Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Surpresas da Vida (A Viagem 5.1/A Festa.) 31de Julho 2016.

Autor: Skinhead
Categoria: Homossexual
Data: 13/01/2018 15:18:16
Nota 10.00
Assuntos: Gay, Homossexual
Ler comentários (5) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

[Após ser pego por Isaias, JP foi forçado a fazer sexo oral com o peão que já revigorado depois de uma farta gozada, estava prestes a concluir o ato pronto para abusar novamente de JP, mas o inesperado aconteceu].

Assustado com a batida Isaias fica estático, José Pedro pensa em responder, mas após reconhecer a voz ele fica em pânico, era Josias irmão de Isaias.

Depois de ser dispensado por Luciana, Josias se conformou e arrochou uma garota na festa, vendo que daquele “mato” não sairia “cachorro” e notando a ausência do irmão, achou por bem procurá-lo nos dormitórios caso ele tivesse dado sorte, e quem sabe dividir a sem vergonha com ele, hábito comum entre os dois.

José Pedro pensou naquela velha frase que caia como uma luva para sua desgraça: “Nada é tão ruim que não possa ficar pior”...

Mas para seu espanto e alívio, viu Isaias olhando para ele fazendo sinal para que ficasse em silêncio, deixando JP confuso.

Após algumas existentes batidas escutaram Josias se afastar, após constatar que a barra estava limpa, Isaias se aproximando de JP falou:

- Se ele pensa que vou dividir alguma coisa com ele hoje está muito enganado, hoje vou arregaçar seu “ás de copas” sozinho fresco...

Agora tire a bermuda, fique de quatro, deixe de lerdeza e empine esse rabão baitola!

Vou meter em você do mesmo jeito que meti no rabão da sua mãe...

José Pedro teria que se submeter à tara do peão, se não quisesse sua mãe mal falada na região, ou pior que um escândalo, uma morte.

Assim como Isaias pedira, JP retirou a bermuda e se posicionou para satisfação do peão.

-Se prepara frango, que vou arregaçar esse “frezado” macio agora... Quero ver você rebolando com gosto pra mim e ai de fazer cara feia porque senão todo mundo vai ver um filme bem divertido...

-Se fizer oque você manda você promete me dar à gravação?

-Claro fresco! Se você der um trato na minha “chibata” prometo que boto o vídeo na sua mão para você apagar, mas você vai ter que trabalhar duro para merecer, vai ter que aguentar madeira no rabo como uma puta...

Mas sendo “filha” de quem é vai ser fácil, sua mamãe é uma “égua” de raça, aguentou fazer uma DP com “eu” e meu mano, levou rola até topar os “bagos”!

José Pedro se controlava para não deixar a raiva subir naquele momento, só de ouvir Isaias falar de sua mãe como uma rampeira, chegava a dar cólera.

Isaias acariciava o rabo de JP enquanto esfregava a “linguiça” babada na entrada de seu ânus.

-Eita vida boa! Nada como comer um “frezado” gostoso numa noite fria... Vou fazer desse furico um “depósito” de gala!

-Se for para fuder, vamos logo com isso, disse JP.

-Para quê a pressa frango?! Quem manda nesse puteiro sou eu! Vamos passar um bom tempo aqui...

José Pedro tentou fazer o peão desistir, dizendo que seus familiares estavam na festa e se vissem que ele não estivesse mais na festa, iriam procurá-lo até achar.

Segurando JP pela cintura Isaias falou:

- “Homi”, quer saber de uma coisa frango?!

Sem se importar Isaias deu uma estocada forte penetrando JP com um só golpe,fazendo o nadador gemer de dor.

-Aiiiiiiiiiiiiii! Tá doendo... aiiiiiiiii!!! Tá doendo seu merda!!!

José Pedro sentia aquele pedaço de carne grossa e dura arregaçando seu rabo, abrindo passagem no seu ânus centímetro por centímetro, JP sentia-se preenchido, gemendo a cada pontada.

-Geme bem alto pra mim Viadinho folote! Está gostando da geba de seu macho, frango?!

JP gemia muito e Isaias o fodia com mais vontade a cada gemida, o peão pôs José Pedro de joelho apoiado a cama, e empinando sua bunda, “montou” no nadador.

José Pedro sentia a rola do moleque todo dentro de seu rabo, os bagos já estavam batendo na entrada de seu cu, podendo sentir os pêlos dele em contato com sua pele.

Aos poucos o peão aumentava o ritmo dos movimentos, ficando cada vez mais rápidas e violentas, José Pedro sentia um misto de dor e prazer a cada estocada daquela jeba inchada dentro de seu rabo que parecia estar assando.

Subitamente Isaias parou de “bombar” no rabo de JP, que pensou que a relação chegara ao fim, mas enganara-se o nadador, com autoridade Isaias falou:

-chega de boquinha Fresco... Vamos brincar mais gostoso, agora quero ver você cavalgando minha chibata!

Quero ver você rebolando como a safada de sua mãe...

Isaias deitou na cama e ordenou para que JP montasse em cima dele.

Sem alternativa José Pedro sentou seu cú amaciado sobre o cacete do peão,que segurando-o pela cintura começou a penetrá-lo.

JP Começou a cavalgar o peão,com suas mão em seus ombros,sentindo Isaias socar até o fundo,José Pedro subia e descia,cavalgando o cacete com vontade.

-isso baitola! Assim é que se faz... Cavalga gostoso seu fresco folote... Vou te arregaçar gostoso viadinho cú de “papa”!

Apesar de estar sendo forçado a trepar com o pilantra,em poucos minutos JP rebolava e gemia de prazer espetado na rola do peão que com vontade penetrava o garoto, enfiando quase até as bolas.

-Assim mesmo “patrãozinho”... Rebola gostoso na chibata de seu peão... Putinha safada! Vou encher esse rabo esfolado de leite...

O ritmo estava forte, constante, JP cavalgava a grossa jeba com velocidade assim como Isaias, que castigava o rabo de José Pedro como um bate estacas.

Então Isaias, não aguentando de tanto prazer começou a gozar fartamente no rabo de José Pedro, inundando de porra...

Já saciado, Isaias deitado, segurou JP pelo braço puxando-o e jogando para fora da cama.

- Agora vaza daqui fresco! Pega esse cú folgado e cai fora... Agora vou limpar a chibata para voltar para a festa e “pescar” um “barbudinho” de alguma putinha abestalhada...

Se recompondo, JP limpava com uma toalha velha o esperma que escorria de seu rabo tentando apagar qualquer vestígio de que tinha dado a bunda.

Olhando para Isaias sério, José Pedro falou:

-E agora?! Como vai ser?! Cadê a porra do vídeo?

Rindo e alisando o cacete, Isaias se aproximou e agarrando o cabelo de JP falou:

-A conversa é o seguinte frango: Eu não vou dar o filme! Não agora... Ainda quero dar umas “pirocadas” nesse seu rabão gostoso, aí sim depois eu lhe dou o vídeo da vadia de sua mãe...

Enfurecido José Pedro deu uma joelhada no entre pernas de Isaias e gritou:

-Seu peão de bosta! Você me deu sua palavra... Você quer brincar comigo?! Se você acha que pode me sacanear você não me conhece... Quer brincar?! Então vamos brincar...

Isaias deu um soco no estomago de JP, que foi de joelhos ao chão,mas antes que o peão pudesse fazer ou falar algo,JP foi direto:

-Vai fazer o quê?! Vai me bater seu peão?! Você quer arranjar confusão?!

Nossos pais estão lá fora, na festa, oque você acha que pode acontecer?!

Se você não pensa em você, pense nos seus pais, com certeza irá sobrar para eles também...

Pensativo e assustado com as palavras de JP, mas querendo dar uma de superior Isaias falou:

-Está bem viado chato, vou ser bonzinho com você, vou esquecer essa joelhada e ao invés de dar trepadas basta apenas dar duas, é pegar ou largar! Duas e eu dou a porra do vídeo a você.

Vendo que o peão arregou e a vantagem era sua, José Pedro aceitou os termos de Isaias desde que seu irmão não participasse e já de pé foi em direção a porta, não sem antes ouvir Isaias falar:

-Então se está tudo acertado, vou te esperar pelas 14h30m da tarde, não se atrase...

José Pedro saiu do quarto em direção ao banheiro, onde se limpou mais adequadamente até estar apresentável.

Chegando a festa, estava aliviado depois de procurar pelo salão e ver que sua mãe estava novamente ao lado de seus familiares e livre da presença de Josias.

Arthur dançava com uma bela coroa, não tanto como a sua mãe, mas não era de se jogar fora...

Mas em meio a tudo, não deixou de notar a falta de Max no salão, então fez menção de se dirigir ao encontro de Arthur, mas antes que pudesse foi impedido por Josias:

-Boa noite “patrãozinho”... Gostando da festa?

Visivelmente irritado com a presença do peão, tentou sair, mas foi novamente impedido.

-Oque foi “patrãozinho”? Estamos apenas conversando... Qual o problema?

-Qual o Problema?! Você é muito cara de pau, um sonso mesmo... Faz oque fez comigo e ainda tem coragem de chegar perto de mim?!

-Dá para ver que você puxou a brabeza de sua mãe, D. Luciana é uma “égua raçuda”, uma verdadeira “éguinha” selvagem...

Amansar sua mãe foi difícil, mas depois que demos uma surra de rola, ficou mansinha, mansinha, tomou leite de rola igual a uma gatinha manhosa e agasalhou duas jebas de uma vez só, gostou tanto que chega rebolava.

Só de dançar com ela meus “bagos” estão inchados de porra...

- Vá tomar no rabo seu peão limpador de estrume! Foda-se você e seu irmão! Não queira começar uma briga que não pode ganhar.

José Pedro se desvencilhou do peão e foi em direção a Arthur e já perto perguntou:

-Você viu o Max, Arthur?

-Ele estava dançando com uma gatinha já fazia um tempo JP, depois pararam e saíram de mãos dadas, acho que ele foi dar uns “tora” nela...

- Huum,Beleza então...

José Pedro estava contrariado, não queria ficar dando bobeira no meio da festa, principalmente para não voltar a bater de frente com um dos peões, resolveu então voltar para perto de seus familiares.

Assim como Isaias fez com JP, Max arrastou uma gatinha para um dos alojamentos do antigo estábulo, a princípio sem saber da existência dos mesmos.

Sentado a cama, Max trocava beijos com a bela garota que estava sentada em seu colo, nada poderia ser melhor, ainda mais para quem estava em casa “chocando” ovos sem fazer nada.

-Nossa Alice, se soubesse que aqui por essas bandas tinha tanta princesa como você, já teria vindo aqui há mais tempo.

Rindo, Alice respondeu:

-Até parece que de onde você vem não deve ser cheio de garotas bonitas, e para um cara saradinho e bonito como você Max, não deve ser difícil arranjar garota...

Safado, Max jogou uma comovente história de que só teve poucas namoradas, sendo que a última o traiu e há quatro meses estava sem namorada e para esquecer o “coração partido” veio para a fazenda mudar de ares.

- Que puta! Que maldade! Como alguém que namora um gatinho bonito e legal como você, tem a safadeza de fazer isso?

Logo, os olhos de Max ficaram cheios de lágrimas “autênticas” devido a seu “drama” pessoal, sendo consolado por Alice, que lhe acariciando falou:

- Não chore Max, você não merece soltar uma lágrima sequer por causa de uma rapariga filha de uma rampeira...

Vou lhe mostrar algo para te alegrar.

Alice então lentamente foi abaixando as alças de seu vestido e soltando seu soutien deixando a mostra um par de belos seios fartos com lindos bicos rosados para fazer a alegria do atacante.

-Nossa! Isso alegra qualquer um Alice, disse um Maxswell sorridente.

Sem perder tempo, Max começou a sugar os belos seios de Alice alternadamente, Max parecia possuído, parecia uma criança com um “brinquedo” novo.

O atacante chupava e apertava cada um deles fazendo Alice gemer de prazer.

-Huuuum...Que gostoso neném...Mama, mama no peitinho de mamãe seu Bebê tarado.

Só sendo burra mesmo para trocar alguém como você por outro macho, meu bebê guloso...

Enquanto mamava, Maxswell bolinava Alice toda, alisando sua bunda redonda e empinada, além de suas belas coxas bem torneadas, grandes para sua idade, parecendo até uma ginasta.

Malandro e audacioso, Max começou a passar a mão na vagina por cima da calcinha de Alice, que alegando ser virgem não deixou o atacante continuar, pois estava se guardando para casar virgem.

-Desculpe galeguinho, mas não posso liberar a “xana” para você,eu prometi a minha mãe que iria casar “pura”...

Max fez uma cara de decepcionado para Alice, que vendo sua reação falou:

-Não Max, não faz beicinho... Eu não posso, mas caso não ache ruim, posso liberar meu “anelzinho”... Você gosta?

-Macaco gosta de Banana? Perguntou Max sorridente.

-Só me prometa que será carinhoso comigo...

- “Carinhoso” é o meu nome do meio gata... Juro que vai doer só com a cabecinha, mas depois que ela entrar vai ser só diversão.

Mas que tal fazer um “Galvão”?!

Confusa, Alice fez cara de espanto e falou:

- “Galvão”? Como assim?

-É simples gata, é só ajoelhar pegar o “microfone” e narrar o jogo...

-Safado! Você não presta mesmo Max...

-Vem gatinha, vem sem medo... O bichão é limpo, cheiroso e bem cuidado, pode cair de boca sem medo...

Após fazer um pouco de charminho, Alice ajoelhou-se e como boa garota, caiu de boca na rola de Max, mamando, passando a língua e babando o pedaço de carne.

- Isso safada! Mama gostoso o pirocão... Que boquinha de Mel Alice!

Max empurrava lentamente sua rola na boca de Alice, segurando sua cabeça e forçando o pedaço de carne em sua garganta.

Alice quase engasgava com aquele pinto grosso em sua boca, mas aos poucos foi se empolgando, mamando com maestria, a garota lambia a cabeçorra, tronco e começou a dar um trato nas bolas do atacante, lambendo e chupando-as com vontade.

- Sua boquinha é de deixar qualquer um doido Alice...

Depois de ficar mamando por mais uns dois minutos, Alice levantou-se e após tirar a calcinha, ficou de joelhos na cama suplicou:

Vem galego! Vem comer o meu “cuzinho”... Quero ver você encher ele de leite de rola...

-Se prepara sua putinha! Depois de terminar com você, tú vai andar igual um cowboy de pernas abertas...

- “Quero ver”, devolveu Alice já empinando e arreganhando o rabo.

Alice era dona de uma grande e redonda bunda, só de olhar Max via que era feita para levar rola de qualquer tamanho.

Max começou a pincelar seu cacete no rabão de Alice que gemia de prazer com a sensação...

Com sua rola dura como pedra, Max começou a penetrar a cabeçorra no belo cuzinho da vadia, segurando sua bunda, foi forçando a entrada de sua jeba atolando aquele pedaço de carne até o talo, Alice gemia e tentava em vão tirar o monstro de seu rabo,mas o atacante forçava sem se importar.

Baixinho, Alice gemia:

Aaaai galego safado... Devagar! Devagar! Está arregaçando meu cuzinho...

-Devagar o cacete puta! Você não queria rola?! Vou fazer você berrar como uma cabritinha...Que rabo gostoso você tem gata! Vou encher esse rabo de piroca até dar uma dor...

Maxswell enterrava toda sua rola e socava sem parar, em um ritmo constante, indiferente aos gritos e gemidos de Alice, que parecia querer explodir enquanto o atacante bombava como se fosse um garanhão cobrindo uma égua, atolando cada centímetro daquele pedaço de carne naquele rabo juvenil.

Mas oque antes era gemidos e lágrimas de dor, agora não passavam de gemidos e lágrimas de prazer.

Agora a garota implorava a Max para ele penetrar-lhe com mais determinação e vontade, como se quisesse ser partida ao meio...

O atacante excitado com isso, aumentou suas estocadas além de apertar e dar violentos tapas no rabo de Alice, além de esfregar os seus dedos na vagina molhada da garota e a fazia chupar cada um dos dedos.

Os movimentos de Max ficavam cada vez mais rápidos, com o atacante socando cada vez mais forte até explodir em uma violenta gozada preenchendo o rabo de Alice de leite quente, que escorria pelas pernas da cansada garota.

Alice deitou-se na cama, satisfeita enquanto Max se refazia, após esperar a garota se recompor, saíram com cuidado para não serem vistos, então o atacante deu-lhe um beijo em seus lábios, despedindo-se, não sem antes dar seu Whatsapp e facebook para contato.

Max observou a garota indo embora com um sorriso nos lábios por mais uma conquista adquirida, o convite de Seu José Pedro a fazenda dos avós de JP estava valendo a pena.

Maxswell voltou à festa, chegando lá se deparou somente com D. Yolanda, JP e Luciana.

Contrariado com a escapada do atacante José Pedro perguntou a Max:

-E então atacante, como foi a pirocada com a periguete loura?

Pelo que Arthur me disse ela é a filha de Doutor Ribeiro (vice-prefeito...), ouvi que ela é uma Maria maçaneta, todo mundo passa a mão...

Mas como toda menina direita, só dá o cú.

Apesar do som alto, Luciana não deixou de ouvir o que JP dissera, e contrariada se meteu na conversa.

-Que conversa sebosa JP, respeite sua avó!

Maxswell é adulto, não precisa sair falando suas intimidades por aí, oque ele faz ou deixa de fazer.

- Qual o problema mãe?! Parece até que estamos conversando algo anormal, os anos 50 e 60 já passaram há muito tempo, qual o problema de falar sobre sexo?

-Nenhum, mas com certeza você deve ter muita experiência em sexo para falar sobre o assunto, não é mesmo?

Max riu discretamente com a resposta de D. Luciana a JP, que emputecido desconversou...

-Acho que vou procurar pegar um ar e procurar Arthur, é o melhor que faço.

- Deixe Arthur José Pedro, ele deve estar se divertindo dançando com alguma garota, você deveria procurar alguma para dançar também.

Quanto a mim, irei procurar seu pai, sua Vó está com cara de sono e acho melhor levá-la para casa.

-Se quiser posso levá-la D. Luciana, estou com a chave do ATV, não seria nenhum incomodo para mim.

-Não se preocupe Max, eu irei procurar José Pedro e se caso não ache, deixo você levá-la.

Luciana saiu do recinto e notou a falta do SUV e após procurar, achou seu pai conversando com um grupo de amigos e notou a ausência de seu esposo.

Luciana voltou e pediu a Max a chave do ATV que se recusou a dá-la, pois não deixaria sair só.

-Sei que a senhora sabe se cuidar bem D. Luciana, mas deixe-me acompanhá-la, não seria incomodo algum, JP ficará bem com D.Yolanda e Arthur.

D.Luciana escutou e enfim concordou com a sugestão de Max, e se dirigindo ao carro, foi atrás de seu esposo após ser indicada para onde o veículo se dirigiu.

Após andarem alguns minutos, Luciana e Max avistaram o SUV estacionado na planta leiteira da fazenda.

Max estacionou ao lado e ambos desceram e começaram a andar pela planta, até se depararem com uma cena que mudaria a vida de Luciana assim como a de Max a partir daquele momento.

Continua...

Comentários

17/01/2018 23:31:23
"MEU DEUS COMO JP É RETARDADO SE ACHA QUE ISAIAS JÁ NÃO ESPALHOU O VÍDEO OU FEZ CÓPIAS. BABACA". Toda evidência Luciana destruiu VALTERSÓ,mas peixinho não tem ciência disso.
15/01/2018 03:52:37
MEU DEUS COMO JP É RETARDADO SE ACHA QUE ISAIAS JÁ NÃO ESPALHOU O VÍDEO OU FEZ CÓPIAS. BABACA.
14/01/2018 22:37:53
Jhonnathan:16:06"so nao estou entendendo essa relação do JP e o Max.. se ele gosta do peixinho pq faz isso . e não polo amor de Deus nao faz o max a Luciana transarem".José Pedro não pode mudar o Max caro Jhonnathan,ele é bissexual...Na vida real há pessoas que são homossexuais,namoram e casam com mulheres para simplesmente dar uma resposta a família,amigos e sociedade e vive um casamento de fachada,mas há aqueles que gostam dos dois mundos,tanto de uma bela vagina ou de um belo pinto ou rabo.VeriPassiva:40:46"Não vi problema nenhum dele se divertir mesmo gostando de JP, era uma festa... algo normal... já aconteceu de tudo nessa história e acharia interessante de ver genro e sogra transando se essa for a ideia".A história está fluindo,estou quase finalizando as férias de José Pedro e o final se tudo correr bem será aceitável,se a inspiração fluir bem.
14/01/2018 02:40:46
Não vi problema nenhum dele se divertir mesmo gostando de JP, era uma festa... algo normal... já aconteceu de tudo nessa história e acharia interessante de ver genro e sogra transando se essa for a ideia
13/01/2018 16:16:06
so nao estou entendendo essa relação do Jp e o Max.. se ele gosta do peixinho pq faz isso . e não polo amor de Deus nao faz o max a Luciana transarem

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


paguei pra esposa do caseiro pra eu deflorar a filha do caseiro conto eroticoxvideo garoto trazado com agpaenchi for anel sexgta v a minha secretaria ta dando mole fizemos sexo no escritoriotitia safada gozando esquirt contos incestosconto homem velho estrupa guri pequenomulher derramando enfiando um copo de cachaça na bucetacomo meu tio roludo e comedor comeu minha esposa novinha 1° contosver conto erotico sob faxineiros velhos tarado e pirocudoContos na pescaria com tios e amigos me fazen d bixinha delesconto comi a coroaTudo grandão youtubepornoxevideo mulher dormido e rola entrandoincesto mae vovozinha com filhozoofilia genicologista enfia alargador na buceta da noviamenos viciada novinha molhada cracudos pornôvídeo pornô com boneca de silicone de 80 kilos pela XVídeo pornôcontos eróticos de Lucy dando pro caseiro na frente do maridoXvideos grandes pauzudos enrrolaados na toalhas pernas abertasfilho socando a piroca na mae idosaAS CARIOCAS PORNO VIOLENTO 2009videos de sexo filhas gemiase paicontos eroticos titio flacou eu e meu primo na infanciavídeos de biscatinha novinha brasileira gostosa safada entiada metendo c padrasto sem ninguém perceberrenatadominadoravídeos pornô certinho não quero nenhum errando dando errado por favor obrigadacontos eroticos arrombaram minhavideo pornor espetacular com mulheres ki sao loucas por homem de pica gigantemae beba fas fiho chupa putariabrasileiraContos eroticos anal de ipatinga mgcontos eróticos de esposinha branquinha fazendo Dp interracial com vibradorcontos eroticos arrombaram minhapatricinha de short perdida fodendo no matopaguei mas gozei gostoso na filha evangelica da empregada minha contosxvideos com pomba gira brasileiros encorporadasmenina novinha dormindo sem calcinha toda arreganhada com seu pinguelo lá de foracontos de mulheres cagando e peidando em seus parceirosContos éroticos taradão caralhudo arrombando uma prostitutacontos erotico minha mae insistiu eu fazer nudismoconto erótico sou menino mas adoro usar calcinha e ser menina do meu tio malvadoBrincando com as primas novinhas, tirei o cabacinho delastio tarado passa a mao na sobrinha ninfeta que nao resiste e fodefilhinha provocando o pai e mostrando a piriquitinha só de calcinhacomi uma egua dentro de casa contoCamisinha atrapalha a tirar a virgindadeTenho fetiche de beijar os pés da minha namorada quando ela está usando rasteirinhasxexeca mais gtz e peludinhabicho preguiça fudendo zoofiliasexo torrido e desejoconto gratis branquelo chupou a buceta da mulatanovinha louca pra mamar um cacete do coroa bebadofiz uma foda bisexual com meu filho minha filha minha esposa meu caseiro sua esposa e sua filha contosnamoro lesbico e pessoa não assumida tem tanta brigas ciúmescontos eroticos amiguinhassobrinha me provocando só de pijaminha porno brasilContos eróticos de viados que apanharam para aguentarem as jebastransei com uma senhora crenteConto.erotico sogra tatoadadoce nanda contos eroticosmulher tapa os olhos do marido e entrega para o empregado fuder video pornopornor doido homem batendo poletaconto erotico estupro cu maridocontos de mulher que da a buceta para mendingo chupar comer mamarmarido e mulher tomando banho na praia mulher veio um negão bem dotado e sai Escondidinho para dar uma com negãocorto eroticosminha esposa gosta de trasa com vaqueroestrupoanal abusocontos eroricos lesbicos de lactofiliaincesto/imaginaçoes com a maeabusando sarrando a coroa velha contoberoticoarregasado a buceta com muita velocidadevideo porno papai leu a filha que estava de férias pro sitio e fudeo novinhax videos. Voyer . Sexo. poe so a cabecinha senao eu gozo