente para mim e colocou na minha boca, depois tapando e pedindo que eu prendesse, e depois eu soltava o ar, em dez minutos eu estava molinha, relaxada, e as mulheres fumando cada um o seu, quando minha mãe, com a vodka nas mãos perguntou:

- Meninas, quem vai ser a primeira???

A Sandra vendo meu estado no colo da minha mãe, com a xana manchando o biquíni, logo disparou:

- Estou doida para ver a sobrinha participando com a gente de uma das nossas sessões...

Eu não sabia se estava ouvindo direito, mas minha mãe já alisava meus seios no seu colo, me pedindo que ficasse de pé, então eu já meio tonta me coloquei em pé, a minha mãe chamou as duas:

- Ensinem a menina, putas!!!

A tia Paula veio junto com a Sandra na minha direção, ela me abraçou por trás e me fez golar um copo de vodka inteiro, me segurando e tirando o top, falando:

- Que seios, sobrinha... Quero você bem molinha hoje!!!

A tia Sandra ajoelhou e desceu meu biquíni até a canela, abrindo minha xana e analisando como um pedaço de carne, logo dando uma lambida alucinada na mina bucetinha, eu suspirei e minha mãe veio e trocou de posição com a Paula:

- Experimenta, amiga... Lambe a sobrinha!!!

Eu entrei em convulsão, minha mãe me segurava, minha tia me beijava e sugava meus seios, enquanto a outra já enfiava a língua dentro da minha xana, eu gosei umas três vezes não mãos daquelas putas, que me incendiaram em fogo... Eu caí melada e muito gosada, mas nem imaginava o que viria... Minha tia Sandra me olhava com tesão, e me perguntou:

- Podemos fazer sua iniciação lésbica???

- Claro que podem...

- Mas tem que aceitar tudo...

Eu tesuda não neguei, e logo a Sandra trouxe um banco fino e largo que fica na cozinha, minha mãe pegou umas cordas e fui amarrada de forma a ficar de costas para cima no banco, minha tia Paula colocou um absorvente interno em um copo grande de vodka, falando:

- Vamos te preparar para os nossos amantes, meu bem...

Nesse instante percebi que minha família levava a depravação muito a sério, eu estava amarrada na cadeira com os pulsos nos pés no móvel, enquanto minha mãe passava mais uma corda pelas minhas costas, a Sandra colocava meu biquíni de volta e fuçava minha buceta, portanto estava presa nas mãos das perversas da minha família, rs... Mas muito excitada, então a tia Paula pegou o absorvente e se aproximou, com minha tia Sandra lambendo ainda minha xana, e colocou o absorvente molhado de vodka dentro dela, ardeu na hora, mas o gemido foi abafado pela xana da mamãe na minha boca, e então descobri o motivo do biquíni de volta, a Sandra enterrou ele na minha bunda, de forma que o absorvente ficasse ali dentro:

- Pronto, meninas, não sai mais daqui!!!

Então a Paula (pelo visto a mais devassa) sentou em uma cadeira de praia próximo a mim, chamando:

- Venham, meninas, ela vai assistir primeiro enquanto a xaninha bebe um pouco...

As mulheres tiraram seus biquínis por completo, eu pude ver a dimensão tesuda dos seios da tia Paula, enormes, e cada uma, a seu pedido, mamou um dos bicos, fazendo ela gemer e se tocar lentamente, expondo um grelo enorme para fora, eu realmente estava ficando tontinha, o negócio funciona, meninas... E então a tia Sandra foi lamber o grelo da Paula, enquanto mina mãe sentou no seu colo, seu grelo é tão grande que dá para mamar como um pintinho, a carne fica para fora, eu gosava vendo aquilo, tonta de vodka e tesão, quando ela urrou e deu um berro gosando na tia Sandra, enquanto mamava os seios da mina mãe... Elas pararam e fumaram mais, me observando e logo minha mãe falou:

- Vamos começar a abastecer a putinha...

A tia Sandra foi a primeira a se sentar na minha frente, com a xana na minha cara, na cadeira de praia, falando:

- Nós três temos que gosar na sua boquinha, Jane, para começar...

E logo cada uma das restantes afastou delicadamente meus seios, colocando os dois para fora do fino banco, me sentia uma vaca sendo ordenhada, minha mãe e minha tia me mamavam com força, a Paula se deliciava:

- Vamos mamar tanto que eles vão ficar do meu tamanho... Esses bicos vão crescer...

A Sandra abriu a xana com as duas mãos, expondo seu tímido grelo, e comandando:

- Vai, putinha, lambe só o grelinho agora...

Eu gosava desesperada, quando a Sandra anunciou seu goso, me fazendo lamber todos os líquidos que saíam da sua xana... Então foi a vez da minha mãe, enquanto a tia Sandra tomou uma ducha na beira da piscina, eu comecei a mamar a minha mãe, que gemia alto:

- Sente o gosto da mamãe, filha!!!

E nesse momento vi a maldade da Paula, ela foi até a bolsa e pegou dois consolos, um menor preto e um maior cheio de bolinhas salientes na sua extensão, falando:

- Vem, Sandra, me ajuda a lubrificar os machos de hoje!!!

Meu desespero foi grande, eu tentei gritar, mas minha mãe esfregou a xana na minha cara, abafando qualquer tentativa de grito, rs, falando:

- Calma, amor, você disse que podia!!!

Elas duas lentamente passavam um gel nos aparatos, logo minha mãe gosou, e levantou indo em direção as duas, quando a Paula entregou o menor a minha mãe, eu tinha perdido a virgindade uma semana antes, e então a tia Paula sentou na cadeira, falando as duas:

- Movimentem, meninas... Ela agora vai mamar uma xana de fêmea de verdade...

Minha mãe deu uma mamada nos seios da Paula, passando a mão no meu cabelo, e lá foram as duas para trás de mim, e isso me levou a gosos fantásticos... A Paula abria sua enorme buceta na minha frente, enquanto disse a minha mãe:

- Aline, a bunda primeiro...

Minha mãe colocou o biquíni de lado, e senti algo gelado sendo passado no meu anel, logo a ponta estava forçando, a Paula colocou o grelo enorme para eu mamar, gemendo louca:

- Que tesão de língua, Jane!!!

Senti o consolo me invadir e doeu um pouco, enquanto a mamãe colocava o biquíni de volta ao lugar, e a Sandra colocou a parte de baixo de lado, assim o menor ficou enterrado no meu rabo, e ela foi enfiando o maior na minha xaninha, eu tremi de goso, minha mãe de alguma forma se enfiou ali de baixo e começou a mamar meu grelo lentamente, eu me distraía e a Paula me lembrava da sua xana, gosei tremendo de tesão, enquanto a Sandra disse:

- Acho que ela já está pronta para conhecer os seus pedreiros, Paula...

A Paula ouvindo isso gosou na minha boca, esguichando goso na minha língua, não sabia que mulher podia gosar assim também, e engoli tudinho, ela levantou com dificuldades e elas me soltaram, com a condição de que o consolo do rabo ficasse ali, rs... Fiquei tesuda e tomamos uma ducha as quatro, com muita lambeção e goso, e depois fomos ao quarto da minha mãe, onde cada uma me fez gosar com sua língua na minha xana, enquanto me lambiam ou eu mamava os seios das outras... E foi tesão o fim de semana inteiro, assim fui iniciada pelas minhas tias, no próximo conto como foi quando conheci os pedreiros da minha tia Paula, devidamente assistida pela minha mãe e a titia Sandra... Beijos da putinha Jane!!! Gosem muito!!!

Comentários

16/01/2017 03:43:36
Mt bom

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


conto erótico flagrei minha mãe chifrando meu pai e ela me humilhou muitocrente e vizinho cassetudo conto eroticoconto de casada putaContos erroticos de empragada chinezavideo porno inedito de mulher gozando descontrolada no vibradorcontos eroticos comendo a sobrinhaconto erótico gaay sonbra de gaelx vídeos enquantoo novinho se masturbavaaté gozar o negão metia lhe a picanovinha mostrando a buceta gozada com 10 picadinhos rabada bucetavídeo pornô da cachorro satisfazê-lo cachorro satisfazendo sua donavideos de ninfetas transando com irmai anbos osdois novinhosconto erotico de irmao do meu colegar saradao mim comeu brutalmente gaymeu sogro isasiavel comtoestrupo de vuneravel pornomulher chupa gostoso com o dente encavalado pornoporno contos alberto comeu minha mulherporno loira olhos azuis coxa grossa rabo grande peituda cabelos longos metendo como uma cadela no cioquando voltei entrei no quarto da minha irmazinha e vi ela se mastubando dei uma bronca nela contos de incestocontos de sexo raspei minha bucetaencanador comeu a cliente a forca e ela gostoucontos eroticos nunca pencei disperta tesao en outro homem com minha bundacontos eróticos o tio com minha namorada Bom dia viadinhpsdavs contos eróticoscontos casada chantageada pelo porteiroContos irronicos fodendo a minha namoradoconto erotico flagrei meu irmao comendo mamaevidio de foda de cunhado dormindo na casa da cunhadazoofilia genicologista enfia alargador na buceta da noviaXVídeos gay com truculênciacontos erótico minha filha de shortinho curtocontos eróticos publicados por testemunhas de Jeováconto erotico com nora puta e gostosaconto minha hisoria dupla penetacao com janete e betocomo e a sensaçao de fazersexso pela primeira vezconto em casa neste frio minha boceta pede pica paipegando cachorro na rua pra praticar zoofiliaenteada dorme de conchinha com padrasto e e penetrada.porno incesto com muita seducaopegou a mulher do corno apertada e quando entrego tava so u buraco video porno cornosexo com coroa ruiva baixinha gostosa peituda de buceta bem peluda fidendo xom bem dotadocutucando buceta de cadela com dedo zoofiliacontos erotico abusando da irma pequenatitio safadão mim encoxou dormindo contos gayzoofilia com cadela no pri mero cioContos Eróticos. Dona Verahomen ve a visinha no banheiro fica louco porno doidoseduzida por um estranho contos pornofilha. acorda. sentindo apica do seu pai toda na. sua. bucetinha ..amassos eroticos na aguasupersexomamãecontos corno beija pés humilhadocasa dos contos meu marido contratou mestre de obra negro comcomo você gosta de dar o cú ao trasex devagazinho bem gostoso ou no arranca tudo vidioxvidioxx fudeu a mae conto pornpai comendo filha e a sobrinhaCerto ou errado?meu irmao amado contos gays cap.08contos sexo pecado incestuosoguri ñ aguentou pau grande, contosfilme pornô gratis bucetinha bem limpinha sem cabelo ganhando enfiadinha de leve do pau grossoVale de mulher pelada transando com homem chupando o pinto e razão na carecaContos ertcos me mastubei na sala de aula flagada pelo garoto novinhoPrimeira vez q dei o cu vestido de travestsou uma loira muito puta e liberada para os negros pauzudos contosConto erótico interacial largando o esposo para viver com amante negroContos de negros bem dotados rasgando cu de garotinhos brancos viadoFotos d padrasto comendo imtiadosvideospornobrasileiroscom famíliaContos eróticos de incesto mãe tarada descabacando filho dotada com fotosnovinhas ninfetas tao novas que nem peito tem aindaporno dando a buceta noma tranza agresivacontos eróticos família roludogta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetaEsposa putinha mostrando abcta pela boca d shortiO vizinho safado do 205zoofilia cavalo tira sangue e bosta do cu da vadiaconto erótico o meu cunhado me tornou sua putachupando buseta labefo pasda mso bocsEu e minha prima no motel eu disse que eu nao ia meter meu pau na sua buceta virgem mais eu meti meu pau na sua buceta virgem eu disse pra ela agora sua buceta nao e mais virgem conto erotico