Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

AMIGO DO QUARTEL (2º parte )

AMIGO DO QUARTEL (2ª Parte )

Olá meu nome é Paulo e estou aqui para contar a segunda parte do meu relato, quem não leu meu primeiro conto AMIGO DO QUARTEL dê uma olhada lá e depois volte para entender esta continuação. Embora algumas pessoas achem que esta é uma historia de ficção digo e afirmo que todos os fatos ocorridos aqui são verdadeiros, lógico que alguns comentários ou atitudes das pessoas aqui envolvidas são meramente ilustrativa para criar um aspecto de excitação e deixar o conto mais empolgante, mas de forma geral é tudo verdade.

Fui tomar banho pois estava com o pau e a coxa toda melada da minha porra e da porra do Flavio que tinha gozado feito uma putinha na minha pica sujando minhas pernas, no banheiro so pensava em tudo que estava acontecendo, na dona Cristina flertando comigo, ter comido meu amigo com a possibilidade de comer a noiva dele, fui ficando de pau duro passando o sabonete no meu corpo mas evitei tocar uma punheta, pois já estava atrasado

Sai do banho e me arrumei rapidamente pois seu Luis estava com presa para pegar a estrada coloquei minhas roupas na mochila e fui pra garagem colocar as coisas no carro, como se fosse hoje me lembro que era um Monza 90 SL\E 4 portas verde lindo, seu bagageiro estava lotado de coisas a mala abarrotada mas coube minha mochila, eu, Flavio, Débora e Vanessa fomos no banco de traz, por volta da meia noite chegamos na casa de praia era uma casa grande com piscina logo na entrada uma cozinha com churrasqueira próximo a piscina, logo depois tinha um quarto grande e nos fundos a casa com uma varanda imensa, sala 2 quartos sendo que os mesmo davam de frente para a varanda, entramos e a casa estava bem limpa seu Luiz tinha ido alguns dias antes para limpar e arrumar tudo, entramos descarregamos o carro e seu Luiz já começou a beber umas cervejas, e foi pra beira da piscina, dona Cristina foi arrumar as camas e perguntou se teria algum problema de eu dormir na sala eu falei que não! que até preferia dormir na varanda, ela disse que amanha ia liberar o quarto grande para que eu passasse a dormir lá, Vanessa já estava dormindo quando dona Cristina a levou pro quarto, Flavio e Débora se trancaram no quarto deles eu estiquei uma rede e deitei na varanda dona Cristina estava na piscina bebendo e conversando com seu Luiz quando ele me chamou – Paulo senta aqui com a gente! Sua voz estava arrastada como se já estivesse embriagado, começamos a conversar ele me fez um monte de pergunta enquanto dona Cristina só olhava pra mim então ele puxou um cigarro de uma caixinha e perguntou se eu fumava eu disse que não! mas não me incomodava, ele falou que era um baseado se tinha algum problema sobre isso eu disse que não! Ele perguntou se eu já tinha fumado, novamente a resposta foi não perguntou se eu queria experimentar, disse que sim! Ele acendeu era um cheiro esquisito mas dei dois traguinhos me engasguei, dona Cristina ria pra caramba, ele também, - vai de vagar! disse ele, e começou a rir só me lembro depois de acordar deitado numa espreguiçadeira na beira da piscina

Com uma fome do cão, fui pra cozinha e vi que tinha 2 cachorro quentes num prato com um papel escrito meu nome, peguei junto com uma garrafa de cocacola e fui pra varanda que estava com algumas luzes acessas mas na penumbra, ouvi um gemido coloquei o prato e a coca no chão e fui escondido ver quem era, quando cheguei na janela do quarto do seu Luiz que estava entre aberta era dona Cristina cavalgando no pau dele, ele estava deitado no chão de barriga pra cima de costas para a janela com as mãos naqueles peitos maravilhosos e dona Cristina em cima dele rebolando feito uma puta, ela estava de frente pra janela e gemia baixinho ai ai.. me come gostoso!! Hummm... vai Luiz fode sua mulherzinha... vai me fode gostoso...ela tinha um gemido tão gostoso que parecia uma menininha chorando baixinho, quando vi e ouvi aquilo meu pau parecia que ia explodir, então de frente pra janela comecei uma bela punheta, acho que estava ainda doidão ainda porque fiquei de frente pra ela sem me preocupar se ela me veria ou não! Então ela olhou pra janela e me olhando começou a gemer mais alto, era maravilhoso ver ela fudendo com seu Luiz ela começou a aumentar os movimentos - uuiiiii.. uiiiiii.. me fode gostoso meu macho, huuuuum me fode me faz sua putinha aiiiiiii... come! Come! Come! Come Sua vadia caralho! Que pica gostosa você tem hummmm

Isso ela falava pra ele olhando nos meus olhos, então ouvi seu Luiz falando pra ela gemendo e com voz tremula – caralho mulher que ouve com você! Tu ta muito tesuda hoje nossa essa buceta ta muito gulosa, mas geme baixo vai acordar Vanessa, ( que dormia na cama do casal ) ela – foda se eu quero que você me coma feito uma cachorra me fode gostoso meu homem meu macho! Hummmm, aaiiiii.... nossa! Que pica gostosa! Então seu Luiz começou a aumentar seus movimentos e anunciou que ia gozar ela jogou seu corpo pra frente e gozou junto com ele e eu também! Gozei feito um louco ( só que na parede RSS....) Fiquei ali parado olhando aqueles corpos suados e extasiados, ficaram por alguns segundos quando seu Luiz se movimentou e dona Cristina caiu pro lado cansada daquele gozo, eu me abaixei mas permaneci ali embaixo da janela quando ouvi seu Luiz falar: – caralho mulher, o que ouve que você esta tão tesuda assim! Nunca te vi assim! Ela: - sei lá Luiz é que a muito tempo a gente não fica assim acho que foi a maconha com a bebida, sei lá! Sei que estava muito bom! Ele: - pensei de você acordar a casa toda! Mas acho que você ta assim porque o Paulo ta dormindo aqui do lado. Ela: - tu ta maluco ele tem a idade do nosso filho, você é doido.

Eu me levantei e fui pra rede dormir um pouco, mais tarde acordei com uma sensação boa de uma mão passando na minha pica quando abro os olhos era o Flavio me bolinando eu levantei meio que assustado o peguei pelas mãos e puxei ele pra piscina, lembro que o dia já estava clareando, ele meio sem jeito sendo puxado por mim, empurrei ele na parede de costas pra mim, ele estava com um short pijama bem larguinho, ele assustado falou – porra Paulo minha família vai acordar! Eu – foda se você ficou o dia todo com aquela vadia e não me deu bola eu to aqui cheio de tesão, puxei o pijama dele pra baixo dei uma cuspida na minha rola encaixei no cu dele e sem dó enfie todinho, ele tentou sair mas segurei os dois braços dele como se fossem uma alavanca e não deixei ele fugir, falei pra ele relaxa e enfiei minha rola inteirinha dentro daquele cu, ele gemia feito uma cachorra e falava que já estava com saudades do meu pau, eu cravava cada vez mais forte e mais rápido, ele empinava aquela bunda e dizia baixinho – me come meu macho aiiiiiii.... como você é gostoso...

Me faz tua putinha faz... enquanto eu metia naquele rabo apertado eu falava pra ele convencer a Débora de trepar comigo, falei pra ele começar a falar pra ela que tem vontade de ver ela fudendo com outro e que eu seria um cara legal pra isso, por sentir confiança em mim, que eu tenho um pau grosso e gostoso, que sua bucetinha seria alargada depois que ela desse pra mim, que ela não iria se arrepender disso! Nisso ele foi ficando cada vez mais tesudo e eu também e acabei gozando dentro daquele rabo gostoso, depois de algum tempo com a rola amolecendo dentro daquele rabo e saindo, ele levantou o pijama se ajeitou e falou que ia agora mesmo dar uma fodida na Débora porque não tinha gozado e estava com muito tesão e que ia fazer exatamente o que eu havia pedido ia fuder ela feito uma putinha e falar o quanto eu sou gostoso, eu sorri e falei que ele não teria coragem de fazer isso! Ele então disse –vou entrar e fechar porta, da um tempinho e vai atrás e tenta ouvir o que eu vou falar, eu disse –vou ficar embaixo da janela e quero só ver! Dei um tapa na bunda dele e fiquei esperando um pouco, dando um tempo pra ele, fui andando devagarzinho e me posicionei embaixo da janela do quarto deles que estava entre aberta e ali fiquei ouvindo!

Ela : - para Flavio eu to com sono!

Ele: - vai Débora eu to cheio de tesão em você vamos brincar um pouquinho vai...

Ela – ta bem mas só um pouco!

Ele – deixa eu chupar essa xota gostosa! Huuummmm você não quer, mas ela ta molhadinha RSS...

Ela – você vem com essa pica dura dessa maneira e acha que eu vou ficar como, nossa!! Ela ta muito dura!, (eles estavam na posição de 69) hummmmmmm... Flavio! que gostoso está esse pau! Parece ate que está maior. Ele parou de chupar a buceta dela se sentou e ficou masturbando ela enquanto ela brincava com o pau dele! Então ele falou pra ela. – é que eu sonhei que você estava fudendo com outro na minha frente! Rsss

Ela –você é louco né! Isso te deu tesão¿

Ele – a principio não! Mas fiquei pensando nisso e foi me dando um tesão imenso, de ver você rebolando em outra pica, hummmm tava muito gostoso ver você bem putinha pra mim e pro outro! Rsssss.....

Ela se levantou calmamente se ajeitou e sentou suavemente no cacete do Flavio e deu um gemidinho bem gostoso. huuuuuuummmmm assiiiim!!! Gostosooooooooo......hummmmm nossaaaaaa! Acho que o Flavio percebeu que ela estava muito excitada com aquilo que ele estava falando e continuou! - enquanto ele te comia você olhava pra mim!

Ela – Flavio você ta louco! Imagina eu rebolando minha bucetinha que é só tua em outra pica, imagina essa bucetinha toda molhadinha cobrindo a pica de outro homem, acho que você ta louuuco! Nossaaaa! Como seu pau ta duro! Nunca senti ele assim.... acho que você fumou a maconha do seu pai. Rssssss

Ele – vai... diz que você esta gostando de fuder com outro homem, melhor outro macho porque seu homem sempre serei eu! Diz que você quer uma outra pica nessa buceta enquanto eu fico te olhando dar pra ele.

Ela – caralho! Se eu falar você vai querer acabar com o noivado! Eu quero você, você é meu homem meu macho, eu não quero perder você eu te amo muito! Aiiiiiii...... isso ta muito bom Flaviooooo...

Ele – hummmmm! Débora eu te amo muito! Tenho total confiança em você, por isso que estou te falando do meu sonho, que agora é minha fantasia, jamais te largaria por isso, afinal sou eu que quero ser corno, sou eu que quero viver o resto da minha vida com você, pois sei que você vai realizar todos os meus sonhos, eu te amo!

Ela – você tem certeza disso!

Ele – simmmmmmmm!!!!! Caralho... que buceta gostosaaaaa!!!! Ela tem que ser dividida com alguém, porque ela é muito gostosa!

Ela – aiiiiii... sim eu quero um outro pau na minha bucetinha! Quero que ele me coma gostoso, que me transforme numa putinha só pra você! Quero que você veja o quanto eu gosto de um pau duro como o seu! Hummmmmmmmmmm... gostosooo...

Ele – vaaaiiii... me chama de Paulo... vaiii diz meu nome! que eu vou encher essa buceta de leite

Ela – aiiiii... Paulo me faz sua putinha aiiiiii... uiiiiii.... nossa Paulo que gostoso você é! fode a mulher do seu amigo! Hummmmm... fode ... fode.... caralho!!! Paulo vou gozar no seu pauuuu..

Hummmmm gostoso.. e gozarm como loucos ... eu do lado de fora do quarto na varanda já estava desesperado, mas estava muito cansado para bater outra punheta, então voltei pra rede para dormir pois o dia já estava claro, nem sei como eles ficaram depois que gozaram, mas sei que ele tinha dado o chute inicial então dai pra frente somente o tempo iria confirmar se eu ia comer a Débora ea dona Cristina ou não! Na época eu não me preocupava com isso pois tudo foi fluindo tão naturalmente que nem pensava nisso. Mas ainda não acabou depois aconteceram outras coisas que contarei depois.

Desculpem se o conto ficou longo, mas não da pra contar nossas lembranças sem expressar os detalhes.

Comentários

18/01/2018 01:03:36
Gosteeeeeei!!! Continue
17/01/2018 19:54:53
Gostei pq ele pode pegar um um homem e mulher de boa, sem frescura
17/01/2018 19:38:57
muito bom

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


sobrinha abre a perna para o tiochuparcontos eróticos família vavela minha mãe comigo no banheirovideos pornos de genros depilando sogra e n resiste fode elachorou na dupla penetracao com amantes mega cacetudospono coxada mulher tera cacinha dela metro so saia 2017muleke come buceta na cachoeira sem camisinha na mataDominamdo uma evamgelica casada parte 2 contos eroticossvideos porno gay de jander pauzaoconto sexo anal piracaiaO dinha que comi o cu da minhA mae bebAda contos,contos eroticos mulher dopada e fudidacontos eroticos novinha fui bem fodida que até choreicrenye de verdade é aquele crente sabiomeu bundao esta seduzindo meu filho filmeporno coeixvideos incesto tia provoca garoto de. roupa transparente simplesmente nua por baixocontos eroticos traindo na enchentecontos eroticos Robertafasse%20x%20pornoela deixando alisar o grelocontos eróticos os melhores eu e minha esposa recebemos uma visita de um casal de idadeincesto mae vovozinha com filhoquando ajudei minha mae a manter a forma 2 conto eroticosexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaovelhas dos peitoes muchos e grelo grando transandocontos eroticos bucetinha apertadafotos de irmanzinhas mais novas provocando seus irmaos e levando pica durcasa dos contos eroticos o padrasto so quis as pregascontos erotico coroacasado comendo onovinhoO filme corno manso de verdade existir pornocarne conto heterovideo de porou dirano vigidade da namorada vedtidoconto adoro ser cadelinhaporno brasilero ela queria fujir de tanta fodanao cnseguiogostosas minisaia enos debaixodelasconto erotico briocoContos eróticos esposa e Sogracoletanea dechupada no pau ate goza aboca cheia de porraporno contos alberto comeu minha mulherporno ladrão forçando dona de casa a fazer anal forçadoCONTO EROTICO FILHO CARALHUDO ARROMBA MAE TODA NÕITEirmão bem dotado tirando o c***** da sua Irmã Dulcecontos eróticos comi o cu do filho da mendigalidabucetavadia casada dano d quatro q bagunca todo cabelo safada xvideoscontos erotico sobrinho pausudo so de sungavideos de velhos picudo fudendo bonzinho gays amadoresfoda incesta mae dormindo bem profundo tipo estupro putaria brasileira cenas fortes de estrupo mae sexocontos eroticos opostos que se atraemvídeo da mulher da bundona sentando na pica do menino loboconto erotico meu padrasto sustentando minha buceta com leitinho desde novinhavideos de coroas loiras da bunda grande vendo genro de pau duroXvideos grandes pauzudos enrrolaados na toalhas pernas abertasporno.incesto.filha se asusta.com o.tamanha do pau do.negraowww.x10 porno incesto mãe e filha obrigando ao filho para transar com elascontos de incesto maê pega filho roçar o pênis no grelo da maebati punheta num desconhecido no onibus contossossegado sexo mulher cornomulher tomam do tiro nabuseta de revolverporno.doido so.mulhers ricas gostozonas dando na.borrachariavarias mulheres nuas no meio da grama mexendo na buçetabrincando escanchada contos pornocontos eróticos mulher endividadaporno.incesto.filha se asusta.com o.tamanha do pau do.negraonovinha de sai deincha ver a bucetavideo porno a navinha criando corage a enfiar o pau do cavalo em sua bucetaporno no cinema cine operaCalcinha cheirosa da filhinhaExcitantes Contos Eroticos Contados Por Noivas pelos Seus Paes Padrinho Padre E Tiostrai o meu maridoconto erotico boquete bokete mamadaela me contou que tinha sentado na rola grossa