Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Nossa intimidade, fez meu filho me comer

Olá, me chamo Vanessa, ou melhor Vanessinha, sou mãe de um rapaz chamado Matheus, atualmente tenho 43 anos e Math, como costumo chama-lo tem hoje 17, tive meu filho com 26 anos, porém não me casei. Seu pai dentro do possível é presente na vida do filho. Sou uma mulher de cabelos loiros, pele branca, bunda grande, seios médios, 1,64 de altura, bem safada e olhos castanhos.

O que vou relatar aqui, é verídico e teve início a quatro anos atrás, quando meu filho tinha 13 anos e eu 39. Devido ao fato de eu não ter me casado, mesmo grávida, e meu namoro com o pai de meu filho não ter dado certo, eu vivia sozinha com meu Math. Com isto, desde pequeno ele dormia no mesmo quarto que eu, mais especificamente em minha cama, mesmo com o tempo passando e ele crescendo, nunca mudamos esse hábito, ele gostava de dormir comigo, e eu gostava de ter sua companhia. Muitas vezes, na maioria dos dias aliás tomávamos banho juntos. Algumas vezes, inclusive, nos dávamos banho um no outro. Em minha mente, e também na de meu filho tudo naturalmente como mãe e filho, sem maldade.

Tudo começou no começo da puberdade de Matheus, quando meu menino tinha 13 anos, a adolescência e os hormônios estavam dando as caras. Geralmente nos deitavamos para dormir no mesmo horário, algo em torno de 23h, ou 23h30min, sempre dormi de calcinha e sutiã, mas nunca usava algo fio dental, sempre roupas íntimas normais, muitas vezes até as famosas de cor bege, e Math dormia de cueca. Comecei a me acordar algumas noites e perceber que estava com a bunda, minha calcinha ou parte das costas grudentas. Achei estranho, em primeiro momento não dei muita bola, o verão estava se aproximando, e era calor, inocente eu pensei que pudesse ser por isso, mas, o fato foi se repetindo, em outra ocasião acordei de madrugada e percebi que estava com a parte da frente de minha calcinha suja e com a barriga grudenta, mas ainda não seca, passei o dedo e levei a boca, senti um gosto de porra. Não acreditei no que estava provando, e nem no que estava acontecendo, na hora pensei em acordar Matheus e perguntar "O que é isso garoto?" mas resolvi deixar quieto.

Nas noites seguintes, deitavamos, e então comecei a fingir que estava dormindo, logo após isso, meu filho tentava ver se realmente eu tinha pegado no sono, e então começava a bater uma punheta, ele com uma mão se masturbava e com a outra tocava meu corpo, como eu estava com as costa de lado para ele, com a outra ele passava a mão e abusava de minha bunda. Quando ele estava para gozar, se virava um pouco de lado e esporrava em mim. Isso se repetia todas as noites, várias vezes fingia estar dormindo, só que virada para ele, a punheta se repetia e ele passava a mão em meu peitos e em minha buceta por cima da calcinha, e sempre gozava na calcinha. Eu queria ver até onde aquilo iria, achei que iria parar, mas não, notei que até no banho ele estava diferente.

Quase em todos os banhos ele queria que lavasse ele, e que ele me lavasse, começou a ficar exitado, de pau duro, sempre. Ao me lavar ele passava bastante a mão sobre meus seios juntos com o sabonete, na região da bunda também, e na parte de minha buceta, onde nunca havia lavado, começou a passar o sabonete e a mão, e confesso que me deu tesão, eu nem sempre me depilei, gosto de pelos as vezes, e nessas ocasiões, estava peludinha, e ele brincava com meus pelos no banho, eu lavava-o e dava algumas pegadas com sabonete em seu pau, e nessa ficamos por um bom tempo.

Em um final de semana, era calor, ele pediu para tomar um banho junto comigo, eu estava com bastante calor também, e resolvi ir, estava precisando depilar minha buceta, peguei uma gilete e decidi que faria isso no banho com Matheus. Fomos para o chuveiro, nos molhamos bem, eu peguei um creme e comecei a passar em minha buceta, Math pergunta "o que está fazendo, mãe?" eu respondo que vou tirar os pelos que estão me atrapalhando, e pergunto "quer ver como faço? ou até me ajudar?" ele me diz que "sim". Começo a passar a gilete, tiro uma parte dos pelos e digo para ele pegar a gilete, e ir passando em mim com calma e conforme eu mandasse, ele foi fazendo e me ajudou a ficar lisinha. Ele também tinha alguns pelos, e por iniciativa própria pediu se podia tirar os pelos dele, eu lhe respondi que sim e assim fizemos, ficamos nos dois lisinhos.

No restante do dia, seguimos normalmente como mãe e filho, tudo na mais tranquila naturalidade. Quando fomos nos deitar, novamente fingi dormir e o mesmo aconteceu, meu filho tocava em minha buceta por cima da calcinha e se punhetava, porém, dessa vez ele na hora de gozar se ajoelhou na cama e esporrou na minha cara, nesta hora eu "acordei", e perguntei "Math, o que é isso?" ele ficou nervoso, mas ainda assim disse "mamãe a senhora me da tesão", nesse momento confesso que fiquei mais exitada do que já estava com toda essa situação, e então passei o dedo em minha cara e provei seu leite fazendo cara de safada, e lhe disse "será que sente tesão na mamãe mesmo?" quando então peguei em seu pau que estava duro e confirmei a ele "sente mesmo", na hora, sabia que devia parar e por um basta naquilo tudo, mas não fiz isso, toquei uma punheta para Matheus e ele ainda conseguiu gozar um pouco, desta vez em meus seios. Após isso dormimos de conchinha.

No dia seguinte, ao acordar, ele já estava acordado, abraçado em mim, lembrando de tudo que havia acontecido recentemente e principalmente na última noite, decide ali mesmo conversar com Math, em uma conversa franca com ele disse que aquilo tudo era errado, mas era gostoso, e ele concordou comigo. Ainda disse que se ele guardasse segredo, eu poderia toda noite bater uma punheta para ele, mas nada além disso, e ele obviamente topou.

Quando chegou de noite, fomos deitar, e ele de pau duro me pergunta se eu poderia lhe bater a punheta que havia prometido, eu disse que sim, então mandei ele ficar sentado na cama de frente para mim e comecei a punheta-lo, comecei devagar e fui alternando, brincava com suas bolas e tocava uma para Math, pedi para ele que quando fosse gozar avisasse, e assim ele fez. Quando estava para gozar, disse "mamãe vou esporrear" eu direcionei seu pênis para os meus seios que ficaram com bastante porra (para a idade de Matheus, ele já gozava bastante) por cima deles e do meu sutiã. Logo após ele gozar, passei os dedos em meus peitos peguei sua porra e chupei, e lhe ofereci também, e ele aceitou, me limpei e dormimos. E assim foi por vários dias, todas as noites, todos os dias eu masturbava meu filho e ele gozava em alguma parte do meu corpo e juntos, geralmente, saboreávamos seu leite. Ficamos nessa de eu masturba-lo antes de dormir por uns 3 meses, eis que uma noite, resolvo fazer mais, fiz em meu filho seu primeiro boquete, iniciei com a punheta normal e abocanhei seu saco, depois passei a língua na cabeça de seu membro, até engolir o mesmo e com isso escutar os gemidos de meu filho. Quando vi ele jorrou sua porra dentro de minha boca, e eu com o tesão que estava engoli tudo e fiz cara de quem gostou. Isso não acabou por ai, nesta mesma noite ainda mandei ele me chupar, tirei minha calcinha, e fui lhe ordenando a como me chupar e como me tocar, ele meio desajeitado, aos poucos foi pegando o jeito, e usando os dedos conseguiu me levar a um delicioso orgasmo!

Nossa relação de masturbação e de nos chuparmos era certa, toda noite ocorria, isto se prolongou por mais uns 2 meses e meio, pois eu preparei uma surpresa para seu aniversário de 14 anos. Na data de seu aniversário, decidi que iria dar para ele, meu filho iria comer minha buceta, e eu tiraria seu cabaço. Chegando o dia, fomos para o parque, passamos o dia na piscina, pois era calor e fizemos um churrasco. De noite quando fomos deitar, disse para ele ir depois porque queria um tempo só para mim, fui para o quarto, vesti uma lingerie preta, fiquei de pé na frente da cama, e gritei "Matheus, venha já para o quarto", ele demorou um pouco e foi ao entrar no quarto, ficou com a boca aberta e nada disse, e eu falei "Aqui está seu presente de aniversário", cheguei perto dele, tirei sua camisa e nos beijamos na boca, um beijo quente, intenso e com amor, nossas bocas se encaixaram perfeitamente. Nos deitamos na cama e continuamos nos beijando, eis então que vou descendo até seu calção, retiro-o e junto tiro sua cueca, começo a masturba-lo e faze-lo um boquete, que pelos gemidos estava agradando Math. Não deixei que ele gozasse, mandei ele vir e tirar minha lingerie, ao tirar a parte dos seios, ele mamou em meus peitos, e foi retirando o resto, mandei chupar minha buceta e utilizar os dedos, ele já havia pegado o jeito e fazia exatamente como eu gostava, time um imenso orgasmo. Após o meu orgasmo ele achou que havia acabado, então eu lhe disse que não, chupei seu pau novamente e ele ficou duro, e tenho que admitir, nesses meses de brincadeira percebi que seu pau havia crescido, com 14 anos ele tinha 14,5cm (vim a medir uns dias depois) com seu pau duro, mandei ele deitar, com ele deitado fui sentando em seu pau e comecei a cavalgar, rebolei em seu pau com vontade, me deitei encima dele rebolando e nos beijamos. Fiquei de quatro e mandei ele meter, um pouco desajeitado ele colocou sua piroca em minha buceta e foi metendo, pegou o jeito e me comeu gostoso, e quando beti me deu bons tapas na bunda. Demos uma pauza e fizemos um 69, nessa posição pedi para chupar muito bem minha buceta e colocar um dedo em meu cuzinho que eu faria o mesmo, então chupava seu pau e brincava com seu cuzinho, nesse tempo em que ele me chupava e introduzia seu dedo no meu cu, gozei gostoso. Ainda voltamos para a pentração, fomo para a posição papai e mamãe, que depois vim apelidar de "filhinho e mamãe" rsrsrs, e quando vi que ele iria gozar, mandei tirar e esporrear em cima de minha buceta, e assim ocorreu. Em meio aos nossos gemidos ele tirou o pau e gozou em cima de minha xoxota, ainda nos beijamos, e como terminamos, dormimos abraçados.

Na manhã seguinte acordamos felizes, e combinamos na hora mesmo, que continuariamos a guardar segredo, e toda noite essa seria nossa nova rotina, fomos para o banho e lá, novamente dei para Matheus, um foda no chuveiro, fiquei escorada na parede com bunda empinada, e ele meteu, quando foi gozar me ajoelhei e lhe fiz um boquete e recebi todo seu leite na minha boca.

Então esse foi meu inicio aqui na casa pessoal, espero que tenham gostado, apesar de ter ficado um conto longo, mas não tinha como ser diferente, logo trarei mais histórias de minha relação com Matheus. Quem quiser entrar em contato, meu e-mail é: [email protected]

Abraços e beijos, até mais pessoal.

Comentários

08/01/2018 08:38:25
Parabéns, que conto maravilhoso, n vou mentir que fiquei com inveja dele!!tenho duas publicações, espero que goste
07/01/2018 17:05:56
Muito bom seu conto vc narro muito bem mande mas.
07/01/2018 15:40:52
Amei seu conto nossa show de bola... Queria ter uma experiência assim Da uma olhada nos meus contos talvez vc goste Mande fotos [email protected]
05/01/2018 16:52:25
DELICIA DE CONTO, CONTE MAIS, SE TIVER TEMPO LEIA ALGUM CONTO MEU
05/01/2018 15:14:22
Delícia!
05/01/2018 13:23:02
Nossa que tesao uma delicia de conto adoro incesto. [email protected]
05/01/2018 12:54:49
maravilhosa nota 10
05/01/2018 11:58:41
Maravilhoso se alguma gata quiser tc chama no whats ONZE.NOVE, SEIS, NOVE, NOVE, SETE, TRÊS, SEIS, NOVE,NOVE MARCOS BJS NAS PEPECAS....
05/01/2018 10:25:45
Não se incomode que tenha sido longo, eu nem gosto de conto longo porque logo adormeço e adorei esse, bom demais.
05/01/2018 06:45:12
muito bom, continue
05/01/2018 06:40:15
Amei o conto, gostaria de ver todos outros e com fotos. Amo fotografar e filmar esses melhores momentos. Meu sonho é ver mãe e filhos juntos. Se tiver cabeça para isso curto ficar com os dois. Caso interessar é só retornar: [email protected]
05/01/2018 03:27:39
Q mamãe deliciosa
05/01/2018 01:46:00
muito bem escrito... excelente narrativa.... mioto excitante

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


entrequei minha vigidade pri maridi da minha tia contopornodoido gato lembi bucetavelinhos tentando meter com netinhas novinhas e n aguenta xvidiosincesto mãe devassa da xana famintanora safadas descobri que sogro tem a pica enormeporno gay com agente peniteciario sarados e gostosocontos defloraçao analvideo viuva custou a dar a bucetaporno abordado da égua rapazContofeminino de dara xana pra caescontos eróticos sou gostosa e acabei seduzindo meu irmao gostoso e acabamos no sexoxvideo.ana desfarsado no quarto da novinhacontos eroticos de incesto no colocoroas. de shortinho mostrando os. beicinhos. da chanavideo estrupo brasileiro caseiro fala palavrao gorda peitao patroaporno meti na minha irma com forca e fiz ela pular e gemerconto gay cagando reformaquero ver as evangelicas toda nua e peladinha vigen pernas a bertas peito de fora durinhovideos arrancando a virgindade da novinha sem piedade que deu por dinheirominha mulher resolveu comer meu cucontos de sexo depilando a sogracontos eróticos fudendo Edileuza a mulher do amigocontos eroticos opostos que se atraemvideo porno pega secretaria bricando ca xoxota na livrariaconto sexo "Minha Filha II"contos erotico curvada frente namoradocontos.gozei como louca na pica do meu filhoAbusada de calça legueconto anal orfanatowww.porno zoofilia.com/contos dando buceta virgem dois cavalos?prensada no colchão pornmulher novinha transando com jumento jumento emocionada com cocoXVídeos pornô padrasto comendo enteada ela me procurou e eu não resisti vídeo brasileiromarido goza batendo uma vendo mulher agarrada por outro machoO Certinho e o Desleixado (Capítulo 3) casa dos contosviu a irma de fiu dentau e fucuo de pau duroA buceta da minha mãe Reginanegal pau pulsando xvidiofilmes sexo brasileiro falando besterinhas e gozando gostozo na buceta ate escorre a porragostosa.foi.faser.xixi e.tarado.atacolporno rabuda pulando naraquero ver zoofilia cachorro comendo a coroa cabeluda bem gostoso organiza que tesãoxsvideo Historias e relatos reais esposa pega marido dando o cu pro negraoxvideos porno travesti batendo punheta com uma serpente enfiada no cucontos de estupro sadomasoquismocontos eróticos esposa foi e*******' no comício do político e deFantasia sexual: lamber um cu cacagosobrinha abre a perna para o tiochuparcoroas descuidando da calcinha e da bufeta gostosaPapai goza na minha boquinhax video caralhomuitogrande mulher não aguentofaz sua namorada ir ao ceu so com q sua linqua pornodoidomulheres que fuma charuto e souta fumassa na rola do cara ate goza asseste videocontos.gozei como louca na pica do meu filhomeu tio comeu minha bucetinha virgem parte 2 contos eroticosencoxando na frente de pessoas engolindo porta no ônibus na viagemrapaz pula fora quando senti que o negao ia empurrar tudocontos filha no barco c amiguinhacontos eroticos cu arrombadoContos Eróticos De. Comi Minha Vizinha Do Ladomulher chamou o vizinho para tirar goteiras e deu a buceta para elecache:http://zdorovsreda.ru/perfil/117617contos eroticos desejo de uma mulher tomar porra de negros na frente do parceirocontos tatuape primeira bucetaeu sempre brincava com as coleguinhas de mimha irmã, e prdia para eles baterem punheta para mimporno comendo em dois e explodindo cu ea buceta da novinha atéh ela cagarcumadre magra de bermudinha sexoconto erotico amamentando velho negrocontos eroticos menino esfolo minha esposacontos menina chuponacontos eroticos traindo na enchente